20 Regras de Ouro para Educar Filhos e Alunos

20 Regras de Ouro para Educar Filhos e Alunos Augusto Cury


Compartilhe


20 Regras de Ouro para Educar Filhos e Alunos


Como Formar Mentes Brilhantes na Era da Ansiedade




Como não errar na hora de educar

Um dos mais respeitados psiquiatras brasileiros e autor de inúmeros best-sellers, Augusto Cury vem se dedicando ao estudo da educação há anos. Já publicou livros e artigos a respeito mas, desta vez, ele escreve um livro que servirá de guia para pais e professores. Como ele mesmo diz: “Não mudamos ninguém, mas podemos usar ferramentas de ouro para que eles mesmo se reciclem, reescrevam sua história e dirijam seu próprio script”. Conheça abaixo algumas das 20 regras de
ouro de gestão da emoção que Cury explica neste livro:

• Compreender o eu maduro e o imaturo
• Colocar limites inteligentes
• Pacificar a mente dos filhos e alunos
• Não elevar o tom de voz
• Jamais criticar excessivamente
• Conhecer a nova geração
• Prevenir a intoxicação digital
• Ter alergia a ser entediante e chato
• Dialogar com inteligência
• Não piorar o outro

Sobre o Autor
Augusto Cury é psiquiatra, psicoterapeuta, cientista e escritor. Sua obra, composta de 50 livros, entre ficção e não ficção, está publicada em 70 países e vendeu mais de 30 milhões de exemplares somente no Brasil. Autor da Teoria da Inteligência Multifocal, que estuda as habilidades socioemocionais, a formação do Eu, os papéis da memória e a construção dos pensamentos. É um dos poucos pensadores vivos cuja teoria é objeto de estudo em cursos de pós-graduação mundo afora.

Autoajuda / Educação / Literatura Brasileira / Psicologia

Edições (1)

ver mais
20 Regras de Ouro para Educar Filhos e Alunos

Similares

(1) ver mais
COMO EVITAR E TRATAR DISTÚRBIOS DO CORAÇÃO E DA CIRCULAÇÃO

Resenhas para 20 Regras de Ouro para Educar Filhos e Alunos (2)

ver mais
on 7/1/19


O autor consegue através de 20 regras educativas demonstrar a importância de se conhecer a natureza e o processo de formação dos pensamentos (conscientes e inconscientes), para se alcançar a educação (emocional) de filhos e alunos. É impressionante a demonstração que é feita do quanto podemos interferir de maneira positiva na reciclagem e formação de pensamentos de um indivíduo, lembrando que não somos capazes de mudar ninguém, somente de despertar a vontade de mudança. Além disso, o a... leia mais

Estatísticas

Desejam29
Trocam2
Avaliações 4.0 / 79
5
ranking 38
38%
4
ranking 39
39%
3
ranking 16
16%
2
ranking 4
4%
1
ranking 3
3%

24%

76%

Srta. Oliver
cadastrou em:
23/04/2017 12:01:23
Lih
editou em:
25/12/2017 20:15:50