A Pérola Que Rompeu a Concha

A Pérola Que Rompeu a Concha Nadia Hashimi


Compartilhe


A Pérola Que Rompeu a Concha





Filhas de um viciado em ópio, Rahima e suas irmãs raramente saem de casa ou vão à escola em meio ao governo opressor do Talibã. Sua única esperança é o antigo costume afegão do bacha posh, que permite à jovem Rahima vestir-se e ser tratada como um garoto até chegar à puberdade, ao período de se casar. Como menino, ela poderá frequentar a escola, ir ao mercado, correr pelas ruas e até sustentar a casa, experimentando um tipo de liberdade antes inimaginável e que vai transformá-la para sempre. Contudo, Rahima não é a primeira mulher da família a adotar esse costume tão singular. Um século antes, sua trisavó Shekiba, que ficou órfã devido a uma epidemia de cólera, salvou-se e construiu uma nova vida de maneira semelhante. A mudança deu início a uma jornada que a levou de uma existência de privações em uma vila rural à opulência do palácio do rei, na efervescente metrópole de Cabul. A pérola que rompeu a concha entrelaça as histórias dessas duas mulheres extraordinárias que, apesar de separadas pelo tempo e pela distância, compartilham a coragem e vão em busca dos mesmos sonhos. Uma comovente narrativa sobre impotência, destino e a busca pela liberdade de controlar os próprios caminhos.

Ficção / Literatura Estrangeira

Edições (2)

ver mais
A Pérola Que Rompeu a Concha
A Pérola Que Rompeu a Concha

Similares

(5) ver mais
A Cidade do Sol
Princesa - Mais lágrimas para chorar
Princesa Sultana
O Livro do Destino

Resenhas para A Pérola Que Rompeu a Concha (66)

ver mais
Emocionante e realista
3 weeks, 6 days ago


Esse livro foi um choque e um grande ensinamento ao mesmo tempo pra mim. O livro narra história de duas mulheres em períodos históricos diferentes sobre suas vidas no Afeganistão, por aí a gente já imagina o que vem, né? Nós temos uma vaga noção de como a mulher é tratada nesses países através do que as vezes vemos na televisão, mas nem de longe sabemos como é essa realidade. Isso se dá muito em parte por conta até da religião – que tanto na vida de Rahima como Shebika deixou bem claro... leia mais

Estatísticas

Desejam276
Trocam1
Avaliações 4.6 / 320
5
ranking 73
73%
4
ranking 23
23%
3
ranking 3
3%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

8%

92%

Daiane
cadastrou em:
25/05/2017 09:56:27
Daiane
editou em:
10/10/2017 12:01:46
Pri Paiva
aprovou em:
07/12/2017 17:32:44