As Vantagens de Ser Invisível

As Vantagens de Ser Invisível Stephen Chbosky




Resenhas - As Vantagens de Ser Invisível


1457 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Viih 19/09/2017

Resenha As Vantagens de ser Invisível
O livro as vantagens de ser invisível é narrado por cartas que Charlie escreve diariamente para seu "Amigo especial". Charlie é um garoto de 15 anos que passou por traumas como perder a tia, e ter um melhor amigo que se suicidou. Sem amigos ele procura seu lugar na sociedade, novas experiências, e se sentir vivo. O livro aborda assuntos como homossexualidade, drogas, bebidas, entre outros temas que tornaram o livro polêmico em seu lançamento. Charlie ganha 2 grandes amigos Sam e Patrick que juntos levam Charlie a suas primeiras grandes experiências, curtindo festas, bebidas, experimentando drogas e principalmente se sentindo infinito.
? Considerações finais.
?Eu gostaria de ter mais espaço pra resenhar ainda mais esse livro, ele é muito emocionante. Envolve grandes temas que devem ser discutidos, envolve o leitor de tal maneira que você se emociona a cada página.
?Indico para as pessoas que gostam de se envolver com as histórias dos livros, que gostam de assuntos psicológicos, temas polêmicos, e diversão.
comentários(0)comente



Eduarda 19/09/2017

Amigo íntimo da depressão
As Vantagens de Ser Invisível é um romance epistolar que conta a história de Charlie, um adolescente de 15 anos que é bastante tímido e não tem nenhum amigo, já que seu único amigo se suicidou com um tiro na cabeça. Essa morte o abalou profundamente, servindo de gatilho para uma forte depressão. Além disso, ele convive com as lembranças de sua tia favorita, a quem era muito apegado e que também já faleceu.
Sozinho e acostumado a apenas observar, ao entrar no ensino médio Charlie conhece Patrick e Sam, dois irmãos postiços que o acolhem em seu círculo de amigos e o introduzem à uma adolescência cheia de desafios que é uma verdadeira celebração da vida.

Teoricamente, não sabemos ao certo se nosso protagonista tem mesmo o nome com o qual se apresenta, ou se seus amigos o tem, pois ele escreve para um leitor anônimo e prefere permanecer "escondido". Sendo assim, logo no começo deixa claro que algumas mudanças nesse aspecto serão feitas. Mas vamos lá...
Charlie é quieto e por vezes alheio, sofre bullying na escola, e de cara percebemos sua personalidade peculiar.
A vida toma uma tom mais colorido quando ele conhece Patrick e Sam, que são irmãos postiços muito unidos e guardam suas próprias inseguranças: Patrick é homossexual e tem um relacionamento às escuras com o garoto mais popular do colégio e Sam - por quem Charlie logo se encanta - parece não se dar bem no que diz respeito ao amor (a famosa dedo podre).
Com seus novos amigos, Charlie vive a vida de forma intensa - pelo menos para um adolescente, especialmente um adolescente deprimido. Ele experimenta de tudo (drogas, sexo e rock'n'roll hahaha), descobre sentimentos e se mete em várias encrencas. É ao lado deles que Charlie verá que vale a pena lutar, diariamente, contra a tristeza e a solidão.

Levei esse livro para o blog pro qual escrevo por abordar o tema (suicídio) do lado "de fora" e ao mesmo tempo apresentar de forma tão íntima a depressão. O protagonista nem precisa se rotular como alguém sofrendo de uma doença psíquica: é evidente. No final da história uma revelação extremamente chocante e triste, à qual nem vou fazer alusão, nos faz entender muito da confusão e angústia que tomam conta do jovem.
Com certeza um dos melhores YA que eu já li. É dramático e até mesmo profundo dentro do gênero, mas tem uma certa leveza por conta da narração do protagonista: Charlie é doce e inocente. Às vezes também um tanto confuso. Percebemos como ele se sente perdido e vazio durante a maior parte do tempo. Ele tem saudades da tia e não se conforma com o suicídio do amigo, que partiu sem deixar nem um bilhete. A "luz no fim do túnel" se dá na forma do par de irmãos que o apoia.
A amizade desse trio é o ponto alto do livro! Por isso chamo seus momentos de "uma verdadeira celebração da vida". Charlie é tirado totalmente de seu mundo para ser introduzido no dos novos amigos.
Como tudo em que depositamos toda a nossa alegria e esperança, é claro que uma hora essa parte da vida dele se frustra. Afinal tudo é efêmero. Mas mesmo os acontecimentos ruins mostram a Charlie que as pessoas que nos cercam são o mais importante na vida. Cada pessoa é especial. Inclusive ele mesmo. Somente uns com os outros somos "infinitos". É disso que ele precisa! E quem não precisa?

site: http://www.cafeidilico.com/2017/09/as-vantagens-de-ser-invisivel-stephen.html
comentários(0)comente



MTereza 19/09/2017

Com amor, Charlie.
Simplesmente perfeito.
comentários(0)comente



Carol 11/09/2017

Resenha- As vantagens de ser invisível
Um garoto chamado Charlie é muito tímido na escola e não tem muitos amigos é isolado. Começou a ser assim desde a morte de sua Tia, pela qual ele se sente culpado.
Não conta para ninguém seus sentimentos apenas para um amigo cujo não revela o nome, idade, nada. Envia cartas a esse amigo para contar como se sente.
Será que Charlie conseguirá amigos? Será que Charlie superará a morte de sua tia? Leia o livro e vc descobrirá...
comentários(0)comente



Gabriela.Souza 10/09/2017

As vantagens de ser invisível
O menino começa enviar mensagens pra uma pessoa que nem conhece pra contar o que está acontecendo vida dele e como está se sentindo . Eu amei ??
comentários(0)comente



Aninha 08/09/2017

Tentando "participar"
Aos 15 anos, Charlie resolve contar um pouco da sua vida e nós vamos acompanhando a história através das cartas que ele envia para um desconhecido que lhe parece ser um cara legal.
O jovem Charlie é meio "esquisito" e não costumava ter amigos. O seu único amigo, Michael, se matou.
No início do ensino médio ele fez amizade com Patrick e Sam. E por tabela, fez amizade com os amigos deles também. Nesse período ele foi apresentado a um monte de coisas que vieram no pacote, como sexo, drogas e rock'n'rol. Na busca para se sentir infinito, ele era o tipo de pessoa que "aceita o amor que acha que merece". Ou seja, qualquer coisa.
Patrick chega a classificá-lo como "invisível". Ele vê as coisas. Guarda silêncio sobre elas. E compreende.
O seu estado psicológico oscila muito e ele diz que é feliz e triste ao mesmo tempo, e ainda está tentando entender como pode ser assim.
Ele é um observador. Mas falta nele a ação. Ele se anula completamente em benefício dos outros.
No final nós ficamos sabendo o porquê dessa sua perturbação mental. É bizarro !
Enfim, é interessante acompanhar as cartas de Charlie e tentar entender as desventuras que esse adolescente passa encurralado entre o desejo de viver sua vida e fugir dela.
comentários(0)comente



Pameluxa 27/08/2017

Marquei como lido
Marquei como lido
" O que você faria se ficasse invisível por um dia?"
comentários(0)comente



Sapeka! 24/08/2017

#sapekaindica "As vantagens de ser invisível" de #StephenChbosky
.📨 O que você faria se ficasse invisível por um dia?
.📨Sinopse: "Charlie, é um adolescente de 15 anos, de quem pouco se sabe e que vive entre a apatia e o entusiasmo, tateando territórios inexplorados, encurralado entre o desejo de viver a própria vida e ao mesmo tempo fugir dela. Com os nervos à flor da pele, ele se sente deslocado em sua escola nova, onde ocorre as descobertas dos primeiros encontros amorosos, as festas alucinantes e o dramas familiares. Mas, tuda se transforma quando dois amigos, Patrick e Sam, passam a andar com ele."
.📨 “A gente aceita o amor que acha que merece.”
comentários(0)comente



Thuany 24/08/2017

23 de Agosto de 2017
Querido amigo,
O livro todo é composto de cartas destinada à um misterioso amigo e escrita por nosso protagonista Charlie. Através delas podemos conhecer um pouco mais sobre a vida dele, tanto momento mais antigos quanto acontecimentos mais recentes. A narrativa da personagem nos permite ver pelos olhos da depressão, da ansiedade e de outros sentimentos que muitas vezes são julgados como "frescuras". O livro possui uma narrativa simples e rápida, tornando a leitura agradável e dinâmica. O fato de ser contato em primeira pessoa nos dá a sensação de mais envolvimento com o enredo.
Vale bastante a leitura, nos permite refletir sobre pequenas e grandes coisas do dia-a-dia, sobre "participar" e "ser infinito".
Um fato interessante é que o Charlie está sempre lendo livros indicados pelo professor Bill e faz comentários sobre o mesmo aumentando um pouco a lista de futuros livros.
Enfim, como diria Bill: leia esse livro e "procure ser um filtro e não uma esponja."
Com amor,
Thuany.
comentários(0)comente



gabrielrjf 22/08/2017

As vantagens de ser invisivel
Confesso que pelo tanto de pessoas que encontro elogiando o livro, esperava mais....

O estilo carta me cansou um pouco pq brinca muito com nossa imaginação.... gosto de saber a real do que está acontecendo e não de supor....

Tb tenho um problema com personagens que consomem muitas drogas!!!! Eu me sinto drogado kkkk e não gosto disso....

Um bom livro, que nos faz refletir....

Confesso que a vida do Charlie realmente não é nem um pouco fácil e compreendo bem o porque de ele ser uma pessoa bem passiva...
Eduarda 17/09/2017minha estante
"Me sinto drogado" kkkkkkkkk morta




Gabriel.Campos 19/08/2017

Uns dos melhores livros que li
Um livro reflexivo, que ensina lições sobre a vida. Que nem tudo que queremos acontece em nosso tempo.
este livro nos mostra como somos se vivermos isolados das pessoas, não nos sentimos bem.para ser feliz é nescessário termos alguém em nosso lado.
gostei muito dos outros personagem, pricipalmente de sam daquele jeitinho dela com charlie.
recomendo a todos este livro, uma escrita muito bem desenvolvida que te leva a pesar,sentir,rir, chorar e aprender
comentários(0)comente



Naina 17/08/2017

Para aqueles que assistiram o filme e acreditam que se trata de uma história "café com leite", enganam-se terrivelmente.
"As vantagens de ser invisível" trata dos males causados pelos abusos sofridos por alguns jovens, abusos esses que repercutem duramente em seu psicológico.
Charlie é um garoto doce e gentil, não indefeso e fraco, mas emocionalmente frágil. Sam é uma adolescente problemática e dada a amores destrutivos. Patrick é gay e enfrenta preconceito constantemente.
Charlie perdeu seu único amigo e tem apenas a família para conversar, enfrenta muita dificuldade em iniciar relações por ser considerado "estranho".
Até que durante uma aula de trabalhos manuais, encontra Patrick fazendo piada para que os novatos ficassem à vontade. Vê em Patrick alguém que poderia aceita-lo. Patrick é meio irmão de Sam. Juntos, ajudarão uns aos outros a enfrentar seus problemas, encontrar amores e amigos verdadeiros.

O livro é maravilhosamente verdadeiro. Tão difícil de largar que li tudo em um dia e meio. Sem dúvidas, um dos meus favoritos.
O tema é sempre atual, infelizmente. Ajuda a entender como não devemos nos guiar pelo que se apresenta às vistas. Como cicatrizes emocionais podem continuar sangrando mesmo que não lembremos o que as causaram.
O livro parece vir com uma playlist própria (Aquele inverno- lado B) -apenas os que leram podem concordar comigo- repleta de clássicos.
Sintam-se infinitos como me senti ao terminá-lo.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Lly 04/08/2017

LIDO. : 2 vezes
DATAS : ??/??/201? - ??/??/201?
??/??/2016 - ??/??/2016
comentários(0)comente



Calixto 29/07/2017

Sensível até demais
Eu já conhecia esse livro e o filme há anos, já tinha visto inúmeras resenhas desse livro. Mas o interesse de ler eu não tinha, então resolvi ler e fiquei surpreso por ser um livro tão sensível, poucas páginas mas que mexeram comigo.
"As vezes eu era uma Verdadeira Montanha-russa."
"Só me lembro de andar entre eles e sentir pela primeira vez que eu pertencia a alguma coisa."
"Não sei bem se terei tempo de escrever mais cartas, porque estarei muito ocupado tentando "participar." "
Então se esta for a minha última carta, por favor, acredite que está tudo bem comigo, e mesmo quando não estiver, ficará bem logo depois.
Adriano Araújo 29/07/2017minha estante
"Nós aceitamos o amor que achamos que merecemos." adoro essa parte.
Já ouviu a trilha sonora do filme? é maravilhosa, da pra rever todas as cenas ouvindo as músicas.




1457 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |