Fica Comigo

Fica Comigo Kristen Proby




Resenhas - Fica Comigo


31 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3


Deborah.Rodrigues 10/06/2019

?Aqui conhecemos a história de Natalie, uma linda fotografa, e Luke, um homem bastante misterioso, que se conhecem de forma bastante inusitada e até bastante engraçada, já que Luke irá atacar Nat na praia por achar que ela está tirando fotos suas sem autorização, mas ela apenas estava registrando a paisagem, mas vai explicar isso para esse homem ?
.
?A relação deles se desenvolve bastante rápida e de forma bem intensa. Nat é uma mulher independente, livre e tem na amizade com Jules o seu porto seguro, já Luke é um cara lindo, carinhoso, gentil, amável, mas muitoo ciumento. Mas, a química desses dois é bem forte e eles pegam fogo, literalmente ??
.
?O ponto alto dessa leitura, para mim, foi as relações familiares, as amizades e o amor que cerca cada personagem dessa história, isso me cativou bastante.
comentários(0)comente



Mayhara 29/03/2019

Ahhh! Cansei!
Amor instantâneo, diálogos rasos e casalzinho que não convence.

Tentei terminar, mas o ranço foi maior.
comentários(0)comente



Carolina DC 04/11/2018

"Fica Comigo" é o primeiro livro da série With me in Seattle da autor Kristen Proby. A história é narrada em primeira pessoa por Natalie Conner, uma fotógrafa de 25 anos de idade que sofre de insônia e tem problemas de auto estima. Natalie é uma fotógrafa de paisagens e está na praia de Alki em Seattle acompanhada de sua fiel câmera quando é abordada por estranho que tenta pegar a sua câmera. O "assaltante" é Luke Willians, um homem de 28 anos de idade que está fugindo dos holofotes e ao perceber uma câmera em sua direção, acredita que foi seguido e meio que surta. Porém, é completamente surpreendido ao perceber que Natalie não faz ideia de quem ele é e sente-se renovado por poder conversar com alguém sendo apenas Luke.
Natalie tem uma vida muito solitária contando principalmente com a melhor amiga Jules, com quem divide a casa. Ela perdeu ambos os pais há quase três anos e teve experiências ruins em relacionamentos anteriores, o que a deixou receosa quanto a omissões e mentiras.
Luke é um cara muito familiar. Sua irmã mais velha é a Samantha, editora da Seattle Maganize. É bem protetora em relação ao Luke e chega a ser ofensiva. Luke tem um irmão mais novo, o Mark, que é um pescador no Alasca e seus pais, Lucy e Neil, moram em Redmond. Seu pai trabalha para a Microsoft e a mãe é uma artesã. Luke trabalha muito, é gentil e perspicaz. Sofreu com um incidente no passado e seu corpo é repleto de tatuagens com frases em vários idiomas, uma forma de expressar os seus sentimentos.

"Natalie, desde que eu te conheci, meu mundo mudou. Encontrei algo em você que não sabia que estava faltando, mas já queria muito."

O livro é um romance gostoso de se ler, com muitas cenas hots e uma dinâmica interessante entre os protagonistas. Apesar da atração ser imediata, Luke e Natalie vão se cortejando, passando tempo juntos e aprendendo sobre os gostos um dos outros. Um dos pontos que não me agradou durante a leitura foram as declarações de amor prematuras.Isso, mesclado com o número excessivo de cenas de sexo ofuscaram um pouco o que seria um romance leve, clichê, mas super gostoso de se ler.

“Não há nenhum resquício de humor em seus olhos, somente fome. Como se estivesse faminto por mim.”

Os personagens secundários enriquecem bastante o enredo, pois trazem um ar familiar e de amizade à história, como Jules e sua personalidade espontânea. A autora também deixou detalhes que levam o leitor a conhecer os protagonistas do próximo livro.

"Eu também sei que meu coração nunca se sentiu tão pleno, e nunca conheci um homem tão gentil, inteligente e doce como ele. Sinto-me segura com ele, me sinto bonita e protegida."
comentários(0)comente



Lidiane- @amorporlivros_1991 05/08/2018

Envolvente
Sabe aquele livro que quando a gente chega na metade nos perguntamos o motivo de não ter lido antes? Ou porque ninguém indicou antes? Aconteceu comigo nesse livro, ele é simplesmente maravilhoso, uma leitura envolvente, com uma escrita fluída, com um casal apaixonante e outros personagens que nos deixam ansiosos para conhecer a sua história.
Luke Williams, é aquele personagem perfeito, eu não imaginava que ele seria tão apaixonante assim pela sinopse, mas ele é encantador, um homem romântico, que ama e cuida, não esconde sentimentos, a única coisa que ele precisa é ser amado da maneira que ele merece.
Natalie, é outra personagem perfeita, adorei ela, mesmo com as sua inseguranças, achei pulso firme quando precisou, teve perdas e superou o passado, ela é uma personagem incrível.
Sam, irmã de Luke, sim senti ranço a primeira vista, agora é ler o dela pra saber se vou amar ou odiar ela, no final do Fica comigo, já não sentia tanta raiva.
Jules, ah é aquela melhor amiga do jeito que eu gosto, não é tão intrometida, ajuda, ouve e da seu ombro pra Nat chorar, já quero conhecer a história dela ainda essa semana.
O restante dos personagens são todos ótimos, tudo se completando, famílias lindas.
O amor a primeira vista entre Nat e Luke foi lindo, as coisas aconteceram bem rápido, talvez isso tenha me envolvido mais ainda na história, a história tem tudo que eu amo e fica a dica final: EU SUPER RECOMENDO ESSA LEITURA.
comentários(0)comente



LT 02/07/2018

Olá! Estou aqui para apresentar uma nova série para vocês: With me in Seattle! Preciso confessar que essa série deixa o clima bem quente! Sem mais delongas, vamos à resenha!

A primeira impressão não é a que fica...

Natalie é uma mocinha bonita, confiante em seu trabalho, simpática e muito fiel as suas amizades, Ela perdeu seus pais em um acidente de avião, como seu pai era um advogado conceituado e rico, a deixou muito bem financeiramente, sem precisar se preocupar com o futuro, ainda assim, a mocinha adora seu trabalho e decidiu continuar a se aperfeiçoar na arte das fotos.

Luke Willians é um ex-ator, muito bonito, inteligente, famoso, mas com o tempo foi desenvolvendo um pânico de ficar perto de muita gente e assim também uma fobia de tirar fotos, pois a mídia e os paparazzis – ao mesmo tempo – o levaram a quase acabar com sua vida, assim como com sua carreira. Então ele resolveu afastar das telonas e atualemente apenas trabalha com produções de filmes.

Natalie Conner é uma fotógrafa e levou um grande susto na praia de Alki – Seattle – tirando fotos, quando do nada é quase assaltada, por um desconhecido muito bonito e bravo, exigindo que ela lhe entregasse a máquina – no entanto, ele queria isso para apagar fotos.

E assim Natalie e Luke se conheceram, ela não o reconheceu e isso deixou Luke muito intrigado, pois nas fotos que ela tirou realmente não tinha nenhuma dele. Um começo bem confuso, nada de pé direito, mas as surpresas estavam por vir ainda.

Nesse primeiro encontro desastroso Luke tenta se redimir, mas Nat deixa ele falando sozinho. Só que as coincidências acontecem e os dois se encontraram novamente, e assim como a primeira impressão não é a que fica, começaram a se conhecer e a atração já estava bem visível.

[QUOTE] Como consegui me enfiar nessa confusão? Como não o reconheci? Seu cabelo está um pouco mais longo, e já faz uns cinco anos desde que seu último filme foi lançado, então seu corpo está mais forte, ele está um pouco mais velho, mas como não reconheci seu belo rosto? [...]

Nat descobriu através da sua melhor amiga, Jules, a identidade de Luke e não aceitou muito bem a situação, achou que ele estava tirando sarro de sua pessoa. Ela tem problemas com mentiras e segredos que nos quais a envolvem. Luke, por outro lado, tem seus segredos também, mas tenta falar sobre eles e supera-los, ele acredita que Nat é a pessoa certa para ele.

Por Nat não tê-lo identificado, viu nela uma esperança, acreditou na possibilidade de que pudessem ficar juntos, não para aparecer na mídia ou por causa dos holofotes e sim pela pessoa que ele é.

Ela, apesar de ser confiante em seu trabalho, na vida pessoal é muito insegura, não gosta de seu corpo e acredita que tem muitas curvas. Por saber que Luke é famoso, começa a questionar-se de o porque ele se interessaria por uma pessoa como ela? E esse problema é levado até quase o final do livro.

Luke, por outro lado, acha-a maravilhosa, não desiste dos dois tão fácil assim, pois existe uma química muito forte entre eles e sentimentos surgindo.

Como em todo relacionamento, o novo casal tem problemas, e eles terão ter que passar por cima de muitas coisas, que são novas para ambos, se realmente quiserem seguir em frente e juntos. No entanto, tem questões que são “difíceis de engolir”, principalmente quando temos uma questão importante para Nat, onde ela precisa muito de Luke e ele não está presente para ajuda-la e por fim a mocinha o vê em uma situação bem comprometedora com sua ex.

[QUOTE] Quando chegamos em casa eu vou para meu quarto e engatinho até a cama, me enrolando como uma bola e choro como não chorava desde que meus pais morreram. Sinto como se meu mundo estivesse literalmente desmoronando... [...]

Na minha opinião, o livro foi um pouco meloso demais e acabou me deixando entediada em algumas partes, as coisas entre eles pegam fogo mesmo – risos –, no entanto, acredito que Kristen poderia ter trabalhado mais sobre os problemas enfrentados pelos personagens, ter dado mais profundidade a tais questões.

Confesso que fiquei curiosa sobre os detalhes da luta enfrentada por Luke, relacionada a sua busca para superar as crises de pânico que teve e que não foi trabalhada nesse primeiro volume – ao menos não nos foi detalhado –, no entanto, como trata-se de uma série, talvez venham a tona os detalhes sobre esses segredos nos próximos volumes, espero eu. Pelo que entendi os livros estão intercalados.

O enredo vai seguindo e depois de um acidente sério, nossos personagens tem uma grande evolução, trazendo a história a um novo patamar e me levando a gostar bastante do final.

O livro é narrado em primeira pessoa por Natalie, tendo só o último capítulo narrado por Luke. Tendo uma capa linda, e a cada capítulo, no rodapé, um lindo detalhe, tamanho de fonte confortável para leitura, páginas amarelas, um conjunto que facilita a leitura, a editora nos trás uma diagramação simples e perfeita

Para quem gosta de um livro clichê, meloso e de muitas cenas eróticas, recomendo!

Resenhista: Cris Santana.

site: http://livrosetalgroup.blogspot.com.br/
comentários(0)comente



Tell Me a Book 27/06/2018

Leitura Envolvente
Esse é um daqueles livros envolventes que te prendem até o final. Kristen soube muito bem como aproveitar todos os momentos certos e descrevê-los. Os fatos acontecem um pouco rápido demais, mas ao mesmo tempo não tona o livro muito monótono e não tem aquela enrolação toda de muito texto e pouco diálogo. Natalie que é fotógrafa, por profissão e amor, estava em frente à sua casa, na praia de Alki Point, tirando fotos da paisagem e de casais apaixonados quando Luke a abordou, tentando tomar de sua mão a câmera, pois pensou que estava tirando fotos dele. Depois de uma discussão mega acalorada e de perceber que era um infeliz engano, acabam tendo aquele famoso "amor à primeira vista." Ah, o amor!

Confira a resenha completa no blog!

site: http://www.tellmeabook.com.br/2017/03/resenha-fica-comigo.html
comentários(0)comente



Book.Obsession 28/03/2018

O primeiro livro da série With me in Seattle, traz a história dos personagens Luke e Natalie.

Natalie é uma fotógrafa e está sempre atrás de boas imagens para clicar, sua paixão a motiva e a inspira a ver a vida de uma forma mais tranquila, já que nem sempre foi assim. Dividindo sua casa com uma grande amiga, Natalie e Jules, estão sempre conversando e se ajudando, ela é seu porto seguro após perder seus pais precocemente.

Em um dia como outro qualquer, Natalie resolve sair para tirar algumas fotos perto da praia e acaba sendo abordada por um cara um tanto irritadiço chamado Luke Williams. Acontece que Luke é um ator bem popular, e acredita estar sendo alvo de uma paparazzi, enquanto está tirando um tempo para descansar. Partindo para cima dela, pedindo para apagar as fotos e em um verdadeiro bate boca, Natalie afirma que não o conhece e muito menos estava tirando fotos suas. No meio de tantos desentendimentos, ambos percebem a confusão que Luke se meteu e em meio aos pedidos de desculpas ele a convida para sair.

“O tempo voa quando estamos com alguém tão bonita.”

Natalie chamou atenção de Luke, que ficou atraído por sua beleza e principalmente pelo fato dela não imaginar que ele é na verdade. Mas ele está disposto a fazê-la mudar de opinião sobre ela, já que a primeira impressão não foi a das melhores.

Com uma ajudinha do destino, os dois acabam se reencontrando na cidade e passam a ser conhecerem melhor, e a atração dá espaço para um romance extremamente sensual e delicioso de acompanhar. Luke sabe que precisa contar para Natalie sobre sua vida e esse segredo colocará à prova tudo o que estão vivendo.

“Encontrei algo em você que não sabia que estava faltando, mas já queria muito."

Esse é o tipo de romance que lemos em um dia. Com uma leitura leve e fluida, Kristen Proby nos envolve com seus personagens apaixonantes e já nos aquece para os próximos livros. Além disso, a autora passeia dentro do relacionamento, com muitas surpresas, abordando temas importantes e conflitos dentro do relacionamento como: insegurança, fama, influência familiar e traumas do passado.

Luke é um cara bem amoroso e faz sempre questão de mostrar seu amor para Natalie, seja com surpresas, bilhetinhos e para as leitoras mais românticas sem dúvidas é um queridinho.

A série vem sendo publicada pela editora Charme que faz um trabalho maravilhoso com suas edições e apesar de ser uma série grande, cada livro conta histórias de personagens diferentes.

Se você deseja conhecer mais da série pode ver a ordem de leitura dos livros publicados pela editora aqui no blog.

site: http://www.bookobsessionblog.com/2018/03/resenha-fica-comigo-kristen-proby.html
comentários(0)comente



Tatieli 22/02/2018

Não sei....
Achei com muitas cenas hot, e pouco conteudo, Deus não porta name encostar....
Ser confrontada na praia por um estranho atraente não fazia parte dos planos de Natalie Conner, que só queria passar uma manhã tranquila tirando fotos. Mas, afinal, porque ele pensou que ela estava tirando fotos dele? Quem é ele? Ela só tem certeza de uma coisa: ele é um gato, extremamente romântico e alimenta a sua alma ferida.
Luke Williams só deseja que o mundo lhe dê um tempo, então, ver outra câmera apontada para seu rosto quase faz com que ele ataque a bela mulher atrás da lente. Quando ele descobre que ela não faz ideia de quem ele seja, fica intrigado e até um pouco atraído. O corpo de Natalie parece ter sido feito para o sexo, sua boca é atrevida e Luke não consegue enjoar dela, embora ainda não esteja pronto para lhe contar quem verdadeiramente é.

Natalie é uma garota incomum que não lida muito bem com mentiras e segredos. O que acontecerá com esse novo relacionamento quando ela descobrir o que Luke vem tentando esconder?
comentários(0)comente



A louca dos romances 30/01/2018

Pra quem gosta de romances
O livro é focado inteiramente em romance. Ele demora acontecer algo, o chamado "clímax" da história, fica na mesmice, entretanto, a leitura é diferenciada e flui facilmente, ademais é muito emocionante (chorei em várias cenas). É um simples, como o amor é. Duas pessoas que se apaixonam e decidem ficar juntas.
comentários(0)comente



Silvia.Souza 09/01/2018

Sobre o que é esse livro?????
Alguém pode me dizer do que se trata esse livro? Estou em quase 60% e não acontece absolutamente nada!!!! Apenas um romance meloso, água e sal.... Simplesmente desisti da leitura... Decepcionante...
comentários(0)comente



Najara.Alves 27/05/2017

Depois de ler esse livro, fiquei com uma pergunta na cabeça: é sério que consegui ler esse livro até o final?
Meu Deus, o casal fica perdidamente apaixonado em menos de 48h!!!
E os diálogos não tem profundidade alguma.
As brigas são pelos motivos mais bobos possíveis.
E para quê tanta cena de sexo? Parece que a autora não tinha o quê escrever e jogou várias cenas de sexo para conseguir concluir o livro.
Como se não bastasse isso, nada de emocionante acontece no livro todo e de repente, nas últimas cinco páginas acontece tudo, mas de uma forma super sem graça.
Sinceramente, nada se salva no livro!
SrtaLuuh 26/06/2017minha estante
Concordo com vc... Fiquei esperando algo impactante realmente acontecer e nada.... Como assim eles já estão dizendo "eu te amo" dpois de dois dias??! Terminei o livro porq não gosto de abandonar leitura... Mas n passou perto do melhor livro que já li... Vou ler a série porq sou teimosa e quero ver se algo de bom sai da autora... Fiquei meio frustrada com a leitura...


Najara.Alves 27/06/2017minha estante
Então SrtaLuuh, meu objetivo era ler a série toda, mas quando terminei esse livro, me deu uma desanimada...
Mas depois me conte se algum livro da sérieé melhor.




Paula Gorgatte 05/02/2017

Me sentindo cansada....
Nem sempre eu tenho as melhores ideias. Estava atrás de um livro romântico, doce e envolvente, curiando pela internet e skoob, descobri “Fica comigo”, sinopse interessante, resenhas bem favoráveis e comentários positivos. Fechou, é esse que vou ler. Agora que terminei o livro, preferia não ter lido nada.

Certo, a história não é tão ruim, é clichê e na verdade eu estava precisando de um clichê, então nem me incomodo com isso, mas por misericórdia, só a sinopse é interessante.

Eu perdi o interesse no livro logo no início, e juro que pensei em desistir, mas sou muito teimosa e não me dou por vencida tão facilmente, então me torturei a terminar a leitura. E tem tanta coisa forçada nesse livro que nem sei como começar a desembuchar minha opinião.

O livro conta a história de um super amor entre Lucas e Natalie. Nat é uma fotografa de paisagens e de eróticos, que esta na praia sossegada tirando fotos da paisagem. Nesse momento um louco, lindo e sexy homem se aproxima dela xingando e negando-se a permitir que lhe tirem fotografias. E pede que ela entregue sua máquina a ele. Para tudo, até esse momento, eu estava gostando do livro, ou seja pagina 06 mais ou menos....kkkk.

A partir daí cada página a menos que precisava ler, eu agradecia. Os protagonistas engatam um romance relâmpago, um amor instantâneo muito forçado que não convence nem os mais românticos dos seres. E quando eu digo instantâneo é do tipo estão se amando 48 horas depois de se conhecer.

Fora o amor instantâneo, o fato da mocinha ter achado que o mocinho era um assaltante de máquinas fotográficas na praia, o livro é tão meloso e mega romântico que chega a ser falso.
Voce é tão linda. – Não, você que é lindo.
Você é tão maravilhosa. – Não, você que é maravilhoso
Voce é tão incrível. – Não, você que é mais incrível.
Sou tão feliz por ter você. – Não, eu que sou mais feliz por ter você.

E esse tipo de elogio, foi o livro inteiro, o tempo todo. Muito chato.

Outro ponto que me incomodou muito, foram 1.385 cenas de sexo. Eu gosto de uma cena de sexo bem escrita, quente e sexy. Mas depois da 02 repetição, começo a ficar entediada, e com quase um compulsão por pular essas partes. Ok, confesso nesse livro eu pulei algumas coisinhas. Sou culpada, mas quem pode aguentar, acredito que uns 70% do livro são as pegações do casal. E olha que eles nem inovam, é sempre o mesmo arroz feijão.

Não senti nada nesse livro, nenhuma emoção, raiva, dor... absolutamente nada. A verdade é que nem dá tempo, excluindo todo o sexo, sobra algumas falas aleatórias, sem qualquer conteúdo.

A escrita da Autora também me incomodou, diálogos muito breves, falas simples, e sem qualquer profundidade. Esse tipo de diálogo curto, aleatório e sem contar nada de novo, facilita o desapego. Eu não consegui me envolver com os protagonistas, e a culpa é da escrita que não me permitiu o envolvimento.

O final é outra coisa de louco, acontece tudo de uma única vez em aproximadamente 05 paginas. Eu fiquei lá, olhando a palavra FIM, com cara de merda, me perguntando porque porra eu li esse livro.

Me sentindo entediada.

Se Recomendo? MIL VEZES NÃOOOOOOOO
Bia 05/02/2017minha estante
Ótima resenha!! Pena que o livro não foi tão bom!


Suiane Henrichs 05/02/2017minha estante
Achava que só eu que não tivesse gostado rs, li até o final devido as crítica positivas do skoob e me arrependo amargamente. Achei esse livro sem graça, o romance deles foi tão enjoativo que fiquei com diabete, no final achei que fosse ter um "drama" ou "intriga" mas foi só um mal entendido de dois minutos.


Paula Gorgatte 06/02/2017minha estante
hahahaahah. Eu também Suiane, precisei de insulina no final.....kkkkkk socorro, li pq todos estavam falando tão bem, mas foi uma baita decepção. Concordo com vc. affffff.


Paula Gorgatte 06/02/2017minha estante
pois é Bia, ainda estou lamentando isso. kkkkk. Mas obrigada.




dayukie 15/11/2016

"Fica comigo foi um livro que trouxe diversos sentimentos em mim. Começamos pela surpresa, não esperava que o livro fosse fluir tão bem, principalmente por eu ter formado em minha cabeça que ele seria diabético demais. Posso incluir a surpresa em acabar comparando o mocinho com um ator e é claro, o amor que este casal exala não é deste mundo."

Confira a resenha completa no blog.

site: https://goo.gl/vx9ts4
comentários(0)comente



Leitora de romances 22/05/2016

Romance na medida certa
Essa história prendeu meu interesse na primeira página e não consegui parar a leitura.
Apesar de ser uma história simples a autora soube prender e criar curiosidade sobre os outros personagens. Ansiosa por descobrir mais sobre todos.
comentários(0)comente



Dai 21/05/2016

Fiquei imensamente feliz quando a editora Charme trouxe o ano passado para o Brasil a série With Me in Seattle, de autoria da americana Kristen Proby. A autora escreveu uma das séries que mais amei ler, e por enquanto, a editora só lançou dois volumes da série. Fica Comigo é um livro super romântico, que quase me fez ter uma overdose de açúcar por ser tão meloso. Eu amo um casal “docinho” e carismático, mas o excesso acaba tornando um pouco enjoativo. Além disso, a trama é extremamente sexy, delicada, envolvente e muito graciosa. A edição do livro está lindíssima, o que tornou a leitura ainda mais encantadora. Parabéns a Charme pelo belo trabalho!

Fica Comigo, ou Come Away with Me, título original da obra, abre a série com a história sedutora de Natalie Conner e Luke Williams. Nat é uma fotógrafa sensível e talentosa, que exerce sua profissão com muita paixão. Devido ao seu passado trágico, ela não tem muita confiança nas pessoas, e sempre tem receios ao deixá-las se aproximar. Mora com sua melhor amiga Jules Montgomery, quem considera como irmã. Após perder seus pais em um terrível acidente, ela se vê sozinha, no entanto, a família Montgomery a acolhe de braços abertos. Ah, como eu amo essa família! Apesar de possuir muitos bens que herdou dos pais, Nat é uma pessoa muito humilde e simples. Em um dia qualquer, enquanto tirava fotos na linda Enseada de Puget, ela é abordada por um homem super nervoso, alegando que nossa fotógrafa estava tirando fotos suas sem autorização. Este fato deixa Natalie possessa, e depois de uma calorosa discussão, ela consegue enfim desfazer o mal entendido. Porém, ela fica fascinada com a beleza daquele deus grego, e isso a deixa completamente desnorteada. O desconhecido em questão é o charmoso e atraente Luke Williams, um homem muito famoso, que fica encantado com a beleza da morena, e fascinado por não ter sido reconhecido por ela. Com Natalie ele pode ser ele mesmo, e não uma pessoa famosa.

Decidido a tê-la, ele não se faz de rogado e parte para a luta, Luke é um homem em uma missão. Depois de muita resistência de Nat, os dois embarcam em um sensual romance, e o que era para ser apenas um caso, acaba se transformando em algo muito maior. Como não se apaixonar por Luke? Isso é impossível! O homem é romântico, atencioso, generoso e carinhoso. Natalie se vê cada vez mais envolvida por seu charme arrebatador. Contudo, ele ainda guarda um grande segredo dela, e uma das coisas que Nat não aceita é a mentira. Será que ela conseguirá entender e aceitar os motivos que o levaram a omitir fatos de sua vida? Será que ele conseguirá entrar de vez na vida dela e curar todas as rachaduras que o seu coração possui? De uma forma apaixonante, esse casal nos prova que a felicidade só depende de nós mesmo, e que o amor verdadeiro é o combustível que nos impulsiona a enfrentar os obstáculos que a vida coloca em nosso caminho.

Kristen criou uma história sensual e sensível, que nos mostra grandes valores como a família, a amizade, o amor e a confiança. A trama possui personagens marcantes, e apresenta uma narrativa super descontraída, em primeira pessoa, mostrando a visão de Natalie. A única coisa que senti falta foi de um pouco mais de drama, mas no geral, é encantador. Nos próximos livros, este casal ainda dará o ar da graça, e poderemos acompanhar mais de sua linda história através dos olhos de outros personagens. Apesar de amar este romance, o meu preferido é o segundo da série, intitulado aqui no Brasil como “Luta Comigo”, que narra a história de Jules e Nathan. Eu já fiz a releitura do livro (acho que pela trigésima vez), e logo volto com a resenha para vocês.

*Confira a resenha completa no blog: http://www.blogvirandoapagina.com.br/2016/05/resenha-fica-comigo-serie-with-me-in.html

site: http://www.blogvirandoapagina.com.br/2016/05/resenha-fica-comigo-serie-with-me-in.html
comentários(0)comente



31 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3