Marília de  Dirceu

Marília de Dirceu Tomás Antônio Gonzaga


Compartilhe


Marília de Dirceu (Saraiva de Bolso)





Em Marília de Dirceu, Tomás Antônio Gonzaga escreve textos belíssimos e ao mesmo tempo dotados de uma técnica impressionante. Essa harmonia traz à tona a grande espontaneidade de Gonzaga. Um homem apaixonado por uma mulher bem mais jovem, tendo o tempo como aspecto ameaçador, torna essa a obra-prima do autor. O cenário escolhido por Gonzaga é a Inconfidência Mineira, o que imprime ainda mais valor à obra. Aqui, temos o universo lírico e sentimental do Arcadismo em uma de suas melhores expressões.

Literatura Brasileira / Poemas, poesias

Edições (32)

ver mais
Marília de Dirceu
Marília de Dirceu
Marília de Dirceu
Marília de  Dirceu

Similares

(14) ver mais
Um Poema Para Bárbara
Poemas Escolhidos de Gregório de Matos
Apologia de Sócrates
O Príncipe

Resenhas para Marília de Dirceu (22)

ver mais
Meia-boca.

Com suas liras, propostas árcades e bucolismos, Tomaz Antônio Gonzaga cria um clássico da literatura brasileira. Indubitavelmente. O fato é que achei uma proposta tão ilusória, chata e fantasmagórica, que não me tocou. Fora que, Gonzaga não foi, nem de longe, um Dirceu à procura de sua Marília. ... leia mais

Estatísticas

Desejam81
Trocam119
Avaliações 3.1 / 1.541
5
ranking 14
14%
4
ranking 18
18%
3
ranking 36
36%
2
ranking 21
21%
1
ranking 10
10%

24%

76%

Gab
cadastrou em:
04/11/2015 15:17:19