Faça seu login para ter acesso a todo conteúdo, participe também do sorteio de cortesias diárias. É rápido e gratuito! :) Entrar
Login
Livros | Autores | Editoras | Grupos | Trocas | Cortesias

Um Amor Para Recordar

Nicholas Sparks
Resenhas
Mais Gostaram
489 encontrados | exibindo 161 a 166
33 | 34 | 35 | 36 | 37 | 38 | 39 | 40 | 41 | 42 | 43 | 44 | 45 | 46 | 47 |


Rafael 29/05/2011

Lembra Daquela História?
As aulas estão chegando ao fim e o baile de formatura está próximo. Afinal, a quem convidar? Claro, as opções já não eram muitas e, depois de muito pensar, e repensar, e pensar de novo, resolve, convidar Jamie Sullivan, a filha do pastor.

"- Você tem que prometer não se apaixonar por mim."


Leia mais: http://lembradaquelahistoria.blogspot.com/2011/05/um-amor-para-recordar-de-nicholas.html#ixzz1NlKhy89r

___
NÃO É PERMITIDA A CÓPIA DESTE CONTEÚDO INTEGRAL OU PARCIALMENTE.
-PLÁGIO É CRIME
comentários(0)comente



Camila Márcia 06/07/2011

Ninguém Esquece um Grande Amor
Lançado inicialmente em 1999 com o título “A walk to remember”, trata-se de um romance escrito por Nicholas Sparks, escritor de grandes best-sellers como: “Querido John”, “A Última Música”, “Diário de Uma Paixão” entre muitos outros romances, onde boa parte deles tiveram adaptações cinematográficas, incluindo aí “Um Amor Para Recordar”. Nicholas Sparks nasceu em Omaha, Nebraska, no ano de 1965.
“Um Amor Para Recordar” é um romance narrado em primeira pessoa, contado pelo personagem principal, Landon Carter de então 57 anos. Landon recua no tempo, volta para seus 17 anos de idade e conta o que lhe aconteceu nesta idade que mudou completamente sua vida.
Landon era um adolescente que tinha atitudes que em sua época eram consideradas irresponsáveis. Com o intuito de ter mais tempo livre Landon inscreveu-se nas aulas de teatro pensando que lá ficaria sem fazer nada. Ledo engano, pois lá ele se aproximou de Jamie Sullivan (filha do pastor Hegbert Sullivan) e com a aproximação dos dois, Landon começa a ver uma Jamie diferente do que ele imaginava, ademais, Jamie pede que Landon faça um dos papéis principais da peça (que havia sido escrita por seu pai, o pastor). Landon tenta recusar o convite, mas não vê escapatória, portanto, com essa peça os dois se aproximam ainda mais.
Jamie, uma garota sempre disposta a ajudar os outros e que andava sempre com a Bíblia embaixo do braço mostra a Landon uma nova forma de ser feliz: ajudando os outros, e que o Senhor tem planos para a vida de todas as pessoas: "_Eu sei que o Senhor tem planos para todos nós, mas, às vezes, não consigo entender qual é a mensagem." (p.127). É através de pequenos gestos que Jamie vai conquistando o coração de Landon de uma forma tão imperceptível que ele quase não consegue descobrir que se apaixonou por ela. Jamie modifica toda a vida de Landon, torna-o uma pessoa melhor, mais caridosa e mais próxima de Deus. Entretanto Jamie escondia um segredo e Landon, em alguns momentos desconfiava disso, mas não conseguia ter certeza, ele dizia que ela “Tinha um leve sorriso no rosto, como se guardasse um segredo em seu coração” (p.110). Logo Landon descobriria o segredo de Jamie.
Em suma, “Um Amor Para Recordar”, é um livro com uma linguagem sedutora, com a narração tão fluida que prende e é capaz de viciar o leitor a tal ponto de impedi-lo de soltar o exemplar enquanto não findar a leitura. Uma leitura cuja história é envolvente, mas que além da história trás lições preciosas sobre Vida, Caridade, Amor a Deus, Amizade, Esperança e Fé.
"A minha história não pode ser resumida em duas ou três frases; não pode ser colocada em um embrulho simples e elegante, que seria entendido imediatamente pelas pessoas." (p.09), sem dúvida, Landon Carter, uma história assim não pode ser resumida em duas ou três linhas...

[por: Camila Márcia]

Para acessar outras resenhas feitas por mim:
http://devaneiosfugazes.blogspot.com/
comentários(0)comente



pablo arcary 21/11/2011

Resenha: Um amor para Recordar - Nicholas sparks
Landon Carter, um garoto de 17 anos, melhor dizer um garoto "problema" de 17. Um típico bad boy, só temos que levar em conta os padrões de Bad Boys a 50 anos atrás. Landon faz parte de uma das famílias mais tradicionais da Carolina do Norte. Rico, bonito e "jovem". Quem iria imaginar que um garoto com essas qualidades iria se apaixonar pela recatada e estranha Jamie Sullivan !?! Tudo começa no Baile da escola, Landon estava sem parceira, então decide convidar Jamie. Sempre com o pé atrás por causa dos seus amigos. Afinal o que pensariam se vissem Landon Carter o "popular", com a Excluída Jamie Sullivan? Uma menina que sempre andava com o cabelo preso e uma bíblia em baixo do braço. Conversa vai, conversa vem Landon começa a ver Jamie. Uma garota doce, meiga, que ajuda e se preocupa com todo mundo. Landon começa a ver Jamie como uma "garota". Durante uma peça de teatro onde Landon e Jamie atuam, ele começa a passar muito tempo com Jamie. Mas o início do romance se da com um beijo, super caloroso ao fim da peça. Um romance surge. E Jamie transforma Landon Carter, o garoto problema em Landon Carter um jovem responsável, que ajuda e se preocupa com as pessoas. Mas como o amanhã a Deus pertence, Landon descobre que Jamie tem uma doença muito séria, e está em fase terminal. Tudo o que ele pode fazer para que Jamie fosse feliz em seus últimos dias ele fez. Realizou o maior sonho dela: Casou- se na igreja, com as benção do pai. Tudo foi muito feliz até que Jamie partiu.

Vou ser o mais sincero o possível (mesmo que muita gente me mate depois de ler). Eu gostei do livro, a leitura foi bem rapidinha, a história tem um enrendo que prende o leitor "mas" pra mim não tem nada de muito especial. Eu amo romance, mas não achei esse reboliço todo que fizeram em torno do livro. Confesso que prefiro o Filme (pra mim é mais emocionante). Não acho que seja o melhor livro do Sparks. Mas mesmo assim o livro é legalzinho.
PS: Por favor não me matem ^^
comentários(0)comente



Barbara Sant 31/08/2011

Oie Gente!!!

Hoje tem o primeiro post de Livro-Trauma!
O primeiro autor escolhido foi.... Nicholas Sparks!
Como prometido, segue a explicação do motivo dos livros dele estarem na Estante Trauma!
Eu sou uma leitora de romances românticos altamente clichê. Isso quer dizer que meus livros favoritos todos tem finais felizes. Os casais terminam juntos, os vilões se dão mal e todo mundo termina contente.

Sim, sim, eu também sou aquela mesma pessoa que adora um livro escorrendo sangue e que adora ler as maldades dos serial killers nos trillers e ver os policiais se matando para conseguir prendê-los...

O que? Você esta surpreso? Jura? Achei que já soubesse que eu sou louca de pedra hauhauahuaha
Voltando...

Então, quando eu recebi o primeiro livro da Novo Conceito, ainda como prêmio de um sorteio e antes de ser parceria, eu não sabia quem era Nicholas Sparks... por isso fui perguntar para as amigas blogueiras...aí elas vieram me contar que livro dele sempre, sempre, sempre termina em desgraça!
Aí essa pequena informação foi completada com comentários do tipo "chorei horrores durante a leitura", "nossa, fiquei com os olhos inchados de tanto chorar" ou "chorei até dar dor de cabeça".
Então, err, aloooouuuu?? Eu peguei o caminho da montanha da Doida e fui para bem, bem distante do livro...
Aí depois veio "A Última Música", os mesmos comentários... "o livro é lindo, mas o final é uma tragédia só!", "nossa, como sofri lendo isso!".
"Ahã, tá bom.... sai pra lá, filho, que meu negócio é final feliz" foi o que eu pensei... e lá tasquei mais um na estante trauma...

Oras, não me olhem com essa cara! O que eu ia fazer lendo eles, sabendo que eu ia sofrer? Na-na-ni-na-não! Foi fazer companhia prara os meus Stephen Kings, para os meus Anne Rices e para minha coleção-que-nunca-completo da Agatha Christie.

Aí me apareceu "Um Amor Para Recordar" e, putz, foi o terceiro livro dele que eu ''tasquei'' na estante... sem nem mesmo consultar ninguém. Ele chegou e eu botei ele lá... então, bom, aí tive a ideia e o resto vocês já sabem....
Agora, vamos ao que eu achei do livro!

"Um Amor Para Recordar"

Tem muita, muita desgraçada... tem personagem que você deseja matar em 60 % do livro, mesmo sabendo que o Nicholas esta apenas retratando um adolescente normal...
Em Um Amor Para Recordar temos o Landon Carter contando sua história. Ele começa já adulto e avisa que vai nos fazer chorar (como se não bastasse saber que é o livro do Nicholas) ao final dela.
E ele faz. Mas, veja, antes disso ele também nos causa muitos e muitos desejos de socá-lo!
Ok, ok, no final ele se arrepende e... bem, faz aquilo lá que ele faz, mas, putz, no processo ele age como um imbecil completo e sem solução...
Esse até pode ser um dos motivos do final ter o impacto que tem, mas, arf!, no processo de leitura foi duro não desejar querer matarrr aquela criatura superficial... ok, ok, muitos adolescentes são assim (eu provavelmente foi assim também, em momentos que todos nós atuamos como completos asnos) e é completamente comum a ignorância juvenil... mas também é bem irritante.

Também temos a Jamie, que é daquele tipo de pessoa que... não existe. Sério, gente, ninguém é assim tão bonzinho. Aposto que nem mesmo Madre Teresa!
Ela cuida dos animais perdidos, ajuda criancinhas a atravessar a rua, cuida de órfãos, pessoas idosas, amiguinhos necessitados, do pai, dos professores... de todos...
E, mesmo naqueles momentos em que você acha que ela está sendo feita de boba, simplesmente mostra que de boba ela não tem nada.

Ain, gente, é muito sofrimento pro meu coração romântico! Não dá! Eu preciso de finais felizes! Eu chorei litros naquele final! Como assim, mundo injusto? Já não basta a vida real?
Certo, enquanto os dois vão se torando amigos e você vê o quanto as coisas que acontecem a deixam feliz ao mesmo tempo em que o Landon luta com os estereótipos sociais dos adolescentes.
Temos vários outros personagens-clichê: o Pastor Batista, o Político Ausente, a Professora Solteirona...
Mas o que chega a atenção mesmo é o casal central.

Certo, certo, aposto que você está aí do outro lado querendo saber se eu chorei o tanto que me disseram que eu ia chorar e eu digo que... não rsrs
Certo, certo... eu chorei com aquele final do livro! Chorei no meio também... e, bem, naquelas partes emocionantes do início... err... certo, eu chorei tudo o que disseram que eu ia chorar... *suspiros*
Masss, apesar disso tudo, eu venci esse livro trauma! \o/!
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



489 encontrados | exibindo 161 a 166
33 | 34 | 35 | 36 | 37 | 38 | 39 | 40 | 41 | 42 | 43 | 44 | 45 | 46 | 47 |



Publicidade


logo skoob beta
"Quem dedica boa parte de seu tempo livre às ferramentas de rede social, como Orkut e MySpace, tem agora um novo passatempo."

A Notícia