As últimas testemunhas

As últimas testemunhas Svetlana Aleksiévitch


Compartilhe


As últimas testemunhas


Crianças na Segunda Guerra Mundial




A 22 de junho de 1941, a Alemanha nazi invade a União Soviética, quebrando o pacto de não-agressão celebrado entre as duas nações e dando início ao que ficaria conhecido do lado russo como a Grande Guerra Patriótica. No final do conflito, em 1945, tinham morrido cerca de três milhões de crianças e, só na Bielorrússia, vinte e sete mil viviam em orfanatos.

Os relatos destes órfãos foram recolhidos, passados mais de quarenta anos, por Svetlana Alexievich. O resultado é uma visão única da guerra, testemunhada pelas crianças e não por soldados, políticos ou historiadores — os narradores mais sinceros e, simultaneamente, mais injustiçados. Uma obra importante, composta por relatos impressionantes, profundamente comovedores e autênticos, em que o conflito e a tragédia se transformam em acontecimento pessoal, em fascinante e pungente memorial vivo de guerra.

História / Não-ficção

Edições (3)

ver mais
As últimas testemunhas
As últimas testemunhas
As últimas testemunhas

Similares

(23) ver mais
Revista TAG Curadoria - Julho de 2018
Éramos jovens na guerra
Histórias de um garoto na Segunda Guerra
Escondendo Edith

Resenhas para As últimas testemunhas (155)

ver mais
on 14/4/20


Um livro emocionante. Muitas histórias que nem ao mesmo parecem reais de tão distantes da minha realidade. Em especial a história "o bauzinho tinha o tamanho dele" me fez refletir e muito. Vale a leitura, apesar de achar o estilo de livro meio cansativo.... leia mais

Vídeos As últimas testemunhas (2)

ver mais
As últimas testemunhas - Resenha

As últimas testemunhas - Resenha


Estatísticas

Desejam312
Trocam9
Avaliações 4.4 / 1.400
5
ranking 63
63%
4
ranking 29
29%
3
ranking 7
7%
2
ranking 1
1%
1
ranking 1
1%

20%

80%

Pereira
cadastrou em:
29/06/2018 08:46:15
Liz
editou em:
03/01/2023 22:07:59

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a Política de Privacidade. ACEITAR