Destroy Me

Destroy Me Tahereh Mafi




Resenhas - Destroy Me


34 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3


Dany 05/03/2021

achei que esse conto foi muito necessário para mostrar o ponto de vista do Warner, ver o background dele e da vida dele.
comentários(0)comente



readerwlove 06/02/2021

resumo: ele diz que é badboy mas essa pose não me engana
Nesse conto, nós temos o total ponto de vista do Warner, o famosinho comandante e regente do setor 45 do Restabelecimento pelas stans. Durante a leitura, eu desenvolvi uma empatia pelo Warner, que eu definitivamente não senti no 1° livro. Como diz o título, ele tem pose de badboy, mas nós fanfiqueires sabemos que personagens assim costumam ter um coração não-tão-frio quanto aparentam. Tô gostando bastante da escrita da Tahereh, mas ainda não me sinto "apaixonada" pelo personagem. Digamos que ele ainda tem que amolecer + meu coraçãozinho kkk ?
comentários(0)comente



lia 06/02/2021

Amei a experiência de ler um conto no ponto de vista do Warner, foi muito enriquecedor para a minha visão da história.
Através desse conto podemos perceber que ele é um louco? Sim. Psicopata? Sim. Mas no fundo, está quebrado por dentro, não sabe lidar com os sentimentos e tem boas intenções, então vejamos o desenrolar da história.
Assim como no primeiro livro, a história fluiu super rápido e me deixou muito presa. Valeu super a pena.
comentários(0)comente



soph 04/02/2021

warner
eu amei muito ver as coisas pelo ponto de vista do warner sério. pq a gente pensa que é uma coisa e é uma total diferente
comentários(0)comente



rafa 21/01/2021

envolvente.
esse livrinho ia ganhar meu coração se fosse um pouquinho maior. foi bem interessante ver tudo pelos olhos de outro personagem. a autora apresentou um lado dele que foi impossível de perceber no primeiro livro. realmente surpreendente.
comentários(0)comente



Jess 07/01/2021

Eu amei demais ler esse conto no ponto de vista do Warner e saber mais sobre ele. Foi muito bonito e triste ver ele se identificando tanto com as palavras que a Juliette escreveu em seu diário.

É um personagem incrível que eu não demorei muito para amar. Certamente, um dos mais interessantes da série.
comentários(0)comente



Naomy.Uchida 18/12/2020

Esse conto foi melhor que o primeiro livro da série
O que foi esse conto do Warner? Que personagem cheio de camadas que a Tahereh criou, depois que li Destroy Me passei a entender um pouco mais o por quê das pessoas gostarem tanto do personagem.
Warner é vítima de uma criação extremamente tóxica, e fica bem claro que ele tem vários problemas por conta disso. Eu entendi que a "obsessão" que ele tem pela Juliette é um resultado disso, já que a personagem assim como ele tiveram relações com os pais muito conturbadas.
Esse conto é extremamente necessário e me fez ver um pouco mais do Warner que as pessoas tanto amam.
comentários(0)comente



Ana Aguiar 11/12/2020

ver o lado do warner nessa história é muito bom, ver que ele não é uma muralha me fez apaixonar mais ainda por ele.
comentários(0)comente



blondeaaron 06/12/2020

AARON WARNEEEEERRR
e foi aqui que meu amor por esse homem começou..
comentários(0)comente



luvnands 17/11/2020

Amor e ódio por Warner
Ele é TÃO fofo, e ao mesmo tempo tão errado. Eu aprendi a gostar dele nesse pov.
comentários(0)comente



Giovana 05/11/2020

Conto
Achei que não valeria a pena ler os contos e posso dizer com toda certeza que eu estava ERRADA
comentários(0)comente



Adélia 01/11/2020

Aaron Warner ganhou a maior parte dos fãs neste conto onde a perspectiva dele desmitifica grande parte das coisas que Juliette acreditava e que transmitiu para os leitores
comentários(0)comente



Adélia 01/11/2020

Aaron Warner ganhou a maior parte dos fãs neste conto onde a perspectiva dele desmitifica grande parte das coisas que Juliette acreditava e que transmitiu para os leitores
comentários(0)comente



Maya LaRue Galathynius 28/10/2020

coisas que o Warner e eu temos em comum
"Tenho uma tolerância extremamente baixa para a desordem; ela ofende meu ser."

"Quero colocar uma bala na coluna vertebral de Adam Kent."

"Às vezes desejo sair por uns instantes do meu corpo."

"Respiro fundo. Tomo outro gole do café.
Estou surpreso ao perceber como gostei do seu gosto amargo."

"Estou levantando muros no meu cérebro novamente. Paredes brancas. Blocos de concreto. Cômodos vazios e espaços abertos.
Não existe nada dentro de mim. Nada lá dentro"

"O toque da sua mão na minha pele é abrupto e inesperado, e isso mexe alguma coisa dentro de mim, algo obscuro e profundo que me faz sentir fisicamente mal."

"Não preciso de nada além de palavras para viver. Sem elas eu não existiria."
comentários(0)comente



ana 24/10/2020

Tá, agora eu me sinto mal pelo Warner. Ele foi meio creepy no primeiro livro, mas agora eu acredito que ele realmente se importa com a Juliette.
Ah, e eu ODEIO o pai dele!!!!! Mas o Delalieu parece legal!
comentários(0)comente



34 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3