Harry Potter e a Pedra Filosofal

Harry Potter e a Pedra Filosofal J.K. Rowling


Compartilhe


Resenhas - Harry Potter e a Pedra Filosofal


1674 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Andréa Araújo 17/02/2019

Maravilhoso
Esse livro me da um misto de sensações!
Uma hora eu tô feliz, depois fico muito indignada. Sinto vontade de chorar e me da muita raiva. E isso é tão maravilhoso em um livro que não sei nem explicar.

Primeiro quero só deixar claro o quanto acho a Rowling incrível por criar um mundo com tantos detalhes e coisas novas que vão aparecendo que te deixam completamente presa a leitura. Acho que agora, com uma maturidade literária maior(ou não haha), relendo a saga Harry Potter, eu fico mais impressionada ainda com tanta criatividade.

Mas a questão é que, acontece coisa demais nesse livro. Também pudera, essa edição tem 703 páginas, com tanta informação e respostas que você fica sempre querendo ler mais. E eu amo o fato que, além de mudar o professor de Defesa Contra A Arte das Trevas, mudou também de diretor, e por mais que eu tenha muita raivinha da Prof/Diretora/Inquisidora Umbridge, me diverti muito com o tempo dela em Hogwarts.

E pelo amor de Deus, alguém entrega um troféu aos gêmeos Weasley! Fred e Jorge mereciam ganhar um prêmio nesse livro de tão maravilhosos que são. E falando ainda dessa família maravilhosa, Gina meu bebê merece o mundo mesmo. Junto com Hermione, porque sim.

E esse livro ainda tem a estréia de Luna!!! E Snape dando aulas particulares a Harry.

Mas como nem tudo são flores, algumas cenas são tão doloridas que quase me fizeram pular. Certas coisas nunca mudarão.

Eu achei que em algum momento eu iria enjoar da releitura, mas até agora isso não aconteceu.
LauraaMachado 17/02/2019minha estante
Esse livro é doloroso mesmo. Quero muito reler! Saudades


Andréa Araújo 18/02/2019minha estante
Releia! Achei impossível ignorar como ele fala sobre minorias, aliás, a saga toda.




Ranor 15/02/2019

Começo perfeito
A magia do primeiro livro de harry potter é muito boa, apesar de ser o menos favorito, eu amo pois me lembra infância
comentários(0)comente



Isabely 13/02/2019

Que universo maravilhoso
Sem dúvida eu entendo porque essa saga faz tanto sucesso, a autora cria um universo e personagens tão incríveis que vc não consegue parar de ler,mesmo que as cenas em si não tenham nada de muito extraordinário.



O livro conta a história de harry potter,cujo os pais foram atacados e mortos por Voldemort(vilao da história), só que harry que só tinha um ano na época,consegue não só sobreviver ao bruxo das trevas como fazer com que ele de alguma forma perca seus poderes e suma. O garoto então sem pais é mandado pra casa dos seus tios trouxas(pessoas normais,sem magia) para que ele cresça lá até que tenha idade suficiente para entrar nesse mundo mágico que até então ele desconhece.




Eu odeio os tios do harry,desde dos primeiros parágrafos dá para perceber que eles são horríveis,tratam o harry super mal(um criança que perdeu os pais),não tem afeto nenhum pelo sobrinho é nitidamente não queriam ele ali. O filho deles entao nem se fala,uma criança super mimada que teve uma criação horrível (se é que teve uma).



Harry só vem saber o que efeto é amizade quando entra em hogwarts(e que escola). Como já havia dito achei o universo dos bruxos maravilhoso, o modo como a J.K Rowling narra cada coisa diferente do mundo bruxo fazendo comparação com o nosso é incrível. A escola também não fica atrás,da ate vontade de estudar(lá é claro). E claro os personagens também são muito bons. Amei a hermione,ela é super inteligente,chega até ser bonito,e a amizade do trio é legal.




Por último,estou ansiosa pra ver os garotos voltarem para a escola e fazerem mais magias(achei que nesse livro eles fossem fazer mais,porém eu entendo que era o primeiro ano deles e eles ainda era novos e não tinha aprendido tanta coisa). E quero saber mais sobre o vilao,sobre como ele vai voltar e como vai ser quando ele é harry voltarem a se encontrar.
comentários(0)comente



Francisco Hugo 12/02/2019

A Lenda
Infelizmente, tenho lido muito pouco da literatura infanto juvenil nos últimos tempos. Para uma pessoa que havia se colocado na posição de ler os grandes clássicos, algo precisava ser feito em relação a isso, já que algo estava faltando na estante. Após algumas leituras mais antigas - e bem antigas mesmo - passei a procurar por algo mais recente. Não tinha como não ir parar em Hogwarts: Comprei o primeiro volume de "Harry Potter". Mesmo torcendo um pouco o nariz para o tema de bruxaria. acabei fisgado pela trama, pois afinal de contas, em certos gêneros, tudo visto pelos olhos das crianças, é mais convidativo.

A paixão foi instântanea. J. K. Rowling não criou apenas um clássico imediato ao escrever "Harry Potter & a Pedra Filosofal", a escritora a qual passava dias e dias em um café local de sua cidade escrevendo o livro, conseguiu traduzir todos os anseios da juventude no momento em que eles sonhavam com algo mais do que a rotina das obrigações domicilares e escolares. Até então, a literatura já estava recheada com aventuras em lugares fantásticos como a Cidade das Esmeraldas de "O Mágico de Oz" de L. Frank Baum, ou o País das Maravilhas de "Alice no País das Maravilhas" de Lewis Carrol, entre outras centenas de exemplos. Contudo, e sem querer tirar o charme desses respectivos clássicos que tanto povoaram e ainda povoam o imaginário coletivo de leitores ao redor do globo, as crianças das histórias eram sempre levadas a um mundo mágico onde demais personagens fariam com que as mesmas vivessem dias mágicos, os quais longe deles, nada daquilo seria possível. Na obra de Rowling, as crianças já eram mágicas por si só. Eram bruxos e bruxas e precisavam ir para uma misteriosa escola de magia em uma realidade paralela.

Após atravessar uma parede acompanhado do gigante Hagrid, o Guarda-Caça e Guardião das Chaves e Terras de Hogwarts o qual havia sido expulso - e tendo sua varinha automaticamente partida ao meio -, Harry deslumbra seu primeiro mundo mágico: O Beco Diagonal o qual aloja uma série de curiosidades sobrehumanas, como lojas de mágica. É lá que o enigmático bruxo, após diversas compras, incluindo seu futuro uniforme e uma coruja branca a qual ganha o nome de Edwiges , é escolhido por uma varinha de variação bastante incomum: Azevinho com pena de fênix de vinte e oito centrímetros, "boa e maleável". Após alguns dias, foi preciso pegar um trem numa estação escondida dentro da estação dos humanos normais - ou "trouxas", como aponta a obra. Harry fica perplexo ao ver diversas crianças como ele carregando corujas em gaiolas, correndo para dentro de uma parede entre a entrada de alguns trens, de olhos fechados, ele corre para o mesmo local, entrando em outra realidade paralela, dessa vez para ir direto para a escola Hogwarts.

A cada página acompanhamos o desenvolvimento de um tímido garoto acostumado com o bullying de seus tios e de um primo mimado no momento em que o mesmo descobre ser bruxo e ter uma possível participação no destino da humanidade, pois seu passado envolve a presença de um misterioso feiticeiro que planeja dominar as trevas. A história é deliciosa de se ler, pois Harry tem grande facilidade de entrar em perigos e confusões envolvendo os grandes segredos da escola, o que o torna em um herói em ascenção. É cômico observar como o garoto acaba descobrindo mais e mais de seu passado ao tentar corrigir o que está errado no alto escalão da escola.

Aprender a voar em vassouras, aprender porções mágicas, participar dos jogos de quadribol e enfrentar monstros e conspirações das trevas no mesmo instante em que aprende o valor da amizade desperta as mais variadas emoções no leitor. O livro possui um grande suspense e é incrível como as peças encaixam-se no final da trama.

Harry, Rony e Hermione aludem a toda e qualquer turma de crianças em busca de aventuras. Como dito anteriormente, a grande diferença, e acredito que seja talvez o maior charme de HP, é que as próprias crianças são mágicas e não precisam ir para uma espécie de Terra do Nunca - aonde só conseguiriam administrar grandes feitos enquanto estivessem nessas respectivas realidades; aonde seriam heroínas por alguns instantes, antes que o tempo levasse tudo embora. Ao final do livro, temos um grande plot twist que me despertou um sorriso bobo no rosto, pois não estava esperando por nada daquilo. E isto me faz apaixonar-me mais ainda por aquele universo. Quer algo melhor do que criança descobrindo tudo antes dos adultos?

Harry Potter & a Pedra Filosofal é leitura obrigatória e me culpo bastante por ter demorado tanto a iniciar a leitura da saga. A obra conquista qualquer idade por ser bastante inovador - fugindo do status piegas. Estou até agora tentando entender o motivo de uma possível rixa entre o universo de Tolkien e o de Rowling, pois ambos são maravilhosos...
comentários(0)comente



Ezeq 12/02/2019

Me arrependo de ter demorado tanto pra tomar a iniciativa de ler a saga. Simplesmente amei. Sinto como se tivesse acompanhado de perto o crescimento de cada aluno de Hogwarts! Há muito mais o que ser dito, mas eu teria que escrever um livro, então, vou encerrar por aqui.
comentários(0)comente



leonardo 11/02/2019

Sereno, tranquilo e agradável!
As vezes em que eu tentei ler esse livro desde 2015 foram demasiada frustrantes. Criei coragem o suficiente em uma tarde completamente tediosa e apanhei o livro para finalmente terminar o que eu havia começado há tempos. Não sei o motivo que me fez demorar tanto para ler uma obra tão breve como o primeiro livro da saga por completa; culpo a preguiça. Pessoalmente, saber os primeiros passos de Harry em Hogwarts foi tanto quanto impertinente no começo, mas consegui me envolver mais e mais ainda na trama. A busca por respostas do trio juvenil de bruxos foi o que me fez ficar submerso na história. A única coisa que me incomodou foi - mesmo sendo o primeiro livro - as breves descrições de cena, a falta de informação sobre o tempo ocorrido, as palavras e expressões continuamente repetidas e principalmente a forma como a J.K. escolhia as palavras. Não pretendo ser um sabichão, porém foram as coisas que meticulosamente chamaram minha atenção de uma forma nada agradável. Fora isso, adorei saber a história da Pedra Filosofal. Ironicamente, nunca havia me perguntando que diabos o título da obra significava, até absorver tudo do livro, claro. Em suma, a experiência da leitura foi divertida. Não é sempre que acontece (ao menos) comigo, porém me vi rindo em algumas cenas, surpreso em outras e senti até meus pelos arrepiarem nas falas encorajadoras de Dumbledore. Pretendo ler o segundo livro, se apenas a preguiça não cambalear no meu caminho.
comentários(0)comente



Jao 09/02/2019

Harry Potter e a Pedra Filosofal (o começo da famosa saga)
Realmente só tem uma coisa que eu posso dizer sobre Harry Potter e a Pedra Filosofal. LEIA, COMECE A LER HOJE MESMO.
comentários(0)comente



Ezeq 08/02/2019

A melhor coisa que aconteceu na história até agora foi o Sirius ter morrido. Ou isso ou a morte do Tiago.
(Escrevi e saí correndo)
comentários(0)comente



Fátima Lopes 07/02/2019

A criança que (ainda) habita em mim...
Apesar do enorme sucesso não tinha interesse em ler a saga do bruxinho, pois achei que seria infantil demais. Agora, sexagenária, li o primeiro da série em parte pq a obra está incluída no kindle unlimited, programa da Amazon que permite o acesso a muitos livros mediante um pagamento fixo mensal.
Obviamente a linguagem é própria para crianças, mas há leveza e graça na trama e já estou planejando ler o próximo volume.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Flavia @kendrixbks 06/02/2019

Harry Potter é um garoto cujos pais, feiticeiros, foram assassinados por um poderosíssimo bruxo quando ele ainda era um bebê. Ele foi levado, então, para a casa dos tios que nada tinham a ver com o sobrenatural. Pelo contrário. Até os 10 anos, Harry foi uma espécie de gata borralheira: maltratado pelos tios, herdava roupas velhas do primo gorducho, tinha óculos remendados e era tratado como um estorvo. No dia de seu aniversário de 11 anos, entretanto, ele parece deslizar por um buraco sem fundo, como o de Alice no país das maravilhas, que o conduz a um mundo mágico. Descobre sua verdadeira história e seu destino: ser um aprendiz de feiticeiro até o dia em que terá que enfrentar a pior força do mal, o homem que assassinou seus pais. O menino de olhos verde, magricela e desengonçado, tão habituado à rejeição, descobre, também, que é um herói no universo dos magos. Potter fica sabendo que é a única pessoa a ter sobrevivido a um ataque do tal bruxo do mal e essa é a causa da marca em forma de raio que ele carrega na testa. Ele não é um garoto qualquer, ele sequer é um feiticeiro qualquer; ele é Harry Potter, símbolo de poder, resistência e um líder natural entre os sobrenaturais. A fábula, recheada de fantasmas, paredes que falam, caldeirões, sapos, unicórnios, dragões e gigantes, não é, entretanto, apenas um passatempo.

J.K. Rowling
Editora: Rocco
ISBN: 9788532530783
Número de Páginas: 224
Encadernação: Brochura
Formato: 21 x 14 cm
Ano Edição: 2000

O que eu posso dizer sobre essa obra magnífica, principalmente para uma pessoa que sempre foi fascinada com essas coisas de magia e poderes. Livro excelente que começa a nos mostrar esse universo e como é a adaptação de um completo "leproso" na casa de seus tios para "criança super famosa" em Hogwarts. Mostrando o início da amizade entre o trio maravilha e a capacidade fácil que esses três possuem de se meter em problemas.
Logo de cara me apaixonei por esse universo, mesmo não tendo lido esse livro primeiro desse universo, pois o que ganhei foi o 3º, tive que correr para conseguir os outros e ler na sequencia. Sou muito Potterhead e amo tudo relacionado a esse mundo mágico criado pela deusa JK.
Quem não teve a oportunidade de ler, leia que não se arrependerá. 😍😍😍
comentários(0)comente



Andréa Araújo 06/02/2019

Não consigo me decidir!
Se tem uma coisa que me deixou muito admirada, foi como coube tanta história em 534 páginas! Acontece coisas o temoo inteiro, até mesmo quando você acha que não está passando nada de muito importante, que são informações desnecessárias, você descobre depois que não era bem assim.

Como faz aproximadamente 74 anos que li a saga Harry Potter e minha memória é realmente péssima, muitas coisas que acontece nesse libro me surpreendeu. E eu amei isso. Foi como ler pela primeira vez. E consequentemente, sofrer muito também.

Agora eu estou numa dúvida cruel sobre qual livro até agora é o meu preferido. Antes, sempre foi O Prisioneiro de Azkaban, que eu reli e amei mais ainda. Mas agora, finalizada a leitura (que aliás, demorei muito pra acabar) de O Cálice de Fogo, eu não consigo me dicidir!

Esse livro é tão bom!! Tem tanta coisa acontecendo e são tantas descobertas e pra coroar com uma cereja no topo, ainda tem o Torneio Tribruxo, eu amo jogos, não consigo controlar! Mas tem Copa Mundial de Quadribol, baile de inverno, tem Rony mordido de ciúmes da Hermione e sem querer assumir. Tem Sirius ??! Snape mais uma vez levatando suspeitas, mas sempre sem culpa e mais um professor de Defesa Contra A Arte das Trevas passando só um ano em Hogwarts.

Então, sendo assim, colocarei os dois no pódio do meu coração. Os livros 3 e 4 ganham o primeiro lugar.

E falando em primeiro lugar... me faz lembrar do acontecimento já do final, que causa uma dorzinha ( enorme) no coração, é impossível para mim não chorar.
comentários(0)comente



Monica 06/02/2019

Trechos/Frases de Harry Potter e a Pedra Filosofal
"- Você acha que é sensato confiar a Hagrid uma tarefa importante como esta?
- Eu confiaria a Hagrid minha vida - respondeu Dumbledore."

"Há coisas que não se pode fazer junto sem acabar gostando um do outro,e derrubar um trasgo montanhês de quase quatro metros de altura é uma dessas coisas."

"Não vale apena mergulhar nos sonhos e esquecer de viver."

"Afinal, para a mente bem estruturada, a morte é apenas a grande aventura seguinte."

"Sempre chame as coisas pelo nome que têm. O medo de um nome aumenta o medo da coisa em si."

"São as nossas escolhas, Harry, que revelam o que realmente somos, muito mais do que as nossas qualidades."

"A verdade é uma coisa bela e terrível, por isso deve ser tratada com grande cautela."

"As cicatrizes podem vir a ser úteis."

"Ele não entende que um amor forte como o de sua mãe por você deixa uma marca própria."

"Ficará com a cicatriz para sempre."

"Se existe uma coisa que Voldemort não consegue compreender é o amor."

"É preciso muita audácia para enfrentarmos os nossos inimigos, mas igual audácia para defender nossos amigos."

"É estranho como você pode ficar míope quando está instável."

"Sempre houve gente disposta a me deixar entrar entrar no seu coração e na sua mente."

"Não existe o bem e o mal,só existe o poder, e aqueles que são fracos demais para consegui-lo."
comentários(0)comente



estante.da.gabi 04/02/2019

Harry Potter ⚡️
⚡️ Como começar a falar desta saga? Como me expressar acerca da história que mudou minha vida e que me introduziu no universo da leitura e da fantasia? É difícil..muito difícil.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
⚡️Harry Potter: um simples menino de 11 anos que dorme embaixo da escada de uma casa na Rua dos Alfeneiros, nº 4. Mal sabe ele que não só é um bruxo, como derrotou o Lorde das Trevas e também mudou a vida de incontáveis jovens e adultos, inclusive a minha.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
⚡Uma das primeiras escritoras a ficar bilionária com seus livros, J.K. Rowling criou um universo completamente novo, ao mesmo tempo em que construiu um refúgio para os que estão cansados de viver neste mundo trouxa (não-bruxo). E aqui eu entrava sempre que me sentia triste, com raiva e deslocada e J.K. sempre me acolhia como parte integrante da história.

⚡️Foi aqui que aprendi que nem sempre o herói é perfeito, que ele pode errar, pode se frustrar, se enraivecer e vi que até mesmo o herói pode morrer!
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
⚡️Foi aqui que vi que tenho o temperamento de Harry, o amor pelos estudos de Hermione, a força da amizade de Rony e a lealdade, bondade, paciência de uma integrante da Lufa-Lufa

⚡️Foi aqui que aprendi que o poder da amizade reside no fato de que você não consegue alcançar nada na vida completamente sozinho. Sempre vai ter alguém do teu lado, não importa a aventura que você tem pela frente. Sempre haverá um Rony e uma Hermione para te guiar.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
⚡️Sempre quando estou tensa, eu me lembro das palavras de Dumbledore: “Hogwarts sempre estará lá para aqueles que a merecerem”. E neste momento eu sinto mais que tudo que eu tenho um lugarzinho lá e que sou capaz de muita coisa

⚡️E há quem olha pra mim e diz: “Gabriela, por que você persiste nesta história? Depois de todo esse tempo você continua lendo isso?”, e eu simplesmente digo: “Sempre”.

⚡️Não tem como ser imparcial por aqui...não neste post...não tem como me ater só à história desta saga. Não posso...e não consigo. Harry Potter é parte da minha vida e eu não posso viver sem ele. E nem quero. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
⚡️ Está é a minha recomendação: não deixem de ler esta saga. Ela vai mudar sua vida como mudou a minha 💛

site: https://www.instagram.com/p/BmcVbDzHbBW/?utm_source=ig_web_copy_link
comentários(0)comente



Michelle.Oliveira 03/02/2019

Maravilhoso
Muitooo lindo. Viciante!
" para mentes bem estruturada, a morte é apenas a grande aventura seguinte"
" É preciso muita audácia para enfrentar os nossos inimigos, mas igual audácia para defender os nossos amigos "
comentários(0)comente



1674 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |