Platão e a imortalidade:

Platão e a imortalidade: Rubens Garcia Nunes Sobrinho


Compartilhe


Platão e a imortalidade:


mito e argumentação no FÉDON




O iluminismo identificou o mýthos a uma forma primitiva de pensar o mundo, compatível com as esferas da religião, da fantasia, da criação poética, oposta ao lógos ou argumentação racional, base da filosofia e da ciência modernas. Este livro propõe uma questão fundamental: é justificável, no contexto dessa tradição filosófica, uma dicotomia radical, sem intermediações, entre o pensamento mítico e o pensamento racional? A discussão dessa questão tem como base o trabalho de exegese de um dos textos fundamentais do filósofo grego, o Fédon, parte integrante dos seus Diálogos. Em sua análise, Rubens Garcia Nunes Sobrinho evidencia para os leitores as relações, intelectualmente enriquecedoras, entre os pressupostos, as noções e as imagens mobilizadas pelo pensamento mítico e os argumentos tecidos por Platão em favor da idéia de imortalidade da alma.

Edições (1)

ver mais
Platão e a imortalidade:

Similares

(1) ver mais
O Processo de Sócrates

Estatísticas

Desejam1
Trocam
Informações não disponíveis
Avaliações 3.5 / 3
5
ranking 67
67%
4
ranking 0
0%
3
ranking 0
0%
2
ranking 0
0%
1
ranking 33
33%

83%

17%

Prof. Marcelo
cadastrou em:
22/03/2012 01:08:49

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a Política de Privacidade. ACEITAR