A Revolução dos Bichos

A Revolução dos Bichos George Orwell




Resenhas - A Revolução dos Bichos


2225 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Flaubert.Echnaton 04/08/2020

Excelente
A obra apresenta , por meio de uma parábola, uma crítica ao sistema soviético do século passado, mas continua sempre atual e coloca o leitor para refletir.
comentários(0)comente



Lívia 04/08/2020

Alguns bichos são mais iguais que outros
"aqueles que renunciam à liberdade em troca de promessas de segurança acabarão sem uma nem outra"

"mas já era impossível distinguir quem era homem, quem era porco"

"Todos os bichos são iguais, mas alguns são mais iguais que outros"

Leiam
comentários(0)comente



Guilherme.Oliveira 04/08/2020

De uma maneira simples, Orwell faz uma crítica a sociedade e nos mostra com excelência que o poder corrompe. Sensacional!
comentários(0)comente



Mandinha 04/08/2020

Extremamente necessário
Só pelo fato desse livro ter sido escrito anos atrás em um cenário político tão específico, e mesmo assim com temas tão atuais, já me ganhou. Apesar de não ser uma escrita atual é um livro relativamente fácil de ler, que me surpreendeu bastante. Recomendo.
comentários(0)comente



Arthur 04/08/2020

SUPER, SUPER, SUPER... ESTIMADO!
Analogia óbvia, narrativa pobre e interpretação unidimensional do Estado e da sociedade. Isso é "A Revolução dos Bichos".

As pessoas falam que esse livro envelheceu bem e, sinceramente, eu concordo. Até demais na verdade, uma vez que essa obra é um dos principais motivos pelo qual as pessoas têm uma interpretação tão errônea da realidade e se apoiam na velha teoria da ferradura de que regimes opostos, no fundo, são a mesma coisa. CARA, SIMPLESMENTE NÃO!

Há obras distópicas muito mais interessantes e com melhor desenvolvimento que são contemporâneas a essa. Então, pra mim pelo menos, não faz o menor sentido exaltarem tanto esse livro.

Dou duas estrelas porque o véio dos bicho que fala foi inspiração pro melhor álbum do Pink Floyd (e o único que eu tenho saco pra ouvir) da fase progressiva deles. É isto.

comentários(0)comente



sophiambferraz 03/08/2020

"na época de Jones" é tipo "e o PT?"
eu li esse livro na época do colégio, mas bem de qq jeito, decidi reler pela importância dele e com um olhar mais maduro e tô extremamente chocada que se tornou um dos meus livros favoritos
aí socorro meu deus eu tô... aaaaaa
comentários(0)comente



Diena 03/08/2020

E o George Orwell faz tudo
Acho que nem sei fazer uma resenha de caráter decente quanto a esse livro, foi simplesmente uma das melhores leituras que já fiz, intrigante desde o primeiro capítulo, e de fato muito lúdico pra quem tem dificuldade em entender assuntos históricos.
comentários(0)comente



Cíntia 02/08/2020

Um livro que tem mais de 70 anos e parece tão atual.
Gostei bastante, me fez pensar em muitas coisas já aconteceram nesse mundão.
Teve alguns momentos que eu estava ficando com raiva de alguns animais por serem tão bobos, mas é aí que mora a grande sacada do livro.
É muito simples e fácil de entender, além de curto.
Valeu a pena.
comentários(0)comente



Duda 02/08/2020

Livro bom, nos faz refletir sobre o passado e a atualidade, e nos ensina como funciona a manipulação e a alienação da população através da política.
comentários(0)comente



Priscila 02/08/2020

A revolução dos bichos.
Verdadeiro clássico moderno, concebido por um dos mais influentes escritores do século XX, A revolução dos bichos é uma fábula sobre o poder. Narra a insurreição dos animais de uma granja contra seus donos. Progressivamente, porém, a revolução degenera numa tirania ainda mais opressiva que a dos humanos.

Ótimo livro, não sei o motivo de nunca ter lido ele antes.
comentários(0)comente



TAKEGI 02/08/2020

A revolução dos bichos
George Orwell




63ª reimpressão

Livro publicado em 2007 pela editora Companhia das Letras.




É bom começar com uma ideia que eu tive logo quando Napoleão começou a mostrar traços totalitários, com certeza Lula não é o Bola-de-neve mas com certeza Bolsonaro é o Napoleão.




O livro aborda uma temática politica, com uma pegada socialista e de também autoritárista.




No começo, surge uma esperança de que os animais por mais desprovidos que são, conseguiriam compreender por instinto o que estava acontecendo fazendo uma mera comparação entre as atitudes dos porcos com a dos humanos. Mas isso não acontece, a falta de capacidade cognitiva faz com que a maioria dos animais apenas aceitem a verdade que lhe são mostradas sem nem questionar.




Alguns animais com certeza percebem que algo está errado, como por exemplo o burro, muitos o julgaria culpado, se você compreende que algo que esta errado mas não faz algo para mudar, então você é cúmplice , mas no decorrer da historia você percebe que a vida dele estaria em jogo se ele não agisse no momento certo.




Outros animais tentaram se impor contra Napoleão e tiveram um fim duvidoso, como o próprio Bola-de-neve, o livro não deixa claro que ele morreu, mas a forma como Napoleão distorce os fatos sem medo da repentina reaparição de Snowball da a entender que ele sabe que o porco do bem não voltaria, oque me leva a crer que Bola-de-neve foi assassinado.




Obviamente você que espera que no final do livro os animais se salvem, mas não é bem assim que acontece, eles percebem tudo tarde demais, e eu crio que parte deles nem se quer entendeu completamente, como as ovelhas por exemplo.




Independente do viés politico, o livro deixa uma lição, a falta de senso e reflexão faz com que a grande parte da população se torne suscetível a manipulação, ao ponto de não conseguirem chegar a uma conclusão sozinhos, a verdade fica a mercê daquele que tem intelecto suficiente pra entender a força da grande massa desprovida de educação.




Inicio da leitura: 22/05/2020

Término da leitura: 22/05/2020

site: https://wagneraguiarvet.wixsite.com/estantetakegi
comentários(0)comente



Karen 02/08/2020

O livro, apesar de ter sido escrito muito tempo atrás, aborda uma temática ainda muito presente no mundo atual. É válido e, na minha opinião, imprescindível ler o posfácio e os prefácios pra entender melhor o contexto dessa história e a crítica que ela carrega desde a sua origem.
comentários(0)comente



Juba 02/08/2020

Uma maneira "menos dolorosa" de descrever governos totalitários, quer seja o Stalinismo para Orwell, quer sejam os diversos outros que ainda existem. Apesar de compacto, é bem contundente.
comentários(0)comente



Jenickson (@ler.parasaber) 02/08/2020

A Revolução dos Bichos
Eu ressignifiquei o que eu entendia por "crítica" após ler este grande clássico contemporâneo da literatura mundial, que tanto foi perseguido, criticado e, claro, censurado (até hoje, inclusive). Então, pude entender o porquê disto.

Uma leitura extremamente rápida e muito fácil de ser compreendida, mas com um significado, uma mensagem muito, muito importante.

George Orwell (que na verdade é um pseudônimo de Eric Arthur Blair) escreveu este livro como uma forte crítica nada discreta à revolução Russa, e ao socialismo soviético que ali estivera implementado. E no decorrer da leitura, e também com grande ajuda dos textos de apoio que contém nesta edição, você começa a enxergar exatamente o que Orwell estava querendo falar a partir da sua fábula.

***

Sobre a história:
A partir do momento em que os animais da Granja do Solar começam a ficar insatisfeitos com a forma que são tratados pelos humanos que são donos do local, reúnem-se e planejam uma grande revolução. Os porcos, considerados os mais inteligente entre os demais, tornam-se líderes do ato. Os cachorros, a força militar. Os cavalos, fiéis servos, e os demais só seguem as regras que lhes são impostas, como as ovelhas, galinhas, etc.

O lema é um só: todos os bichos são iguais (sétimo mandamento)!

Eles constroem sete mandamentos, e a intenção é que todos cumpram, inclusive os porcos. Contudo, não é bem isso que a gente vê no decorrer da trama. Os porcos, líderes, começam a modificar algumas leis para benefício próprio. E paralelamente a isto, os outros animais não paravam de trabalhar arduamente para construir a grande fazenda dos bichos.

A partir de então, começamos a perceber uma série atitudes dos porcos que pouco diferem dos humanos que foram expulsos daquela fazenda, até chegarmos ao fim da história e ver que já não existia mais sete mandamentos, mas sim, apenas um:

"Todos os bichos são iguais, mas
alguns bichos são mais iguais do que outros."

***

Ao ler a fábula, temos a sensação de que sempre haverá estratificação na nossa sociedade, em que um está sempre acima do outro, e nunca, verdadeiramente iguais. Isso acontece inclusive no socialismo, ideologia política que julga a total igualdade entre todos, mas, não é bem isto que vemos hoje e sempre.

Estamos longe, muito longe, de criarmos um modo de viver em sociedade na qual todas as pessoas sejam livres e gozam de sua liberdade em todos os âmbitos, sem ser prejudicados por quem historicamente está acima de você, seja a classe média-alta, políticos, etc. Seja por conta de tributação. Eu só sei que, esta sociedade em que os bichos viveram não está tão distante de nós, e devemos estar muito atentos. Sempre. Democracia, amigos. Democracia.

Quero reler sempre. É uma leitura que nos faz enxergar o mundo de uma forma diferente, ou, na verdade, da forma que ele realmente é.
comentários(0)comente



Carol 02/08/2020

Revolução dos bichos
O livro trata de assuntos extremamente importantes de uma forma muito fantasiosa, facilitando o entendimento. Com isso é impossível não se revoltar com toda a manipulação psicológica feita durante a narração.
É muito interessante ver e compreender como que uma sociedade alienada é facilmente enganada com falsas informações e distorção dos fatos.
Mais do que uma leitura rápida, ?A revolução dos bichos? é um livro que debate sobre assuntos fortes de uma maneira simplificada.
Com certeza este livro precisa ser lido por todos, pelo menos uma vez na vida.
comentários(0)comente



2225 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |