A Garota Que Você Deixou Para Trás

A Garota Que Você Deixou Para Trás Jojo Moyes




Resenhas - A Garota Que Você Deixou Para Trás


300 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Lena 04/04/2020

Boa ideia, execução ruim
O inicio desse livro é muito bom. A historia de Sophie e Hèlene e companhia é comovente e nada óbvia. Elas são mulheres fortíssimas, que tentam seguir em frente em mundo dominado por seus supostos inimigos. No entanto, quando a história muda para a Olivia o livro desanda. Ela é uma protagonista chata, suas motivações são infantis e egoístas. Confesso que estava torcendo pra que ela perdesse. Mesmo assim recomendo o livro principalmente pela força ressaltada de Sophie, Hèlene, Édith, Marianne e Liliane. Mulheres que lutaram cada qual a sua maneira pra fazer a coisa certa e não a fácil.
comentários(0)comente



Kequell 02/04/2020

Esse livro une duas mulheres em tempos diferentes unidas pela história de um quadro.
Começa com a história de Sophie. Mulher forte, bondosa, guerreira, que mesmo nas situações mais adversas não perde a fé nas pessoas, por piores que elas possam parecer.
E do outro lado, Liv. Mulher solitária, recuperando a perda do marido, que tem no quadro "A garota que você deixou pra trás" as lembranças de um casamento feliz e de uma história de amor linda.
Falar mais algo da história me faria dar spoiler e isso acabaria com toda a magia do livro.
Só tenho a dizer que vale a pena, ou melhor a galinha inteira, ler essa história. Ela prende do início ao fim e nos faz ter empatia por ambas as protagonistas.
comentários(0)comente



judeaquino 30/03/2020

Surpreendente e delicioso
Comecei achando que não seria nada demais, só mais um clichê bobo. Me surpreendi MUITO!!!! Maravilhoso!

Em breve falarei sobre ele no insta @juentreestantes
comentários(0)comente



Vivi 28/03/2020

Linda história. Foi muito bem elaborada e os personagens são cativantes! Esse livro é um dos meus preferidos de todos os de Jojo Moyes.
comentários(0)comente



Martis 28/03/2020

"nazista" "Estamos falando da primeira guerra mundial!!"
Esse livro é perfeito.
A construção de personagem é perfeita.
A ideia é perfeita.
A forma que vamos conhecendo a história das duas personagens principais é perfeita.
Duas pessoas diferentes em épocas diferentes ligadas apenas por um objeto.
Sophie é uma mulher incrível que tem seus defeitos sim, mas que a coragem é inabalável. Eu a admirei durante todo o livro, não tem como não admirar.
Uma parte do livro se passa na primeira guerra mundial, e como em "Diario de Myriam" vemos o ponto de vista de uma vítima, que mesmo nem sabendo o que está acontecendo direito, sofre as consequencias.
Vemos também o poder da união, impatia e coragem. No momento de uma guerra, o que menos precisamos é mais uma briga e rivalidade, o que tentam não ter muito. Óbvio que tem aqueles babaquinhas, como em "Caixa de pássaro" sempre vai ter aquele que se tiver uma oportunidade ele vai, mas isso é normal, é medo. Então a leitura também gera um pouco de reflexão.
O livro, mesmo que indiretamente, critica a falta de informação e a ignorancia das notícias, o famigerado "Fake news", e podemos ver pela visão daquele sendo criticado, que temos que pensar duas vezes antes de xingar e tudo mais.
O romance também tá ali no meio, mesmo que não seja o principal, mas existe. E não tem aquele negócio todo clichê porque são ADULTOS, acho bom ressaltar que é horrivel ler um romance entre duas pessoas com mais de 25 anos agindo como adolescentes e esse livro atendeu bem a essa coisa que eu tenho.
Então merece totalmente, na minha opinião, as cinco estrelas que eu dei.
Recomendo sempre e aqui não vai ser diferente, recomendo sim.
Lembrando que é apenas minha opinião.
comentários(0)comente



Cah 26/03/2020

Uma tortura para terminar
O começo é maravilhoso, mas do meio para o final é muito ruim. Por pouco não resisti, mas como foi um presente resolvi finaliza-lo. Espero que a experiência de vocês seja melhor
comentários(0)comente



spoiler visualizar


Débora 24/03/2020

Muito bom. Um pouco arrastado em algumas partes, mas nada grave. Muito envolvente. Dá vontade ler logo para saber como a história termina.
comentários(0)comente



Drih 22/03/2020

A garota que você deixou para trás
O livro tem duas viradas de tempo,na primeira conta a história de Sophie é mulher forte e determinada,mas estão enfrentando uma guerra,e muita fome e miséria.
Seu marido está lutando na guerra e ela só tem sua família.
A única coisa q faz ela sentir um pouco mais feliz é o quadro que o marido fez para ela.
Na segunda parte o quadro já está nas mãos de Liv,uma viúva que mora em uma casa de vidro feita pelo seu ex marido arquiteto.
Liv gosta muito do quadro,e por meios do destino Liv descobre que o quadro vale muito dinheiro,e que pode pertencer a familia Lefèvre,mas Liv não vai abrir mão do quadro sem lutar.
Confesso que quando comecei a ler não estava gostando muito do livro não,tive que me forçar,mas com o desenrolar da história fui pega presa,curiosa pra saber a Cerdeira origem do quadro e o que aconteceria com a Liv.
comentários(0)comente



Jeh 16/03/2020

Sem palavras para descrever o prazer que foi ler este livro
Eu tinha me decepcionado com a autora após ler as continuações de "Como eu era antes de você". Porém, ela voltou a subir muito no meu conceito após esta leitura incrivel, me fazendo querer ler outros...

O livro se divide em 2 partes: a primeira contando a história de Sophie, que vivia com seus irmão e seus sobrinhos num cenário de guerra.
Sophie, uma personagem incrívelmente forte e decidida, corre atras do que quer. E o que ela mais quer e ver novamente seu amado marido Èdouard.
A narrativa nos faz conhecer a história de como os dois se apaixonaram e nos apegamos ainda mais ao casal, torcendo para que ele volte de onde esta lutando. Mas qndo Sophie descobre que ele foi preso num trabalho de campo forçado arrisca tudo num trato perigoso com o Komandant alemão, que teve aproximação pois preparava o jantar do quartel deste. E durante as noites que estiveram ali, o Komandant sempre se mostrou cavalheiro e interessado em artes se mostrando aficcionado por uma pintura de Sophie feita pelo marido.
A primeira parte termina bruscamente sem nos dar pista se o trato de Sophie com o komandant deu ou não certo... Mas nos mostra uma Sophie sendo levada e injustamente humilhada por uma comunidade que só o que sabia fazer era julgar.
É então que conhecemos a solitária Liv, que perdeu o marido e a 4 a os tenta seguir em frente com muita garra. Liv agora é a proprietária do quadro que um dia pertenceu a Sophie, e durante o desenrolar da história descobrimos que foi um presente de casamento dado por seu marido durante sua lua de mel.
Quando finalmente Liv conhece alguém, o destino prega uma terrivel peça, pois este é um advogado que recupera quadros "roubados" durante a guerra.
E então da metade pro final do livro as histórias entre passado e futuro começam a se misturar para nos revelar tanto o que acinteceu com Sophie, qnto o que vai acontecer com o quadro, pois Libv corre o risco de perder-lo.
E como torcemos pra isso não acontecer... Pois só vemos percas... Ele tem que por a casa do marido a venda para pagar honorarios, ela perde Paul, e perde a unica amiga que tem ( Mo, uma personagem peculiar e incrivel rsrs).
E eu não tenho como descrever a reviravolta revigorante que esse livro da bem, mas bem no finalzinho msm, sem dar spoilers.
Ficamos até as últimas paginas em suspense, pensando que tudo esta perdido, mas uma personagem inusitada que sobreviveu reaparece das cinzas praticamente e conclui as duas histórias.

É um final vibrante, senhoras e senhores. Uma leitua fluida, super interessante, diferente de todos os romances que eu já li, sem lengua-lenga, nada clichê e surpreendente. Mais do que recomendo aos amantes de romances que querem sair da monotomia.
comentários(0)comente



Lizza 14/03/2020

Amei
O livro te prende do inicio ao fim.
comentários(0)comente



Min_Ana_Wang 02/03/2020

Indescritível.
Esse livro é perfeito, maravilhoso e um dos melhores que já li em minha vida.
Eu realmente mergulhei no livro, me senti junto com a personagem, em todos os ambientes.
Uma história emocionante e muito cativante.
Recomendo deixarem a caixinha de lenços ao lado.
comentários(0)comente



Ilma 01/03/2020

Quase desisti dele!!!!
Comecei a ler esse livro no meio de 2018, logo percebi que se encontrava numa época da história que não é uma das minhas favoritas, "1a e 2a Grande Guerra". Mais perae, epa, é um livro da Jojo Moyes, autora de "Como eu era antes de você", que me fez chorar rios de lágrimas. Então tá, vou ler, decido.
Começo um leitura cansativa, arrastada e em três meses não saio de dois capítulos. Encosto o livro, leio outras autoras, outros autores, começo a separar quem vai para sebo, e "A garota que você deixou para trás" está entre eles. Olho a coluna de livros separadas, para troca, tenho pena, tadinho! E decido dar uma nova chance para Sophie e Liv.
É inacreditável como dessa vez consigo viajar para dentro da história e assistir vidas sendo escritas, mudadas, transformadas nem sempre para o bem, me envolvo com a leitura, a história me prende com uma força que poucos livros com temas semelhante conseguiram. Prendo a respiração, não acredito que elas fizeram isso! Mais e eu? O que faria no lugar delas? As entendo, compreendo seus motivos e admito, faria o mesmo se estive no lugar delas e fosse tão corajosa.
Amei as mulheres fortes de Jojo, decididas, humanas, generosas, comprometidas, conscientes. Mais também frágeis, delicadas, apaixonadas, guerreiras verdadeiras, reais.
Admito novamente, vou guardar mais esse livro na minha biblioteca.
RECOMENDO!!!!
comentários(0)comente



Sarah.Santana 18/02/2020

@love_for_books03
Olá meus amores ??
Estou aqui trazendo mais uma RESENHA maravilhosa!!
??
A GAROTA QUE VOCÊ DEIXOU PARA TRÁS // @jojomoyesofficial
??
OUTUBRO DE 1916
O mundo estava um caus, os russos haviam invadindo e muitos franceses estavam nas mãos deles.
Sophia Lefèvre era uma delas, mas ela não perdia as esperanças, e acreditava que veria seu grande amor mais uma vez. E toda vez que olhava para àquele quadro, tirava forças por que nele ela estava representada, com determinação e força, e naquele momento era o que ela tinha que ter, para suportar os tempos.
Mas apos ser levada, e de acreditar que reveria seu marido, ela e esquecida com o tempo.
LONDRES, 2006
Após perder seu marido, Liv Halston tira forças do presente que recebeu dele "a garota que você deixou para trás", e vai vivendo seus dias, ate que num encontro inesperado, ela conhece Paul McCafferty, que irá colocar a vida dela de cabeça para baixo, e com o risco de perder o quadro que tanto ama.

"Duas jovens separadas por quase um século estão juntas em sua determinação de lutar por aquilo que amam _ custe o que custar."
??
? Na meu ponto de vista o enredo desse livro e incrível, a escritora lembrou dos mínimos detalhes, e o final me surpreendeu, pelo menos para mim.

? Esse livro tem um tema que pra mim, está marcado e que todos nós mesmo os que não estavam lá se lembraram.

? O fato de ter um pouco de como tudo ocorreu após os russos invadirem e triste e de quebrar o coração, o modo como traravam, e matavam e desumano.

? Apesar de tudo a escritora não esqueceu da magia da história, e lá estava ela, a ESPERANÇA. O livros tem como base ela do começo ao fim, e mostrar que ter esperança pode fazer diferença, e é isso que vemos no final do livro.
??
Acho que e isso que tenho que falar, e espero que vocês entendam o poder que a esperança tem em nossas vidas.

Se você já leu, me fala o que mais te chamou atenção!! Até a próxima ?
comentários(0)comente



Silvia.Ferraz 16/02/2020

Incrível leitura.
Que história incrível, que escrita, quantos detalhes. Nossa!! Emocionante, forte, impactante.
comentários(0)comente



300 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |