Nossa Parte de Noite

Nossa Parte de Noite Mariana Enriquez




Resenhas - Nossa parte da noite


100 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7


Isabela.Fonseca 28/07/2021

Uma das melhores leituras do ano mas leia com paciência.
Eu amei essa livro. Ele me envolveu de um jeito completamente inesperado. Uma coisa que eu recomendo muito é estar com a cabeça para fazer uma leitura densa e demorada, eu fui com a mentalidade de devorar o livro, o que prejudicou minha experiência com ele (totalmente culpa minha, tanto que já coloquei na lista de livros que eu quero ler novamente).

Eu achei esse livro incrível e perfeito, não só pela história, que foge completamente de tudo o que eu já tinha lido, mas também pela maneira que ela é contada, é tão peculiar, as composições dos capítulos e a maneira que a história é contada em cada trecho são pensados pra te envolver na história, é um conjunto para criar a atmosfera e o ambiente daquele momento em específico, o trabalho dessa autora é completamente maravilhoso.

Confesso que senti que o final foi um pouco rápido e apressado, mas eu amei tanto todo o resto que eu nem liguei muito pra ser sincera. Nas últimas 100 páginas eu não conseguia largar o livro de tão envolvida e absorta na história.

Definitivamente uma das melhores leituras de 2021 e que já está deixando saudade, se tiverem oportunidade, deem uma chance para se emocionar e se deixar levar por esse livro inacreditável.
comentários(0)comente



Ju 27/07/2021

Leitura muito amarrada!
Esse é um daqueles livros que eu quero ler mais pra frente, de novo. A leitura é cansativa, amarrada, não flui. Tem uma história, um tema muito bom, mas a autora enrola demais, mistura momentos diferentes dos acontecimentos... Enfim, fica confuso em alguns momentos. E os capítulos são longos, parágrafos enormes... o que cansa mais a leitura ainda. O tema é bom. Uma Seita macabra, com crimes perversos, encobertos pelas mortes da época da ditadura, o HIV, o ocultismo... Enfim, vale uma segunda leitura mais pra frente!
comentários(0)comente



Liv 24/07/2021

Eu gostei bastante da temática do livro, achei a história muito boa, desenvolveu de um jeito que me prendeu à narrativa, mas acho que alguns pontos poderiam ter sido mais bem aproveitados. Achei que o final poderia ter sido mais elaborado, a impressão que tive foi de algo finalizado às pressas. Uma coisa que me deixou bem desconfortável em relação ao livro foi o modo de escrita da autora: parágrafos gigantescos e sem divisão de capítulos.
Ademais, só elogios. Foi realmente interessante pra mim.
comentários(0)comente



Marcela Carvalho 22/07/2021

Cansativo
Esse livro de torna cansativo pelo simples fato de não ter capítulos e isso me incomoda um pouco pois parece que não tem tempo, mas gostei do toque meio sombrio que o livro carrega mas ainda senti que faltou muita coisa pra ser realmente bom
comentários(0)comente



Andre.Carlesso 21/07/2021

Prós e contras
Esse livro foi uma jornada tão louca que resolvi fazer uma lista de prós e contras sobre Nossa Parte da Noite.
Contras:
- a leitura é super difícil, precisa de muita atenção o tempo todo e na grande maioria das vezes se torna cansativa;
- O livro é divido em partes e não tem capítulos, em poucos momentos encontramos tempo para respirar;
- É preciso ter uma mente muito forte, pois o livro retrata inúmeras vezes cenas de torturas.
Prós
- É uma leitura completamente diferente do que encontramos por ai;
- O livro traz muitos fatos históricos, muitas vezes me peguei pesquisando os fatos apresentados no livro (ditadura argentina, por exemplo);
- O lado misterioso do livro faz você querer ler mais e mais até entender tudo que está acontecendo;
- A autora consegue fazer o leitor se envolver muito com os personagens principais.
comentários(0)comente



Amanda Richter 18/07/2021

Acenda a luz quando a Escuridão vier até você?
Esse livro é um misto de sentimentos.
?????????
Ele se passa ao longo de vários anos, por diferentes momentos da história de uma família, inclusive durante a ditadura Argentina. Mas essa não é a parte bizarra.
?????????
Juan, pai de Gaspar, é um médium, usado como conexão com a Escuridão por um sociedade secreta, chamada de Ordem e comandada por famílias antigas, inclusive a família da sua esposa. E a Ordem, por meio da Escuridão, quer descobrir os meios para viver eternamente na Terra. A Escuridão, por sua vez, é voraz e exige ritos atrozes. No entanto, todos esses poderes causam desgastes físicos e mentais demasiados no médium. A história complica quando a mãe do garoto morre, e a Ordem começa a cobiçar Gaspar como o próximo médium, algo que Juan não está pronto para permitir.
?????????
Em muitos momentos de pura loucura, é impossível definir com clareza as motivações por trás das ações de Juan com Gaspar. Temos um cenário de tensão histórica com os horrores que aconteceram, totalmente imerso em um uma rede de horrores sobrenaturais.
?????????
Para quem já leu o conto ?A casa de Adela?, Nossa parte de noite traz um Easter egg. Aqui a história é mais desenvolvida e preenchemos algumas lacunas que ficaram no conto, conectando as duas histórias e dando a real dimensão desse universo criada pela Mariana Enriquez.
?????????
Foi um livro árduo de ler porque tenho medo de horror. A escrita dela é fluida, porém densa, e muito bem sucedida em criar a ambientação e inserir o leitor na história.
?????????
Exatamente por isso esse livro é tão bom, embora te deixe com a sensação de gosto amargo no final da leitura.
?????????
Ou seja, recomendo, mas esteja preparado. E acenda as luzes quando a Escuridão vier até você.
?????????
Atenção: este livro pode causar pesadelos.
comentários(0)comente



devoradordelivros_ 17/07/2021

Uma leitura não muito fácil em muitos aspectos mas um Trevoso de respeito!
O livro da autora argentina que veio no mês de Maio do Clube Intrinsecos demorou mas me envolveu e aqui estou eu com saudades de Juan, Gaspar e cIa... Uma leitura tensa e intensa era o que eu dizia o tempo inteiro em que lia, quase dois meses creio eu.

A escrita de Mariana Enriquez é aquela que chamam 'fluxo de pensamento?' em que o narrador e os dialogos e os pensamentos dos personagens se misturam e exigem de quem lê uma concentração e um mergulho mais instenso na história. Eu no corre diário leio em qualquer tempo livre que surja e muitas vezes fazendo outras coisas ao mesmo tempo e pra quem tem esse costume esse tipo de escrita pode demorar a engatar.

Uma vez que me envolvi com a história o clima dark me tomou e a descrição do livro me fazia visualizar os cenarios dos filmes e séries trevosos que já assisti. Mas o clima era tão tenso que certos momentos tinha que dar uma parada pra ler outra coisa e depois voltar a leitura.

De inicio entendi algumas criticas que li sobre a escolha da autora de dividir a história em longos capitulos mas acho q o livro perderia a intenção da autora de com sua história nos consumir e 'alimentar a fome da escuridão', rsrs. Entendi a que escrita intensa combina com a história contada e não poderia ser diferente. Além disso a divisão em partes faz quase essas funcionarem independentes. O tempo inteiro a autora consegue descrever bem os personagens e nos faz conhece-los profundamente.

Ah, e sim poderia ter um final espetacular e blablabla cair no cliche mas entendo que o final dado e meio aberto é bem aceitável. Gostei muito de mergulhar na escuridão e conhecer esses personagens e seus panos de fundo diversos como lutas sociais na ditadura, a diversidade sexual bem abordada, a cultura trevosa das ceitas ocultas, a epidemia de HIV, etc.

Minhas 5 estrelas para Nossa Parte de Noite.
comentários(0)comente



Cassis 15/07/2021

Quantas pessoas assombradas você já conheceu?
Um livro cansativo para leitura, o fato de não ser dividido em capítulos ou melhor, por ser dividido em partes com mais de 100 pág. tornou a leitura um pouco cansativa para mim. Mas, isso não foi o suficiente para romper o meu amor pela história. Eu amei Juan intensamente apesar de sua parte da noite. Amei Rosário e Tali tanto quando, Estefan mais ainda. Enfim, amei intensamente todos os personagens (menos aqueles ricaços que se achavam donos de tudo e todos) e sofri com as percas durante o enredo, doloroso. Apesar de na minha opinião ser um livro maravilhoso acho que não é um livro para todos os públicos pois para uma história como essa você tem que ter uma parte da noite. Por fim, fica um frase quem vem no início de uma das partes:
?Não é preciso ser uma câmara ? para ser assombrado.? (Emily Dickinson)
Quantas pessoas assombradas você já conheceu?
comentários(0)comente



Andrea 14/07/2021

Horrores do dia e da noite
Juan é um homem bonito, sua aparência que atrai olhares esconde a sua fragilidade cardíaca e o seu dom em ser o oráculo da escuridão. O dom, que parece mais uma maldição, o fez ser afastado da sua família de origem ainda criança, quando o cirurgião cardíaco Dr. Bradford, que pertence a uma ordem muito antiga, o identificou como médium, induzindo aos seus pais entregar o então menino Juan para ele.

Ao conviver com a rica família dos Bradford, o menino é testado e usado para atender aos desejos dos superiores da ordem. É quando conhece Rosário, a filha de uma das mulheres mais influentes do grupo, os dois crescem juntos e acabam formando uma família.

Ao identificar cedo que o filho apresenta o mesmo potencial que o pai, tanto Juan quanto Rosário decidem que ele precisa ser protegido da família materna, buscando apoio entre pessoas de confiança. Desejo que é fortalecido após o estranho acidente que custou a vida de Rosário, espírito que Juan busca incansavelmente e nunca encontra.

E nesta queda de braço entre o médium e os poderosos, o leitor é levado a acompanhar os acontecimentos políticos e sociais na Argentina durante os anos de 1960 a 1997, onde os atos humanos são tão ou até mais assustadores que os sobrenaturais apresentados no livro.

Identificado como terror, Nossa Parte de Noite muitas vezes me pareceu ser uma espécie de metáfora para os anos de ditadura na Argentina, com pessoas de todas as idades sendo tiradas de suas famílias, tendo os seus corpos torturados e por fim largados em qualquer lugar. Somado a isso, há o outro tipo de poder, o das diferenças sociais, sendo bem forte a linha que separa os que dependem e os que possuem o poder.

O resultado disso é um livro bastante pesado, que pode levar o leitor mais sensível a temer a própria escuridão que o rodeia. Não é fácil se livrar de seus ecos mesmo após finalizar a leitura, já que a sua fantasia nem sempre é tão fora da realidade, o que torna toda a opressão e os misticismos apresentados ainda mais intenso.

Resenha completa no blog: http://literamandoliteraturando.blogspot.com/2021/07/nossa-parte-de-noite.html?m=1
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Elaine - @narealidadedasletras 13/07/2021

Uma leitura sombria.
Essa foi uma leitura totalmente fora da minha zona de conforto, essa é a grande valia de permitir se aventurar em livros que não são habituais em nossa rotina.

Juan é um médium de um culto secreto chamado Ordem, que se relaciona com a Escuridão em busca da vida eterna, comandada pela família de sua mulher Rosário.
Com a morte da mesma em um acidente que Juan acredita ter sido obra da família, ele faz de tudo para proteger seu filho Gaspar do  destino designado à ele, pois assim como o pai recebeu os dons da Escuridão.

Nossa Parte de Noite é um livro bem descritivo, extremamente lento e denso. A história é narrada em terceira pessoa, com alternância de narradores e grandes saltos temporais, a autora traz a representação da ditadura militar Argentina e mais adiante a democracia.

Para mim, não foi uma leitura rápida e no começo foi um pouco confuso porém tudo fez sentido no final do livro que me deixou surpreendida.
É um livro tenebroso com um enredo cheio de lendas, rituais, sacrifícios, dores e que é necessário ser forte para imaginar certas cenas descritas.
Talvez se o livro fosse reduzido em umas 200 páginas, seria mais fluído.
Não é uma história ruim, porém a narrativa ficou extremamente cansativa.

Se você gosta de uma trama mais sombria e cheia de mistério, recomendo pra que você leia Nossa Parte de Noite e tire suas próprias conclusões.
comentários(0)comente



gabriela.temponi. 12/07/2021

Um pai e um filho cruzando a Argentina, durante a ditadura militar e cruzando fronteira com o Brasil, são anos sombrios e obscuros. O pai tenta proteger o filho dos terrores que o cercam após perder a mãe. Gaspar recebe o chamado para ser médium, A ordem, o qual buscam a vida eterna através da escuridão. Mas tanto o pai quanto o filho não querem essa vida e terão que lutar para sobreviver a esse tempo sombrio e obscuro que irão os cercar. O terror sobrenatural irá estar presente com a nossa realidade, as vezes o que você imagina que seria algo está a mostra em sua frente e há sacrifícios a serem feitos. Temos a presença de ritos, atos sobrenaturais incapazes de serem ditos e atos históricos desde a descoberta da AIDS e as primeiras mortes
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Isa 11/07/2021

Cansativo
Finalmente terminei, depois de muita persistência. Pelo livro ter um conceito de um tipo de terror alternativo, com contexto histórico, é riquíssimo em detalhes o que deixa a leitura extremamente cansativa. Sem contar que o livro não é separado por capítulos, mas sim por partes, em que algumas tem até mais de 100 páginas. O contexto da história é muito bom, sendo um livro premiado, porém me desanimou demais...
comentários(0)comente



Mari 30/06/2021

Confesso que foi uma leitura muito difícil. O livro não tem capítulos (e quando tem são de 100 páginas), o que torna a leitura mais cansativa. Muitas vezes eu tive que parar no meio de um parágrafo porque ele era muito.. grande.
A história é muito interessante, misteriosa e mística, e ao longo do livro eu fiquei com muita dó do gaspar e muita raiva de outras pessoas (nao posso dar spoiler).
No final as peças vao se juntando e vc entende tudo.
Mas eu não gostei do final kkkkkkk, podia ser diferente.
A marcação do tempo podia ser diferente também, muitas vezes eu não sabia em que ano alguma parte estava passando...
comentários(0)comente



100 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7