Memórias de um caçador

Memórias de um caçador Ivan Turguêniev


Compartilhe


Memórias de um caçador (Coleção Leste)





Nascido e criado no meio aristocrático rural, Ivan Turguêniev (1818-1883) passou a maior parte de sua vida no exterior, onde travou contato com alguns dos grandes nomes da literatura e da cultura europeia. Mas esse distanciamento não o impediu de criar um dos mais tocantes e profundos retratos da antiga Rússia, as Memórias de um caçador.

Nestas páginas, povoadas por camponeses iletrados e proprietários de dureza implacável, a exuberância da natureza é sempre contraposta à injustiça da servidão, denunciada de maneira sutil, porém contundente. Não à toa, quando publicados pela primeira vez num só volume em 1852, os 25 contos aqui reunidos renderam a seu autor fama imediata nos círculos liberais e, por conseguinte, a fúria do regime tsarista, que o condenou a prisão domiciliar. No entanto, com o passar dos anos, o livro acabaria por se tornar uma peça fundamental no processo de emancipação dos servos.

No Ocidente, a reputação de Turguêniev também cresceu, graças, sobretudo, a seus romances - entre eles Rúdin (1856) e Pais e filhos (1862). Na Rússia, seu legado como contista é igualmente importante: a delicadeza de suas narrativas curtas ressoa em algumas das melhores páginas de Búnin, Kuprin ou Tchekhov. Até mesmo Tolstói, em seu diário de juventude, confessa: "li as Memórias de um caçador de Turguêniev, e como é difícil escrever depois dele".

Contos / Ficção / Literatura Estrangeira

Edições (2)

ver mais
Memórias de um caçador
Memorias de um caçador

Similares

(26) ver mais
O cão fantasma
Primeiro Amor
Primeiro amor
A dama de espadas

Resenhas para Memórias de um caçador (15)

ver mais
Memórias de um caçador, Ivan Turguêniev – Nota 8,5/10

Turguêniev é autor de um dos meus livros favoritos: Pais e filhos (a edição está esgotada aqui no Brasil, torcendo para alguma nova editora republicá-lo). O autor é conhecido por ter produzido uma obra mais acessível, voltada para o leitor ocidental. Quando alguém me pergunta por qual livro da literatura russa começar, recomendo alguma de suas obras. Como esperado, “Memórias de um caçador” foi uma grande leitura. Os 25 contos têm em comum o cenário do campo russo da década de XIX. A... leia mais

Estatísticas

Desejam176
Trocam2
Avaliações 4.5 / 153
5
ranking 62
62%
4
ranking 32
32%
3
ranking 6
6%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

47%

53%

Allysson Falcon
cadastrou em:
15/11/2013 14:57:16
Blendon Moreira
editou em:
28/08/2023 18:44:33

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a Política de Privacidade. ACEITAR