O Futuro de uma Ilusão

O Futuro de uma Ilusão Sigmund Freud


Compartilhe


O Futuro de uma Ilusão





Qual o futuro da humanidade? Este é o ponto de partida de "O futuro de uma ilusão", ensaio escrito por Sigmund Freud (1856-1939) em 1927, em pleno e agitado período entreguerras. Se a cultura humana repousa precariamente sobre a repressão de impulsos antissociais naturais a todos, a religião é a principal força a controlar estes impulsos, o que nos leva à outra pergunta: qual a origem psicológica da necessidade do sentimento religioso no indivíduo? O que, em cada pessoa, a torna propensa a crer num sistema irracional, indemonstrá­vel e de recusa à realidade? Freud demonstra que a religião ("a neurose obsessiva universal da humanidade") depende de sentimentos infantis não resolvidos e afirma ser ela, bem como seus dogmas, a culpada pela atrofia intelectual da maior parte dos seres humanos. Para Freud, a fim de o homem se organi­zar razoável e saudavelmente sobre a Terra, livre de ilusões, urge uma mudança radical nas formas de educação – que ele defende magistralmente neste texto breve mas impactante, tan­to hoje quanto na época de sua publicação.



Tradução direta do alemão de Renato Zwick. Revisão técnica e prefácio de Renata Udler Cromberg. Ensaio biobibliográfico de Paulo Endo e Edson Sousa.



Coleção L&PM E-books.

Edições (4)

ver mais
O Futuro de uma Ilusão
O Futuro de uma Ilusão
O Futuro de uma Ilusão
O Futuro de uma Ilusão , Sexualidade Feminina

Similares

(13) ver mais
A Interpretação dos Sonhos
O Mal-Estar na Civilização, Novas Conferências Introdutórias e Outros Textos
A ordem do discurso
A interpretação dos sonhos

Resenhas para O Futuro de uma Ilusão (15)

ver mais
on 4/7/20


Freud e seus assuntos polêmicos... leia mais

Estatísticas

Desejam103
Trocam5
Avaliações 4.2 / 510
5
ranking 45
45%
4
ranking 36
36%
3
ranking 16
16%
2
ranking 2
2%
1
ranking 1
1%

51%

49%

EvertonAC
cadastrou em:
10/06/2012 20:09:43
Tainara
editou em:
10/05/2015 22:49:35