Eu Amo New York

Eu Amo New York Lindsey Kelk




Resenhas - Eu Amo New York


32 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3


Babi 12/09/2017

Amando Nova York
Angela é uma mulher comum, vivendo uma vida que ela acha que está boa, nunca tendo parado realmente para pensar nisso, se está feliz, num relacionamento morno com o noivo, até que no casamento da melhor amiga, descobre que esta sendo traída pelo noivo e pior que essa melhor amiga sabia. Depois do auê no casamento ela se esconde no hotel e começa a pensar na vida. Então num impulso, ela resolve ir embora, passar um tempo longe. O único critério é ser um país de língua inglesa. E é assim que ela sai de Londres e desembarca numa Nova York que imediatamente a deixa deslumbrada.
Eu comprei esse livro num impulso (Oi Ângela!), olhei a capa e o titulo me chamaram de um jeito, que eu nem liguei muito para a sinopse, acho que meu coração já sabia que ia ser amor!
A historia apesar de parecer bem boba e clichê é envolvente e empolgante, a gente se sente ali vivendo os dilemas da Angie e berrando conselhos como se fossem para nossa amiga. Quem nunca sonhou em jogar tudo pro alto e recomeçar em outro lugar? Melhor ainda se for um lugar cheio de glamour como Nova York. Ela faz uma nova amiga, vive uma transformação externa (que a gente vê que é interna também) , vive alguns delírios de consumo e vai se redescobrindo naquela cidade que tanto a encanta.
Mas como nem tudo é perfeito, as "férias" vão acabando e ela precisa decidir como quer seguir a vida dela. Será que vai voltar para Londres ou vai tentar adotar Nova York? Fora as confusões com a nova melhor amiga, os homens, o emprego...
Essa historia é definitivamente apaixonante, a Angie tem um pouco de todas nós e com essa historia leve e despretensiosa, nos faz repensar algumas coisas também.
E para quem tem vontade de conhecer Nova York, vai ficar com mais vontade ainda e para quem já ama, vai amar um pouco mais com tantas descrições e lugares legais para ir!
comentários(0)comente



cris.leal.12 07/07/2017

Muitas dicas sobre a Big Apple...
"Eu Amo Nova York", de Lindsey Kelk, conta a história de Angela, uma jovem inglesa que pega o noivo com outra e, sem nenhum plano real de ação, mas desejando curar seu coração partido, embarca num avião com destino a Nova York. Chegando lá, se hospeda em um hotel e imediatamente faz amizade com a recepcionista, Jenny, que a ajudará a despertar para uma nova vida.

Apesar de achar que as coisas aconteceram de maneira muito fácil para Angela, porque em pouquíssimo tempo na cidade, ela consegue uma amigona, um apartamento para morar, uma vaga de colunista numa revista popular e dois namorados ma-ra-vi-lho-sos, o livro tem seus méritos e a sua leitura é bem agradável.

A cidade de Nova York funciona como mais uma personagem do livro e eu amei conhecer os lugares legais da Big Apple pelos olhos de Angela. As referências que ela faz sobre pontos turísticos, lojas famosas, lugares mais badalados são tentadoras e dá vontade de voar pra lá correndo.

site: http://www.newsdacris.com.br/2014/01/eu-li-eu-amo-new-york.html
comentários(0)comente



Dani 22/05/2017

E tem como não amar New York?
“Eu Amo New York” conta a história de Angela Clark, uma britânica que encontra seu noivo traindo-a dentro do carro dos dois, no meio do casamento dos melhores amigos do casal. E, como desgraça pouca é bobagem, parece que todo mundo sabia do affair, menos ela.

Como Angela não quer encarar o problema de frente, compra uma passagem só de ida para Nova York. E, convenhamos, tem lugar melhor no mundo para curar um coração partido?

Com essa viagem, Angela ganhou uma nova melhor amiga, Jenny, que é a recepcionista do hotel em que se hospedou, um novo guarda-roupa (sério, quem não ama compras em NY?), dois caras lindos para se distrair e um trabalho escrevendo sobre sua vida pós-noivado-fracassado em um blog da revista The Look.

Parece que tudo estava indo bem para Angela, mas... Ela não deveria voltar para Londres? Escolher entre os dois caras? Ou ficar sozinha e curar seu coraçãozinho partido? E aí, o que você acha que ela vai fazer?

Já deu para perceber que o livro é sobre Angela tentando descomplicar sua vida e descobrir quem é, certo?

Aliás, quem é ela? Angie é uma personagem com a qual podemos nos identificar facilmente, torcendo para que ela seja feliz e agarre todas as coisas boas que acontecem na sua vida. Alguém que está descobrindo quem é depois de passar dez anos em um relacionamento fracassado e que precisa aprender a se virar sozinha.

Outra personagem feminina muito presente e que te conquista facilmente é Jenny, que já no primeiro dia que encontra Angela tenta ajudá-la da melhor forma que pode. Ela é divertida, engraçada e quer ser a próxima Oprah, hahaha!

E os personagens masculinos... Temos de um lado Tyler, um rico banqueiro que trabalha em Wall Street, tem um apartamento no Upper East Side e faz o tipo príncipe. Já do outro, temos Alex, um integrante de uma banda que Angela é fã, que mora no Brooklyn e é super divertido. Resumindo: Lindsey Kelk sabe escrever seus personagens masculinos e nos deixar divididas sobre quem shippar.

Eu amei a história e seus personagens! Além de ser passar em NY (o que, pra mim, deixa o livro 90% mais legal, hehe), a escrita de Lindsey é ótima e você consegue terminar “Eu Amo New York” muito rápido, pois a história te prende. Você quer saber mais sobre os caras com quem Angie sai, ver como ela se vira morando sozinha em NY e suas descobertas. Sem contar que é uma delícia passear por Nova York junto dela, hihi. ❤

Falando na cidade, adorei que no final do livro Lindsey Kelk fez um mini-guia de viagem para Nova York. Com endereços de restaurantes, lojas, boates e hotéis. É perfeito para quem está planejando uma viagem para a cidade (aliás, pode até fazer parzinho com o post que escrevi com lugares para visitar por lá ;D). E, graças à ela, já coloquei na minha lista de uma próxima visita o Max Brenner (leia o livro que você vai entender o que quero dizer com isso, haha).

Agora estou louca para ler a continuação, “Eu Amo Hollywood”! Aliás, é bom te avisar que essa aqui é uma série com seis livros (oba, bastante coisa para ler!) e já tem um sétimo a caminho! Por enquanto, aqui no Brasil, já foram lançados quatro. Os títulos de todos eles são: Eu Amo New York, Eu Amo Hollywood, Eu Amo Paris, Eu Amo Las Vegas, I Heart London e I Heart Christmas.

Já deu para perceber que vamos viajar um pouquinho durante a série, né? Adoro!!

site: http://daniquedisse.com.br/2017/05/eu-amo-new-york-lindsey-kelk.html
comentários(0)comente



LuluhSH 30/12/2016

Leitura leve, divertida, com dramas, romances e aventuras.
Angela Clark descobre que está sendo traída pelo noivo, com quem está há 10 anos. Frustrada e com muita raiva, em um momento de loucura, pega o primeiro avião rumo ao primeiro destino que lhe vem à mente, e atravessa o oceano, saindo de Londres, onde vive, e rumo à Nova Iorque. Lá chegando, hospeda-se em um hotel e aí tudo começa, ou melhor, recomeça. Angela faz amizade com Jenny Lopez, que trabalha no hotel, as duas começam uma grande amizade.
Entre saídas a bares e restaurantes, Angela conhece dois caras, Tyler e Alex, e arruma um emprego como blogueira. Mas o assunto? Falar sobre suas aventuras na nova cidade, principalmente de seus encontros com os dois homens. Claro que vai dar uma certa confusão aí né?! Mas só lendo, ou dando uma lida nas sinopses dos próximos volumes da série, para descobrir com quem ela fica, SE ela fica com alguém, rs
Durante a história e ao final do livro, a autora dá dicas de lojas, bares, restaurantes, locais diversos para se fazer turismo enquanto se está visitando a cidade de NYC. Já quero correr pra lá e conhecer todos os pontos, kkkkk
Bruna Araujo 31/01/2017minha estante
Sabe me dizer a ordem das leituras?


LuluhSH 05/02/2017minha estante
Oi, Bruna. São: Eu amo 1.New York, 2.Hollywood, 3.Paris, 4.Vegas, 5. Londres, 6. Natal


Bruna Araujo 05/02/2017minha estante
Obrigada :)




Jeh Diário dos Livros 30/10/2016

" Às vezes, as pessoas simplesmente erram."
Angela Clark tinha tudo o que poderia sonhar, um noivo incrível, trabalhava como escritora que sempre foi o seu sonho e sua melhor amiga estava prestes a se casar.
Mas no dia do casamento da sua melhor amiga, todo o seu sonho se desmoronou, pois além de de encontrar seu noivo com outra no carro dos dois, ela descobre que até sua melhor amiga sabia que ela estava sendo traída e ela não.
Arrasada e com o coração partido, Angela pega suas poucas coisas e parte para o primeiro lugar que vem em sua mente: Nova York.

" Às vezes, as pessoas simplesmente erram."

Sem conhecer ninguém e com poucas coisas, Angela acaba de hospedando em um hotel onde acaba conhecendo Jenny que logo se comove com sua história e acaba ajudando ela a se ajustar no lugar, e de pequenas conversas uma grande amizade surge entre elas e Jenny passa ser a sua nova conselheira amorosa. Em meio as aventuras com a nova amiga, ela acaba conseguindo um emprego no qual ela será uma escritora de uma revista online onde terá que contar algo interessante e diverto e no meio disso tudo ela acaba conhecendo também dois caras muito interessantes, um é o Tyler um banqueiro que trabalha muito e é bem centrado e o outro é o Alex que é roqueiro em uma banda meio conhecida em Nova York. E com personalidades distintas, Angela acaba conhecendo o lado de cada um, e quando ela começa a escrever para a revista sobre sua vida amorosa com ambos os caras, as coisas começam a complicar e ela logo terá que decidir o que fazer. Será que no meio desses encontros, Angela poderá descobrir o que realmente veio buscar em Nova York?

" (...) Mas, se eu aprendi uma coisa nesta semana, é que dá para fugir, chorar um monte e, com um pouco de sorte, encontrar um caminho mais feliz, mais ou menos no meio, chamado "continuar vivendo"."

" Essas coisas chegam ao fim como todas as outras. Não há nada pior do que ficar quando não há razão para ficar."

Quem ai não gosta de um Chick-lit de vez em quando? Eu Amo New York foi uma leitura muito boa do gênero. As aventuras de Angela Clark se tornam muito divertidas e ao mesmo tempo bem românticas.
Nossa personagem é uma mulher que tem apenas 26 anos e que ainda está se descobrindo. Depois de descobrir a traição do seu noivo, Angela parte para Nova York com o coração totalmente despedaçado, ela não conhece ninguém e não sabe o que fazer, mas ela sabia que precisa se afastar de todos para pensar.
Temos uma personagem bem indecisa em algumas situações da história, mas ao mesmo tempo temos uma pessoa muito corajosa que largou tudo para começar do zero, o que a maioria das vezes é muito difícil de se fazer. Temos a personagem Jenny que é muito divertida e está sempre de alto astral, incentivando a Angela a se descobrir e busca uma forma de ser feliz. Os personagens Tyler e Alex são incríveis, cada um com uma personalidade e um jeito diferente faz com que a gente acabe se simpatizando com ambos.
O bacana da história é que a autora da bastante detalhes de Nova York, dos locais, de roupas, bolsas e acessórios, e acabamos nos divertindo com Angela suas compras na Marc Jacobs.
A história no geral foi muito bem escrita, e o livro fala sobre descobertas, sobre nos conhecermos e que devemos as vezes arriscar em algumas coisas, pois as mudanças podem transformar a nossa vida para algo muito melhor.
Super recomendo para quem adora um bom chick-lit.


site: http://diarioelivros.blogspot.com.br/2016/10/resenha-eu-amo-new-york.html
comentários(0)comente



Sara 25/09/2016

Resenha disponível no blog Lendo com Amor
Angela Clark é uma escritora inglesa de 26 anos que descobriu no meio da festa de casamento dos seus melhores amigos que seu noivo está traindo ela, não apenas durante a festa, mas há algum tempo e que seus amigos já sabiam disso. Com o coração partido e sem poder confiar na sua melhor amiga, Angela decide sair de Londres e ir passar um tempo em New York. Chegando lá, ela conhece Jenny, a recepcionista do hotel, que promete lhe ajudar a superar o ex, renovar sua auto-estima e estourar o limite do cartão de crédito com roupas e maquiagens.

"As pessoas vão até Los Angeles para se encontrar; elas vêm para New York para se reinventar."

Em New York e uma nova mulher, Angie acaba conhecendo alguns homens e vivendo romances divertidos, interessantes e também um pouco confusos pra um coração recém partido. Angie também precisa de um emprego pra pagar sua caríssima (mas M-A-R-A-V-I-L-H-O-S-A) bolsa Marc Jacobs, todas as compras e gastos que anda tendo em New York, então ela começa a escrever sobre essa nova fase e sobre seu romance com Tyler, um banqueiro de Wall Street e sobre Alex, um roqueiro que mora no Brooklyn. Esse blog trás para Angela uma oportunidade irrecusável, obrigando-a a decidir: viver em New York com uma vida totalmente nova ou voltar para Londres e viver na sua zona de conforto?

"Às vezes, você tem que deixar toda aquela conversa de psicóloga de lado e fazer o que o coração manda."

Queria dizer que acabei de ler o livro faz alguns minutos e fui obrigada a vir correndo dividir ele com vocês, porque ele é simplesmente INCRÍVEL. Peguei ele emprestado de um amiga sem ler nada além da sinopse e não acreditei que ele seria tão bom quanto é. No começo achei a Angela fraca, mimada e irresponsável por largar tudo e ir pra New York só porque foi traída pelo noivo e pelos amigos, achei que o motivo não justificava. Conforme fui lendo o livro, vi que cada um sabe a dor que algo causa e cada um tem seu limite, esse foi o dela e terminei o livro admirando a pessoa que ela é, desejando ter pelo menos um pouco da coragem dela, como tenho certeza que a maioria de vocês vai sentir também.

Adorei os personagens criados pela autora, tanto a Jenny como suas outras amigas e também os caras que apareceram na vida da Angie, apesar de que eu torci pra ela dar uma chance pra um deles, e ela nem sequer ligou, hahaha. Eu já imaginava que o final do livro seria este quando li, mas gostei da forma que a autora nos envolveu nele e realmente nos fez questionar se realmente seria isso que aconteceria no final. Fiquei feliz de estar certa, porque acredito que qualquer outro final me decepcionaria muito. Outra coisa que gostei sobre o livro é que ela detalha sobre tudo, não apenas sobre o que sente mas também sobre o que vê em New York, então acabamos conhecendo um pouco sobre a cidade, e no fim do livro também há uma lista de lojas, baladas, lanchonetes e afins para visitar quando formos pra lá, achei muito legal colocar isso.

Se eu já tinha vontade de conhecer NY, ela só aumentou depois desse livro. E se eu já tinha vontade de jogar tudo pro ar e ir viver uma vida nova, com um emprego novo e pessoas novas, preciso dizer que hoje preciso me segurar pra não fazer isso a qualquer instante. Recomendo esse livro pra todos, além dele ser ótimo em uma ressaca literária ou em algum momento difícil, pois a Angela não é só drama e ensinamento, mas também é alguém que te faz dar gargalhadas, te fazendo esquecer de tudo. Ela é incrível. Já estou louca para ler os próximos "Eu amo Hollywood" e "Eu amo Paris", e podem ter certeza de que vai ter resenha deles aqui também!

site: http://lendocomamor.blogspot.com.br/2016/09/resenha-eu-amo-new-york.html
comentários(0)comente



Vanessa Sueroz 10/03/2016

Neste livro vamos conhecer Ângela Clark uma londrina de 26 anos que tem dois sonhos, ser escritora e se casar. (nossa lembrei de mim mesma há uns 3 anos rsrsrs)

Logo no começo da história vamos conhecer sua melhor amiga e noivo e logo vamos odiá-los. No casamento da sua melhor amiga Ângela descobre que seu noivo estava traindo ela, na verdade ela pega ele no flagra com outra e para piorar descobre que sua melhor amiga sabia de tudo e nunca contou nada.

Para fugir de tudo Angela pega o primeiro avião que vê rumo a New York, sem dinheiro, somente com a roupa de madrinha e sem rumo ela parte para uma aventura. Logo que chega a recepcionista fica comovida com ela e a ajuda e não demora a que elas se tornem amigas.

Resenha completa:

site: http://blog.vanessasueroz.com.br/eu-amo-new-york/
comentários(0)comente



Debyh 09/01/2016

Amei tanto ♥
Mesmo com tantas coisas pelo meio do caminho que podem parecer superficiais, achei que a autora conseguiu transmitir o que queria. Entre viagens absurdas, sapatos caríssimos, e amigos improváveis, a mensagem sobre viver o agora ficou bem clara pra mim. E lógico fiquei com muita vontade de ir a New York, tipo agora mesmo!

(resenha completa no link)

site: http://euinsisto.com.br/eu-amo-new-york-1-lindsey-kelk/
comentários(0)comente



Ariany Lippi 06/01/2016

Eu amo New York
Angela é o típico de pessoa acomodada com sua vida: noiva de um homem bem sucedido, trabalho sem stress, uma boa amiga, uma vida tranquila em Londres, tudo aparentemente perfeito. Até que no casamento de sua amiga, ela flagra seu noivo transando com uma mulher dentro de seu carro. No calor do momento ela faz o que qualquer um faria: nada.. mas depois ela volta para festa, briga com sua amiga, quebra a mão do noivo e destrói o casamento. No impulso, Angela resolve viajar para a primeira cidade que passa em sua cabeça, New York. Mas antes, ela faz xixi na necessaire do noivo e joga sua aliança dentro.
Em New York ela conhece Jenny, que a ajuda a aumentar sua auto estima que até então não existia. Ela ganha um banho de loja, com direito a roupas, sapatos, bolsas, makes e um lindo corte de cabelo. Com toda essa mudança, Angela conhece dois rapazes que dividem seu coração, que são Tyler, um banqueiro muito rico, e Alex, um vocalista de uma banda de rock.
Além do banho de loja, Jenny entrega um diário para Angela escrever seus sonhos e ambições. Angela resolve transportar tudo o que tinha no diário, adicionando suas aventuras em New York para um blog, onde o mesmo fica mundialmente famoso. Devido a isso ela ganha uma oportunidade de emprego em Londres, e assim terá escolher entre voltar para sua terra natal, ou assumir New York como seu novo lar.
Angela apesar de ser estar acomodada com sua vida, quando se vê em uma situação que destrói o mundo perfeito que ela tinha, não pensa duas vezes em sair de sua zona de conforto, e enfrentar o desafio de ir morar em morar em um lugar onde estará sozinha. Mas esta viagem não só trará o desafio de esquecer as frustrações de um relacionamento, em New York ela terá que se encontrar, e fazer o que ainda nunca tinha feito, viver sua própria vida.
A escrita da autora Lindsey Kelk é muito fácil de acompanhar e faz com que a leitura flua bem. A história é muito divertida, típico do gênero Chick-lit. O livro é uma boa pedida para momentos de lazer, pois te proporcionará muitas risadas.

site: http://goo.gl/e6zTPv
comentários(0)comente



Wendy 28/12/2015

Ahhh New York s2!!!
Bem há algum tempo eu tinha me apaixonado pela capa desse livro, sim sou dessas, me julguem, rsrsrsr!!! Enfim, fiquei tentada a lê-lo, algo me chamou a atenção nele desde a capa até a sinopse, e bem, resolvi me aventurar nessa estória e só posso dizer o quão maravilhosa ela foi para mim.

A estória do livro fala da vida nada fácil de Angela Clark, uma londrina de 26 anos que tem um sonho de tornar-se uma escritora, de inicio já fica bem claro porque da sua atitude inusitada e dos rumos que certos acontecimentos fizeram com que ela pegasse o primeiro voo para New York.

Imagina que você está no casamento da sua melhor amiga e acompanhada da sua família, amigos e do seu noivo, e de repente você sai um pouco para espairecer, fato se dá por conta dos sapatos super altos e um pouco desconfortáveis, então resolve trocar e pegar suas sandálias super confortáveis no carro, e ao abri-lo você se deparar com o seu noivo te traindo? Imaginou? Qual seria a sua reação? Pensar que dez anos da sua vida foram jogados fora com alguém que a traira no estacionamento e mais humilhante ainda, na festa de casamento da sua amiga, quando em minutos atrás ela havia perguntado se ela era feliz, e a partir dai começa a reviravolta na vida de Angela.

“Às vezes, a gente fica tão acostumada a não sentir nada, a simplesmente continuar levando a vida, que esquece como é estar muito feliz ou muito triste.”

Totalmente desorientada ela faz um grande confronto na frente de todos os que estavam presentes na festa, o fato que realmente a chocou e a magoou foi de que aparentemente seus amigos já sabiam que o seu noivo a traia há um tempo.

E em meio a sua desilusão, a decepção e a magoa, resolve pegar o primeiro voo para a grande Empire Cite, ou simplesmente New York, parece loucura de cara quando deixa a sua mãe no quarto de hotel e segue para uma jornada em um lugar desconhecido, com quase nada na sua pequena mala, e ainda vestida no seu vestido de dama de honra, chegando lá, se hospeda num maravilhoso hotel, mas antes conta a sua trágica historia amorosa a recepcionista Jenny que tomada pela dor da nova hospede, leva mimos para ela em seu quarto e decide que no dia seguinte a vida de Angela passaria por algumas transformações.

Dizer que a Jenny foi um pilar para Angela é pouco, ela tomou as suas dores e resolveu dá um pouco de animo a vida da sua nova amiga, levando a para uma transformação geral, desde o corte de cabelo até as suas novas roupas e vamos combinar que a cidade é um paraíso pra quem é uma verdadeira consumista, a levou para alguns pontos turísticos da Capital do Mundo, aquela era uma nova vida para ela, cada loja que entrava, ou o simples reflexo da nova Angela a colocava um novo sorriso no rosto.

E em meio a sua nova vida, aparece dois caras lindos e totalmente opostos, um era banqueiro e o outro um roqueiro, fica meio difícil você se apegar a somente um dos caras, porque eles pareciam ser incríveis e você não sabe para quem torcer, até certo ponto, e em meio a essa loucura, Angela tem a oportunidade de escrever num blog como um diário, onde claro ela descreverá a sua nova experiência, de como uma londrina deixou seu país e correu para a movimentada NY em busca de dias melhores e esquecer todo o drama com o seu ex noivo patético e quem sabe essa oportunidade dê certo e talvez tornar o seu sonho realidade, pois ela sonha em ser uma escritora.

De fato, o seu blog é um sucesso porque as pessoas passam a viver através da sua historia e por não terem a coragem de fazer o que ela fez, por que afinal, quem nunca teve uma fantasia louca e teve vontade de jogar tudo para o alto?

Bem, mais um chick-lit maravilhoso, bem escrito e que te envolve totalmente, porque você vai querer saber como tudo vai terminar, se a Angela superou seu ex noivo, se o seu coração esta realmente aberto a um novo amor, muitas dúvidas, dilemas e escolhas a serem feitas, se ela realmente está disposta a ficar em sua nova casa, NY ou voltar para Londres, qual é o seu verdadeiro propósito e o que realmente a faz feliz, esses são os pontos-chave dessa estória cativante e que eu realmente amei.

“Às vezes, você tem que deixar toda aquela conversa de psicóloga de lado e fazer o que o coração manda.”
comentários(0)comente



Thais 26/12/2015

Para rir sem parar!
Apesar de adorar um livro de mulherzinha, confesso que andei bem afastada do gênero Chick-lit, mas nada que fosse intencional, eu realmente não andava ouvindo falar de um que me deixasse curiosa o suficiente. Até que vi uma amiga (vulgo Barbara Sá) super animada com a série 'Eu Amo' da autora Lindsey Kelk, lançado aqui no Brasil pela Editora Fundamento. E foi aí que eu decidi voltar para minhas leituras de Chick-lit.

Para um livro desse tipo, 'Eu Amo New York', começa com muita coisa acontecendo. Nossa protagonista, Angela, acaba de flagrar o noivo trasando com uma outra mulher no mesmo dia do casamento de seus melhores amigos, que por sinal sabiam de tal traição e não contaram nada a ela. O que para piorar faz com que Angela quebre a mão do noivo e deixa a noiva aos prantos, detonando assim boa parte da festa de casamento dos amigos.

Disposta a virar a página, ela decide pegar o primeiro avião e atravessar o atlântico em uma merecida 'férias' para esquecer o canalha do ex-noivo, e de quebra deixar a poeira baixar dentre seu ciclo de amizades. Hospedada em um hotel na incrível Nova York, Angie tem a sorte de conhecer Jenny, uma garota de mais ou menos a sua idade, e que irá ajudar Angela dar uma repaginada no visual e aproveitar o melhor da cidade.

Com um sotaque Londrino fofo, e uma beleza de chamar a atenção, Angie desperta o interesse de vários novaiorquinos, mas especialmente a de Tyler - um homem lindo, rico, super cavalheiro que mora em Wall Street - e de Alex - integrante de uma banda Americana, super lindo, muito bom de papo e que mora no Brooklyn. Para quem acabou de sair desastrosamente de um relacionamento, Angela aceita o convite para jantar com Tyler um dia e Alex no outro, afinal ela estava ali para se divertir. Só o que ela não esperava era se envolver sentimentalmente com ambos os homens, e de quebra ser encorajada a manter um relacionamento duplo, visto que conseguiu um emprego para o blog de uma revista justamente por causa dessa saia justa em que se encontrava.

Por aí fica fácil perceber o como essa leitura flui facilmente, Lindsey Kelk sabe narrar uma estória divertida e envolvente sem que o enredo se torne arrastado ou corrido de mais. A autora não nos poupa dos acontecimentos, nem fica enchendo linguiça para garantir um grande final. Logo de cara me identifiquei com os personagens, não consegui desgrudar deles nem um minuto sequer, fiz a maior parte da leitura em um único dia, deixando as vinte ultimas páginas para o dia seguinte, só para não me separar definitivamente de cada um deles. Realmente me apaixonei pela escrita de Lindsey e principalmente pelas aventuras de Angela.

A maneira como o cenário da cidade de Nova York foi detalhado no livro, me fez sentir passeando pessoalmente pelas avenidas da cidade, inclusive quando a protagonista delirava em frente a vitrine de uma loja (quem me conhece sabe que isso é tão eu). Com certeza a leitura fez com que eu visualizasse tudo, as baladas, os monumentos, as lanchonetes ... enfim, cada passo da nossa personagem principal.

É lógico que enquanto eu lia 'Eu Amo New York', era como assistir um novo episódio de 'Sexy and the City', que inclusive foi citado algumas vezes no livro. Ainda não li os livros de Candace Bushnell para dizer se a semelhança está só na série de TV, ou entre os livros também, mas posso afirmar que se um livro me fosse indicado como algo semelhante as aventuras de Carrie Bradshaw, eu com certeza não pouparia tempo para ir lê-lo. E se teve algo que senti falta em 'Eu Amo New York', foram cenas mais picantes, que pelo o que vi, Lindsey conseguiria conduzir de forma leve, sem as torna-las vulgar.

Resumindo, eu simplesmente amo um livro capaz de me arrancar boas risadas, de me deixar de olhos vidrados em cada palavra, e de me fazer não querer desgrudar dele nem ao menos para comer ou ir ao banheiro como um mero mortal. Com certeza 'Eu Amo New York' me fez ter um dia assim. Eu viajei para NY sem nem ao menos sair do lugar, vivi momentos divertidíssimos e me senti 'trocando figurinhas' com uma melhor amiga enquanto lia as confissões de Angela. Acredito que como disse uma personagem no livro, Angela está vivendo o que nós gostaríamos de viver, afinal de contas quem é que na hora da raiva nunca teve vontade de jogar tudo para cima e ir para bem longe? Definitivamente eu recomendo essa leitura!

PS: 'Eu Amo New York' é o primeiro livro da série 'Eu Amo' que é composta por seis livros no total (Eu Amo New York, Eu Amo Hollywood, Eu Amo Paris, Eu Amo Las Vegas, Eu Amo Londres, Eu Amo Natal). No Brasil está sendo lançado recentemente o quarto livro - 'Eu Amo Las Vegas' - pela Editora Fundamento, assim como os três anteriores.

Confira essa resenha no meu blog também - http://migre.me/swK87

site: www.amigadaleitora.com
comentários(0)comente



Portal JuLund 21/10/2015

Eu Amo New York, @Ed_Fundamento
Desde que vi a capa deste livro, já desejava ler e não me arrependi de ter gostado de um livro pela capa, pois a história é muito divertida e envolvente. “Eu Amo New York” é o primeiro livro de seis da série “Eu Amo/ I Heart”, e a Editora fundamento já publicou três e já tem previsão para o lançamento do próximo.

Neste livro conhecemos Angela, uma mulher que acredita ter um ótimo relacionamento, pois está com o Mark a um bom tempo, também tem um bom trabalho como escritora de livros infantis. Porém, sua realidade muda quando no casamento de sua melhor amiga ela encontra seu namorado a traindo, além de ficar desolada por causa disso, descobre que sua melhor amiga também sabia, mas não contou.

Leia a resenha completa no

site: http://portal.julund.com.br/resenhas/eu-amo-new-york-ed_fundamento
comentários(0)comente



Eu Conto Um Conto 28/07/2015

Indicando mais um favorito. Eu amo New York. Quando comprei, sem dúvida foi por causa do título e capa. Nem sabia sobre o que se tratava. Mas não imaginava que terminaria esse livro desejando viver a experiência da Angela, desejando um vocalista de banda de rock lindo e sexy na minha cola, e o mais incrível de tudo: desejando estar em Nova York.

Não li o livro, eu devorei! A história é maravilhosa! A autora nos apresenta a Angela Clark, uma inglesa de 26 anos que considerava sua vida boa. Até seu namorado de dez anos de relacionamento a trair. Arrasada com a traição, ela toma uma atitude impulsiva. Toma um voo para a primeira cidade que lhe vem à mente: Nova York. Ela se hospeda no primeiro hotel que o taxista a deixa e lá conhece a funcionária Jenny, de quem se torna amiga. Tentando juntar os cacos do coração quebrado na nova cidade, Angela começa a pensar se realmente levava uma vida feliz e se o que sentia pelo ex-noivo era amor. E apesar do clichê, o que vemos é uma mulher se redescobrindo, vivendo experiências novas, e que acaba dividida entre dois americanos lindos e completamente o oposto do outro: um banqueiro do Wall Street e um quase astro do rock. Era até difícil para nós leitores decidir por qual dos dois torcer.

Eu amo New York é uma leitura leve, prazerosa e encantadora. A Angela é uma sonhadora e te cativa desde as primeiras páginas. E o mais maravilhoso é a descrição que a Lindsey Kelk faz dos lugares que a história se passa, fazendo até quem nunca esteve em NY se sentir como se já tivesse estado lá. Um livro adorável para quem ama compras, romance e muita aventura.

A série continua em Eu Amo Hollywood e Eu Amo Paris. A Editora Fundamento publicará Eu Amo Las Vegas no próximo semestre. Ansiosa!

site: http://eucontoumcontoblog.blogspot.com.br/2015/06/resenha-eu-amo-new-york.html
comentários(0)comente



Livros Encantos 09/06/2015

Eu amo New York
Se Redescobrir, definir novas objetivos em sua vida.

Quem afinal em sua vida nunca se perdeu, para se achar renovada ?

Angela após uma grande decepção, descobrir a traição de seu noivo e todos seus amigos sabendo, tudo isso no dia do casamento de sua melhor amiga que também sabia da traição de seu noivo. Resumindo foi um dos piores dias de Angela , sem rumo ela parte para New York, com uma mochila e poucos itens .
Simplesmente parte sem olhar para trás
Ao chegar se hospeda em um hotel, ainda sem rumo, perdida, ela é do tipo que basta dizer " a" que ela conta toda sua vida a recepcionista do hotel , que vem a ser uma amiga nessa aventura, Jenny adorei sua personalidade, amiga, doidinha e amorosa.

Deu um banho de loja em Angela. elevou sua auto estima, e assim Angela vai se transformando desde o exterior até no final do livro estar com seu interior mudado.

As cenas quando ela descobre sobre a traição chega a ser hilária me garantiu muitos risos.

Com todas essas mudanças em poucos dias Angela ainda conhece dois homens lindos, o oposto um do outro, um executivo e outro cantor de uma banda , que sortuda hein.
Após, mais de 10 anos sem saber o que é paquerar, sai , ela se vê saindo com dois ao mesmo tempo, conhecendo novas sensações. Um deles fará seu coração bater mais forte quem será ?

No decorrer do livro Angela está muito confusa em seus objetivos que rumo dar a sua vida, está se sentindo incomodada saindo com dois a mesmo tempo, e precisa repensar toda sua vida.

Ela começa a escrever em um Blog para uma revista, sobre suas aventuras em New York, inclusive sobre os belos que está conhecendo.

Angela irá tomar uma decisão que irá mudar seu futuro ...

Angela na verdade estava acomodada em sua vida, um noivo, um trabalho em casa , deixou a rotina tomar conta, não era feliz e simplesmente ia deixando a vida a levar.
De certa maneira todos esses acontecimentos a despertaram, fazendo ela repensar em sua vida ,

Angela definiu prioridades e seu destino vamos ver o que nos aguarda no próximo livro.

Amei esse livro a autora dosou perfeitamente bom humor, romance, esse aprendizado que Angela passou muitas mulheres já passaram, e que sortuda hein, dois homens lindos, visual novo , emprego, um bolsa Marc Jacobs perfeito.

A leitura fluiu muito bem , engraçada, leve, com personagens carismáticos .

Um livro perfeito para garantir algumas risadas, manter o bom humor e sonhar com essa virada mágica que Angela deu em sua vida.


site: http://www.livrosencantos.com/2015/04/eu-amo-new-york-lindsey-kelk-resenha.html
Marcela @ler_sim_ler_sempre 16/07/2015minha estante
Adorei o barraco no casamento Leitura muito boa, a unica coisa que me incomodou foi tanta ostentação com marcas, mas a Angela é uma personagem muito carismática mesmo e merece ser feliz




Marcela @ler_sim_ler_sempre 01/06/2015

Diversão e Ostentação
Eu amo New York


O livro conta a historia de Angela Clark uma escritora de historias infantis de 26 anos , que há 10 anos tem um relacionamento com Mark, seu primeiro e único namorado. Mas na festa de casamento de sua melhor amiga, Louise, em que ela foi dama de honra, descobre que seu queridíssimo Noivo a trai e o surpreende de cueca na Mao em cima de uma loira dentro de seu carro no estacionamento da festa. E depois de praticamente acabar com a festa de sua melhor amiga, que já sabia de todo o caso,quebrar a Mao do noivo, Angela simplesmente pega suas malas no dia seguinte e vai para New York.

— Ah, Angela — disse Louisa
soluçando. — Eu tentei dizer para você,
mas.., achei que você já sabia. Sabe
como... lá no fundo.
— Quando foi que você achou isso?
Quando eu disse que estava muito feliz e
tinha certeza de que iria me casar com
Mark? Quando eu não disse para você
que meu namorado era um traidor filho
da mãe? Ou quando você começou a
jogar tênis com ele e aquela vadia?


E é nessa cidade que a historia toda se desenvolve. Angela se hospeda em um Hotel luxuoso e conhece a recepcionista Jenny que passa ser sua amiga e conselheira amorosa. E também conhece dois homens lindos, Alex e Tyler. Duas personalidades completamente diferentes, onde um é vocalista famoso de uma banda de Rock e o outro um executivo de Wall Street.

Talvez, se tentasse,
pudesse realmente ver aspectos
positivos no que acontecera. Eu já tinha
feito uma amiga, a Jenny, mesmo que
não a conhecesse muito bem. Tinha um
visual novo, um guarda-roupa novo e já
era dona da bolsa mais linda que havia
visto em quase 27 anos de vida. Quem
precisava do que eu deixara para trás?



Entre amores e amizades, Angela recebe uma proposta para escrever sobre suas aventuras em New York em um blog de uma grande revista Americana. E é ai que a coisa toda pode se complicar.


Peguei o cardápio e vi um monte de
coisas gostosas, como chocolate quente
ao leite, chocolate quente amargo,
branco, com pimenta, com noz-moscada,
com caneca, sorvete de chocolate, pizza
de chocolate. Tudo isso de chocolate e
um cara muito lindo que era de uma
banda? Havia uma boa chance de eu
estar no paraíso, daí me perguntei se
tinha sido atropelada no caminho


É uma historia divertida, apesar de as vezes ficar um pouco cansativa com tanta ostentação com marcas famosas. Na verdade. é um “saco” tanta repetição. E como se trata dela contar a historia em um blog é meio que parece muito aquele filme “Como perder um homem em 10 dias”. Mas uma historia muito boa que nos mostra que se abrirmos o nosso horizonte, coisas boas e novas podem acontecer e mudar todo o curso de nossa vida.

New York não
era um lugar para onde a gente vai
quando quer se encontrar; é um lugar
para onde a gente vai para se tornar
alguém, para se reinventar.
comentários(0)comente



32 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3