Como Um Mar de Rosas

Como Um Mar de Rosas L.K. Farlow




Resenhas - Como Um Mar de Rosas


44 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3


Nathy @peculiareslivros 18/04/2021

Um bom livro, divertido e fluido
Eu admito que estava curiosa para ler esse livro por conta do segundo, mas amei a capa e fui até animada pela leitura.

Assim, achei um livro bem fluido, me diverti com as personagens, adorei que os protagonistas pareciam se completar. No geral, então, achei um bom livro, que vale a pena ser lido para se divertir em um momento tranquilo, tipo domingo a tarde ou algo assim.

Mas, apesar da linguagem da autora ser fluida, faltou mais emoção, mais momentos que me prendessem e me convencessem para que esse fosse realmente um livro ótimo ou incrível. Poderia ser melhor desenvolvido. Ainda assim, estou ansiosa pelo segundo!
comentários(0)comente



Nayara - @nay.e.os.livros 27/02/2020

COMO UM MAR DE ROSAS
“Algumas pessoas simplesmente tem o coração repleto de caos”.⁣

Esse livro foi uma surpresa deliciosa, sabe aquele romance bem gostosinho, bem fofinho e que te deixa suspirando? Esse aqui é tudo isso e mais um pouco. Fazia tempo que não lia um romance assim, calmo e sem grandes conflitos. ⁣
Em como um mar de rosas conhecemos Myla Rose, uma jovem muito bonita e batalhadora, mas que acaba se envolvendo com Taylor, por quem ela é apaixonada desde muito novinha, mas que se mostra um canalha. E o mau-caratismo fica mais evidente para Myla Rose, quando ela descobre que está grávida dele e ele simplesmente diz coisas horríveis a ela. Mas, apesar de tudo ela decide seguir em frente com a vida dela e fica feliz com o fato de se tornar mãe, mesmo que ela tenha que encarar tudo isso sem a presença e a ajuda do pai da criança. ⁣
Mas, em um belo dia... Ela esbarra sem querer com Cash Carson no supermercado da cidade e tudo começa a mudar. Cash está de volta à cidade para ficar próximo de sua família, depois de descobrir que a mulher que ele achava que passaria o resto da vida ao seu lado, o traiu. Ele então resolve voltar para perto de sua família e recomeçar a vida. ⁣
Myla e Cash , acabam descobrindo que tem amigos em comum e acabam se aproximando ,e aquela atração que se deu quando se esbarraram pela primeira vez, só faz crescer a cada vez que eles se encontraram. E é aí meus amigos que a magia começa... Como eu falei logo no começo, eles vivem uma história muito amorzinho e é bem agradável de presenciar.⁣
Enfim, essa história é super, ultra, mega recomendada para os amantes de um bom romance fofinho, sem grandes dramas. ⁣ ⁣

site: https://www.instagram.com/p/B9C7BLnDa9w/
comentários(0)comente



eugilvanarocha 28/02/2020

Muito amorzinho
Sabe aquela história amorzinho, leve e fluida, com toques de humor? Pois essa história é assim...

Eles foram traídos, não querem relacionamentos, cada um vive a sua vida, mas são surpreendidos por uma força que os atrai, mesmo que que eles tentem se afastar. Um sentimento forte surge e é impossível ignorar.

Com encontros, desencontros e mal entendidos eles vão se envolvendo e Cash não é de desistir, quando aquela ruiva mexe tanto com ele.

Recomendo a leitura para quem quer se divertir e suspirar...
comentários(0)comente



Caro 23/01/2020

Pensei que amaria...
Quando li a sinopse, pesquisei, sabia que seria meu tipo de livro: florzinha e fofo. E ele é assim, só que é bem 'meia boca', sem graça e sem brilho. Fiquei decepcionada com a escrita dessa história.
comentários(0)comente



Carol.Cavalcanti 14/08/2020

Uma história leve e bonita
Em Como um mar de rosas temos uma situação complicada e comum: Myla Rose engravida, mas o namorado pula fora. Como seria possível pensar no amor depois disso?

Como um mar de rosas é um romance muito gostoso de ler e me conquistou bem. É uma leitura fluida e rápida, mas eu não queria que terminasse (rsrs).

Eu sou mãe solteira e, portanto, já estava interessada pela história. E, na minha opinião, a autora soube abordar o tema da gravidez inesperada e solo. Também gostei do fato de a autora mostrar que a gravidez não precisa necessariamente ser um problema na relação.

Myla é uma personagem muito bem escrita e desenvolvida. Ela tem uma história bonita com a avó e uma relação muito forte e gostosa com a amiga, Azaléa (personagem coadjuvante, porém muito bem escrita também).

Cash é um homem de caráter forte e do tipo que você gostaria de ter por perto, mesmo que fosse como amigo. Por causa do relacionamento passado e por medo de sofrer novamente acaba demorando a se arriscar e chega até a ser orgulhoso. Mas admite seus erros e aprende com eles.

Na verdade, a única coisa que não gostei muito foi como uma situação se resolve um tanto fácil demais. Acho que precisaria de uma conversa um pouco mais profunda, mas esse episódio não atrapalhou o desenvolvimento e veracidade do enredo.

Além de Azalea, temos outros personagens secundários bem trabalhados no livro que eu gostaria de conhecer mais. E a boa notícia é que teremos outros livros focando nesses personagens! Estou ansiosa!

Você já deve ter percebido que gostei bastante dessa história e recomendo se você quer uma história leve e bonita.

site: https://reinodepapel.com/2020/04/como-um-mar-de-rosas/
comentários(0)comente



Ary Almeida 17/05/2020

Como um mar de rosas
O que você faria se descobrisse que está grávida? E se o pai da criança resolvesse não assumir o filho e ainda terminasse o relacionamento entre vocês?
Essa pode não ser a minha realidade nem a sua, mas diversas mulheres passam ou já passaram por isso. Talvez, este seja o motivo de conseguirmos nos relacionar tão facilmente com os protagonistas de “Como um mar de rosas”. 🌷
.
Myla Rose passou exatamente pela situação aí de cima. Mas, com apenas 20 anos, ao invés de desmoronar, ela assume o desafio de ser mãe solteira e decide provar pra si mesma que é mais forte do que sua aparência de garota indefesa demonstra.🤰🏻
Do outro lado da história está Cash Carson, que, justo quando planejava pedir a namorada em casamento, encontra ela com outro cara na cama. 🙊
.
A história desses dois se liga da forma mais natural possível, através de amigos e interesses em comum. E, também de forma natural, eles começam a se aproximar um do outro.
.
Alguns vícios de escrita da autora podem até atrapalhar a leitura nas primeiras páginas, mas a história logo toma a dianteira e te carrega até o fim, fazendo você ignorar o excesso de apelidos carinhosos e alguns diálogos fracos. ✏
.
“Como um mar de rosas” é aquele clichê gostoso para te livrar da ressaca literária; um feliz lembrete de que os seres humanos podem ser bondosos. 🌷
.
.
.
Você curte um livro clichê? Por aqui, a gente adora.
.
.
E só pra avisar, “Como um mar de rosas” está disponível no #kindleunlimited
Aproveite

site: instagram.com/estantedasduasliteraria
comentários(0)comente



Carol 19/02/2020

Mayla Rose pode parecer só uma menina de 20 anos abandonada grávida pelo namorado babaca, mas ela é uma mulher independente, que se vira sozinha desde a morte sua avó, quem a criou desde que sua mãe decidiu sumir no mundo.
Cash Carson, não acredita mais no amor, após encontrar sua namorada na cama com outro, ele decide se mudar para perto da sua família.
Assim, o destino decide cruzar o caminho dos dois em um supermercado. A doce Mayla Rose, será capaz de conquista o coração solitário do Cash Carson?
??
Meu Deus, que livro lindo. Mayla Rose não tem nada de mocinha dependente, ela é decidida, não importa se o boy lixo largou ela grávida, ela decide ir até o fim lutando pelo seu baby sozinha. E o que é o Cash no modo titio gente, meu Deus, me apaixonei! A leitura do livro é rápida e tranquila, li num único dia! Recomendo muito para quem curte um amorzinho flores e corações.
comentários(0)comente



Fabi 14/12/2021

Como um mar de rosas
É um livro muito parado, com pouquíssimas partes que me cativaram e na maior parte do tempo eu só ficava entediada.

Cogitei abandonar muitas vezes, mas até que me ajudou um pouco a sair da ressaca literária.
comentários(0)comente



Amanda 12/03/2021

Clichê água com açúcar - @manualdaleitora
Como um mar de rosas é um conto de fadas moderno, tem tudo que eu gosto ? personagens carismáticos, divertidos e um romance fofinho. E apesar do InstaLove, o desenrolar do relacionamento dos protagonistas é feito de forma leve.  
         
Enquanto Myla se atém ao fato de que por estar grávida de outro, colocando-a em uma posição quase nula de que outro jamais se relacionaria com ela, Cash vem com seu cavalheirismo, desposando atenção, amor, carinho, devoção e sendo compreensivo e fazendo a nossa mocinha entender que o que importa é o coração dela, e que sim, ele está disposto a lutar por ela e ser um ótimo pai para seu filho. 
         
Mesmo sendo um clichê, a história me conquistou. Myla é uma força da natureza e Cash, é o herói que independente se a princesa quer ser salva ou não, ele estará lá. 
comentários(0)comente



Bia Evans 16/01/2021

Super recomendo!
Gente, eu preciso dizer que estou completamente apaixonada por esse livro e pela história dele!

O livro é narrado por ambos os protagonistas, Cash e Myla Rose, e ele se inicia com Cash chegando em casa para pedir sua noiva em casamento e sendo surpreendido com ela e outro homem em sua cama. Ele fica sem chão, pois tinha muitos planos para os dois e depois dessa decepção decide mudar o rumo da sua vida.

Logo depois podemos ver Myla descobrindo sua gravidez e sendo abandonada por quem ela achava ser seu amor verdadeiro. Ela se vê sozinha, mas decide seguir em frente, pelo seu filho.

Cash se muda para a cidade que Myla mora, pois sua família também mora la, e um belo dia, quando ele estava no mercado buscando algumas coisas a pedido de sua mãe ele e Myla se esbarram e a atração que eles sentem é instantânea.

Myla Rose fica abalada e sonhando com aquele desconhecido de olhos azuis, mas sabe que nunca mais o verá, até que um belo dia o caminho dos dois se cruzam novamente e uma amizade começa a surgir.

Eu tenho muito medo de sempre falar de mais e acabar dando muito spoiler sobre a história, mas ela é cheia de surpresas e reviravoltas que a gente achava que imaginava, mas não passam nem perto.

Os dois tem suas feridas e ambos ficam com receio de se entregar um ao outro, mas a atração entre eles é tão forte que os faz repensar. A história é tão linda que traz um aconchego para o nosso coração.

Para quem me acompanha aqui e no instagram já deve saber que eu sou a louca dos clichês, e sim, essa história tem tudo para ser clichê, mas assim como todos eles, ela tem seu diferencial, e eu posso dizer que me surpreendi muito com o desenrolar das coisas.

A leitura é tão boa que finalizei o livro em um dia, e fiquei com aquele gostinho que quero mais.

Se você está em busca de uma história que te mostre que as coisas nem sempre são como planejamos e que nós devemos dar tempo ao tempo, essa é a história certa!
comentários(0)comente



Leninha Sempre Romântica 18/03/2020

Esse livro já me pegou pela delicadeza da capa. Adoro capas doces com casais e filhos, bem comum nas antigas capas de romances de banca, aqueles bem florzinhas. O que difere dos romances de banca a que me refiro é que aqui temos uma mocinha independente e um mocinho com um trauma devido a uma desilusão amorosa.

Vamos conhecer a história de Myla e Cash, ambos passando por situações complicadas e saindo de problemas em seus relacionamentos. Myla ficou grávida de seu namorado, um cara sem compromissos e que ao saber da gravidez simplesmente some do mapa. Ela sabe que precisa seguir sozinha e sem nenhuma perspectiva de ter alguém ao seu lado para enfrentar a barra de ser mãe solteira, até porque ela não precisa de um príncipe encantado, ela se garante sozinha.

Cash acaba de passar por uma decepção enorme, sonhava com um futuro ao lado de sua namorada até descobrir que era traído há anos. Isso quebra qualquer coração, e deixa uma pessoa dura e sem esperanças para um novo amor.

Dois corações quebrantados, sofridos, e que se encontram para viver um grande amor — mesmo que eles não percebam isso —, apesar de que até chegar ao final feliz eles passam por muitas coisas, inclusive a falta de confiança.

Um dos pontos fortes da trama é a atração entre nossos protagonistas, ela é quase palpável, porém os fantasmas que assombram os dois ficam presente por quase toda a narrativa.

Amei a forma com que a autora desenvolve a trama de maneira leve e sucinta, sem grandes percalços, simplesmente levando a leitura de maneira simples e coerente. Palmas para os personagens secundários da trama e suas personalidades cativantes e inspiradoras, espero vê-los nos outros livros da trilogia. É isso mesmo, esse é o primeiro livro de uma trilogia, porém cada livro narra a história de personagens diferentes, então não se preocupe, Como um mar de rosas tem começo meio e fim.

Não deixe de ler essa história leve e fluida. Super indicada para quem gosta de histórias fofas e meigas e que deixam um gosto bom de quero mais.
Recomendo a leitura.

site: http://www.sempreromantica.com.br/2020/02/como-um-mar-de-rosas-lk-farlow.html
comentários(0)comente



Fabiana @bibliotecadabia 27/01/2020

Um Livro Cheio de Emoções !
RESENHA: Após um longo período sem ler autores internacionais, esse foi o segundo livro que li em 2020 de autores internacionais. Foi uma delícia conhecer o livro, a escrita da autora. O livro foi recentemente lançado pela Editora Cherish Books BR, e decidi por ler e resenhar este, pois, a capa me ganhou logo de início, e logo depois gostei da proposta da sinopse.

O livro nos trás uma história bem ‘fofa’ de amor, fazia tempo que não lia um enredo gostosinho como este, bem suave e doce, mas que trás uma história bem real, bem próxima a realidade, e posso dizer que minha escolha de leitura foi acertada, pois não me decepcionei.

Este livro é o primeiro de uma Trilogia, entretanto, cada livro trás a história de um casal. Neste primeiro vamos conhecer Myla Rose McGraw, uma jovem de 20 anos, ruiva, cabeleireira, grávida e sozinha que mora em Dogwood, uma cidade pequena da Carolina do Sul nos EUA. Também vamos conhecer Cash Carson, um jovem homem de 24 anos, que se mudou para Dogwood a fim de recuperar de uma traição.

Myla, foi abondanada por seu ex-namorado Taylor ao descobrir que estava grávida, mas, não se deixou abater, manteve sua cabeça erguida e continuou em frente assumindo sozinha sua gravidez, assim como, a criação de seu filho, ou ‘feijãozinho’.

Após Cash flagrar sua namorada o traindo em sua casa, ele não procurava um novo relacionamento, queria apenas seguir em frente, e, esquecer que encontrou sua ex com outro homem em seu quarto.

O que seria de um romance clichê, se dois corações quebrados não se encontrassem e ali pudessem enxergar uma nova oportunidade de amar?! Não teria graça.

Myla e Cash se encontram por acaso no supermercado da cidade, e após esse primeiro encontro, o qual eles nem trocam nomes, eles novamente se re-encontram no salão de beleza Myla para Cash cortar seus cabelos. E partir deste momento a atração entre os dois fica evidente, entretanto os fantasmas de cada um se torna um obstáculo para que possam se render a atração entre eles.

O livro tem um enredo muito agradável de ser lido, personagens bem desenvolvidos, assim como suas histórias e relacionamentos. Personagens secundários que contribuem de maneira significativa com o enredo e enriquecendo a história.

site: https://www.instagram.com/bibliotecadabia/
comentários(0)comente



Sergia.Souza 08/06/2020

é um livro super divertido, romântico, cheio de emoções, um livro que faz te suspira, quer aquecer seu coração. Ele vai contar a história de Myla Rose e Cash Carson quer são duas pessoas castigadas pelo destino. Myla descobriu que estava grávida e que o seu suposto namorado não está a fim de assumir a criança. Já Cash descobriu uma traição da pior maneira possível e agora ele tenta se recuperar dessa grande decepção. Os dois são pessoas diferentes, Cash já não acredita mais no amor e Myla não precisa de homem nenhum em sua vida. Mas o destino quer unir esses dois corações, até porque eles combinam muito. Eles vão se encontrar em um supermercado entre uma batida de carinho e a atração é imediata. Depois eles voltam a se encontra no Salão de beleza dela e a cada encontro a atração fica forte. Como Um Mar de Rosas é uma leitura gostosa, leve e super fluída. O romance entre os dois protagonistas vai acontecendo aos poucos, isso porque eles estão bastante machucados pelas decepções do passado. O livro é narrado pelo Cash e a Myla e isso é algo que adoro, pois gosto de saber o que ambos estão sentindo. A Myla é uma mulher que conquista o coração de qualquer pessoa, inclusive o meu e o de Cash. Ela é forte, determinada e muito batalhadora, mas ao mesmo tempo também se mostra vulnerável, pois por mais que esteja rodeada de amigos a apoiando sempre, às vezes, Myla se sente sozinha. Ela está decidida a cuidar do seu bebê com todo amor e carinho, só que Cash, mesmo conhecendo tão pouco dela, já se sente envolvido. O amor dos dois é bonito e cheio de cumplicidade e ao final do livro eu só queria ser amiga do casal. Eles precisam superar alguns traumas do passado para serem felizes e quando isso acontece é só suspiros, pelo menos da minha parte.
comentários(0)comente



Mylena @gataleitora 04/02/2020

poderia ter sido melhor trabalhado
Cash Carson estava decidido a pedir a namorada em casamento mas acaba voltando para Dogwood depois da grande desilusão de dar de cara com a dita criatura transando na casa deles. Agora ele só quer cuidar de sua marcenaria, desfrutar de um pouco de paz e se curtir sua família. Encontrar a mulher dos seus sonhos no supermercado não fazia parte de seus planos mas como fugir quando o destino os quer juntos a todo custo?
Myla Rose McGraw descobre que está grávida mas o pai da criança não quer nada com sério com ela e muito menos com o bebê. Ela fica bastante abalada, mas está decidida a ter seu filho e continuar sua trabalho em seu salão de beleza. Com o apoio de seus melhores amigos AzzyJo, Seraphine, Simon e Drake, ela está preparada para criar a criança cercada de amor e carinho.
Gostei da química que explode dentro desses dois corações sofridos só achei um pouco cansativo o comportamento de Cash que dizia estar interessado em Myla e de repente do nada surtava e sumia, daqui a pouco falava que estava interessado e defendia a garota.... me poupe.
A história de amor deles se desenrola aos poucos e fiquei desanimada em alguns momentos achando meio forçada, mas como é o primeiro livro da autora, relevei determinadas situações que considerei estranhas, tal como colocar um grávida no ombro e carregar.
Por fim, achei que o fechamento das ações de Taylor (o pai do bebê) em relação a Myla foi simplista demais para tudo o que havia feito com ela e esperei algo mais forte acontecer com ele no final. Final esse que foi super rápido e sem grandes diálogos para tudo o que havia acontecido.
3/5 estrelas


site: http://www.minhavelhaestante.com.br
comentários(0)comente



Lud @quoteseplots 04/02/2020

||RESENHA|| Como um mar de Rosas - L. K. Farlow
É o primeiro livro da autora L. K. Farlow que leio e ele está disponível no Kindle Unlimited para quem se interessar.

O livro é um romance entre Cash e Mila Rose, duas pessoas que se encontram com corações feridos, mas acabam tendo uma conexão instântanea desde que se vêem pela primeira vez. O primeiro, traído dentro de uma relação de anos, onde depositou todo seu amor, tempo e carinho. A protagonista, largada grávida pelo namorado, vinda de um histórico de abandono maternal.

A história é um romance leve e fofo, apesar do tema "gravidez go solo". Mila Rose é uma protagonista que sempre quer se manter para cima, apesar de qualquer degrau que a vida colocar em sua frente. E Cash, o que dizer? É aquele par perfeito que não olha estereótipos ou como as pessoas da sociedade. Pelo contrário, está disposto a seguir o seu coração seja o que der e vier.

A trama se passa em uma cidadezinha do interior, então podemos ver e sentir aquele jeitinho de cidade pequena, onde todo mundo conhece todo mundo. E falando em conhecer, temos a oportunidade de sermos apresentados a personagens secundários bacanas e que terão suas próprias histórias contadas em outros livros.

Como um mar de rosas não é um livro muito grande, então você poderá ler o envolvimento desse casal super rápido e o fato da escrita ser fluida, ajuda bastante também. O enredo não há grandes reviravoltas, com exceção de uma pequena coisa que acontece perto do final. Além disso, o romance não é slow burn, muito pelo contrário. Sendo assim, recomendo o livro para quem gosta de ler histórias fofinhas, leves e onde não precisa esperar muito para ver o romance acontecer.
comentários(0)comente



44 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3


Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a Política de Privacidade. ACEITAR