A Esposa Virgem

A Esposa Virgem Deborah Simmons




Resenhas - A Esposa Virgem


28 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2


Tonks71 27/04/2009

Outro clássico no seu estilo, maravilhoso!

Segundo livro da série de Lacis, que consiste em dois livros:

1. The Devil's Lady (1994) - Bodas de Fogo.
2. Maiden Bride (1996) - A Esposa Virgem.

Como curiosidade, Sophie Hexham no original se chama Gillian Hexham, fenômeno que já virou rotina devido a essa compulsão da Nova Cultural em mudar os nomes de personagens.

Outro clássico dos romances de banca, maravilhoso!

Nicholas de Laci só tinha um objetivo na vida vingança, era única coisa que o fazia viver e dar prazer. Porém isso acaba quando o seu objeto de vingança, Hexham, morre no final do livro Bodas de Fogo pelas mãos de Piers, o Cavaleiro Vermelho, e ele se vê vazio. É importante nessa série ler os livros em ordem pra entender melhor a personalidade de Nicholas que é apresentado no livro 1.

Porém tudo muda quando ele descobre um familiar de Hexham, Sophie, que o rei lhe destinou como esposa para que ele possa obter as terras do antigo inimigo. Agora, ele volta a ter objetivo na vida, vingar-se através dela, tornando a sua vida como esposa um tormento. O problema é que Sophie é adorável e ele se vê com sentimentos confusos e contraditórios o que torna o antigo frio e indiferente Nicholas num homem explosivo e temperamental.

Adoro romances em que o protagonista começa a estória com características de vilão e que com o decorrer do livro se modifica e se redimi através do amor. E esse tema nunca foi tão bem escrito como nesse livro, Deborah Simmons utiliza o humor de uma forma maravilhosa quebrando alguns dos planos absurdos de Nicholas para a vingança, é claro que ele não consegue realizar quase nada do que tenta, ao contrário só consegue se apaixonar mais por Sophie culminando numa das cenas mais lindas que já li, quando ela doente está a beira da morte.

Outra leitura obrigatória.
comentários(0)comente



Cris Paiva 21/04/2009

Esse livro é continuação do "Bodas de Fogo", o Nicholas de Laci, é irmão da mocinha deste livro.

O Nicholas, depois de ser impedido de se vingar do homem que o queria morto, decide se vingar se casando com a filha dele. E resolve tirar a menina do convento, para conseguir seu intento maléfico!
Mas apesar de ter vivido num convento, de boazinha a Sophie não tem nada. As brigas do Nicholas e da Sophie são ótimas! Ela faz o coitado comer o pão que o diabo amassou.
Acho que no fim o Nicholas vai se convencer que a vingança não compensa muito...
Cristine 31/08/2009minha estante
eu amo esse livro...já perdi a conta de quantas vezes o li...mas sempre fiquei com a sensão, que algumas cenas foram condensadas (resumidas mesmo)


Cris Paiva 13/02/2012minha estante
.




Cristine 23/12/2009

o guerreiro e a noviça...
...Nicolas percebe que a sua vingança não vai ser tão fácil no momento em que uma mecha vermelho vivo escapa do capuz da noviça que será sua esposa...
Sophie mesmo morrendo de medo de casar não deixa de notar o quanto seu futuro marido é belo, e que casando com ele nunca mais passará fome na vida...rsrs
...aquele tipo de livro que quando acaba vc fica assim: acabou?! mas como?!!! devia ter pelo menos mais umas 100 páginas...
quando acabei Bodas de Fogo, fiquei imaginando o que aconteceria com o Nicolas e qndo ia conseguir por as mãos no livro dele...foi a primeira vez que a expectativa valeu a pena. A história do Nicolas e da Sophie é ótima. Os surtos do "nick", as brigas, os ciúmes, as reconcialiações...
Nicolas vive ameaçando sophie com a consumação do casamento, mas qndo ela decide revidar e o ataca ele foge como um coelho assustado.
o livro me prendeu da primeira a última página, sem dúvidas é um dos melhores livros da Deborah Simmons
comentários(0)comente

Cris Paiva 23/12/2009minha estante
Esse livro é MARA!!! Toda vez que eu releio, eu morro de rir e de chorar. Realmente é um dos melhores da Debbie.


Ana Lidia 23/12/2009minha estante
É ótimo mesmo!!!!




Andréia Karoline 10/06/2015

3 estrelas em consideração a Deborah Simmons se não...
Estava muito ansiosa para este livro, tendo gostando tanto do seu antecessor Bodas de Fogos, A Esposa Virgem continua exatamente onde parou Bodas de Fogos, o filho pródigo Nicholas de Laci retorna dos mundos dos mortos com um único objetivo: Vingança; quando seus planos de matar trucidas, esquartejar e fazer pedacinho de Hexham, -o responsável pela sua suposta morte - não dá certo, Nichola se torna um homem frio e sem proposito na vida...e continua assim o livro todo!
E isso mesmo minha gente, o suposto mocinho desse livro é um babaca com B maiúsculo.

Em contra partida temos Sophie a sobrinha de Hexham,que até então ninguém sabia da sua existência pois passou sua vida todo em um convento. O rei para resolver a questão das terras de Hexham obriga assim Sophie a se casar com Nicholas, juntando então a herdeira e o homem lesado por Hexham, assim ficando tudo certo quanto a posse das terras. Nicholas fica feliz da vida, porque como foi privado de se vingar de Hexham ele poderia então se vingar da sobrinha!.
A princípio até gostei da Sophie, ela não vê intimidado por Nicholas, e passa a lutar para manter o resto da sua dignidade...que por sinal vai embora rapinho!
Logo Sophie sem mais nem menos se apaixona por Nicholas, e eu fiquei tipo Oi?????
É serio o cara passa o livro todo
"MULHER me dê banho, MULHER me sirva, MULHER faça isso...., MULHER faça aquilo" humilhando, aterrorizando e tratando como escrava a pobre coitada...que apesar de ficar de mimimi fazia era gostar dos maus tratos só pode porque mulher caí de amores por ele, durante o dia o cara mal olhava na cara dela sem dar um grito e a noite os dois se entregavam a luxúria!
Confesso que toda vez que ela gritava apaixonadamente "NICK" nos momentos de intimidade me dava vontade de dar na cara dela!

Me contentaria em socar qualquer um dos dois, Nicholas por ser um babaca e Sophie por ser uma otária!

Enfim, não indico, mesmo que tenha participação fofas de Isadora (que nesse livro é Aisle) e o Cavaleiro Vermelho.

Leia Bodas de fogos é lindo, mas pulem sua continuação!

comentários(0)comente



Dani A. 23/04/2017

2° livro da série The de Lacis
Ôhhhh mocinho mau humorado kkkk dá para contar nos dedos de uma mão ás cenas em que ele não estava esbravejando com alguém ou com raiva...chegou até me incomodar tanto mau humor,misericórdia homem,não sei como ninguém não te abandonou sozinho naquele castelo,por que ooohh homem sem paciência kkkkk

Enfim,a história gira em torno do casamento forçado da noviça Sophie e do mocinho mau humor,por motivos de vingança dele,só que claro,o bonito não esperava ir se apaixonando pela bela ruiva,e repensar sua vingança,mas pior ainda,que a mulher batesse de frente com ele! Gostei muito que a mocinha não era submissa e deixava ele pisar nela,por que o homem bem que tentava a rebaixar,mas ela foi osso duro,gostei muito dela! O romance em si eu também gostei,ficava torcendo p/ o mocinho dar o braço a torcer logo,mas foi difícil pois o homem era uma mula empacada,e mesmo quando tentava ser mais "romântico",o tiro saía pela culatra kkkk

Não vai para os favoritos por alguns motivos: acho que li a versão mutilada,pois várias cenas tinham um término abrupto,e também eram muito breves,e isso atrapalhou um pouco o andamento da história p/ mim...e eu gostei do mocinho,de verdade,mas seu mau humor me irritou em algumas cenas,porém achei que ele pagou bem a língua e as atitudes em algumas cenas mais p/ o final,então fiquei contente kkk

No mais,a autora escreve muito bem e gostei de reler esse livro,ainda mais com a cena do tônico afrodisíaco dado pela empregada do mocinho e que causou o maior rebuliço kkkkkkk rachei kkk em históricos,os criados são os melhores personagens HAHAHA
Katia 27/09/2017minha estante
Kkkkkkkkkk adorei sua resenha !!




Flavia 07/12/2009

Nicholas de Laci é tudo de bom e quando ele se derrama em lagrimas pela Sophie é de cortar o coração chorei junto com ele cada vez que reli a historia eita homem incoerente arrogante vingativo mas mega fofo
comentários(0)comente



Suzane 14/07/2010

Tudo de bom esse livro. No inico o mocinho só quer vingança, mas depois ele se rende bonito ao amor da mocinha. Lindo!!
comentários(0)comente



Carla 30/07/2010

Já li três vezes e nunca canso. Esse livro é uma graça. O Nick e a Sophie também formam um casal que se completa. Ele passa quase todo o livro evitando engravidá-la (mas treinando bastante!) e no final acabam tendo 6 filhos!
comentários(0)comente



L 27/09/2010

O primeiro livro De Laci é um pouco melhor, mas esse também é muito bom.

O que eu acho demais é essa obsessão por se vingar de uma pessoa que já está morta! Ainda mais usar como objeto de vingança uma pessoa que mal conhecia o vilão e de quem o vilão sequer gostava! rs

Nicholas tem problemas para demonstrar sentimentos, mas não deixa de ser um fofo.

E adorei o epílogo!
Cris Paiva 27/09/2010minha estante
Adoro as brigas dos dois! A mocinha não abaixa a cabeça e ele é um turrão! A minha cena favorita é dele correndo atras dela ao redor da mesa! O que foi aquilo?!?!?!? Kkkkkk


L 27/09/2010minha estante
Verdade, Cris, essas brigas são muito legais!


Cristine 18/10/2010minha estante
adoro o Nicolas, ele é tão destemperado, deve ser algum antepassado do conde Marcus


Juliana Gouveia 14/12/2015minha estante
Eu adorei a Sinopse, infelizmente já procurei esse livro e bodas de fogo em todos os lugares e não encontrei. Queria muito ler os dois e espero q um dia os encontre. Adoro esse tipo de livro cheio de emoção e romance.




Dani 08/07/2009

Nada demais
Não é lá uma maravilha... mas também não é horrível, desprezível. Não tem nada de espetacular... com certeza já li livros melhores... esse livro é facilmente esquecido.
comentários(0)comente



Strecht 25/09/2012

O livro a esposa virgem da série de Laci, na minha opinião não é tão bom como o bodas de fogo, não me entusiasmou de facto. achei bastante parado e o protagonista parecia meio doido ( não querer dormir c a mulher para não terem filhos c medo q ela morresse acho q é paranoia a mais). A única coisa em comum dos 2 livros e q foge um pouco à norma neste tipo de literatura é q ambas as protagonistas são bastante desinibidas nas cenas de intimidade...essa parte achei diferente o q dá uma lufada de ar fresco e mais sensualidade às situações.
comentários(0)comente



Edna 07/03/2015

Muito bom, porém...
Esse livro pára, onde Bodas de fogo acaba, Nicholas de Laci, prova de uma vez por todas sua chatice, ao contrário de Aisle ( aqui se diz o nome verdadeiro e não Isadora, como foi editado em Bodas de fogo ) ele não possui o carisma de sua irmã, uma mulher prática que agarrou sua vida e seguiu em frente, ele é belissímo, más amargurado e com verdadeiro desejo de vingança contra os Hexham, infelizmente seu inimigo morrera, más ele sentiu-se renovar o desejo de vingança com a noticia de que teria de se casar com a sobrinha de hexham, Sophie. Bem, Sophie é bacaninha, porém não é essa coca-cola toda não, pelo menos pra mim. Este é um livro mais intenso, com brigas mais passionais, pois os personagens são passionais demais, más é o mesmo de muitos, é um estilo mais parecido com alguns livros de Deborah, ele não inova como bodas, aliás vou parar de comparar com ele, pois esse livro foi fenômeno entre leitoras, portanto, não é obrigado os outros supera-los, é assim mesmo!
Depois do casório ambos vão percebendo que são diferentes do esperado, pois ela se tornaria freira e ele, desejava nunca ter se casado. Ele só que desforrar nela o que passou nas mãos de seu tio, porém não acontece, Sophie o surpreende e o encanta, é a única pessoa por que ele têm algum sentimento, com o resto da humanidade ele é um grosso.
Alguns personagens aparecem aqui, como o casal Aisle e Piers, de bodas, Edith e willie, a primeira, criada pessoas de Aisle, agora de Sophie e Willie que trabalhava em Dunmurrow pra Piers, aliás, Edith é novamente uma malinha, sempre fazendo comentários ácidos contra Piers, achando que Nicholas é um máximo. Piers por aqui é um gentleman, pois já vive uma vida plena ao lado de sua amada e constantemente estão preocupados com o casal deste livro.
Enfim, valeu á pena ter lido, dar quatro estrelinhas significa que é um livro bom, ele é, porém não como o outro, ele perde muito, más recomendo.


comentários(0)comente



Barbara Sant 20/07/2012

@MaratonaDeBanca #04 – Deborah Simmons – A Esposa Virgem
Oie Gente!
Nossa, passei um sufoco esses dias, viu? Minha lista para a Maratona simplesmente desapareceu!
Foi preciso apelar para a super @CarolineSantos, que tinha a minha listinha, para saber o que eu tinha que ler! hihihihih
E aí que dessa vez é Deborah Simmons, já que o tema era Históricos e ela é das poucas que realmente me agradam no gênero.
Esse livro é o segundo volume da série De Laci e nele temos a estória de Nicholas e Sophie.
Ele é o irmão da Isadora lá de bodas de fogo, que deseja a todo custo se vingar de Hexham, que o abandonou para a morte durante as Cruzadas.
Quando eu comecei a ler, fiquei me perguntando onde diabos tinha ido parar a Isadora. Tive que apelar para meu sistema de informações @Bluebeta, que nesse post nos explica a mudança do nome da personagem.
No original ela se chama Aisley e foi alterado em “Bodas de Fogo” mas mantido em “A Esposa Virgem”. #quementende?
Depois das primeiras doze páginas eu já odiava o Nicholas com todas as minhas forças.
Não me interessa se os homens da idade média eram daquele jeito, que a Deborah foi fidelíssima na pesquisa, um homem desses que resolve se vingar na pobre noviça porque o tio dela era o cão chupando manga, pra mim só merece ficar sentando num formigueiro (de formigas de fogo, por sinal) .
Só que quando eu cheguei na página 12 eu já ria a gargalhadas pelo que o futuro reservada para ele.
Sophie não era nada do que ele esperava.
Eu já tinha lido esse livro, mas reler é sempre uma aventura.
Nicholas é uma das criaturas mais absurdas que eu já “conheci”.
Ele grita, esbraveja, reclama, reclama, reclama. Tudo isso enquanto diz que não gosta da mulher, que vai fazer ela sofrer, que vai se vingar, blá, blá, blá.
Mas aí é só ela dar um gemido doente para ele tomar vergonha e tento e começar a tratá-la que nem gente. rs
Certo, ele continua gritando, esbravejando, etc, mas aí já é porque quer mantê-la viva.
Dá para dormir com um barulho desses? rsrs
Eu adorei o livro, como aconteceu com todos os livros da Deborah que eu já li.
É divertido, tem ação e o romance é bem ao estilo “homão gostosão é gamado na mocinha mas se recusa a admitir”.
Tradução: bem do jeitinho que eu gosto. hahahaha
Infelizmente esse livro está esgotado em todos os cantos que você possa imaginar.
Para quem faz coleção do gênero só resta torcer para alguma editora republicar, já que a Nova Cultural não lança mais livros impressos.


Texto retirado do In Death. Leia mais em: @MaratonaDeBanca #04 - Deborah Simmons - A Esposa Virgem - In Death http://indeath.com.br/2012/06/maratonadebanca-04-deborah-simmons-a-esposa-virgem/#ixzz21BzGHK64
Under Creative Commons License: Attribution
Juliana Gouveia 15/11/2016minha estante
Eu queria tanto ler esse livro. Há anos que o procuro e não encontro. Tanto ele como bodas de fogo! Sua resenha me fez sentir mais ou menos como se tivesse lendo! Adoreii mesmo.




Niii 17/06/2009

Deborah Simmons é a melhor escritora de romances históricos
Eu li primeiro "A esposa virgem" em vez de "Bodas de fogo", mas agora que eu terminei vou reler... Sei que gosteiii muitissimo, mas eu esqueci a história...
comentários(0)comente



Lorena 28/11/2014

A principio ele parece um caso perdido. Dá até pena e medo pela mocinha. Mas ela é destemida. Ri demais com esses dois.
comentários(0)comente



28 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2