Pollyanna

Pollyanna Eleanor H. Porter
Eleanor H. Porter




Resenhas - Pollyanna


284 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Erika 07/10/2017

Pollyanna é o tipo de livro que em cada página paro para refletir, todas as minhas leituras de alguma forma me passa uma mensagem, porém há leituras que tocam a alma e me deixa pensando... foi o casso de pollyanna, como é bom enxergar o lado positivo das coisas, isso torna a vida mais fácil a alma mais leve. Esse livro me mostrou que não retribua coisas ruins, devolva em positividade que um dia a pessoa vai enxergar e querer mudar. O jogo do contente é tão fácil! Experimenta!
comentários(0)comente



Fogui 02/10/2017

Pollyanna - Eleonor H. Porter
Título original: Pollyanna
Autor: Eleonor H Porter
Tradução: Monteiro Lobato
Ilustrações: Cecília Esteves
Série: Pollyanna 01
Editora: Companhia Editora Nacional
Ano: 2003

É uma das histórias mais singela que tive o prazer de ler. Pollyanna é uma garotinha de 11 anos que se vê órfão depois do falecimento do pai. Como sua mãe também já era falecida, a menina é enviada para a única parente viva, a tia Polly.

Antes de sua vida virar de cabeça para baixo, a garotinha havia sido incentivada a criar um mecanismo para vivenciar o melhor da vida, com entusiasmo, otimismo, positividade e amor. Cada situação por pior que pareça deve ser olhada com positividade, podemos tirar o melhor de cada situação por mais triste e bizarra ela seja, foi desta forma que Pollyanna aprendeu encarar a vida....
Quer ler a resenha completa e muito mais, visite o blog Momentos da Fogui:

site: http://foguiii.blogspot.com.br/2017/03/pollyanna-eleonor-h-porter.html
Nadja 03/10/2017minha estante
Amo! Marcou minha vida!




Ana Paula Pinto 20/09/2017

Lição de vida
O livro conta a história de uma menina órfã que vai morar com a tia e nos ensina que a vida tem as cores que quisermos dar a ela! Emocionante!Uma verdadeira lição de vida!
comentários(0)comente



roxy 19/09/2017

pollyanna
Pollyanna
Esse livro por ele ser antigo é maravilhoso : Pollyanna é uma menina que perdeu a mãe logo cedo e logo depois foi o pai e por isso teve que mora com sua tia Missy Polly uma mulher ruim perfeccionista , porém pollyanna sabe que é só uma fase (e fases passam) . Pollyanna é uma menina de onze anos , é aquela protagonista que te conquista nos primeiros capítulos , a história não é um romance ( e na verdade ninguém sabe o que é de verdade ) no decorrer da história pollyanna conquista a sua tia com uma brincadeira chamado “jogo do contente “ isso aprendeu com seu pai . Missy polly vai aos poucos se acostumando com pollyanna .
História : logo quando pollyanna chega na casa de sua tia vê vários quartos e acha que vai dormir em um quarto daqueles ; onde as paredes são emolduradas , onde tem tapetes e uma cama onde possa dormir e um quadro para admirar . porem a sua tia não deixa ela ficar em nenhum quarto e sim no sótão , um lugar simplesmente quente , com o assoalho todo acabado e uma cama simples com uma janela . porém polyanna não diz nada simplesmente adora e a empregada Nancy se surpreende com a garota e pergunta o porque de está feliz naquele lugar . pollyanna responde eu tava até pensando em quer um quarto como aquele porém vejo que não preciso pois tenho uma cama um armário e um quadro – apontando para a janela – para que mais ?
• No desenvolver da história vemos outros personagens : Mrs. Snow: pobre senhora que quando conheceu Pollyanna "saiu" de um quarto escuro e sombrio para um quarto lindo e maravilhoso abrindo janelas e cortinas.
• Dr. Shilton: médico que teve um caso com Polly
• Dr. Hantom: veio de NY para tentar resolver o caso de Pollyanna
• Jimy: menino, órfão como Pollyanna, que ela encontrou na rua e arranjou-lhe um lar na casa do Mr Pendlenton
• Mr. John Pendlenton: homem mais rico da cidade
• Nancy: empregada da senhorita Polly
Alguns deles tem sempre uma história de vida para contar , todos tem problemas , polyanna também tinha e encarou eles fez com que tirasse proveito disso sendo que se ficasse contente menos capacidade esses problemas teriam . pollyanna mostra que devemos ficar contente em todos os momentos sejam eles bons e ruins , e mostra que temos superar aquilo que nos faz desistir .
OPINIÃO : esse livro pollyanna e o meu predileto até porque foi o meu primeiro livro , aprendi muito com ele e acho que muita coisa que há em mim devo a ela , acho que nem todas as pessoas são capazes de superar a morte de um ente querido ficam deprimidas , angustiadas . Porém pollyanna tinha tudo para ficar assim e simplesmente ela se contenta . recomendo muito o livro tem um desfecho muito triste e ao mesmo tempo feliz e claro pollyanna mas uma vez mostra que é capaz de superar algo que as vezes é impossível de superar .
Obs: Tem a continuação de pollyanna que é POLLYANNA MOÇA
É claro que agora sim a um romance . espero um dia ter chance de ler pollyanna moça .
comentários(0)comente



Claudia 15/09/2017

Pollyanna minha querida!
Pollyanna é um clássico da literatura juvenil universal, publicado em 1913. Pensa numa menina encantadora que você tem vontade de abraçar e não soltar nunca mais, pois é... esta garota faz isso com a gente. Órfã e com apenas 11 anos, ela vai morar com a tia rabugenta, no entanto, com sua alegria de viver e com o jogo do Contente transforma não só uma pessoa, mas uma cidade inteira. Um dos melhores livros que li, não só do ano, mas da VIDA. Você precisa conhecê-la e fico contente de poder dizer isso.
comentários(0)comente



Juninho 02/09/2017

História e final surpredente
legal a história e to ansioso em ver a novela pollyanna do Sbt em 2018
comentários(0)comente



Gabi 01/09/2017

Jogo do contente!
Ahhh como é lindo esse livro! Surgiu em mim a vontade de ler depois que minha mãe e minha prima falaram do tal do "Jogo do Contente" e eu fiquei curiosa para saber sobre, mas confesso que de inicio não gostei nem um pouco do livro e tinha preguiça de ler hahahaha mas do nada, fui me apaixonando pela história e por essa menina tão especial, Pollyanna. Esse livro tem uma história tão linda e envolvente e nos faz de fato entrar no Jogo criado por ela e pelo pai. Essa garota é um exemplo, todos deveriam ser um pouco Pollyanna.
comentários(0)comente



Paula.Maia 29/08/2017

Meu preferido
Meu primeiro livro! Ganhei quando tinha 10 anos e foi minha primeira leitura. A história é leve e engraçada, recheada de otimismo e motivação. Hoje sei que sou uma pessoa positiva por influência desse livro. Amo e recomendo!!! Se delicie com a história de uma menina encantadora...
comentários(0)comente



Sapeka! 24/08/2017

.👗#sapekaindica Pollyanna, de #EleanorH.Porter
Acreditem, este livro está em minha família há 28 anos💎 #relíquia .
.👗#Pollyana é órfã de pai e mãe, uma menina de 11 anos que foi acolhida pela tia Polly, sua única parente viva. Rica e intransigente, a tia é desprovida de #compreensão e afetividade, e recebe a menina em sua casa como um dever.
.👗Por ser uma #criança encatadora, ensina a todos o #JogodoContente, jogo em que ninguém perde, todos ganham – e se transformam.
.👗É uma história sobre o amor, amizade e, sobretudo, sobre o surpreendente poder de transformação que os jovens e as crianças podem ter, sem se dar conta. .👗Pollyana foi publicado em 1913 e considerado um clássico da literatura infantojuvenil.
.👗 2° #desafiodacapa foi concluído com sucesso ✅.

site: https://www.instagram.com/p/BXtXoauFzyF/?taken-by=sapekaindica
comentários(0)comente



Nobrega 06/08/2017

Primeiro Amor
Pollyanna foi meu primeiro amor. É incrível como eu mudei de ideia ao acabar esse livro! Pollyanna é uma garota encantadora que te ensina a ver a vida de outra maneira. Nem tudo que é ruim tem que ser ruim. É um livro com ótima narrativa e uma história cheia de reviravoltas. Sempre há um motivo para ver o lado bom das coisas, por mais difícil que seja a situação e o acontecimento. O jogo que Pollyanna te leva é lindo, e algo que pode trazer um novo olhar pra sua vida. Ótimo livro para quem é iniciante no mundo da leitura!
comentários(0)comente



Mimi 26/07/2017

Não se encaixa no estilo de livro do qual gosto, porém é inegável a sua qualidade de narração .
comentários(0)comente



Joice 25/07/2017

Pollyanna
Sem dúvidas, desde criança esse é meu livro preferido, aprendi muito com essa garotinha, e confesso que sim, inúmeras vezes na minha vida, msm depois de adulta, joguei o jogo do contente. Super recomendo!
comentários(0)comente



Cíntia Carvalho 20/07/2017

Encantador
Fiquei muito feliz de ler esse livro. Na verdade ele foi uma reeleitura. Li esse livro a primeira vez na minha adolescência e lembro que tinha amado. Agora, depois de tantos anos lê -lo novamente foi uma grata surpresa porque não me lembrava de o quanto ele é maravilhoso. Amo livros escritos por crianças. E o que dizer de Pollyanna? É uma personagem única. Não é a toa que esse livro se tornou um clássico e foi um dos mais lidos em todo o mundo. Leiam! Urgente!
Mariana Abramo 20/07/2017minha estante
nunca li esse livro, acredita?? :(


Cíntia Carvalho 20/07/2017minha estante
Pois ponha na sua lista de desejados. bjs


Mariana Abramo 20/07/2017minha estante
:D




Raio 17/07/2017

Quanto mais difícil, mais divertido o jogo é.
Esse livro, apesar de ser classificado como infanto-juvenil, possui uma das maiores lições de vida que eu já li. É triste e alegre, você ri, você chora, e no final quem sabe você também consiga jogar o jogo do contente. Vale muito a pena!
comentários(0)comente



Kleyssi 26/06/2017

"Ela não finge que tudo é maravilhoso nem se conforma... apenas não se entrega ao sofrimento..."
Ao iniciar o livro, a editora deixa uma nota onde fala sobre a história e como as pessoas a enxergam. E é com essa frase que para mim tudo inicia "Ela não finge que tudo é maravilhoso nem se conforma com as coisas ruins que acontecem, apenas não se entrega ao sofrimento e à amargura, procurando fazer sempre do limão que a vida lhe dá; e ensina aos que a arrodeiam." (pág 8).
Não irei falar sobre qual a premissa da história, já que há várias resenhas, mas sobre como este livro me afetou. Após ler Extraordinário, que me surpreendeu (pois achava que não iria gostar), Pollyanna do mesmo modo me surpreendeu positivamente. Nunca havia ouvido falar nesse livro e em nada relacionado, e iria comprar Pollyanna moça em seu lugar, até ver que antes dele havia este, então preferi começar do início. E que livro lindo! A narrativa é boa, você lê e quando vê já tem devorado por inteiro, você não quer parar. É em terceira pessoa, e há diálogos também. deixando a leitura bem fluida. Juro que não sei o porquê, mas as trinta últimas páginas terminei de lê-las chorando (acho que estava sensível kk). E por fim, aprendemos a tentarmos ver as coisas de um modo melhor, mesmo quando elas são as mais difíceis, mesmo quando tudo parecer perdido, lembre-se que sempre deve haver algo que possamos agradecer e por quais ficarmos contentes. Ah! Preciso destacar que a arte desse livro é muito bonita, desde a capa, até as primeiras letras que começam os capítulos. Se olhar direitinho, elas encaixam com o título do capitulo, é um detalhe que deixa tudo tão caprichoso.
Recomendo mesmo este livro, acho que por mais simples que parece, ele vai te surpreender e te deixar mais leve. ;D
comentários(0)comente



284 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |