Amor à Moda Antiga

Amor à Moda Antiga Fabrício Carpinejar


Compartilhe


Amor à Moda Antiga





Em seu aniversário de 43 anos, Fabrício Carpinejar ganhou de presente uma velha máquina de escrever Olivetti Lettera 82 verde-esmeralda. Desde esse dia, ele se dedica a escrever nela poemas de amor e a guardá-los como um inventário de seus sentimentos e emoções ao longo de sua carreira. Pela primeira vez, a Belas-Letras publica esses poemas exatamente como os originais foram enviados à editora, em maços de papel despachados pelos Correios, sem nenhum tipo de correção ortográfica, edição ou retoques, inclusive com as próprias anotações à mão feitas pelo próprio Carpinejar. Todos os textos de Amor à Moda Antiga (inclusive este) foram originalmente escritos em máquina de escrever. O resultado é um livro orgânico, singelo e apaixonadamente imperfeito, exatamente como o amor é.

Literatura Brasileira

Edições (1)

ver mais
Amor à Moda Antiga

Similares

(9) ver mais
Felicidade Incurável
Estranherismo
Para Onde Vai o Amor?
Felicidade Incurável

Resenhas para Amor à Moda Antiga (44)

ver mais
Carpinejar em poesia
on 18/5/22


Carpinejar em várias poesias, à moda antiga, escritas na máquina de escrever. Adoro as crônicas do Carpinejar e suas poesias se parecem muito com micro crônicas ou micro contos. Recomento.... leia mais

Estatísticas

Desejam74
Trocam2
Avaliações 4.0 / 435
5
ranking 39
39%
4
ranking 35
35%
3
ranking 20
20%
2
ranking 5
5%
1
ranking 1
1%

11%

89%

Srta. Oliver
cadastrou em:
06/05/2016 16:40:45
Srta. Oliver
editou em:
21/05/2016 16:18:40

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a Política de Privacidade. ACEITAR