Em Busca do Príncipe (não) Encantado

Em Busca do Príncipe (não) Encantado Alice Raposo




Em Busca do Príncipe (não) Encantado


Meus Quinze Anos




Em busca do Príncipe (não) Encantado, é contado pela própria protagonista Maria Flor. No auge dos seus 25 anos vai passar férias no nordeste na casa de sua mãe Clara. A mãe manda a nossa Flor organizar “as tralhas” que ela deixou para trás. No meio dessa organização, ela encontra na antiga biblioteca os diários de quando era adolescente.
Nesse ar de nostalgia ela chega a seguinte conclusão: “Achei tão legal reviver tudo e resolvi voltar a escrever um diário contando um pouco de minha história a partir dos quinze anos.”
Maria Flor conta como foi os encontros e desencontros de uma adolescente apaixonada, que sonha em viver um conto de fadas. Nesse contexto, acontece o seu primeiro encontro com o garoto que para ela era um príncipe encantado!
Mas como nem tudo são flores, ela vive um dilema de não saber quem é seu pai. Na busca desta descoberta ela acaba lendo um diário de capa preta, no qual sua mãe guardava seus segredos mais sofridos. Assim, nossa protagonista descobre um acontecimento muito triste na vida da sua mãe.
No meio disso tudo ela tem seus amigos: Tiaguinho, Ângela e Aninha. Os quais ela chama de “quarteto inseparável”, os quais andam sempre juntos. Se você se encontrasse com um, era certeza que os outros três também estariam por perto, como ela mesma diz.
Em busca do Príncipe (não) Encantado é um romance que começa numa segunda e termina na segunda seguinte. Dentro dessa pequena semana de muitas descobertas e acontecimentos na vida da nossa Maria Flor, há o seu baile de quinze anos no sábado.
Em busca do Príncipe (não) Encantado nos deixa a certeza que a vida é um eterno aprendizado!

Drama

Edições (1)

ver mais
Em Busca do Príncipe (não) Encantado

Similares


Resenhas para Em Busca do Príncipe (não) Encantado (6)

ver mais
Um convite para recordar quem éramos aos quinze...
on 20/2/17


Se você já foi uma adolescente prestes à completar quinze anos, provavelmente já acalentou viver um conto de fadas, onde os sonhos se realizam e a bruxa má é derrotada. Em busca do príncipe (não) encantado é quase uma adaptação de uma estória que poderia ser um desses contos, se afinal a vida não fosse uma força tão dinâmica que dita o destino, já que esta não tem como sobrenome perfeição. Maria Flor tem vinte e cinco anos atualmente, mora no Rio de Janeiro, mas costuma visitar sua mãe... leia mais

Estatísticas

Desejam5
Trocam
Informações não disponíveis
Avaliações 4.3 / 12
5
ranking 58
58%
4
ranking 25
25%
3
ranking 17
17%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

4%

96%

Alice Raposo
cadastrou em:
04/12/2016 12:24:58
Alice Raposo
editou em:
16/12/2016 21:40:26