Lua Nova

Lua Nova Stephenie Meyer




Resenhas - Lua Nova


1147 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Evelyn Ruani 14/04/2011

Indo contra a maré!
*resenha modificada, após a leitura dos quatro livros e com novas impressões.

Eu tinha um contra muito forte à essa febre que foram os livros de Stephenie Meyer. Não sou fã de Vampiros. É, eu não tinha só um contra, eu tinha vários. Além de não ser fã de Vampiros, eu não sou muito fã de romances muitooo melados. História de adolecente então? Só gostei de Harry Potter e por outros motivos. E tem aquele fato básico de: todo mundo tá amando, então eu não posso dar o braço a torcer assim tão fácil.

Bem, eu me mantive forte até que minha irmã ligou do Japão dizendo (claro que ela não ligou só pra isso) que tinha gostado muito do filme e que comprou os livros e estava amando ainda mais. Bem, tive que ver com meus próprios olhos. Assisti o primeiro filme e... ODIEI. Achei fraco, achei a mocinha sonsa, achei o vampiro lindo (ah isso é um ponto positivo, esqueci rs), achei os diálogos horríveis, enfim, fiquei decepcionada. Decididamente eu não leria os livros. Me mantive forte por mais alguns meses até que todo mundo ao meu redor começou a falar, e a falar e falar e eu não tive escolha. Me rendi. Pensei: Ok, eu vou ler e depois dou minha opnião final.

Foi então que comecei a ler o primeiro livro com um puta PRÉ-conceito e apesar de ter gostado dele mais do que o filme (os diálogos pelo menos eram bem melhores), não gostei dele TANTO ASSIM. Mas eu tinha começado e agora teria que ir até o fim. Foi então que eu cheguei ao livro Lua Nova.

Tenho que confessar que eu me apaixonei pela narrativa de Lua Nova. Ainda que fraca, perto dos demais livros que já tinha lido até então, achei bonita a abordagem da autora em relação à amizade da Bela e Jake e o amor dela por Edward, o sofrimento palpável pela distância e aquele quê de loucura, capaz de qualquer coisa para ver o amado. Se alguém ainda não sabe, eu sou super fã de dramas e amores impossíveis e por isso acredito que Lua Nova me contaminou. Da saga, foi o livro que mais gostei e dos filmes que vi, também.

Ainda assim, de forma alguma eu posso dizer que AMO a saga Crepúsculo, como acontece com a saga Harry Potter que sou simplesmente apaixonada. Fico até muito brava quando querem comparar as duas coisas, pois na minha opnião HP está no nível de Senhor dos Anéis e Crônicas de Nárnia. Tenho algumas ressalvas em relação à história que pra mim poderia ser só uma trilogia, unindo o livro três e quatro. Mas também não vou dizer que ODEIO a saga. A idéia da história em si é boa, mas poderia ter sido melhor trabalhada pela autora, principalmente o final do último livro que, pelo menos pra mim, foi uma decepção.
Fer Stefani 21/02/2010minha estante
Eu fui contaminada antes de virar "modinha" e depois de ler cada um três vezes - exceto "Amanhecer" que é bem fraco - resolvi deixar um pouco de lado. Odeio saber que coisas legais são contamidas por um vírus chamados posers que só viram o filme ou só leram o primeiro livro da saga e se acham os leitores mais assiduos do mundo! Enfim, pequenos desabafos. E o meu preferido não é "Lua Nova" e sim "Eclipse" porque sou Team Jacob :D E apesar de ser piegas 85% do tempo, não deixa de ser lindo - ok, na visão da maior parte de nós garotas, porque meninos não curtem todo esse romantismo - HAHAHAHA.

excluindo...


Gabrielly Souto 04/01/2011minha estante
Eu amo a Saga Crepúsculo,eu amei desdo primeiro livro.Eu gosto muito de livros de romance,para um livro ser legal para mim.1ºEle tem que ter alguma surpresa no meio do livro,dixar a pessoa nervosa.

2ºEle tem que ,deixar a pessoa nervosa.

3ºEle tem que ser Romace tipo Edward e Bella é lindo a história deles *-*
é isso.


Thay 13/04/2011minha estante
Nãaaaaao, mais uma se rendeu pro lado negro da força... tipo... o pior livro do século. Eu odiava antes de ler, odiei quando vi o filme e continuo odiando depois de ler os 4 livros. faço fogueirinha com eles no dia de são joão


Evelyn Ruani 14/04/2011minha estante
Calma Thata, eu não me rendi totalmente...rs Foi bom você me lembrar dessa resenha, que preciso refazê-la pois já li os 4 livros e tenho novas impressões...


Lipe 24/10/2011minha estante
Concorde com a sua opinião, em parte, pq eu tabém achou que essa coisa de ficar seguindo modismos não tá com nada, eu também acho ridículas essas pessoas que fazem ou gostam de algo simplesmente pq uma grande maioria gosta! Mas ,no entanto, quando estou prestes a fazer uma escolha de algo que vou fazer ou principalmente ler (que eu adóro) sempre coloco a minha opinião na frente da dos outros. Estou lendo a saga crepusculo e confesso que estou adorando cada página e, na minha opinião, só tende a melhorar. Mas gosto é igual ao nariz cada um tem o seu né!


Igor 21/12/2011minha estante
Falou tudo nas últimas frases: "A idéia da história em si é boa, mas poderia ter sido melhor trabalhada pela autora, principalmente o final do último livro que, pelo menos pra mim, foi uma decepção."


Rodrigo Cotton 07/03/2012minha estante
Realmente, o final foi um enorme decepção!


Phanuelly 13/05/2012minha estante
Pra mim, ler a saga não é total perda de tempo, no entanto, este romance só mostrou uma coisa... o fato de que uma adolescente sem graça e sem característica forte nenhuma se apaixona pro um vampiro de 100anos que tem a mentalidade de um boy de 15, e que a moça não tem vida própria, já que sua vida, felicidade, oxigênio, vitalidade, tudo depende do vampiro em questão... achei fraco em todos os termos, em termos de romance (bela nao tem personalidade própria, vive sob a sombra de edward, por quem é perdidamente apaixonada), em termos de criaturas sobrenaturais (a autora criou uma nova modalidade de vampiro que, definitivamente, deveria se chamar outra coisa -- metamorfos? sério, Meyer? Você demorou os 4 livros chamando a tribo dos índios lá de lobisomens pra no último segundo falar que eram metamorfos?!?! Ridículo) e outras coisas mais... Ainda assim, li os 4 livros inteiros, não são de todo ruim já que até me diverti lendo-os. Caso eu não tivesse gostado nem um pouquinho, nem teria me dado o trabalho de passar do 1º.


Nath 21/05/2012minha estante
Concordo contigo em vários pontos: Harry Potter não deve, de forma alguma ser comparado com a saga Crepúsculo. São níveis totalmente diferentes de narrativa, além dos temas abordados (apesar de ser sobrenatural) também serem diferentes. Mas enfim, depois que algo se torna ''febre'' comparações (mesmo que equívocas) são inevitáveis. Outra questão que eu concordo é com o fato de Lua Nova ser o melhor livro da saga. Discordo de muitos que rotularam o livro como inútil, fútil e derivados somente pelo fato da personagem ter tido um momento introspectivo. Acho ainda que é por essa ''depressão'' da personagem principal (Bella) que eu gostei tanto da obra. Esse momento tão difícil para ela pelo menos me passou a sensação de que ela não é uma completa ''parede'' na série. Olhem só: ela é capaz de sentir. E sentiu. E me fez sentir. Os sentimentos passados pela autora tornaram o livro tão interessante. É claro que seria TOTALMENTE RIDÍCULO (para não dizer outra coisa) dizer que a série é ótima, já que tem muitos erros. Mas acho que para uma determinada faixa etária, para um determinado público a série é válida sim. Não me cabe julgar ou cobrir de preconceito uma franquia como esta, que apesar dos pesares, aproximou muitos pré adolescentes dos livros (mesmo que tenha sido pela modinha).


Karina 01/06/2012minha estante
Apesar de eu gostar de Crepúsculo (mesmo os livros estando muito longe de serem extraordinários) não aguentei ler Lua Nova até o fim, parei depois de ler 100 e poucas páginas, defino-o assim: chato, tedioso, cansativo. Eu até tentei entender os sentimentos da Bella, mas aquilo já era demais, sinceramente! Mas até que foi uma coisa... necessária, isso dele ter se afastado, acho que nesse livro ambos perceberam que não conseguiam se separar, porque um dependia totalmente do outro (acho isso até que bonito, mesmo achando uma coisa exagerada, na minha opinião). Mas não aguentei ler até o final, sem contar que não gosto muito do Jacob (eu gostava mais dele, até ler Eclipse), o que faz minha vontade de ler um livro em que a maior parte do tempo o Jacob está presente ser quase nula.


leandrotonetto 24/08/2012minha estante
O primeiro livro é bacaninha ja o Segunda é muito chato de ler, me falaram que os outros ficam melhores mas e a coragem de começar a ler com tantos livros bons por aí?
Logo da pra ver que você não é fã de vampiros, essa saga Crepúsculo na minha opinião não é considerado vampiros, longe disso.


Marina 16/10/2012minha estante
eu também gostei bastante de Lua Nova e também havia gostado de Crepusculo... e assim como vc não sou aquela fã de carteirinha mas eu gosto. E odiei o ultimo livro, não devia nem ter sido escrito ou então devia ter sido melhor trabalhados.


Debora_ribarski 26/11/2012minha estante
Concordo plenamente!
Em tudo, includindo HP (cuja saga tbm sou apaixonadíssima, é outra coisa, outro patamar).

Fecho em 100% com tudo o que você disse! =)


Monique 10/12/2012minha estante
Háhá, eu também achei o sofrimento apalpável de Bella um ponto positivo do livro! Emocionou, deixou mais real. Foi o que mais gostei depois de Amanhecer, apesar de achar fraca a série.


TERESA CRISTINA 20/01/2013minha estante
Concordo plenamente com vc!! Também nunca fui "fã" de romances e, depois de tanta "falação", também resolvi assistir e... pronto!! O "vírus" estava instalado... hehe... Adquiri os livros, acabei de ler Crepúsculo (adorei!) e agora comecei a ler Lua Nova. Ainda estou com boa expectativa.


Yara 21/05/2020minha estante
Concordo, a história poderia ser muito melhor trabalhada. A autora tinha um mundo magnífico pra criar mais (e melhor) em cima dele... mas também amo a saga e são bons livros, no geral


Andreza Cristina Sousa 03/07/2020minha estante
Interessante esse comentário porque ele corrobora com um pensamento que eu tinha que Lua Nova foi o melhor mesmo, o resto da saga é dispensável na minha opinião. Gostei de Lua Nova mas o resto eu deixo passar.


Livros e Ivaílton 08/07/2020minha estante
Gostei da sua resenha!!! Parabéns




Ryan Colossal 12/06/2020

Intenso e Expansivo
Afinal, de quantas maneiras um coração pode ser destroçado e ainda continuar batendo?
Acho que essa frase dita pela personagem, resume bem tudo que acontece no livro, desse amor platônico, como um Romeu e Julieta em um mundo de fantasia. Para curtir a experiência você precisa estar aberto a um visão melodramática constante, de uma vida que começa a se resumir em outra e de como tudo estivesse a mercê da paixão. É muito interessante como a autora conseguiu escrever tantas páginas, desta peculiar fixação e mesmo assim, não se torna tão cansativo, o universo do livro se expande de uma maneira muito interessante, construindo os personagens e dando ainda mais vida a toda a história. E novamente consegue finalizar, deixando uma sensação de querer conhecer mais e sem sentir aquele sentimento de vazio pelo que foi entregue.
Fran Kukuty 12/06/2020minha estante
Nossa...amei sua resenha. Resumiu muito do que eu senti ao ler Lua Nova! Parabéns.


Ryan Colossal 19/06/2020minha estante
Muito obrigado Fran! ?? Seu comentário me alegra! ??? Agora preciso ler Eclipse, espero gostar também!!




Linn 17/06/2010

Mais uma decepção...
Definitivamente,

A autora cometeu uma falha grave. Não justificou o motivo de Bella não ter se matado! Não foi por seus pais, pois se assim fosse, não se aventuraria em atividades suicidas, não foi por ter esperanças de ter Edward de volta, pois ela acreditava que nunca mais o veria novamente. Então, por qual razão ela permaneceu insistindo em cerca de 150 páginas de puro tédio?

Impressionante também, como após tantos acidentes, Bella nunca deformou nenhuma parte significativa de seu corpo. Querer utilizar o recurso da "donzela em perigo" dinamiza qualquer obra, mas, cá entre nós, ela exagerou um pouco... Bastante... E não houve conseqüências para ela, a final, foram frisadas 1.999.999.999.999 vezes que ela era uma pessoa desastrada.

O que Jacob vê em Bella? Em nenhum momento isso é dito... Pq será? Para Edward, seu cheiro é a essência de tudo, mas e Jacob? Fica difícil justificar duas paixões avassaladoras quando a personagem é tão... Vazia (Já usei esta palavra na outra resenha, mas acho que ela expressa tão bem o que sinto, que terei que usá-la novamente).

Conclusão: mesmo nível de Crepúsculo, não houve nenhuma evolução. Pelo contrário, foi muito mais tedioso... A ação no final foi um verdadeiro fracasso, mostra que Stephanie Meyer deveria escrever essencialmente Romances e deixar a aventura para quem tem experiência.
Phanuelly 13/05/2012minha estante
Pra mim, ler a saga não é total perda de tempo, no entanto, este romance só mostrou uma coisa... o fato de que uma adolescente sem graça e sem característica forte nenhuma se apaixona pro um vampiro de 100anos que tem a mentalidade de um boy de 15, e que a moça não tem vida própria, já que sua vida, felicidade, oxigênio, vitalidade, tudo depende do vampiro em questão... achei fraco em todos os termos, em termos de romance (bela nao tem personalidade própria, vive sob a sombra de edward, por quem é perdidamente apaixonada), em termos de criaturas sobrenaturais (a autora criou uma nova modalidade de vampiro que, definitivamente, deveria se chamar outra coisa -- metamorfos? sério, Meyer? Você demorou os 4 livros chamando a tribo dos índios lá de lobisomens pra no último segundo falar que eram metamorfos?!?! Ridículo) e outras coisas mais... Ainda assim, li os 4 livros inteiros, não são de todo ruim já que até me diverti lendo-os. Caso eu não tivesse gostado nem um pouquinho, nem teria me dado o trabalho de passar do 1º.




Dani 18/10/2009

O pior livro da série, na minha opinião.
Edward arranja o motivo mais esfarrapado que tinha para se separar de Bella, fazendo todo um teatrinho de "Ó, não podemos ficar juntos".
Enquanto Bella se torna um porre maior ainda com essa depressão durante o livro inteiro, sem falar do "buraco no peito" e das tentativas dela de ter alucinações com Edward (WTF? Vai se tratar, menina).
A leitura consegue ficar ainda mais arrastada nesse livro, se é que era possível. E preencher páginas com os nomes dos meses mostra a falta de capacidade da autora de lidar com os sentimentos da protagonista logo após a separação.
E Edward, quando pensa que Bella morreu, faz mais um draminha de "Ó, vou me matar porque não viverei sem meu amor". Eles estavam distantes um do outro de qualquer jeito, sem contato algum, supostamente não se veriam nunca mais. Então o que ia mudar se ela morreu ou não?!
Will 27/10/2009minha estante
Extremamente chato... uma leitura sem emoção, sem absolutamente nada!!! Já lí livros ruins, mas esse se destaca pela falta de criatividade da autora, é repetitivo, e pouco explorado, e sem contar que a protagonista é chata demais! Abandonei a série...


Jubs 02/11/2009minha estante
Bella se supera nesse livro com sua depressão ridícula. E esse motivo , eu concordo, foi o pior e mais sem imaginação possível. O livro mais chato que já li até hoje!


Mih 09/12/2009minha estante
Já eu achei que as páginas com os nomes dos meses foram as melhores do livro inteiro. Senão, quem não ia ter capacidade de lidar com os sentimentos daquela chata era eu.


Bianca Boonen 29/12/2009minha estante
Concordo com o Will, a Bella é realmente muito chata!


Dani 27/07/2010minha estante
Sou obrigada a concordar com a Mih! XD


Thay 13/04/2011minha estante
E Edward, quando pensa que Bella morreu, faz mais um draminha de "Ó, vou me matar porque não viverei sem meu amor".... sendo que ele nem está vivo, né? e como ele vai se matar, vai ficar peladão na praça. tosco...


Phanuelly 13/05/2012minha estante
Pra mim, ler a saga não é total perda de tempo, no entanto, este romance só mostrou uma coisa... o fato de que uma adolescente sem graça e sem característica forte nenhuma se apaixona pro um vampiro de 100anos que tem a mentalidade de um boy de 15, e que a moça não tem vida própria, já que sua vida, felicidade, oxigênio, vitalidade, tudo depende do vampiro em questão... achei fraco em todos os termos, em termos de romance (bela nao tem personalidade própria, vive sob a sombra de edward, por quem é perdidamente apaixonada), em termos de criaturas sobrenaturais (a autora criou uma nova modalidade de vampiro que, definitivamente, deveria se chamar outra coisa -- metamorfos? sério, Meyer? Você demorou os 4 livros chamando a tribo dos índios lá de lobisomens pra no último segundo falar que eram metamorfos?!?! Ridículo) e outras coisas mais... Ainda assim, li os 4 livros inteiros, não são de todo ruim já que até me diverti lendo-os. Caso eu não tivesse gostado nem um pouquinho, nem teria me dado o trabalho de passar do 1º.




spoiler visualizar
comentários(0)comente



duda 06/10/2020

sei lá, não gostei muito não, achei um pouco depressivo kkkkkkkk
Gabi 06/10/2020minha estante
É completamente depressivo Kkkkkkkkk


Carl 06/10/2020minha estante
Estes livros da série crepúsculo são meios depressivos. ? Uma garota que se apaixona por um vampiro, que não pode gostar dela, aí tem um triângulo amoroso com um lobisomem. RS


Gabi 07/10/2020minha estante
Sim KKKKK quando você lê já um pensamento diferente você vê o quanto eles são problemáticos. Mas ainda amo os filmes




mgnusbane 22/08/2020

dei 2 estrelas porque na maior parte do livro eu me senti entediada e as cenas do jacob e da bella não me prenderam de jeito nenhum.
não teve nada que me fez pensar ?nossa to adorando essa amizade? e nem sei como isso pode evoluir pra um romance, se bem que não sei se no outro livro isso acontece.
só fiquei mais atenta e presa logo pro final, quando o edward volta a ter envolvimento na história.
o primeiro livro foi bem melhor se comparado a esse.
mgnusbane 22/08/2020minha estante
que odio skoob coloca as aspas ai fica esses ? que coisa feia


Oliveira 22/08/2020minha estante
Eu adoro amizade no começo entre jacob e bela, mas eles como casal romântico não da pra mim! Ele força um trem que tipo tá na cara que não existe sabe... achei esse livro o mais entediante da serie também porque tem muito jacob e pouco edward jkkkkk


mgnusbane 23/08/2020minha estante
simmm, eu não consigo ver como eles podem ser um casal sendo que a bella nunca demonstrou interesse e foi algo mais pra se distrair de tudo o que tava acontecendo na vida dela.
sla eu só achei que ficou muuuito parado o livro inteiro e só no final que foi ter alguma coisa interessante




Thiago Leite 10/08/2009

Mais um livro inesquecível!
Sempre me disseram que o “Lua Nova” era um ótimo livro, mas inferior aos demais da série criada por Stephenie Meyer e tinha um pouco de medo de me decepcionar com a história de Bella, mas agora que terminei o livro estou mais envolvido do que nunca!

Só par começar todos os elementos do Crepúsculo estão lá, a narrativa mais que envolvente de Bella/Meyer, os diálogos sem fim que todo mundo adora, os personagens aparecendo e desaparecendo da trama, o romance, o mistério, o sobrenatural, enfim, tudo que tornou o Crepúsculo um dos livros mais inebriante que já li em muito tempo.

Stephenie Meyer Consegue nesta continuação nos levar tão profundamente nas dores de Bella que é impossível não sofrer junto com ela. Todo o vazio, suas dúvidas e angustias são retratadas com uma riqueza de detalhes incrível.

A amizade com Jacob Black é explorada de forma intensa, nos fazendo torcer por alguns momentos que o casal principal mude, mas isso só dura ate Alice aparecer. Sim, Alice é responsável por trazer toda a ação, emoção e suspense a trama. O momento em que ela divide o mesmo espaço com o, agora, lobo Jacob é simplesmente inesquecível.

A parte dos Lobos é muito bem explicada e sua caça a Laurent e Victoria é muito bem narrada. Aliás, Victoria traz muitos momentos de ansiedade a trama.

Os Volturi, a ida de Bella e Alice a Itália, Caius, Aro e Marcus, e por fim, Edward Cullen de volta. O fim é de tirar o fôlego!

Pra terminar com chave de ouro, o encontro a três de Jacob, Bella e Edward no bosque é tenso e muito bem conduzido.

Não sei se os outros são muito melhores que os primeiros, devem ser com certeza, mas Lua Nova é um livro simplesmente inesquecível que não perde em nada para o Crepúsculo a não ser pelo falta que a família Cullen faz a trama.

E Stephenie Meyer se consagra como uma das melhores autoras da atualidade.
comentários(0)comente

Tielle | @alivromaniaca 12/08/2009minha estante
Nossa concordo plenamente com vc!! A maioria diz q esse é o livro + ruizinho da Saga + eu discordo pois Amei e assim como vc cheguei a torcer pelo Jacob e nao decidi pra qm eu torço msm lendo Eclipse!! suahhusa bjs


Alana 13/08/2009minha estante
Alana 13/08/2009minha estante

Sim, eu tinha até esquecido que este livro é muito bom!

Como sempre, concordo sucintamente com vc!

*.*

Vc escreve muito e muito bem. E não cansa!

Parabéns por ser objetivo.



sulian 03/09/2009minha estante
foi nesse livro que muitos começaram a torcer pelo casal jacob e bella... confesso que estou em duvidas de qual gosto mais... edward ou jake?




Italo 31/12/2009

Eu li o livro todo e achei realmente...uma bosta!
garotas que leram este livro e gostaram/amaram são todas fúteis
que pensam um dia em ter o Edward ou sonharam com um ao seu lado.
Achei o melhor dos piores,realmente me mostrou como pode um amor ser tão doentioo,e mostrando também como a saga Vampiresca caiu,revelando assim o modismo. Stephenie sua retardada vai ler livros como Drácula em vez de tirar histórias da sua cabeça para iludir garotas influenciáveis.

Alexia 05/01/2010minha estante
Apoiado!


Alan Ventura 10/07/2010minha estante
Apesar de não ser fã da série,eu achei esse livro o melhor dos quatro,a maneira com que a Stephenie Meyer consegue passar os sentimentos de Bella para o leitor,é admirável.Essa questão de ser livro "modinha" ou não,é o de menos,o importante é que o ser humano leia.

Com relação à questão do fanatismo abordado em sua resenha Ítalo,eu apenas acho,em minha humilde opinião,que o fato das garotas se iludirem com o livro não tem nada a ver com a Meyer,ela criou a história,as pessoas podem odiar ou amar a mesma.Você por exemplo,odiou e tem motivos para isto,mas há pessoas que amaram (milhares de pessoas)e também têm motivos para isto.

Dizer que algo é ruim é tolerável,mas ofender quem gosta não é,nem um pouco.


Ju 13/07/2010minha estante
Muitos reclamam da fase deprê da Bella, mas ela nunca foi uma garota extrovertida do tipo popular!!! Gostei da forma como essa fase foi narrada, deu pra mergulhar na deprê junto com ela; quem disse que a vida é só alegria???


Nathy 10/05/2016minha estante
FIQUEI PUTINHA! E quer saber? Vou responder mesmo. Acho meio ~equivocada~ a sua teoria de que a Stephanie Meyer tem que ler Drácula, e blá-blá-blá. Assim como a Thaís falou uma vez ?a história é da STEPHANIE MEYER, se ela quiser que eles virem UNICÓRNIOS no sol e chamar de vampiro, ela pode? então com licença. E já deu com esse preconceito idiota com as fãs de Crepúsculo. Que falta de respeito. Literatura é literatura, independente se estiver lendo Stephanie Meyer ou Vladimir Nabokov




duda 07/08/2020

- Antes de você, Bella, minha vida era uma noite sem lua. Muito escura, mas haviam estrelas, pontos de luz e razão... E aí você apareceu no meu céu como um meteoro. De repente, tudo estava pegando fogo; havia brilho, havia beleza. Quando você não estava lá, quando o meteoro caiu no horizonte, tudo ficou escuro. Nada havia mudado, mas os meus olhos haviam ficado cegos com a luz. Eu não conseguia mais ver as estrelas. E não havia mais razão pra nada.
comentários(0)comente



Kira 10/09/2020

Sofrimento
Releitura mais arrastada possível, mas confesso que gostei mais que da primeira vez. Sol da meia noite me fez ter uma visão muito melhor de Jacob, antes eu achava que ele se fazia de desentendido e tal, mas na verdade ele só era inocente quanto todas aquelas lendas e mitos hahaha
O começo foi bem chato com a Bella surtando, foi um pouco melhor quando ela começou a conviver com Jake e chato de novo com aquela "separação" dos dois.(obs* tadinho do Jacob step emocional da Bella)
Tudo fica muito melhor lá pelo meio, depois que a Bella descobre a verdade sobre o Jacob, as coisas fluem muito melhor, dá pra sentir o alívio de ambos por não terem mais segredos.
Acho meio impressionante como as pessoas ainda torciam pro Jake, Lua nova deixa muito claro que a escolha dela sempre vai ser Edward.
Jacob sempre foi o oposto de Bella e sinceramente não acredito nessa de "opostos que se atraem", isso só vale na física, nos relacionamentos os opostos se distraem.
Bella e Edward combinam muito mais, os dois são muito sombrios hahaha Jacob é o sol, a luz, eu realmente acho que a Bella não seria boa pra ele e nem ele seria bom pra ela a longo prazo.
Amei o final, Alice maravilhosa pra variar, foi muito emocionante toda a trama até Volterra e os Volturis.
Fiquei muito curiosa sobre os Volturis, ao invés de mais livros sobre Reenesme, poderia ter um sobre eles.
Edward e Bella se encontram e fica aquela ladainha toda dele não querer transformar ela e blablabla, chato demais, eu adoro a forma como Bella resolve as coisas de forma diplomática.
Bella dos livros>>> Bella dos filmes.
Fico muito triste como a Bella nos filmes é extremamente passiva e inerte, sem nenhuma voz ativa.Nos livros vejo ela muito mais decidida e determinada. O que faz algumas horas ela parecer não ter opinião, é o fato dela ser bastante complacente, ela aceita muito bem as situações em que se encontra hahaha
Aninha.Costa 10/09/2020minha estante
Melhor resenha!!
A Bella nos filmes é muito sonsa, parece que sempre precisa de alguém e nos livros nós percebemos como ela é forte e faz coisas por si


Kira 10/09/2020minha estante
Siiiim isso é muito irritante, nos livros dá pra perceber que apesar da Bella não ser super forte e nem ter poderes já que ela era só uma humana, a mente dela é muito mais blindada que a do Edward. Ele sempre tenta ser racional, mas toma atitudes por emoção, como no caso da alma da Bella, sem nem sequer considerar sua opinião.
Por outro lado a Bella é muito mais pragmática nas situações, tem um controle muito melhor na hora de agir, acho que por isso eu amo tanto quando ela vira vampira, sem toda a fragilidade humana, ela é mais incisiva e acertiva.


Aninha.Costa 10/09/2020minha estante
A Bella sendo humana já era uma incógnita pra mim, porque tinha que ter algo que explicasse ela ser imune aos poderes, tipo a dor que a Jane tenta causar a ela e a leitura do Edward...Mas a Bella vampira se mostrou muito melhor que todos os Cullen juntos, claro que um clã tem muito poder mas a Bella acrescentou demais pra eles ?


Kira 10/09/2020minha estante
Siiim a Bella é tudo??


Aninha.Costa 10/09/2020minha estante
?


renatis 10/09/2020minha estante
Ui, cruzes hahahshs




iarart 18/08/2020

Não foi tão arrastado quanto eu pensei que seria, mas basicamente, sem os vampiros, a graça vai embora. Nesse livro temos a melhor versão do Jacob (porque depois ele se torna insuportável, estou julgando pelos filmes), mas não é o suficiente para entreter. O livro fica bom de verdade pós 40%. Eu já esperava.
comentários(0)comente



Becky Cunha 04/01/2010

Em "Crepúsculo" vemos o começo de um relacionamento que pode no mínimo ser considerado bizarro (ou vai dizer que uma humana retardada namorando um morto-virgem-de-100 anos não é bizarro?) e em "Lua Nova", vemos a mesma principal, Bella Swan, transformar-se num zumbi (RÁ! e os pobres mortais achavam que era um livro de vampiros... tsc) após Edivardi, que com todo o seu charme, dá um pé na bunda dela.
É claro que após seis meses de namoro trocando selinhos e abraços, quando o seu namorado lhe dá um pé na bunda a coisa mais lógica a se fazer é passar o dia vegetando, babando e se arrastando pela casa com um pijama puído com ares de fim-de-mundo. E por meses Bella não faz nada diferente, e, inclusive, como não possui nada mesmo na cabeça, ela acha que está enganando todo mundo com o seu teatrinho dramático. Pobre tola, mal sabe ela que todos já sabem de tudo, mas como ela passa a vida dela idolatrando apenas Edivardi e esqueceu que o sol não gira em torno dele e acabou sem amigos, ninguém se importa com ela a ponto de chamar ela. E então... TAM-DAM! A história passa para outro nível de bizarrice, envolvendo alucinações, tentativas de suicídio, zoofilia... (se bem que se eu precisasse virar zoofila para pegar o Jacob eu nem pensava duas vezes...)
E depois que você pensa que já viu de tudo, descobre que Edivardi pensa que Bella está morta (ele mal sabe que ela virou um zumbi e come cérebros no café da manhã) e resolveu assumir sua homossexualidade na frente de milhares de pessoas em uma cidade cheia de vampiros homofóbicos. Bella, é claro, corre para salvar Edivardi em um momento de pura macheza (porque alguém tem que ser o homem da relação).
No fim das contas, a Bella prefere mortos do que cachorros. Vai entender...

(é, eu to com preguiça de escrever...fazer o q neh)
comentários(0)comente

Bell 10/01/2010minha estante
Preguiça nada, tá linda a resenha =D Morri de rir




Ingrid 22/09/2020

Agonia
Não gostei. Mas vou ler os outros, não gostei por conta da Bella mesmo , tão vazia quando não está dependente do Edward se torna do Jacob. Mas talvez o próximo livro seja melhor.Mas não gostei da forma que ela tratava a todos.
comentários(0)comente



1147 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |