A maldição

A maldição Stephen King


Compartilhe


A maldição


Publicado anteriormente como A Maldição do Cigano.




Numa narrativa vertiginosa, em que cada segundo perdido afasta mais de Bill a possibilidade de sobreviver, A Maldição combina suspense e terror com a habilidade inconfundível de Stephen King.
Advogado bem-sucedido, feliz ao lado da esposa Heidi e da filha adolescente, Bill Halleck desfrutava os prazeres de uma vida sem grandes preocupações. Até o dia em que uma velha cigana se pôs em seu caminho. Ele não conseguiu pisar no freio a tempo. Não conseguiu deter o carro nem as artimanhas do destino e, ao mesmo tempo em que as rodas esmagavam a senhora, sua vida começava a ser destruída.
Não, não foi a implacável justiça americana que pôs fim a seus dias felizes. Na verdade, o júri foi muito compreensivo com o bom amigo, e ele não precisou pagar com sua liberdade pela vida da cigana. Mas, na saída do tribunal, assustou-se com o rosto carcomido de um velho, seus olhos profundos, e ouviu de seus lábios gretados uma única frase: mais magro.
A partir deste dia, mergulha num pesadelo. Seus 111 quilos começam a diminuir vertiginosamente. De acordo com os médicos, não há nada em seu organismo que possa justificar a súbita perda. Bill Halleck está desaparecendo e, se não conseguir deter o processo, em pouco tempo não será mais do que um feixe de ossos.
Começa assim uma busca implacável em que Halleck reúne o pouco que lhe resta de forças e sai à caça de Taduz Lemke. Ele sabe que somente o velho será capaz de mudar seu destino - encontrá-lo é questão de vida ou morte.
Abandonado pela esposa e amigos que duvidam de sua sanidade, conta apenas com suas poucas forças e com a ajuda de Richard Ginelle, um gângster perigoso, mas amigo fiel, que se dispõe a tudo para salvá-lo: 111, 98, 71 - Bill tem pouco tempo. Os ponteiros da balança não o deixam se esquecer disso.

Edições (1)

ver mais
A maldição

Similares

(10) ver mais
Dança Macabra
Duma Key
Achados e Perdidos
Ao Cair da Noite

Resenhas para A maldição (2)

ver mais
Deixou a desejar
on 29/3/16


É um livro bem interessante, mas não me cativou muito. Conta a história de um homem que atropela uma cigana e começa a emagrecer drasticamente. Tenta buscar uma explicação para esse fato e acaba se envolvendo com os ciganos do grupo a que pertencia a mulher atropelada. O final é bem interessante, mas não é um livro que eu indicaria. Claro que às vezes o nosso momento de ler não é o adequado, mas a narrativa é boa, muita gente pode gostar.... leia mais

Estatísticas

Desejam109
Trocam1

Phelipe Guilherme Maciel
cadastrou em:
27/01/2013 20:25:53