A Mulher Forte

A Mulher Forte Jean-François-Anne Landriot




Resenhas - A Mulher Forte


5 encontrados | exibindo 1 a 5


Jéssany 16/04/2020

Quem encontrará?
Esta leitura é de extrema importância, pois é um tratado sobre a paz da alma feminina. Um santo auxílio para a manutenção do equilíbrio moral, e ensina, sobretudo que a paz é o fundamento da verdadeira piedade.
comentários(0)comente



Nay 18/10/2020

?
Tardei em lê-lo, que magnífica obra, que tratado à benevolência e força!
comentários(0)comente



Giovanna Capeli 26/10/2020

Ainda digerindo
Esse livro é tão bom, tão necessário, tão rico, que eu li ele esse ano e já estou sedenta por uma releitura pois sinto que ainda há muito mais para absorver.
comentários(0)comente



Lívia 11/03/2021

Para se tornar uma mulher forte
Um livro extremamente denso e de uma sabedoria ímpar. Uma análise profunda sobre o que compete a descrição da mulher forte através do livro bíblico, Provérbios. Tão antigo e tão atual. Auxilia no resgate do feminino, da feminilidade e no assumir o papel de mulher frente a uma família. Recomendo para profunda análise e reflexão.
comentários(0)comente



Yasxyp 12/03/2021

Mulierem fortem quis inveniet?
O livro ?a mulher forte? foi tirado de uma conferência feita pelo Monsenhor Landriot voltado para mulheres, que explicou passagens do antigo testamento, principalmente do Provérbios. O livro foi publicado em meados de 1862.

Devo dizer que sempre tive vontade de ler esse livro, mas todas minhas expectativas foram superadas. O livro, por ser tirado de uma conferência, me deixa totalmente emocionada, por imaginar o Monsenhor Landriot explicando detalhadamente essas palavras para as moças da época, por eu ter lido e aprendido tanto com cada pequeno trecho.

Bem, falando sobre o livro em si, é recheado de lições para que uma mulher possa realmente se tornar virtuosa, forte. Ele explica desde onde deve-se achar essa mulher forte, até onde uma mulher pode encontrar adversidades durante a vida e a que recorrer nos momentos. Discorre sobre a mulher em relação à sua vida intelectual, espiritual, cuidados com a casa, com o marido, com os menos afortunados e outros.

Sejamos essas mulheres fortes, sejamos virtuosas e sãs, deixemos Deus derramar o seu orvalho que prepara sempre os corações aflitos, recorramos ao Seu auxílio e nada nos faltará.

Por fim, se eu pudesse dar um conselho para as jovens mulheres e mães de família, seria: leiam esse livro, pratiquem tudo lido, na vida, sede fortes e firmes com sabedoria.

Mulierem fortem quis inveniet?
comentários(0)comente



5 encontrados | exibindo 1 a 5