Os sete enforcados

Os sete enforcados Leonid Andreiev


Compartilhe


Os sete enforcados (Coleção: Novelas Imortais)





Qual é o sentido da existência? Sabe-se que o fim é inevitável. Mas é ainda mais inevitável para aqueles que o esperam com hora marcada. Em Os sete enforcados, mais um título consagrado da Coleção Novelas Imortais – idealizada por Fernando Sabino –, o novelista russo Leonid Andreiev traz uma obra emocionante e sombria, cujo personagem principal é a morte.

A trama envolve o polêmico tema da pena de morte, nos moldes de um regime ditatorial sanguinário. Discutindo o sentido da vida a partir do cárcere, a história dramática de homens e mulheres condenados à forca arrebata o leitor, que se torna testemunha das incertezas e angústias do ser humano diante do fim iminente.

A estranha alegria de um homem prestes a ser executado era uma ofensa à prisão, ao próprio carrasco; fazia com que parecessem absurdos. Um velho carcereiro – que, há tempos trabalhando na prisão, via suas leis como as leis da natureza – acompanhava rotineiramente o clima de terror e apreensão dos momentos que, ora se arrastavam, ora galopavam, em um ritmo enlouquecedor para os prisioneiros e seus entes queridos.

A questão da legitimidade da pena capital gera reflexão e instiga a consciência dos leitores, até a última página em Os sete enforcados. O livro chega às lojas em novo e ousado projeto gráfico, pelo selo Rocco Jovens Leitores, juntando-se a outras narrativas breves de autores de grandes clássicos universais como Miguel de Cervantes, Herman Melville, R. L. Stevenson, Gustave Flaubert, Henry James, E. T. A. Hoffmann, entre outros.

Ficção / Literatura Estrangeira / Romance

Edições (3)

ver mais
Os sete enforcados
Os Sete Enforcados
Os Sete Enforcados

Similares

(16) ver mais
Clássicos do conto russo
Plano de Evasão
O Homem da Areia
Um Coração Singelo

Resenhas para Os sete enforcados (12)

ver mais
A pena máxima, reflexões sobre morrer e viver e o cadafalso
on 10/5/20


A posposta é encarar a morte de frente. Todos sabemos que vamos encontrá-la, porém, para nossa tranquilidade, a maioria de nós somos ignorantes sobre o dia e a forma em que se dará esse encontro. Digo alguns porque, nesse conto, alguns personagens receberam essa informação. Cabe-nos, então, experienciar, junto a esses sentenciados, a agonia e reflexões sobre a vida e morte.... leia mais

Estatísticas

Desejam87
Trocam2
Avaliações 4.0 / 183
5
ranking 38
38%
4
ranking 35
35%
3
ranking 23
23%
2
ranking 4
4%
1
ranking 0
0%

35%

65%

kevin
cadastrou em:
31/01/2011 18:51:15
Jenifer
editou em:
10/08/2020 14:26:05