Aos Olhos de Zoe

Aos Olhos de Zoe Camila Pelegrini




Resenhas - Aos Olhos de Zoe


48 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4


Amanda.Maia 09/05/2016

Aos olhos de Zoe
Mais uma vez a autora Camila Pelegrini impressiona com sua sensibilidade ao mundo e nos convida a refletir. Com situações cotidianas e engraçadas o leitor se identifica e mergulha nessa história sem pensar duas vezes.
Com a chegada de uma pequena integrante a uma família incipiente, assim começa a história de Zoe. Ela relata a relação do casal, Melissa e Lucca, nos mostrando a sensibilidade de Mel ao mundo e a falta dela em Lucca.
Acompanhamos pela ótica simples da cachorrinha os esforços de Mel para manter seu casamento em meio a rotina imposta pelo trabalho de Lucca. Seus esforços não são o bastante quando o problema bate literalmente à sua porta...
Em meio aos problemas do casal, Gabriel surge e ganha a confiança de Zoe, pois da mesma forma que ela sente a tensão na relação do casal, percebeu também o bem que ele fazia a Mel.
Apesar do ciúme que sentia, Lucca permitiu que Gabriel e sua filha, Alegra, entrassem em suas vidas e os convidou para jantar. Gabriel só não imaginava o quanto Melissa precisaria dele daquela noite em diante.
Zoe enche o relato de bom humor e otimismo, que acredito ser característico de sua espécie, deixando a história muito mais leve, inclusive fazendo-nos rir e refletir sobre questões importantes e que deixamos a rotina encobrir.
Como amigos, o apaixonante Gabriel e a encantadora, Alegra, transformam os dias e as dores de Mel, ajudando-a a enfrentar a fase difícil e incentivando sua carreira como artista.
Para rir, se emocionar e ficar com o coração na mão, esse é o livro certo. Zoe tem uma compreensão simples e sensível da vida, mas não deixa de nos divertir com suas artes e as tentativas de compreender o ser humano.
Corpo pequeno e coração enorme definem a Zoe, com dom para perdoar, consolar e divertir. Jamais vou esquecer essa história, os exemplos e lições, mas preciso dizer, Necessitamos de mais Zoes e de ajudar as que já existem no mundo, pois a vida não teria cor sem esses seres abençoados.
Obrigada, Camila, por nos surpreender novamente.


site: http://devorandomundoslivros.blogspot.com.br/
camila.pelegrin 08/06/2016minha estante
Primeira resenha mais linda do mundo!




Clube do Livro 24/07/2016

Resenha do blog Clube do Livro e Amigos escrita por Giuliana Sperandio (completa)
Acho que quando um ser humano abandona um cachorrinho ou gatinho na verdade ele abandona um pedaço de seu coração (um dos melhores pedaços diga se de passagem).
E quando outro ser humano tira das ruas um animal, está recolhendo esses pedaços e aumentando o seu próprio para o amor que vai receber e dar.

"A última vez que andar de carro havia sido com a minha primeira família. Patrícia e o namorado haviam me convidado animadamente para um passeio, que, infelizmente, durou apenas até aquele lugar deserto e desconhecido que às vezes ainda aparece em meus sonhos."

A história de Zoe começa ser contada a partir do momento que ela, sozinha e com fome nas ruas está na porta de um supermercado e vê uma moça chegar perto começar a falar com ela. No começo Zoe está cheia de receio, afinal em sua breve vida canina ela aprendeu da pior forma que não se pode confiar totalmente nas pessoas. Mas logo a desconfiança é vencida pela esperança e é assim, no dia 31/12 véspera de ano novo, Zoe e Melissa iniciam uma amizade que seria... Pelo resto da vida e além dela!

Ao chegar em casa com a peluda "provisoriamente" o seu marido Lucca vê que já era! Não tem mais volta, então a família ganha uma nova moradora, e pequena detonadora como iriam perceber mais tarde.

Melissa ou mel, é uma jovem artista plástica, pintora com o seu coração gigante, ela é sensível, bem humorada e enérgica. Mel é o sol daquela família.
Lucca é um pouco diferente, um advogado mais sério e ambicioso, só que por ser extremamente apaixonado pela esposa se deixa irradiar pelo calor e amor que emana de Mel.
Vamos aos poucos acompanhando a pequena bolha de felicidade daquela família, a segurança que Zoe sente com todos ali, e a alegria e amor que inundam tudo a sua volta, tudo parece perfeito, até que... Um dia Lucca perde o emprego. Eles continuam unidos mesmo com essa dificuldade, mas então Lucca recebe enfim um sim em uma grande empresa...

Mas nem sempre o que parece uma benção é, então a grande bolha de amor, segurança e tranquilidade aos poucos vai sendo esvaziada pela... Ambição, falta de diálogo e falta de tempo.
Isso é o começo de uma crise, e Zoe é a primeira a notar a primeira onda desse tsunami que vai tragar a felicidade do casal.

"Estranha mania que tem o ser humano. Sei que é uma dádiva o fato de poderem eles comunicar-se assim tão facilmente, mas às vezes sinto que abusam dela. Estão tão acostumados a falar, que se esquecem de que as palavras têm valor. Acho, em minha Humilde opinião canina, que deveriam Escutar mais, falar menos e prometer menos ainda."

Em contra partida conhecemos também outros personagens como o amigo excêntrico e divertido de mel, os pais dela e também três anjos que surgirão na pior fase da vida de Mel. São eles Gabriel, Alegra e Nina, um trio que se ama muito e tentam com esse amor superar e seguir em frente com um buraco no coração por uma grande dor. Eles vão ensinar muito à todos nós, especialmente a divertida e linda Alegra que com seu amor gigante e sabedoria que vai além da sua pequena idade, vai nos trazer grandes lições.

"Se a minha vida é a obra de arte que tanto amo e valorizo, são os meus amigos os pincéis e a tinta."

E assim, aos poucos, vamos vendo aos olhos de zoe como vidas se unem e separam. Como pessoas se quebram e se reconstroem e como só o amor é capaz de fazer seguirmos em frente em qualquer Circunstâncias que a vida nos impõe desafios, dores e obstáculos.

"Por vezes, não é de palavras que se precisa. Palavras cansam. Às vezes, tudo o que se quer é o sossego do silêncio. Às vezes, basta estar presente, permanecer ao lado, o coração perto."



Minha opinião

Eu acho que a amizade é o começo mais perfeito de todo amor, ninguém consegue manter uma relação sem gostar de estar na presença um do outro, conversar, participar da vida, respeitar os momentos de silêncio, ficar feliz com suas vitórias e triste com suas tristezas. Esse é o princípio da amizade, e a falta disso o principal motivo que o amor morre, por mais que exista uma faísca, se não for nutrido com amizade, o fogo se esvai e tudo vira apenas cinzas. Mas sempre ser pode começar tudo de novo, pois somos como fênix renascendo das cinzas de nossas dores.

"Sempre foram e ainda são vários os motivos capazes de me deixarem feliz, mas o único absolutamente infalível é esse: ver quem eu tanto gosto contente. E como não poderia ser? Quando se ama, os corações se tornam interligados de uma maneira tão íntima, que a alegria de um se torna necessariamente a do outro. Ver aqueles dois sóis no rosto de Melissa era o suficiente para iluminar todo o meu dia. Talvez não fosse para iluminar o de Lucca.
Mas quem sou eu pra saber? Cada um conhece a sua própria escuridão."

Bem, essa divagação acima, é para dizer que amei muito a leitura, aprendi muito com a doce Zoe, foram muitas as lições que aos seus olhos e coração são tão simples de enxergar, e ainda assim tão além de nossa compreensão humana.
O cachorro é um ser puro, eles não guardam mágoas, rancores ou ódio, aliás nem devem ter noção do que é isso. Se todos enxergassemos através de olhos assim talvez nosso mundo se descomplicaria, teríamos um lugar com mais amor, alegria e empatia.

A história fala sobre amor, separação, amizade, amor próprio e recomeço. Uma jornada de reconstrução de vida, o amor incondicional que ensina que amar é não se anular, é somar e nunca subtrair.
Eu me emocionei demais do começo ao fim com a escrita que parece que saiu do fundo da alma da Camila. Dá pra ver que a cada parágrafo era escrito com o seu amor, sabe quando conseguimos enxergar a autora na protagonista? Pra mim ela era a alma da Mel.

A capa é linda demais, #paracegover em um fundo branco, temos a silhueta de uma moça passeando com um cachorrinho em uma guia, em volta delas temos duas árvores com pequenas folhas verdes. Ficou simples e tão lindo, da vontade de abraçar o livro (eu abracei quando chegou).

A diagramação está linda, perfeita, da vontade de nunca mais parar de olhar. Cada começo de capítulo foi escolhida frases famosas ou não, que tem relação com o amor e sentimento entre humanos e seus bichinhos de estimação, na página que antecede ao começo do capítulo tem uma imagens variadas condizentes com a história.

Encontrei pequenos errinhos de revisão, mas nada que atrapalhasse a leitura, a editora coerência, no todo fez com muito capricho o trabalho da parte física da obra, as folhas internas são em papel pólen com tamanho de letras e fonte que facilitam a leitura.

Se você assim como eu ama histórias sensíveis, divertidas, leves com toque de romance e que vai trazer muito aprendizado, corre para devorar essas quase 400 páginas de puro amor!

Com certeza uma das mais belas leituras do ano, cinco estrelas e favoritado com louvor, parabéns mais uma vez por esse livro Camila.

"E o que é o cachorro, senão amor?
Não sei definir o que Zoe sempre foi pra mim. Filha? Amiga? Anjo? Acho que, na dúvida, vou sempre me referir à ela como minha cachorrinha. Talvez isso diga mais que todo o resto..."


Dá pra dar mais de um coraçãozinho???????????

site: https://clubedolivro15.blogspot.com.br/2016/06/resenha-nacional-aos-olhos-de-zoe.html?showComment=1469381755946#c7803519386769633943
camila.pelegrin 30/07/2016minha estante
coisa mais lindaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa




spoiler visualizar
Ana Jéssica Almeida 20/07/2017minha estante
Amei a leitura, é tão envolvente que fica impossível largar o livro, cheguei a queimar o arroz por causa dele!




Eliana Portella 22/07/2016

Uma lição de amor
Quem me conhece sabe o quanto sou apaixonada por cães. Eu costumo dizer que eles são anjos que vieram à terra com a missão de nos ensinar sobre o amor e a lealdade! E no fundo eu acredito mesmo nisso.
Camila Pelegrini consegue encantar da primeira à última página.
Uma história delicada, uma narrativa romântica e sensível capaz de nos tocar até a alma.
Parabéns e obrigada por esta lição de amor.
Amei a Zoe e através dela amei vários outros personagens.
camila.pelegrin 30/07/2016minha estante
lindonaaaaaaaaaaaa!
Obriada




Maria Eduarda 02/06/2016

QUE. LIVRO. MAIS. FOFO

Mas vamos lá, oq falar sobre AOS OLHOS DE ZOE ? Vou começar de quando a recebi!
Ao receber o livro, fiquei tipo hiper mega ultra animada, e cheia de expectativas, já q assim cm o Sombras esperava q fosse ótimo e me surpreendesse a cada página, e logo no primeiro capítulo, não tive dúvidas q seria assim!
Não sei por quem me apaixonei mais em todo o livro: pela Zoe com td sua Fofura, seu amor e forma tão inocente e única de ver as coisas; se foi pela alegra meu Deus q coisa mais linda é aquela? Tão pura e sem maldade, e pelo jeito com o melhor abraço do mundo(a Zoe q o diga hahaha)
E a mel com seu jeito forte de enfrentar as coisas, mas ao mesmo tempo, uma mulher q ama e q sofre, q encontra em pequenos detalhes jeitos de demonstrar td q se passa dentro dela, pena q muitos, tão preocupados em outras coisas não consigam ver. Ela também é inesquecível!
Mas bem, a história é daquelas q vc começa e não consegue mais largar, quando viu, já leu mais de 20 capítulos na noite hahaha, é aquele tipo de história leve, mas q ao mesmo tempo te faz enxergar o quão somos ignorantes as coisas mais preciosas q temos! Chorei e RI do começo ao fim, a Zoe além de uma poeta hahaha é hilária! E apronta cada uma em? Hahaha
Ela q conta de forma afetuosa e delicada td oq se passa no seu dia-a-dia, oq seria algo tão comum, mas com os olhos dela passa ser algo fantástico ❤
Enfim terminei essa incrível história com um sorriso e lágrimas nos olhos e aquela sensação maravilhosa no peito ❤
camila.pelegrin 08/06/2016minha estante
Sua lindaaa! Obrigada




Chellot 06/03/2017

Um amor de cadelinha
Zoe é uma cadelinha que foi abandonada por sua primeira família. Isso lhe causou um grande trauma que foi aos poucos sendo curado pelo grande amor que recebeu de Melissa sua nova dona. A história é narrada pela Zoe. O que ela vê e sente vai sendo mostrado página à página. O sentimento do abandono, o medo de confiar novamente, o amor incondicional por sua dona, a tristeza quando coisas ruins acontecem com sua nova família e a alegria de viver.
Melissa é uma jovem com muito amor em seu coração. Ao ver a Zoe triste e abandonada na rua, ela se comove e toma a decisão mais importante de sua vida: dar um lar a cadelinha e muito amor. Mas nem tudo são flores em sua vida. Seu marido é ambicioso e não mede esforços para se dar bem na vida. Ele aparenta amar sua esposa, apesar de não demonstrar muito e Zoe percebe logo que há algo errado.
Numa reviravolta do destino, a vida de Melissa e Zoe é bombardeada por tristeza e revolta. No entanto, dois anjos virão para salvá-los. Esses anjos são a pequena Alegra e seu pai Gabriel. A convivência e o amor serão as bases para um novo relacionamento e o nascimento de uma nova família. Uma história belíssima que me emocionou e tocou meu coração com suas cenas intensas e os latidos amorosos de Zoe.

***
Ninguém deve ser abandonado. Um cão leva consigo um trauma que leva anos para ser curado. Zoe teve sorte de encontrar Melissa que lhe deu muito carinho e amor. Que a protegeu dos fogos e das tempestades. E Zoe como todo cãozinho amoroso doou-se novamente de corpo e alma para sua nova família. Aos Olhos de Zoe é um livro emocionante. A autora Camila Pelegrini conquistou meu coração com essa cadelinha super fofa e arteira. Recomendadíssimo!
camila.pelegrin 06/03/2017minha estante
Obrigada, queridona, por esse texto lindo




Isabela.Luccas 28/06/2016

Estou apaixonada! Zoe é um encanto e a Mel também. Super me identifiquei com várias situações (afinal, tenho 3 dogs e 2 cats aqui kkk).
A Mel encontra a Zoe na porta de um mercado em plena véspera de ano novo. Claro que ela levaria a Zoe para casa né? Eu também sou dessas kkk
A Zoe é tão doce e pura, assim como imagino que os cães são... Chorei muito logo no início do livro pois já adotei animais abandonados e sei que eles não culpam ninguém, apenas amam imensamente

"E não pense que estou reclamando, pois não estou, de maneira alguma. Tenho absoluta certeza de que todos os que me deixaram em algum momento da vida não haviam tido alternativa.
Aposto que ficaram tão machucados quanto eu. Da mesma forma que eu nunca os abandonaria, tenho certeza de que eles também não. Na verdade, por que qualquer um escolheria fazer algo tão triste e egoísta?"


Melissa é uma pessoa doce e ama imensamente a Zoe, acabei me apaixonando por ambas. No início do livro, Mel passa por problemas no casamento e a Zoe está sempre lá. Vou confessar que o Lucca é muito ambicioso e não vê a verdadeira beleza e alegria da mulher, isso me deixou muito chateada com ele.
Zoe narra tudo com muito amor, é estranhamente aconchegante saber o dia dela e as coisas que ela apronta.

"Estranha mania que tem o ser humano. Sei que é uma dádiva o fato de poderem eles comunicar-se
assim tão facilmente, mas às vezes sinto que abusam dela. Estão tão acostumados a falar, que se esquecem de que as palavras têm valor. Acho, em minha humilde opinião canina, que deveriam escutar mais, falar menos e prometer menos ainda."


Os pais de Mel são muito presentes na vida dela, mesmo morando longe. Mas conhecemos outros personagens ao longo da história como Gabriel, Nica e Alegra. Você se encanta por eles, Alegra é um doce.

"-Estou no caminho certo então?
-Você está me resgatando, resgatando quem eu sempre fui, então sim - respondeu - Mas esta noite você cometeu um erro muito grave, Gabriel. Não sei se devemos continuar tentando.
A cor fugiu de seu rosto com as palavras de Mel. Gabe aguardou em silêncio que Melissa continuasse.
-Fala, Mel - pediu quando se impacientou.
-Você... - Ela inspirou longamente. - não trouxe comida. E eu gosto de comer."

Como será que a vida da Mel vai seguir? Como será depois de tantas idas e vindas? Eu simplesmente me identifiquei total com a Melissa, somos MUITO parecidas kk Eu lembro da história da Camila no watpadd e desde então estava com vontade de ler, fiquei imensamente feliz em ter essa experiência. Recomendo imensamente! Amo livros nesse estilo, inclusive o ponto de vista animal é visto no livro Comração & Coração que resenhei tem um tempo. AMO! E o melhor de tudo, essa obra é... Nacional!


site: http://nuvemdenovembro.blogspot.com.br/2016/06/resenha-13-aos-olhos-de-zoe.html
camila.pelegrin 28/06/2016minha estante
que linda




Martha 25/06/2016

Tocante e verdadeiro!
Desde o prólogo, a leitura me cativou e fez brotar lágrimas aos meus olhos. Cami fez com que Zoe lançasse uma nova luz sobre a vida e como não aproveitamos ou nos importamos com o que é de fato relevante e, em sua maioria, tão simples.
Zoe é um símbolo da bondade que a humanidade perdeu e que Deus ainda deixou nos animais para nos lembrar que ainda é possível ser feliz com pouco.
Mel, a dona da cachorrinha é uma personagem tão bem construída e que me conquistou por ser artista (quem já leu meus livros sabe que sou fascinada por eles).
Alegra é uma personagem infantil como nunca vi antes. Sempre que livros para adultos retratam crianças, acabam recorrendo a estereótipos e concepções rasas. Cami criou uma menininha única e complexa que cativa qualquer um.
Lucca foi uma odiosa lição de superação e redescobrimento da autoestima de Mel.
Adorei a escrita, sensível, reflexiva, mas ao mesmo tempo doce e leve.
Se você não estiver chorando ou no mínimo balançado depois do último ponto final, procure ajuda! Tem algo muito errado com seus sentimentos, haha.
Enfim, meus sinceros agradecimentos por ter escrito esse livro, Cami! Que mtos possam ler e entender qual é a perspectiva de um bichinho inocente sobre nosso mundo tão cruel e, quem sabe, aprender com ela. Eu aprendi.
camila.pelegrin 30/07/2016minha estante




Jeeh Pereira 03/07/2016

Um amor que transborda ?
Quando li a sinopse de Aos olhos de Zoe, fiquei intrigada pois como seria uma história de amor contada por uma cachorrinha ?
E posso afirmar que foi uma delícia de ler, uma história leve,engraçada e romântica. Mas que não deixa de tratar um assunto sério que é o abandono de animais.
Os personagens são um amor, Mel ,Gabe e a doce Alegra. O mundo seria um lugar bem melhor se existisse mais pessoas como eles.
E se você está lendo essa resenha pra saber se vai ler AODZ , Não perca mais tempo . Correeeeeee... E se apaixone por Zoe assim como eu.
11/07/2016minha estante
uhuuul! ??


camila.pelegrin 30/07/2016minha estante




Priscila 06/06/2016

Emocionante
Não vai ser fácil descrever o quão envolvente e emocionante foi a leitura de Aos Olhos de Zoe. A história gira em torno de algo pouco abordado nos romances: como a visão de um animal de estimação; Entretanto, indo muito além da previsibilidade que envolve tal assunto, a autora criou uma história rica em emoção, superação e, principalmente, reflexão.
Ai você se pega sem palavras pra descrever a leitura.... Entrando em ressaca literária.digerindo todas as emoções, só quem ler Aos Olhos de Zoe, e ama animais vai entender o que estou falando, parabéns Camila Pelegrini, tive a honra de conhece-lá pessoalmente em encontros literários, mas esta é a primeira obra sua que leio... E me apaixonei por sua escrita, me apaixonei pelos personagens especialmente Zoe e Alegra, aqui em casa eu e meus filhos costumamos interpretar o nossos cachorros e muitas cenas do livro descrevem nossos pensamentos sobre a visão deles sobre nós.
Não estava preparada para a avalanche de emoções criada pela autora Camila Pelegrini. Nunca tinha lido algo assim: com uma protagonista diferente.
"Você não vai desistir dela vai? - Perguntou, apontando para mim.
- Eu desistiria, mas sabe o que dizem: o que se faz no Ano Novo permanece pelo ano todo - respondeu ela sorrindo. - Bem vinda Zoe."
Zoe uma cadelinha que foi salva do abandono por Melissa, e Zoe narra esta incrível jornada que começa com as festas de final de ano, relatando sua visão sobre sua nova família e tudo que os cerca.
Melissa uma jovem artista com um futuro promissor com suas obras, mas que passa por uma grande decepção com o marido, e tem que aprender a amar e confiar novamente.
Lucca, com escolhas nada bem feitas, tem sua vida virada de ponta cabeça apos iniciar em seu novo emprego e se envolver com uma amiga de trabalho.
"O que é estar apaixonado? - Seus olhos verdes brilhavam de curiosidade, e ela largou o lápis-de-cor sobre o chão.
- Essa é uma pergunta difícil, filha - respondeu rindo - Não tenho certeza se me lembro da definição."
Gabriel, um professor do ensino fundamental, cativante, ficou viúvo recentemente e tem que lidar com as emoções para criar sua pequena filha Alegra de 5 anos.
Alegra, uma garotinha muito esperta e com uma sensibilidade incrível, criança como toda criança deve ser... cheia de vida e energia, que cedo teve que lidar com a perda superando e vivendo um dia apos o outro sem deixar de amar e demostrar isso a todos que a rodeiam.
Nica, cachorrinha de Gabriel e Alegra que faz parte desta estoria narrando acontecimentos da vida de seus donos.
"...Queria pular em seu colo e tirar sua mente daquela cena. Queria sentir a dor em seu lugar. Queria lamber as suas lagrimas e eliminar qualquer resquício de tristeza que estivesse sentindo."

Zoe e Nica são as cachorrinhas mais fofas que se pode conhecer, aqui elas vão nos contar em detalhes ou quase todos que elas puderem a tragediaria de seus donos Melissa e Gabriel, nos mostrando desde o inicio como eles se conheceram e as circunstancias de tal fato, elas nos encantam com o amor doado a seus donos e as emoções que sentem com o dia a dia de Melissa e Gabriel, descrevem também suas próprias peripécias, coisas que quem tem um animalzinho em casa deve fazer ideia do que falo, kkkk nunca fazem nada por querer; sera? e também mostra para nós todo amor e cuidado que dedicam a nós humanos.
Em toda trama veremos outros personagens que completam esta historia, como: Augusto e Silvia pais de Melissa e Felipe um grande amigo e confidente, todos descritos com esmero e carinho deixando a narrativa perfeita em todos os sentidos.
A leitura foi impactante, romântica, emocionante . Eis um livro que deixou meu coração apertado, que me arrancou lágrimas, e que entrou para a minha lista de leituras preferidas.
Amor incondicional significa amor pleno, completo, absoluto, que não impõe condições ou limites para se amar. Quem ama de forma incondicional não espera nada em troca. O amor está em primeiro lugar. Cães dão aos seus companheiros humanos o amor incondicional e estão sempre lá, com um abanar da cauda incentivando quando eles precisam. O cão é realmente um animal muito especial.
E que criança é essa... Camila a Alegra é linda.... Quem te inspirou pra fazer ela.... Pois ela é perfeita nunca vi um livro de personagem infantil que descreve certinho como é uma criança em todos os sentidos
"A razão de eu amar tanto o meu cachorro é por que quando chego em casa ele é o unico no mundo que me trata como se eu fosse Os Beatles'. "
O livro tem um total de 394 páginas, divididas em 60 capítulos mais epílogo. Os capítulos são bem curtinhos o que deixa a leitura muito fluida e rápida
A diagramação desse livro está escandalosamente linda! A capa está maravilhosa e digna de aplausos, e o interior do livro está ainda mais lindo, com esses detalhes fofos em todo início de capítulo. A fonte tem um tamanho agradável para leitura e as margens e espaçamentos também. As páginas são amareladas
Amei o livro do início ao fim. Comovi-me e aprendi muito com essa história. Agora quero ler mais e mais livros escritos pela Camila.
Bom é isso.... Ah não posso deixar de agradecer a Lilian Vaccaro da Editora Coerência pela parceria e pelo lindo trabalho que vem fazendo

site: www.leituraecia.com.br
camila.pelegrin 08/06/2016minha estante
Resenha mais linda!!!!




Alika 08/06/2016

Fica melhor aqui: https://goo.gl/IDXcdW
“Por vezes, não é de palavras que se precisa. Palavras cansam. Às vezes, tudo o que se quer é o sossego do silêncio. Às vezes, basta estar presente, permanecer ao lado, o coração perto. Talvez fosse justamente este o motivo que fizesse com que Mel sempre dissesse ser extremamente difícil manter-se triste perto de mim.”
Camila Pelegrini é uma fofa. Já li seu primeiro livro, Sombras do Medo,(aliás, tenho a primeira edição! haha) e comprei diretamente com ela. Fiz o mesmo com Aos Olhos de Zoe. E eu notei uma evolução linda na sua escrita, de tal modo que li o livro em um dia e meio!!! hahaha… E não, não estou falando mal de Sombras, é um livro super legal. Mas Aos Olhos de Zoe me conquistou demais, entrou pra minha lista de livros preferidos!
Vamos lá, então. Quem é Zoe? Zoe é a nossa narradora canina. Ela conta história de sua dona, Mel. Eu me diverti e me emocionei lendo, principalmente por ter crescido com um cachorro. Fiquei imaginando os pensamentos dele sobre mim, tal qual os pensamentos de Zoe sobre Mel.
Zoe é tão carismática, como os cachorros são mesmo. Sabe aquele cãozinho fofinho que você não consegue olhar sem sorrir? Então, imagine esse cãozinho narrando uma história pra você. Impossível não se cativar.
Aliás, eu adorei os personagens. Todos. Eu gosto demais de ler um livro onde todos os personagens tem uma personalidade marcante, cada qual com suas características individuais, nos conquistando a cada página.
“Embora eu ame Mel e muitos outros adultos, não consigo evitar ter um carinho especial por crianças. Isso porque é nelas que encontro palavras espontâneas, críticas sem maldade, alegria contagiante e coração puro.Se existisse um fórmula para pessoas perfeitas, esses seriam os ingredientes, e bem… O resultado seriam pessoas sempre crianças. Ou ao menos adultos com sua essência.”
Eu não quero falar muito do enredo, porque é muito mais legal descobrir lendo… Sério, Zoe conta uma história muito melhor que eu. Mas vale aqui uma menção honrosa para Alegra. Uma criança maravilhosa… só não digo que é minha personagem preferida porque é injustiça com a Zoe. hahaha
“Um dia você também vai ficar maluquinha assim, e você vai perceber que é a melhor loucura essa de amar. É a loucura que move o mundo.”

site: https://goo.gl/IDXcdW
camila.pelegrin 30/07/2016minha estante
apaixonada




Luciana.Santos 16/04/2017

Um mimo...
A primeira palavra que me vem à mente quando penso nesse livro é: encantador. Não há como não se sentir tocado com tal obra. Camila Pelegrini reproduz com muito cuidado, delicadeza e de forma bem sutil, o mundo visto aos olhos de uma cachorrinha chamada Zoe.


A história é tão gostosa de ler, que você se vê envolvido sem perceber. Os capítulos transcorrem de forma bem natural e suave, se perde até a noção do tempo lendo.
A narrativa de Zoe nos mostra o quão o amor vindo dos animais é genuíno e o quanto os humanos deveriam aprender com eles e também o quanto nós complicamos demais as coisas. Atitudes como egoísmo, abandono, falsidade e tantas outras que apenas o ser humano é capaz de reproduzir, são questionadas nesse livro. Por que é tão fácil pra nós abandonarmos quem amamos? Óbvio que nem todos são assim...


Sentimentos como lealdade, amizade, amor e compaixão são retratados de forma linda pelos personagens do livro. A relação entre Melissa e Zoe transpassa o quesito dona x bicho de estimação. É muito mais do que isso, vai muito além. É o retrato do quanto duas vidas tão distintas podem se amar e se doar de forma única e intensa. Ambas sendo o porto seguro e o alicerce uma da outra, superando as dificuldades e vibrando a cada conquista, a cada novo rumo.


Me recordo de ter sorrido e gargalhado junto de alguns personagens no desenrolar de suas cenas e também de ter me emocionado com os mesmos. A história vai ganhando vida e te tocando de maneira diferente a cada página consumida. É tão bonito, que ao final da leitura eu abracei o livro, sorrindo e chorando ao mesmo tempo. Uma alegria e emoção que transbordavam.


Espero que todos tenham o mesmo prazer que eu tive e se permitam transbordar na companhia de Zoe, assim como eu me permiti!

De fato, esse livro agora está nos meus favoritos com dignas 5 estrelas, muito bem merecidas!

camila.pelegrin 20/04/2017minha estante
Ahhhhh, Lu!
Que resenha mais linda, doce e carinhosa do mundo! Muito, muito obrigada por oferecer seu coração à Zoe e ter apostado no meu trabalho.

Amei




Blog Duas Mentes Literárias 07/01/2017

Zoe
Um livro sobre amor, o verdadeiro amor. Nunca entendi bem porque alguém abandona seu animalzinho de estimação, e ainda mais quando é um cão, o melhor amigo do homem, cachorros só sabem dar amor.

“Se todo animal inspira ternura, o que houve, então, com os homens?” ― Guimarães Rosa

Aos Olhos de Zoe trata-se sobre a vida de Zoe, uma cadelinha que foi abandonada por seus antigos donos, e mesmo vivendo nas ruas, possui a esperança de eles voltarem para buscá-la. Durante a noite de ano novo, Melissa tira a cadelinha da rua e a leva para sua casa, seu marido, Lucca não consegue dizer não a esposa. E assim Zoe ganha um lar.

Melissa e Lucca se conheceram no curso de Direito, ela desistiu no quarto ano, pois se formaria sem saber o que fazer com o diploma, Lucca se formou na área. Agora Mel é uma artista plástica e pintora talentosa, sonha em expor suas obras em uma galeria e dar aulas. Lucca está passando por uma fase difícil, está desempregado há 5 meses, mas um novo ano se inicia é ele consegue um trabalho em uma grande empresa de advocacia.
O novo emprego de Lucca faz com que ele se afaste da esposa e de sua vida.

Melissa, Zoe e Lucca agora são uma família e vão enfrentar muitas coisas, o casamento de ambos vai passar por problemas.

“Entendi, então, de uma estranha e canina forma, o medo de Melissa. Não era justo privar-me de rolar na terra por receio de um possível banho que poderia nem se realizar. E mesmo que acontecesse, sei que ele não poderia roubar de mim os bons momentos que teriam me levado até ele. Entendi também que a vida é feita de sol e de chuva, e que cada um deles tem sua importância singular. Além disso, somente a presença de ambos poderia resultar em um arco-íris."

Em paralelo com a história de Zoe, conhecemos Gabriel que é apresentado pela Nica, enquanto Zoe é toda amores, Nica já é mais séria, ela mora com Gabriel e a pequena Alegra (puro amor) uma menina de 5 anos, muito carinhosa, Alegra transborda amor, bondade e alegria, mesmo que a vida nem sempre tenha sido boa com ela. A mãe da pequena morreu a algum tempo em um acidente de carro.

O destino vai cruzar os caminhos de Gabriel, Melissa e Lucca e a partir da colisão de seus caminhos, tudo em suas vidas vai mudar para sempre!

Aos olhos de Zoe foi meu primeiro romance narrado por um cachorro ou melhor duas cadelinhas apaixonantes, Zoe e Nica, Zoe é uma narrativa muito sensível e tocante, eu consegui ver a vida dos personagens através da Zoe e de forma muito clara. Amei cada um pelo que são.
Um enredo entrelaçando histórias de amor, amizade, perdas, traição e recomeços. Recomeços são precisos e podem trazer coisas incríveis. E acima de tudo aos olhos de Zoe é sobre o amor verdadeiro, que nenhum ser humano é capaz de entender, o amor por amor, sem grandes exigências ou ganância.

Eu me emocionei ao longo da leitura, em vários momentos lágrimas se formaram em meus olhos, é impossível se manter inabalável. Zoe é emoção, amor e sensibilidade. A narrativa em primeira pessoa pelos olhos da Zoe, propõe uma perspectiva completamente diferente da história, é mais detalhista, mais sensível, somos meros expectadores da vida de Gabriel, Lucca, Alegra, Melissa e outros personagens maravilhosos, a narrativa é sensível, flui muito fácil com o texto leve de Camila Pelegrini.
O crescimento da autora é notável desde sua primeira obra Sombras do Medo (uma distopia pela qual sou apaixonada), a narrativa está fluindo mais fácil, o texto está leve e ainda sim emotivo, Camila conseguiu passar todos os sentimentos através das palavras.

Os personagens criados por Camila são complexos, imperfeitos e encantadores: Melissa é uma mulher doce e ao mesmo tempo forte. Lucca (um idiota-desculpem foi mais forte do que eu-rsrs), Gabriel é um anjo! E Alegra (filha de Gabriel) é a melhor personagem do livro, uma criança pura, bondosa, extremamente inocente, inteligente. Estou encantada com ela.

A diagramação está linda e delicada, conseguiu unir a sensibilidade do enredo a capa e diagramação, eu suspirei pelo conjunto da obra, o livro possui pequenos erros de revisão, mas eu mesmo erro e nada que tenha atrapalhado a leitura a fluir.

Indico Aos Olhos de Zoe para todos, sem distinção, este livro não é igual a nenhum que você lera nesta vida, Zoe é único!

site: http://blogduasmentesliterarias.blogspot.com.br/2016/10/resenha-aos-olhos-de-zoe-camila.html#more
comentários(0)comente



Dryh 22/09/2016

Lindo lindo lindo!
Será que é o amor que faz o sol brilhar? – página 297

Zoe é uma narradora incomum. Ela é uma cachorrinha! Adotada por Melissa após ser abandonada pelos seus antigos donos (o capítulo em que ela nos conta como foi partiu o meu coração), ela passa a morar com a nova dona e seu marido, Lucca, que, de início, também parecia amá-la. Digo parecia porque, ao longo da história, Lucca vai mudando graças ao novo emprego, mas trataremos disso depois.

Agora acolhida, Zoe conta, falando com o leitor, como é viver ao lado de Melissa, uma mulher incrível que abandonou a faculdade de direito para seguir o seu sonho, mesmo sabendo que seria difícil sobreviver fazendo o que ama: ela era pintora! Melissa é cheia de vida, alegre, e ama Zoe mais do que tudo no mundo, é bem possível notar isso ao longo da história, e o sentimento é reciproco. Ao mesmo tempo em que tenta entender algumas ações dos seres humanos, Zoe fala do amor e do carinho que sente pela dona, e o companheirismo de Zoe para com Melissa é admirável.

Eu não sei bem o que dizer sobre Lucca, a não ser que, apesar de ele ter machucado Melissa, sem suas ações, ela não teria crescido como pessoa e enfrentado as coisas como enfrentou, e não seria a pessoa que era no final do livro. Sendo assim, eu não cheguei a odiá-lo, apesar de ter ficado chocada com o que ele fez (é claro que eu não vou contar, né? Hehe’). No início do livro eu até gostei um pouco dele, mas, depois, eu não sentia mais afeição alguma pelo personagem.

Devo destacar os personagens Gabriel e Alegra, pai e filha. Em certo ponto da história, Zoe dá uma pausa, e quem narra a história é Nica, cachorra da família acima. Nica nos conta um pouco sobre seus donos, e sobre algo que acontece na família deles, e é assim que eles entram na vida de Melissa. Gabriel é um homem MUITO fofo, vocês não tem noção! E, além disso, ele ainda é um pai maravilhoso, um amigo incrível, e tem um senso de humor sem igual. Sem contar que está sempre ao lado de Melissa quando ela precisa, e até mesmo quando ela não sabe que precisa. Já Alegra, acho que o nome já revela, né? Uma menina cheia de amor e carinho que se apega rapidamente à nova amiga (Mel), e que é muito inteligente, além de ser uma graça.

A chuva, que antes era uma temida queda d’água suficiente para me aterrorizar, tornou-se então gotas de benção e alegria que o céu despejava. Que caísse toda a água do mundo sobre mim. Enquanto Mel estivesse ao meu lado, eu poderia aprender a dançar sob ela. – página 212

Aqui nós acompanhamos não só a vida de Melissa pelo ponto de vista de sua cachorra (muito sábia, por sinal), mas também as reflexões de Zoe a respeito do ser humano, e do mundo. Muitas das perguntas que ela faz, nós fazemos a nós mesmos em algum ponto da vida, e é interessante acompanhar os pensamentos de Zoe, porque ela muitas vezes percebe quão egoísta é o ser humano, e quanto amor cabe dentro de um cachorro.

O casal não saiu um só segundo do meu lado. Eles pareciam não querer estar em outro lugar. E, bem, esta é uma das melhores sensações do mundo, vocês vão perceber. Sentir que você é o lugar e a companhia que a pessoa que você ama deseja. – página 80


O livro não só me fez rir (muitas palhaçadas e brincadeiras da parte de Gabriel, e os momentos em que Zoe inventava de comer ou destruir algo que não devia), como também me fez chorar. Eu cheguei a cogitar algumas coisas, mas, como é raro eu acertar o que vai acontecer, não imaginei que realmente fosse. Sem contar os momentos em que Melissa estava sofrendo, e Zoe sofria junto. Quantas vezes não estamos chorando ou tristes, e somos consolados pelos nossos peludos de quatro patas?
Pensando melhor sobre isto, estranho também é o fato de que, apesar de não falarmos a mesma língua, eu a entendo muito melhor do que a maior parte dos seres humanos. Costumo perceber quando precisa que a minha alegria a contagie ou quando tudo de que precisa é uma companhia silenciosa. – página 71

Camila conseguiu escrever uma história tão linda e sensível, que eu acho que, não importa o quanto eu elogie a obra, ainda assim não será o suficiente. É um daqueles livros em que a gente só sabe o que a pessoa sentiu quando lemos, e vocês só conhecerão os sentimentos que preencheram ao longo da história, quando lerem o livro e verem por si mesmos.

Eu AMEI este livro, e o leria novamente sem pensar duas vezes, pois, além de ser uma história linda com personagens incríveis, únicos e muito bem construídos (e desenvolvidos), é uma obra que envolve o leitor já nas primeiras páginas, e é impossível não se apaixonar por Zoe e sua inocência em relação a algumas coisas, e sabedoria em relação a outras. Não o recomendo apenas para quem gosta de romances, mas para todos os leitores possíveis, mesmo para quem não curte o gênero, pois, além de tudo o que já foi dito, o livro é leve e sensível, capaz de tocar até o mais frio coração.

site: http://shakedepalavras.blogspot.com.br
comentários(0)comente



Poliana 03/12/2016

Nesse livro vamos conhecer a fofa da Zoe, uma cadelinha que foi abandonada na porta de um supermercado abandonado por seus antigos donos. Ela vai nos contar uma linda história envolvendo Melissa (a jovem mulher que a tirou das ruas e a acolheu pouco antes da virada do ano), seu marido Lucca, Gabriel (um professor de artes viúvo, lindo e cheio de amor pra dar - mais ou menos) e Alegra, filha de Gabriel.


Primeiro, Zoe nos apresentará a Melissa, uma jovem artista que sempre sonhou em ser professora mas que se contenta em ficar em casa pintando a pedido do marido Lucca, que após conseguir o emprego que tanto procurava, começou a passar menos tempo em casa com a esposa e a dar menos atenção para Zoe, que só quer demonstrar o amor que sente pelos seus donos e nada entende dos comportamentos humanos. É claro que a ausência do marido começa a incomodar Melissa, de forma que o assunto vem a se tornar motivo de discussão para o casal.

É entre brigas de casal e pinturas cheias de sentimento que Gabriel entra na vida de Melissa. Não gente. Eles não se apaixonam de cara. Até porque Gabriel acabara de perder a esposa em um acidente caro e precisa cuidar da filha, a pequena Alegra, que com seu jeitinho inocente de criança vai conquistar até aqueles que tem coração de pedra e/ou não gostam de crianças.

Gabriel surge por meio de uma indicação para comprar um quadro de Melissa. Encantado com o trabalho dela, ele conversa com um amigo que é dono de uma galeria e consegue fazer com que os quadros de Melissa sejam expostos. Melissa fica nas nuvens, é claro. Contudo, Lucca não gosta muito e sua crise de ciúmes, somado com sua ausência acaba fazendo com que o casal discuta mais e mais vezes. Até que um jantar, que visa patrocinar um encontro entre os dois, é marcado. E é ai que as coisas começam a ficar intensas.

Melissa e Lucca se separam. Lucca não aceita muito bem a situação. E Gabriel e Alegra começam a fazer parte da vida de Melissa e de Zoe com uma frequência cada vez maior.


Não vou entrar em maiores detalhes para não estragar a surpresa e para que vocês não estejam preparados pelo que não esta escrito nessa resenha. Afinal, para ler esse livro é preciso estar despreparado e vulnerável para que vejamos os absurdos presentes nos costumes humanos. Absurdos esses que só podem ser vistos por meio de olhos inocentes e cheios de amor. Olhos de cães.

Camila Pelegrini foi extraordinária ao mostrar, pelos olhos de Zoe o quão cruel o ser humano é, o quão somos confusos e o quanto precisamos aprender para amar sem julgamentos e sem fronteiras.

site: http://pagsdaminhavidaliteraria.blogspot.com.br/2016/12/aos-olhos-de-zoe-resenha.html
comentários(0)comente



48 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4