Amor Imortal

Amor Imortal Ana Carolina K.J




Resenhas - Amor Imortal


87 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6


Isabela 01/01/2016

Adorei!!!
Amor Imortal foi uma obra que me arrepiou assim que li sua sinopse e olhei com outros olhos para a capa. Um amor profundo e espiritual, uma busca implacável pelo que é justo e correto... A fantasia mais real que já devo ter lido em toda minha vida literária. É completamente tocante o modo como a Ana Carolina KJ aprofunda-se no assunto celestial, salienta um amor “inimaginável” entre uma humana e um homem-anjo, a garra de ambos para manterem seu amor.

Confesso que sou muito pouco ligada à fé, mas me senti apaixonada a ponto de ter vontade de voltar a acreditar em coisas que há muito não me despertam interesse. O amor de Anna e Raziel é o melhor exemplo que passei a ter sobre o que quero da minha vida, alguém que me complete assim como ambos se completam. Apesar de ser uma história fictícia, é claro, acredito que possam existir almas-gêmeas e desafio os leitores e os futuros leitores de Amor Imortal a falarem o contrário.

“Em seus braços não sentirei medo, em seus braços não sentirei frio. Sua energia aquece meu sangue, renova meu espírito, fortalece meu corpo. A minha existência é incompleta sem os seus olhos me encarando, penetrando em mim, navegando em minha mente.”

Anna Bonnier se julga uma mera mortal, embora seja uma linda ruiva de olhos azuis, uma pintora inigualável, uma amiga fiel e carinhosa, que estava a uma porta da felicidade. Em uma viagem para os EUA com sua amiga Loreta, Anna se vê em meio a perigos que ela não acreditava que existiam e também a um amor tão forte que é capaz de toma-la sem pensar duas vezes. O que era uma pacata e luxuosa vida no Rio de Janeiro, tornou-se uma eletrizante aventura ao lado de Raziel, o lindo homem-anjo de enormes asas negras.

Um livro que mexeu comigo, fez-me repensar sobre o conceito de amor e se fazer o possível por esse sentimento basta. Concluí que não. Se o objetivo é ter um amor com base sólida, incluindo o respeito, a compreensão e a igualdade, o possível é muito medíocre. Para um amor durar e valer a pena, é preciso fazer muito mais. Precisa-se combater o mal, agarrar-se a fé e manter o sentimento inabalável.


“O nosso amor estava escrito. Escrito em cada ponto do Universo, em outras dimensões, além dos portões do céu, sob a guarda dos querubins. Quem ousaria desfazer esse laço? Quem poderia afastar nossas almas pela eternidade? Quantas batalhas teríamos de travar para proteger a nossa união?”

site: http://umavidaliteraria1.blogspot.com.br/
Carol 22/01/2016minha estante
Muito obrigada pelo desejo de ler o livro, pelo carinho e apoio. AMEI a resenha. bjs - Ana Carolina KJ


Bruno 29/01/2016minha estante
Oi Isabela! Eu adorei a sua resenha. Também tive sensações intensas ao ler este livro.


Samuel 29/01/2016minha estante
Cara! Esse livro é muito envolvente. Mais do que o romance, o foco para mim foi a luta entre o bem e o mal. Trama muito bem desenvolvida.


ROBSON 29/01/2016minha estante
Oi Samuel! Concordo com você. Eu adoro ficção e amo tudo que é relacionado à Nephilins e anjos caídos. A autora fala sobre Enoque de uma maneira que eu não vi em nenhum livro. Achei muito interessante. Gostei também da forma com que ela descreve os lugares... Me fez viajar. Uma história que também agrada os homens.


Edson Falton 29/01/2016minha estante
Li esse livro em dois dias! A cena que mais gostei foi a de Samyaza e Anna dentro do lago. Também adorei a parte em que o Arcanjo Miguel aparece. É um livro espiritual e misterioso. A escrita da autora flui bem. Ela detalha cada ambiente com perfeição e isso faz com que a gente se desligue da realidade. Espero que tenha continuação!


cicero 29/01/2016minha estante
A autora me surpreendeu com o desenvolvimento dessa história. Achei a Loreta muito engraçada e a Anna super corajosa! Cada personagem com uma característica diferente...Me envolvi com cada um deles. Amei o Epílogo ( a visão do Raziel). Realmente, é um livro que atrai não só mulheres como homens também!


Claudia Junqueira 30/01/2016minha estante
Eu simplesmente amei esse livro! Me identifiquei demais com o personagem.. Assim como a protagonista, tinha perdido a minha fé, mas a força de Anna me fez repensar a vida.Parabéns pela resenha Isabela.


Liv 30/01/2016minha estante
Oi

A primeira coisa que chama a atenção no livro é a capa, bom saber que é um romance envolvente e que consegue tocar o leitor e fazê-lo refletir sobre que tipo de relacionamento ele quer para sua vida.


Mario 30/01/2016minha estante
Também adorei essa obra! Gostei da forma como a autora retratou a história dos duzentos anjos caídos e mesclou com uma história de amor. Ela foi ousada e conseguiu criar um enredo fantástico.


Sonia 07/02/2016minha estante
Esse livro passou mensagens significativas para minha vida. Acreditar em uma amor que ultrapassa o tempo... Uma sensação muito boa.


Jorge Paulo 01/04/2016minha estante
Livro intrigante e sensual. Amei!


Toninho 26/04/2016minha estante
livro ma-ra-vi-lho-so!




May Scruz 23/11/2015

Oi, excelentíssimos leitores. Tudo bem por aí!?

Hoje nós vamos falar sobre um livro de romance sobrenatural nacional, lançado no mês de Outubro pela Novo Conceito. Infelizmente o livro não me agradou. Mas eu conto tudo para vocês!


PERSONAGENS E NARRATIVA
Temos Anna, protagonista da série. Perdeu o pai recentemente e é formada em Artes. Ela é a reencarnação da Amada Imortal do Nefilim Raziel.

Loreta, melhor amiga da Ana.

Raziel, o "homem-anjo" amado por Anna e que tem um papel importante na guerra contra os anjos caidos,

A narrativa é simples e flui com facilidade mesmo eu não tendo gostado da personagem principal eu consegui ler com rapidez até.. Infelizmente pro final do livro eu tive dificuldade em continuar a leitura mesmo com essa característica simples, eu conto mais abaixo o motivo.

PROJETO GRÁFICO
Não gostei muito do retrato dos personagens na capa, as cores estão harmoniosas - disso eu gostei muito.

Papel Off-white, boa entrelinha, entre letra e área de respiro. Bom corpo de letra e os capítulos começam sempre na página impar, o que demonstra preocupação com a diagramação ♥.
A abertura de capítulos é boa também, simples mas eficiente.


CONSIDERAÇÕES FINAIS
Eu venho procurando ler todo o material contemporâneo nacional que consigo mas esse não me fisgou. Eu não consegui criar uma conexão com os personagens e não me senti lendo algo novo e diferente. Acho que com a saturação desse gênero eu venho buscando livros inovadores desse estilo.
Algumas coisas me incomodaram na personagem principal. Ela se diz cética mas de cara sente uma atração que diz ser "sobrenatural" pelo Raziel, além do fato de que ela aceita tudo muito facilmente - ok, eu entendo que ela tem a memória das vidas anteriores, mas pra mim ela deveria ser mais resistente. Eu não consegui me conectar com ela, me sentir na pele da Anna...

Como vocês sabem também não gosto de personagens que deixam de lado algumas coisas por causa de um relacionamento, depois que ela conhece Raziel a vida dela toda gira em torno dele :( eu não consigo gostar disso, livros assim me deixam louca! As cenas mais hots são ok, mas não senti muita química dos personagens. Costumo gostar de relacionamentos construídos de uma forma mais "lenta".

De qualquer forma eu continuei a leitura esperando ser surpreendida mas infelizmente a surpresa que eu tive não me agradou.. Em certa parte do livro, quando os personagens falam em entrar no covil do antagonista - uma espécie de demônio. A personagem principal fala uma frase que me me deixou muito assustada. É mais ou menos assim: Raziel fala que eles enfrentarão um local impregnado e protegido por magia negra. E Anna singelamente solta a frase: Ele faz macumba?
Raziel diz algo do tipo "se você chama isso de ritual satânico..." E morre aí.. Eu não sou praticante de nenhuma religião africana (seja candomblé ou umbanda - ou outra que exista e eu não conheça rs - ou como geralmente são chamados :macumba, que diga-se de passagem é um instrumento) mas eu respeito os praticantes. Acredito que como em qualquer religião existem pessoas que usam sim as energias para o mal mas também tem muita gente que usa para o bem. Acho importante que na hora de escrever/revisar/editar um texto exista um cuidado para não propagar informações que não são corretas e que podem gerar desconforto e algum tipo de preconceito.

De qualquer forma, se esse é o seu estilo eu sugiro que você leia e tire suas conclusões. Para mim dentro de todo meu repertório como pessoa e leitora o livro não funcionou e não seria uma indicação.

Não tinha a intenção de fazer uma resenha tão longa, mas acho que quando a nota é baixa o motivo deve ficar mais claro e embasado. :) | Uma estrela pela diagramação e a outra é pela narrativa ser fluida

Beijos e até a próxima.

site: www.ensaiodemonomania.com.br
Lelê 24/11/2015minha estante
Pois eu adorei sua sinceridade. Adorei seus comentários.
Você não é obrigada a gostar e elogiar o livro só porque veio de parceria.
Não ligue para as ameaças.
A editora é que irá ficar sabendo sobre isso. Não fazemos parceria com regime de cabresto.
Nem tá valendo isso.
Se quiser mandar alguma reclamação para uma reavaliação, pode mandar meu nome também. Afinal, nas regras de parceria, não estão dizendo que puxar o saco faz parte do requisito.


SahRosa 24/11/2015minha estante
Li a resenha e achei muito legal os pontos citados, que aliais podem ser úteis a autora e até mesmo a editora. Sinceridade é que esta em falta tanto aqui no Skoob, quanto nos blogues em geral, é ótimo encontrar uma pessoa que expõe sua opinião de forma sincera e honesta. Há leitores que podem gostar do livro, outros não, o que cabe a cada um é respeitar o próximo e resenha, nada mais é que opinião, se uma editora ou autor quiser crescer, precisa sim aprender a ouvir/ler e receber críticas de todos os tipos. Parabéns pela resenha.


João | @joaovictorcomc 24/11/2015minha estante
Não li o livro e não tenho a menor vontade de ler. Porém, estou rindo muito do comentário do Claudio. Meu Deus, quanta alienação, quanto puxa-saquismo kkk
Primeiro, sendo você editor chefe de tal revista ou não, isso não lhe dá o direito de sair ameaçando as pessoas na internet. Vamos baixar a bola? E segundo, confio mais na opinião dela do que na de pessoas como você!
Mayra, continue sendo sincera e transparente em suas resenhas :D


Mari Siqueira 24/11/2015minha estante
Oi May,
Parabéns pela tua resenha! Vim comentar por conta da polêmica que o comentário do tal de Claudio (ou o "excelentíssimo" editor chefe de uma revista) tem causado. Você foi fantástica na sua descrição e conseguiu transmitir o motivo de o livro não ter te conquistado, porque apesar de muitos ainda não entenderem, ninguém é obrigado a gostar de nada e a editora não nos faz um favor ao enviar um livro para resenha. Fique tranquila que sua parceria deve estar muito segura com a Novo Conceito, afinal, eles têm o mínimo de discernimento e humildade para entender que seus livros podem não agradar a todos.

Quanto à questão da religião, eu entendi o seu ponto de vista e, sim, a macumba, candomblé, umbanda e afins, ainda são vistos (e descritos) com ignorância, mas acho que o que está dentro do texto não reflete necessariamente a opinião da autora, pode ter sido uma má colocação, uma figura de linguagem ou a opinião preconceituosa e ignorante de um personagem de forma intencional. O texto abre muitas possibilidades e é importante trazer esse questionamento como forma de esclarecimento para os que não conhecem a macumba, umbanda ou candomblé, mas não necessariamente, precisaria ser retratado no livro, afinal, é ficção e o politicamente correto tira muito do valor das obras. Por incrível que pareça, o preconceito presente na literatura deve ser mantido, só assim os futuros leitores poderão ver o quanto o pensamento de uma época evoluiu.

Continue sendo sincera e escreva com o coração. E se não gostou do livro, diga mesmo. E se o Claudio não gostou da tua resenha, que diga também, ele tem todo o direito de comentar o que quiser, mas não venha ameaçar ninguém com uma parceria que nem mesmo é de sua responsabilidade. Quem cuida do marketing da editora é a própria, no mais, é tudo palpite.


May Scruz 24/11/2015minha estante
Claudio, respeito sua opinião. De toda forma a editora já recebe as minhas resenhas para análise.

Lelê, Diae e João, muito obrigada pelo respeito e apoio. Significou muito pra mim, de verdade :D. Sinceridade sempre!!
Mari, obrigada pelas palavras de incentivo e por me trazer um outro ponto de vista.

Sigamos assim, fazendo as coisas com amor e sendo sempre verdadeiros com o que sentimos.


Claudio Mello 25/11/2015minha estante
Discordo da sua resenha! Como editor chefe de revista, tenho bastante experiência para dizer que a história é escrita com maestria e capricho. A protagonista é uma mulher que luta pelo amor da sua vida e tem uma personalidade fantástica. Sobre o que você falou sobre religião.... Que absurdo! O padrão de qualidade da Novo Conceito não iria editar um livro que não fosse de qualidade e que desrespeitasse qualquer religião. A história é uma ficção! Como seria então livros que falam de magia negra entre outros... A pessoa esclarecida, sabe que nada é real. Se um escritor se preocupa com isso, não pode escrever nada relacionado ao lado espiritual.


Kris Monneska - Conversas de Alcova 20/01/2016minha estante
Oi Gostei muito da tua resenha temos de ser sinceras mesmo, também achei a parte da "macumba" muito ofensiva e acredito que isso deva realmente ser apontado para que seja corrigido em outras edições. Achei o comentário do senhor Cláudio bem pretensioso, " sou editor de revista" como se isso fizesse da opinião dele mais importante que outras. Gostei da forma que você expôs seu ponto de vista. Que fique claro pra ele que o trabalho de blogueiro não é elogiar livros, mas avalia-los.




Liachristo 16/05/2016

Amor Imortal - Ana Carolina KJ - Novo Conceito
Solicitei este livro para resenha assim que bati os olhos na capa, que achei linda. É sou dessas... kkkk A segunda coisa que me chamou a atenção é que a história era sobrenatural e envolvia um amor capaz de ultrapassar o tempo, que é outra coisa que me cativa logo. Mas quando comecei a ler Amor Imortal não tinha nenhuma expectativa, já que ainda não tinha lido nada da autora e nem sobre o livro. A leitura foi uma boa surpresa, pois a autora conseguiu transformar um tema tão recorrente em algo que me agradou muito.

O livro é narrado em primeira pessoa, no caso pela Anna nossa protagonista. Como vocês puderam ler na sinopse Anna acabou de perder o pai, estava muito triste e melancólica e por isso resolveu aceitar a ideia de sua amiga Loreta de viajarem para Aspen a fim de esquecer um pouco a dor e tentar recomeçar.

Loreta é uma amiga maravilhosa, amorosa e fiel. Mas ao mesmo tempo é uma jovem que tem muita grana, é mimada, meio imatura e não parece ter medo do perigo. Isto faz com ela acabe por muitas vezes colocando Anna em situações difíceis.

Anna é uma jovem forte, determinada, e que traz dentro de si alguns sentimentos que não consegue explicar e nem definir. Gosta de arte, é uma talentosa pintora. Tem a estranha sensação de pintar lugares ou situações que já tenha vivenciado mesmo que isto não seja bem verdade.

Em Aspen as amigas são abordadas por dois rapazes lindos e ricos, mas que deixam Anna incomodada e com um pé atrás. Já Loreta cai logo de amores por um deles Marcos, deixando Anna bastante preocupada com sua segurança.

Alguns acontecimentos estranhos começam a acontecer nesta viagem. Dentre estes fatos Anna fica conhecendo Raziel, um homem lindo, de tirar o fôlego e que a deixa completamente apaixonada. Alguns leitores poderão achar, que a paixão entre eles surge muito rápido, mas não é isto que acontece. Como o título do livro já diz o amor deles é imortal. Por isso assim que conhece Raziel, Anna sente algo profundo e muito intenso por ele. Sente que eles têm uma história juntos, e seus sentimentos por ele só fazem crescer e florescer cada vez mais no decorrer da narrativa.
"Demônio ou anjo. Vida ou morte. Azar ou sorte. Mesmo que eu não saiba quem és, confio em ti. Olhei fundo em seus olhos e vi o meu reflexo. Um ardor se espalhou em meu peito. Percebi que havia algo além de um simples encontro, algo inexplicável e familiar, como se a sua alma fizesse parte de mim." Pág. 67
Erick e Marcos, acabam se mostrando do mal, e irão causar muitos problemas para Anna e Raziel, que lutam com todas as forças para ficarem juntos e conseguir enfim quebrar a maldição que os mantém separados através dos séculos. Os dois já estiveram juntos duas vezes antes, mas em ambas algo grave acontece que os separa e nesta terceira vez, Raziel não quer deixar que o mal vença de novo.

Gente preciso dizer que o amor deles é lindo demais! Chega a nos emocionar ver toda a dor de Raziel, toda sua angústia e medo de perder Anna novamente.
"O inverno da minha solidão foi preenchido pelo seu sorriso, pelo afago de suas asas etéreas, por sua voz rouca e aveludada, pelo seu jeito ardente e enigmático. A minha vida tomou outro rumo. Entre o céu e o inferno, lutaremos até o fim. Peço aos seres de luz que nos guiem a um destino afortunado, a um futuro no qual poderemos nos esquecer das batalhas e da morte, em que a paz reinará sobre os nossos espíritos."

Para ler a resenha completa vá ao blog.

site: http://www.docesletras.com.br
Pietra.Bretch 18/05/2016minha estante
Interessante...parece uma bela história :)


Liachristo 21/05/2016minha estante
Eu curti muito Pietra.


Carol 24/05/2016minha estante
Olá Lia! Amei a sua resenha. Muito obrigada pelo carinho e apoio.bjs


Pietra.Bretch 25/05/2016minha estante
Vai pra minha lista de aquisições rsrs




Luzimeire 21/12/2015

"AMOR IMORTAL"
RESENHA DO LIVRO "AMOR IMORTAL"

Não sou muito boa em frases de efeito, prefiro as de inspiração, porém, nenhum desses dois estilos seriam suficientes para expressar toda a gama de sentimentos que senti ao ler o livro “AMOR IMORTAL.” A história escrita pela novata e promissora autora, Ana Carolina KJ é de uma RIQUEZA sem igual. São poucos os autores que consegue me impressionar com a leitura de um único livro... E esse mérito, a Aninha (olha a intimidade da mulher, rsrsrs), conseguiu logo de cara.

São muitas as coisas que eu gostaria de dizer a respeito de Amor Imortal, porém, tem coisas que não se fala, não se escreve & não se explica... Apenas se sente - Então, como explicar algo que só pode ser sentido pelo coração? Difícil, né! Só posso dizer uma única coisa: “Que esse livro realmente me pegou de jeito”. “Gostei bem mais do que pensei que iria gostar.” Confesso que cheguei a pensar que não fosse curtir a história escrita pela Ana Carolina JK, qual não foi a minha surpresa ao constatar que a mulher tem talento, que ela realmente nasceu para ser escritora. Seu romance de estreia é de uma originalidade ímpar, com uma narrativa, leve, gostosa e que flui de uma forma surpreendente.

Então a única coisa que peço a vocês, leitores (as), é: Leiam, leiam e tirem suas próprias conclusões.
Carol 22/01/2016minha estante
Muito obrigada pelo desejo de ler o livro, pelo carinho e apoio. AMEI a resenha. bjs - Ana Carolina KJ


Luzimeire 09/03/2016minha estante
Imagina, ler seu livro foi um prazer imenso pra mim.


Dri 27/04/2018minha estante
Capa belíssima.




Fernanda 15/12/2015



Olá Catarina´s (os)!

Quando vi este livro para solicitação na página da Novo Conceito, não tive nenhuma dúvida de que leria. Primeiro, amei essa capa e a premissa me deixou bastante curiosa, portanto, foi o primeiro livro que li assim que foram entregues. Bom, a Ana Carolina nos apresenta Raziel e Anna e vou tentar expressar um pouco do que a obra me ofereceu e espero conseguir, pois faz dias que tento pensar em como escrever a resenha.

Faz pouco tempo que Anna perdeu seu pai e para tentar se recuperar e esquecer um pouco deste acontecimento triste resolveu que viajar com sua melhor amiga, Loreta seria uma ótima distração, porém o que seria um simples passeio transforma a vida da personagem para sempre. Ao conhecer Raziel tudo se modifica e ela quer apenas viver esse momento, pois há tempos não se sentia tão viva e eufórica.

Raziel é um anjo lindo de viver! Ah, e que anjo, rs. Ele é enigmático e isso acaba por despertar ainda mais a atenção de Anna, pois sempre que está ao seu lado ela se esquece de que o resto do mundo existe e a vida gira apenas ao redor de ambos. Gostei muito da Anna, pois ela não fica louca ao descobrir que o amor deles atravessa os séculos e a cada momento que passam juntos é único.

A autora trabalhou a trama sobrenatural da obra muito bem. Revelou a Anna suas vidas passadas através de sonhos ou lembranças que voltavam em momentos em que menos esperávamos e também a partir das novas experiências que a personagem estava vivendo ao lado de seu amado.

Claro que os seres das trevas são parte fundamental da narrativa, mas isso deixarei que vocês descubram.

Ana Carolina ainda trabalhou um lado hot na obra deixando assim a leitura, ainda mais agradável, para mim, essa parte foi bem singela, então não deixará ninguém irritado por ter sexo demais ou descrições desnecessárias. No final, ainda deixou abertura para uma possível continuação, porém não sei se terá.

Em suma, Raziel é Anna precisam lutar contra muitos inimigos para viverem um amor que atravessou os séculos e que foi interrompido por alguém que nem ao menos podemos imaginar. Porém, ele é filho de um caído e só por isso já podemos esperar muitas surpresas. No que diz respeito à edição, parabenizo a editora pelo trabalho lindo que fizeram.
Carol 15/12/2015minha estante
Olá Fernanda! Muito obrigada pela resenha bem feita, pelo carinho e apoio. Sim, o livro terá continuação! Já estou trabalhando nele. Adorei a sua análise da obra. Um beijo grande e parabéns pelo trabalho.


Fernanda 22/12/2015minha estante
Fico feliz que tenha gostado da crítica.
Beijos


Carol 22/01/2016minha estante
Amei!




Vanessa Sueroz 04/11/2015

Neste livro iremos conhecer Anna, uma jovem artista que esta fechada para o amor, ela desistiu de tudo depois que terminou com seu ex-namorado. Hoje ela esta tentando se divertir um pouco e recuperar sua felicidade quando embarca para uma viajem para uma estação de esqui com sua melhor amiga Loreta.

Mas logo as coisas começam a ficar estranhas, coisas malucas que só o sobrenatural pode ajudar a entender começam a acontecer. Pensamentos inseridos em sua mente, acidentes estranhos e até mesmo esquiar em pistas perigosas acabam por tornar o dia a dia de Anna bem agitados.

No hotel que esta hospedada Anna conhece Raziel, um homem misterioso e enigmático, logo que o vê ela sente uma atração incontrolável, que nunca sentiu com ninguém em sua vida, piorou com os rapazes que Loreta esta querendo que ela saia.

Resenha completa:

site: http://blog.vanessasueroz.com.br/amor-imortal/
Carol 04/11/2015minha estante
Olá Vanessa! Muito obrigada pela linda resenha! adorei! bjs - Ana Carolina KJ


Carol 12/11/2015minha estante
Oi Vanessa! Muito obrigada pelo carinho e apoio! bjs - Ana Carolina KJ




Lili No Mundo dos Livros 06/07/2016

Misterioso e quente
Amor Imortal conta a história de Anna, uma carioca cujo coração está sofrendo devido a morte de seu pai. Ela e sua melhor amiga, Loreta, decidem fazer uma viagem a Aspen, com o intuito de se distrair. O que ela não esperava é que um mundo totalmente novo se abriria a sua frente e que um homem misterioso entraria em sua vida, de novo.

Se você acha que Amor Imortal é mais uma daquelas histórias sobrenaturais sobre anjos, esqueça! Claro que a autora colocou no enredo todos os elementos essenciais deste tipo de história: imortalidade, asas , vidas passadas, etc. Contudo, achei que ela foi muito além disso. .

No livro o suspense a respeito da verdadeira identidade do misterioso Raziel dura pouco, logo descobrimos quem ele é. E é a partir daí que acho que está a novidade trazida pela a autora. O nível de mistério que envolve Anna e Raziel é muito maior do que os que estou acostumada a ver. Aqui temos uma luta mais concreta e definida, que confesso que me deixou com um pouco de medo, aquele friozinho na barriga. As descrições da autora são tão bem feitas que me imaginei no lugar da personagem. .

O que mais gostei é que Anna é uma protagonista ativa, corajosa e não uma daquelas que ficam esperando o ser sobrenatural vir salva - la do mal.
Além disso, a beleza e a sedução celestial é levada à outro nível. Raziel é quentíssimo e as cenas de romance dos dois acompanha o jeito sexy e sedutor desse homem - anjo (me abana 🔥). O amor e devoção que ele tem para com a Anna são lindos e tocantes, um amor que realmente ultrapassa a barreira do tempo. Já a amiga Loreta me incomodou um pouco, tipo, como ela não consegue ver o que está diante de seu nariz?! Mas tudo bem, porque as suas atitudes têm uma razão de ser, por isso são justificáveis (será?! Hahaha). .

Recomendo a leitura para que gosta de romances sobrenaturais, para quem não tem medo de demônios 🙈, mas principalmente para quem acredita no amor verdadeiro! Já quero a continuação.

site: https://www.instagram.com/p/BHfNlzwB5fZ/?taken-by=lilinomundodoslivros
Liliane 29/07/2016minha estante
Oi Lili acompanho seu Instagram, fico feliz em saber de sua opinião positiva em relação ao livro, estou lendo ele e achando mais ou menos hahaha vamos ver minha opinião final


Lili No Mundo dos Livros 30/07/2016minha estante
Oi Liliane, obrigada! Eu dei uma opinião positiva no livro porque achei a história um pouco mais inovadora do que as que eu vejo em livros a respeito de anjo... e por causa de Raziel! hahaha. Mas entendo quando você diz que achou o livro mais ou menos ;)


Beijos




Marineida 19/10/2015

Amor Imortal um filme
NAS PRIMEIRAS PAGINAS JÁ FUI TOTALMENTE ENVOLVIDA PELO LIVRO. UMA FICÇAO MUITO BEM ESTRUTADA , MANTEM UM RITIMO INSTIGANTE DO COMEÇO AO FIM .AMOR IMORTAL PODE PERFEITAMENTE SER ADAPTADO PARA CINEMA OU SERIE DE TV COM MUITO SUCESSO
Carol 20/10/2015minha estante
Obrigada Marineida! Que maravilha saber que você gostou tanto assim do livro. Eu escrevo imaginando um filme, como se estivesse junto com os personagens. Seria maravilhoso se isso realmente acontecesse. Obrigada, bjsss


Junior 22/10/2015minha estante
Acabei de ler o livro e confesso que não esperava tanto! A autora demonstra muita realidade em suas palavras. Romance bem estruturado




Ana Luiza 09/11/2015

Resenha do blog Mademoiselle Loves Books - www.mademoisellelovesbooks.com
Depois da morte do seu pai, Anna não têm sido a mesma. Assim, a jovem e talentosa artista cariosa aceita viajar com a melhor amiga Loreta para Aspen, há fim de espairecer em meio aos cenários nevados e público exclusivo. Elas logo conhecem Erick e Marcos, dois belos homens também cariocas. Entretanto, desde o início, os dois despertam desconfiança em Anna, enquanto Loreta fica absolutamente encantada com ambos.

Com a mente e o coração ainda mais inquietos, Anna começa a duvidar da própria sanidade quando coisas estranhas começam a acontecer e, até mesmo, a ameaçar sua vida. Entretanto, uma voz suave na sua cabeça, assim como uma misteriosa presença que paira ao seu redor parecem ajudá-la e protegê-la. E assim ela conhece Raziel, um belo e misterioso homem, mas que a faz sentir imediatamente em paz.

Logo nos primeiros encontros, Anna sente que Raziel mudou algo dentro dela e se apaixona rápido e profundamente, sentimento que ele corresponde. Entretanto, Raziel guarda muitos segredos e um passado sombrio que ameaçam não só o amor entre os dois, mas a vida de Anna. Entretanto, as almas dos dois estão ligadas há muito tempo e Raziel esperou por muito tempo para encontrar sua dilecta immortalis, sua amada imortal.

“Demônio ou anjo. Vida ou morte. Sorte ou azar. Mesmo que eu não saiba quem és, confio em ti. Olhei fundo em seus olhos e vi o meu reflexo. Um ardor se espalhou pelo meu peito. Percebi que havia algo além de um simples encontro, algo inexplicável e familiar, como se a sua alma fizesse parte de mim.” Pág. 67

Raziel revela a Anna seu maior segredo: ele é um Nephilim, filho de um anjo caído com uma humana. Sua raça é perseguida e amaldiçoada, mas Raziel é um dos poucos que não cedeu ao mal e suas forças malignas. Entretanto, o Caído, um dos mais poderosos anjos que caíram, está sedento por sua alma e, para tentar alcançá-la, ele também vai atrás de Anna.

Para salvar a amada, Raziel vai ao encontro de seu inimigo e desaparece por um ano, um longo ano em que Anna permanece sozinha, mas confiante da volta do seu amor. Entretanto, quando Raziel a reencontra, o Caído volta a ameaçar a vida e o amor dos dois, mas, dessa vez, Anna está disposta a lutar ao lado do seu amado Nephilim.

Desde a decepcionante série Fallen, de Lauren Kate (conheça melhor aqui), tenho ficado receosa de ler tramas que envolvem anjos. Entretanto, nunca consigo resistir muito tempo há um bom e velho romance sobrenatural, desde sempre um dos meus gêneros queridinhos, o que somada a bela capa desse livro, fez com que eu adiantasse Amor Imortal na minha lista de leitura.

LEIA A RESENHA COMPLETA E VEJA FOTOS DO LIVRO NO BLOG:

site: http://www.mademoisellelovesbooks.com/2015/11/resenha-amor-imortal-ana-carolina-kj.html
MILA 11/11/2015minha estante
Senti o mesmo que vc! Não aguentava mais, quase abandonei.


Carol 13/11/2015minha estante
Muito obrigada pelo seu ponto de vista em relação ao livro.
grata - Ana Carolina KJ




Luana Moraes 01/03/2016

Amei, amei e ameiiiiiiiiiiiii
Sedutor, misterioso e envolvente assim é AMOR IMORTAL, ele se tornou um dos meus queridinhos.

Um simples passeio pela estação de esqui em Aspen se transforme em uma enorme aventura para Ana Bonnier, após a morte de seu pai ela está em busca da felicidade, e nada melhor do que uma viagem com sua melhor amiga, Loreta para deixa-la feliz de novo.
Ana e Loreta conhecem Erick e Marcos, dois jovens sedutores e é claro que sua melhor amiga se sente atraída por Marcos, e vai fazer de tudo para que Ana fique com Erick, mas o destino tinha outros planos, o enigmático e sedutor Raziel cruza o caminho de Ana e a ligação entre eles é imediata.

“Demônio ou anjo. Vida ou morte. Sorte ou azar. Mesmo que eu não saiba quem és, confio em ti. Olhei fundo em seus olhos e vi o meu reflexo. Um ardor se espalhou pelo meu peito. Percebi que havia algo além de um simples encontro, algo inexplicável e familiar, como se a sua alma fizesse parte de mim. ”

Um sentimento que ultrapassa as barreiras do tempo, assim é o amor de Raziel por Ana, as almas de ambos estão destinadas a se encontrarem e se unirem, mas sempre são separadas por acontecimentos trágicos.

Entre as montanhas de Aspen, Rio de Janeiro e Paris o romance entre eles se torna sedutor e emocionante, uma aventura se inicia a partir desse novo encontro, mas nada será tão fácil, os inimigos retornam e Ana e Raziel vão ter que lutar com unhas e dentes para permanecerem juntos.

Será que dessa vez vão alcançar o feliz para sempre? Será que nem a mais profunda dor
poderá afasta-los?

"O amor dele era o complemento da minha alma, a razão de tudo o que eu era ... Passado, presente e futuro."

Ainda estou apaixonada por esse livro, suspirando enquanto escrevo. A autora entrelaçou muito bem o romance sobrenatural com a realidade, os cenários são bem descritos, embarquei em uma jornada com esse livro, quando cheguei ao fim não acreditei que não sai do lugar.

A escrita da Carolina é envolvente e sedutora assim como a trama, o enredo foi bem desenvolvido e deixa um gostinho de quero mais (ainda bem que terá continuação), a narrativa em primeira pessoa feita por Ana, consegue passar cada sensação e conectar o leitor aos personagens.

O relacionamento de Annna e Raziel é envolvente e sedutor, tem algumas ceninhas mais eróticas no livro que ficaram incríveis, quando peguei o livro para ler não pensei que tivesse algo mais quente.

Ainda acredito no amor. Pelo menos, uma parte de mim acredita.”

Os personagens foram bem construídos e bem desenvolvidos, é notável o crescimento de
Ana e de Raziel ao longo da trama, e o amor deles cresce ainda mais (suspirando.... Carol onde eu encontro o Raziel, mulher). Loreta é a minha personagem preferida do livro, ela me fez rir e me lembra e muito as minhas loucas amigas (amo vocês!).

A diagramação está linda, a fonte está com um bom tamanho e as páginas são amareladas perfeito para não cansar as vistas durante a leitura, o livro tem vários trechos em latim e eu achei bem legal e super encaixa com o livro.

Um livro que vai fazer você rir, suspirar e em alguns momentos vai te fazer fechar os olhos.

Escritoras como a Carolina me deixam orgulhosas da nossa literatura.

Leiam, leiam e leiam amor imortal.

Dilecta immortalis
Carol 01/03/2016minha estante
Oi Luh! Nossa! Que felicidade ler a sua resenha! Amei! Amei e amei! kkk. Obrigada pelo carinho e apoio. Um beijo grande -Ana Carolina KJ.


Felipe Zamoran 07/09/2017minha estante
Só falou bem e deu uma nota 4 ?




Naty Rangel 30/12/2015

Bom
O livro começa com um casamento em 1913 de duas pessoas que realmente se amam, e a autora não precisou de mais de duas paginas para mostrar isso.

Raziel não podia conter a emoção. Era um sentimento humano que descaractewrizava as regras celestiais, transgredia os valores angelicais, superava toda e qualquer forma de desejo carnal e espiritual.

Então você vai lendo e conhecendo Anna, uma mulher de 23 anos em 2014 que foi abandonada pela mãe ainda criança e perdeu seu pai há pouco mais de um ano. Esta em Aspen com sua melhor amiga Loreta. As duas são artistas plásticas e estão ali para que Anna volte a viver depois do momento difícil ao perder seu pai. Lá, Loreta conhece dois caras: Erik e Marcos que são dois homens muito atraentes, um pouco Bad Boys, mas que não chamaram a atenção de Anna da mesma forma que chamou de Loreta.

Na verdade, nesta parte do livro ela meio que me deixou um pouco incomodada. Duas amigas viajando sozinhas e ainda assim saem com os primeiros cara que aparecem. Aceitar um café? Ótimo, mas esquiar na parte mais deserta da pista? Cadê o senso de sobrevivência dessas mulheres que não tem idade para tanta inocência?

Mas apesar de tudo podemos ver a preocupação que as amigas tem entre si.
Quando um acidente acontece com Anna, Loreta começa a enxergar Erik e Marcos com outros olhos.

Mesmo com tudo isso acontecendo, a única pessoa que não sai da cabeça de Anna é um homem misterioso que ela esbarrou no bar. Raziel que, pra ser sincera, não me apaixonou, talvez porque o suspense já era nítido demais... Ou talvez seja meu humor. kkkkkkkk

- A vida ja é muito agitada. - disse - cheia de desencontros e, se não prestarmos atenção, corremos o risco de perdermos algo importante. - alertou, mostrando seus dentes brancos - Meu nome é Raziel...

Ainda assim o livro me pegou. Li em dois dias e só não demorei menos porque a vida real as vezes fala mais forte kkkk
Mas eu gostei de um modo geral. Me chamou a atenção as mudanças bruscas de assunto ou de humor dos personagens, mas não incomodou a ponto de parar de ler.
Ahh, e tem algumas cenas quentes *-* Disso eu gosto. rs

site: http://www.livrosdanatyrangel.com.br/2015/12/resenha-amor-imortal-ana-carolina-kj.html
Carol 22/01/2016minha estante
Muito obrigada pelo desejo de ler o livro e pela resenha. bjs - Ana Carolina KJ




Jorge Salomão 13/11/2015

Envolvente, misterioso e apaixonante!
Como jornalista e critico literário, costumo ser bem criterioso quando leio um livro. Amor Imortal me surpreendeu! Não só pela trama bem trabalhada que prende a atenção, mas pelo enredo cheio de aventuras e personagens bem desenvolvidos. A história por nenhum momento se tornou tediosa, pelo contrário! A cada cena pude visualizar toda ambientação como se fosse um filme. Os detalhes são primorosos e pude notar o quanto a escritora é viajada e culta. Par quem curte histórias recheadas de requinte, arte e lugares magníficos ... Esse livro é um prato cheio. A profundidade do relacionamento dos personagens é tocante e gostei da forma como ela apresentou a relação do casal em um laço com vidas passadas. Posso dizer que senti a mesma coisa quando conheci a minha mulher. Para quem não acredita em amor a primeira vista, sou o primeiro a informar que existe! Quem tem esse amor no coração vai se identificar com o livro.
Carol 13/11/2015minha estante
Que graça a sua resenha! Me sinto honrada por ter a minha obra admirada por alguém tão culto.
Amei saber que, assim como eu, existem pessoas que acreditam no amor de outras vidas.
Quando conheci meu marido senti essa ligação assim que nos conhecemos. Em dois dias, já sabia que ele seria o amor da minha vida.Obrigada pelas lindas e sinceras palavras. Obrigada, com carinho - Ana Carolina KJ




Letícia 02/12/2015

Resenha - Amor Imortal de Ana Carolina K J
Amor imortal nos trás a história de Anna, uma mulher linda que sente um vazio dentro de si. Sua mãe faleceu quando ainda era criança e seu pai faleceu recentemente, então sua amiga Loreta que é como uma irmã para Anna propõe uma viagem à Aspen onde ambas podem tentar se divertir e fazer novas amizades. Apesar da belíssima paisagem e do clima delicioso de paz e harmonia, Anna sente que já esteve ali antes, sente também que alguém a observa, percebe uma sombra entre as arvores enquanto esquia e ouve vozes em sua cabeça. Ela já havia perdido a fé em algo maior do que o que podia ver então não deu muita importância aos acontecimentos, até que sua amiga Loreta programa um encontro à quatro, onde as duas saíram com dois rapazes que conheceram lá na estação de esqui, Marcos e Erick. Anna não se interessou nem um pouco por Erick, nem ao menos se permitiu gostar, algo dentro dela já dizia que Erick era diferente, mas Loreta se apaixonou por Marcos o que resultou na aproximação de ambos os rapazes em suas vidas. Porém, na mesma noite Anna tem a oportunidade de conhecer Raziel.
"Ele se aproximou, dobrando as mangas da camisa preta impecável. Seus olhos brilhantes e vidrados em meu rosto faziam com que sentisse como se nada mais existisse ao redor. Minhas pernas amoleceram."
Raziel, por décadas sente um amor imortal por Anna, um amor avassalador que ele foi obrigado a suportar a perda em outras vidas de Anna. Apesar de ouvir vozes, sentir a presença de alguém observando seus caminhos, ela não fazia ideia que o amor de sua vida seria um Nephilin, filho de um anjo caído. Como almas gêmeas, estão unidos por este amor imortal, mas seria muito fácil Anna e Raziel viverem juntos e felizes durante toda a vida mortal de Anna se Raziel não fosse alvo de demônios e Nephilins escravos de anjos caídos dispostos a acabarem com esse amor por interesses próprios. O amor de ambos vai muito além da vida mortal de um e imortal do outro, este amor pode livrar a humanidade da destruição por causa de uma guerra entre anjos caídos, Arcanjos e Nephilins.
"Anjo de asas negras está aos meus pés. Olhos sombrios e sedutores, rosto selvagem em pele de marfim, cabelos escuros como a noite. Tu és o meu fim? Para mim, não importa. Viva ou morta, desde que estejas comigo... Além do infinito."

Considerações

Amor imortal nos mostra um amor lindo e verdadeiro entre dois seres. Desde o início fica claro que Anna e Raziel possuem um amor imortal, de outras vidas de Anna e por isso as coisas acontecem rápido em relação à sentimentos e emoções resultantes desse amor. O que mais gostei nessa história foi o desenvolvimento da personagem principal, a Anna do início, triste e desiludida não é a Anna do fim, confiante e corajosa. Acredito que explorar as qualidades dos personagens foi uma jogada de mestre da Ana Carolina, pois livros aos quais os personagens começam e terminam sem crescimento algum não faz da história nada interessante, mas neste livro podemos ver que todos os personagens foram bem construídos e muito bem explorados em suas qualidades, defeitos, pontos fortes e fraquezas.
Outro ponto positivo que quero ressaltar e que eu adorei, pois foge completamente dos livros que já li sobre anjos é que a escritora entra a fundo no estudo (fictício ou não) de objetos celestiais, estudos e palavras às quais se encaixam perfeitamente no contexto. O que pude perceber é que a escritora pesquisou a fundo, com afinco para nos trazer informações completas e interessantes sobre o assunto de anjos, Nephilins e afins.
É meu terceiro livro sobre anjos caídos, não é um gênero que me atrai, porém posso dizer que dos livros que li este ano este está entre os melhores e já favoritei no skoob!
Tem tudo na medida certa, romance, sedução, mistério e ação. Todos os cenários me fizeram entrar de cabeça na história, narrados perfeitamente, todos os detalhes me fizeram viajar com Anna para dentro do história. É o tipo de livro que você lê em um piscar de olhos porque o palavreado é de fácil entendimento, as páginas são amarelas, a fonte possui tamanho perfeito, a capa é maravilhosa, em cada capitulo tem um "poeminha" lindo que te faz pensar no capítulo anterior e no que esperar do próximo, sem contar que a história te encanta a cada virar de páginas.
Editora novo conceito está de parabéns por desenvolver essa edição linda e impecável. Mas, parabenizo ainda mais a querida Ana Carolina que escreveu esse romance sobrenatural de maneira divina e ganhou uma nova fã!
A escritora já informou que está escrevendo outro livro, então aguardem novidades! ♥

site: http://leticiaiarossi.blogspot.com.br/2015/12/resenha-amor-imortal-de-ana-carolina-k-j.html#more
Carol 02/12/2015minha estante
Querida Letícia! muito obrigada pela resenha maravilhosa! Você captou bem a essência da história e a personalidade dos personagens. Leu com o coração! beijo com carinho - Ana Carolina KJ




Cristina.Cavalcante 10/11/2015

Sucesso
Fiquei apaixonada, primeiramente, pela capa do livro Amor Imortal de Ana Carolina KJ. Comecei a ler agora e estou entusiasmada porque é uma leitura envolvente, inteligente e muito sensual. Parabéns a autora pelo primeiro entre muitos livros que serão escritos e destinados ao sucesso! Desejo que os anjos do amor espalhem muito amor no seu coração e sobre sua familia.
Carol 13/11/2015minha estante
obrigada querida Cristina!
Que bom que a história conseguiu te envolver. bjs -Ana Carolina KJ




I Love It Group 26/02/2016

Resenha de Tainah Magalhães
Para os fãs de historia de anjos, eu super indico o livro “Amor Imortal” de nossa parceira Ana Carolina KJ. Foi um grande prazer ler esse livro e, com certeza, quantos livros mais a autora lançar (principalmente sequências deste).

Publicado pela Editora Novo conceito, o romance tem 254 páginas, e é narrado por Anna, uma bela ruiva que, após a morte de seu pai, decide ir para uma estação de esqui nos EUA, com sua melhor amiga Loreta, afim de se recuperar de sua perda. Já na estação de esqui, Anna conhece o misterioso Raziel e, de pronto, sente uma forte conexão. O que era para ser um passeio normal, se torna algo completamente sobrenatural e irreal para nossa protagonista, onde a única coisa sobrenatural em sua vida, são os quadros que ela pinta e que acaba descobrindo serem todos memórias de vidas passadas.

O amor entre Raziel e Anna enfrenta qualquer barreira. Eles são destinados a ficarem juntos e por já ter perdido seu amor no passado, por duas vezes, ele agora não está disposto a passar novamente pela perda de sua amada. Quando Anna descobre que o amor de sua vida é um homem-anjo, as coisas a sua volta se tornam um pouco mais complicadas... Um anjo caído está sempre no rastro de Raziel e que, para conseguir o que quer, fará qualquer coisa, até matar... Agora, Anna tem que provar para Raziel que eles podem, sim, ficar juntos para sempre, lutando lado a lado, levando Anna a recuperar o que ela havia perdido há muito: a fé.

A leitura foi mega rápida, e devo dizer que adorei e achei genial, o fato do livro ter começado em Aspen, na estação de esqui. Nossa protagonista estava naquela imensidão de neve até onde os olhos podem, como se tudo nela estivesse tão apertado, quanto seu coração por sua perda... e que, ela esquiar lhe dera um novo sentido de liberdade. Eu senti isso a cada movimento descrito pela autora e depois, com a troca de cenário, para o Rio de Janeiro em um apartamento de frente para a praia, também senti a sensação de tranquilidade que a personagem sentia, tão perto do mar. A alternância de cenários foi tão bem escrito que me relaxou de uma forma incrível, principalmente porque são dois cenários lindíssimos e conseguimos imaginar perfeitamente a vida da personagem, em suas férias e em sua vida cotidiana.

Pode não ter muita importância para a maioria, mas eu realmente me apaixonei pela vida de Anna em seu apartamento no mundo real; por sua personalidade tranquila; e pela amizade muito forte com sua amiga Loreta, que é um pouco mais espalhafatosa que ela, fazendo um contraponto que, ainda assim, não fez perder a tranquilidade da protagonista. Ainda tem o Raziel, que foi um personagem muito bem construído que encanta do início ao fim, com seu total romantismo e charme, que completa Anna da forma mais mágica de todas.
Leiam “Amor Imortal” e deixem ele te encantar, como me encantou!

site: https://www.iloveitgroup.com/resenhas/amor-imortal-ana-carolina-kj
Carol 26/02/2016minha estante
Olá Tainah! Nossa que resenha incrível! Adorei saber que você amou o cenário e se identificou com a personalidade da protagonista. Muito obrigada pelo carinho e apoio. beijos :)




87 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6