O menino que sobreviveu

O menino que sobreviveu Rhiannon Navin


Compartilhe


O menino que sobreviveu





Você seria capaz de perdoar uma pessoa que matou alguém que você ama? Ou que, de alguma maneira, se envolveu nesse ato de violência? Essa é uma das difíceis perguntas que ecoam das páginas deste livro, e Zach, seu personagem principal, vai nos ajudar a respondê-las.

Mas Zach não é padre, pastor ou guru, rabino, babalorixá, pajé ou mulá, filósofo, sociólogo ou teólogo, como você pode imaginar que seja, afinal ter a capacidade de responder a uma pergunta tão difícil quanto essa deve exigir anos de estudo, de prática espiritual e de reflexão sobre as grandes questões humanas, certo? Nem sempre.

Zach tem apenas seis anos. Mora com o pai, a mãe e o irmão mais velho, Andy, de dez. Está no primeiro ano da escola Fundamental McKinley e adora carros e caminhões em geral, livros de poucas páginas, cobras e as aulas de artes. Quando uma tragédia acontece, ele ainda é muito novo para entender toda a dimensão e as consequências do que ocorreu, e a única coisa que deseja é ficar perto das pessoas e mantê-las perto dele e também umas das outras. Mas não é assim que todos estão reagindo: o pai de Zach se omite e corre de volta para o trabalho; a mãe quer justiça a qualquer custo, mesmo que ela se torne quase vingança.

Com medo, sozinho e confuso, Zach tenta o impossível: reconstruir a vida como ela era antes. Aos poucos, usando os elementos do seu universo infantil - um esconderijo secreto, a lanterna de Buzz Lightyear, sua caixa de tinta aquarela, os desenhos a que assiste na tevê, sua coleção de livros favoritos, as brincadeiras que gostava de fazer com seu irmão e outras crianças da vizinhança -, ele nos conduz até o mundo dos adultos à sua volta e nos faz perceber o grande erro que cometemos quando dividimos o mundo entre "nós" e "eles.

Emocionante e sensível, de uma inocência perspicaz que às vezes nos faz sorrir mesmo diante de uma história de dor, este livro é também de uma sabedoria genuína e inesperada que só podemos alcançar quando decidimos enxergar para além de nós mesmos.

O menino que sobreviveu é um romance de uma atualidade assustadora e trata de um tema que, infelizmente, aparece com bastante frequência nas páginas dos jornais do mundo inteiro. Mas, pelas mãos de Zach, quase como se entrássemos na casa da árvore que existe nos livros que ele gosta de ler, viajamos da mais dura realidade para o mundo mágico, e possível, onde cada ser humano é capaz de se colocar no lugar do outro.

Ficção / Literatura Estrangeira

Edições (1)

ver mais
O menino que sobreviveu

Similares

(13) ver mais
Filho Único
Passarinha
O menino do pijama listrado
O menino na ponte

Resenhas para O menino que sobreviveu (133)

ver mais
O menino que sobreviveu, de Rhiannon Navin

“O menino que sobreviveu”, escrito por Rhiannon Navin, publicado pela Editora Leya, é um livro que trata de uma das qualidades mais belas da humanidade, através do improvável: o poder da empatia no momento mais doloroso de nossas vidas, o luto. Narrado em primeira pessoa na voz de Zach, um garoto de 6 anos que após sofrer um atentado na escola onde estuda, juntamente com seu irmão mais velho, Andy, de 10 anos, ele ouve — mal vê — por conta das frestas do armário que sua professora o... leia mais

Estatísticas

Desejam109
Trocam5
Avaliações 4.4 / 665
5
ranking 64
64%
4
ranking 26
26%
3
ranking 8
8%
2
ranking 1
1%
1
ranking 0
0%

12%

88%

Emerson Santtos
cadastrou em:
10/05/2019 01:27:23
Dali
editou em:
11/02/2023 18:58:48

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a Política de Privacidade. ACEITAR