Batman: Ano Um

Batman: Ano Um Frank Miller...




Resenhas - Batman: Ano Um


106 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Est_Toriv 01/06/2021

Um começo digno para o morcego
Batman: Ano um, feita pelo Frank Miller e pelo David Mazzucchelli, retrata o primeiro ano do ilustre morcego das HQs e do tenente Gordon, além de retratar um pouco do início da mulher gato.

Durante toda a hq percebemos que tanto Bruce quanto Gordon não estavam preparados para Gotan. Não eram seres perfeitos e muito menos realizavam tudo com exito.

Em resumo, uma bela HQ introdutória
comentários(0)comente



Irlandês 26/10/2012

"Batman - Ano Um" - Como se constrói um herói
"Batman - Ano Um" é a obra que redefiniu a origem do herói, em 1987, quando a DC Comics decidiu reformular a origem do personagem e deixou a tarefa ao encargo do roteirista Frank Miller e do desenhista David Mazzuchelli. Nessa saga, que é notável que serviu de inspiração para C. Nolan ao construir o enredo de "Batman Begins", nos apresentam os últimos preparos de Bruce Wayne para o início do combate ao crime em Gotham, depois de anos de exílio.

Do universo dos quadrinhos, um dos roteiristas que mais admiro é o Frank Miller, pois ele faz de tudo para trabalhar o personagem em uma visão de mundo mais realista e sensata, mesmo que os quadrinhos de super-heróis estejam ligados à ficção exagerada.

Se hoje sou fã do personagem "Batman", o responsável por isso é o F. Miller e sua abordagem. A releitura do personagem, procurando solidificar a Lenda dos quadrinhos, é o ponto mais forte da obra. Ao ler "Batman - Ano Um", não estamos simplesmente lendo sobre a origem do "Homem-Morcego", nós estamos na cruzada com Bruce Wayne e acompanhamos seus primeiros passos na carreira de vigilante.

Nós estamos presenciando essa transformação desde o momento mais difícil, desde o ponto crucial, o mesmo que definirá a trajetória de toda vida de Bruce.

E em Gotham City, a cidade mais corrupta do mundo, surgem notícias sobre um vigilante que está aterrorizando a máfia local e que também é perseguido pelas autoridades... Gotham nunca mais será a mesma.
Marcela 27/10/2012minha estante
Ficou muito boa sua resenha sobre "Batman - Ano Um". Faça outras. =)




Lucas 28/04/2021

Obra Prima
Certamente minha história de origem favorita do Batman, e uma das minha favoritas entre todas. Acho incrível como a história é crua e realista, não têm vilões caricatos, apenas confrontos políticos e as dificuldades que o Batman enfrenta no início de sua carreira.
Sem dúvida o ponto mais alto e o personagem mais desenvolvido é o comissário Gordon, ele tem muitos dilemas e conflitos, não só pessoais mais em relação a Gotham e principalmente em relação ao Batman, que é visto como um criminoso mas na no fundo ele sabe que é um herói.
De quebra há bons personagens secundários que até mereciam mais espaço como Harvy Dent e a Mulher Gato. Uma história que a princípio parece simples mas na verdade é muito profunda, que explora o Batman, Gotham e o comissário Gordon magistralmente.
comentários(0)comente



Raeli 31/03/2021

Em Batman Ano Um acompanhamos o primeiro ano do homem morcego como vigilante de Gotham city e o início da trajetória do comissário Gordon, aqui ainda tenente, na polícia da cidade mais conhecida do mundo das HQs.

Tanto Bruce quanto Jim Gordon estão se habituando aos seus novos papéis. Enquanto o Batman luta para se adaptar ao seu ofício de vigilante passando por dificuldades, emboscadas e muitos machucados. O tenente Gordon faz de tudo para manter sua integridade intacta em meio a corrupção abundante no departamento de polícia de Gotham.

Ao longo do ano, com a diminuição da criminalidade e a resolução de vários casos importantes, tanto Batman quanto o tenente Gordon se tornam populares e bastante estimados pelos cidadãos, o que desperta a fúria de criminosos dos altos escalões da cidade.

Perseguido pela polícia e pelos bandidos, Batman faz de tudo para melhorar suas habilidades e levar os culpados ao seu devido julgamento.

Como se trata de uma história introdutória as tramas são menos complexas, o intuito é realmente conhecer a construção do homem morcego e sua relação com Jim Gordon e a polícia de Gotham.

Destaque para o Alfred que aparece muito pouco mas com seu humor sarcástico e ácido funciona como um alívio cômico perfeito.
comentários(0)comente



Matheus 15/06/2021

Incrível
É difícil descrever uma obra que é tida como uma das melhores do Batman e, talvez, do gênero de super-heróis.

O roteiro de Frank Miller e a arte de David Mazzucchelli formam uma combinação perfeita para o ar de realismo que esse quadrinho traz para a história de origem do Batman pós-Crise.

Já havia assistido a adaptação em animação mas, ainda que muito boa, ler a história original foi simplesmente uma experiência incrível.
comentários(0)comente



Dremesky 15/06/2021

Onde tudo começou
?Ele é claramente um homem com uma missão, mas não de vingança. Bruce não busca desforra pessoal. Ele é muito maior, muito mais nobre que isso. Quer tornar o mundo um lugar melhor, onde o menino Wayne não seria uma vítima.?
E é por isso que eu amo o Batman, e por isso que seu primeiro ano é importante, onde foi o começo da modelagem de seu herói.
Os desenhos com tons escuros trazem a sensação de medo que seus rivais sentem ao vê-lo.
Esse é o Batman.
comentários(0)comente



D3ad.rar 29/03/2021

Frank Miller encarando Morcegão
Relendo esse quadrinho pela quarta ou quinta vez, eu consigo enxergar sempre elementos novos na historia, a ideia da perspectiva de contar a visão de Jim Gordon com seus problemas de ser um policial ''correto'' em meio a um departamento de policia corrupto, tendo sua mulher parindo uma criança em meio ao caos que é Gotham, e do outro lado de Bruce Wayne se descobrindo como homem-morcego, construindo sua relação com Harvey Dent, e posteriormente com Gordon também, e uma historia de Origem perfeita, com um desenrolar que prende o leitor na trama, sem deixar de lado a brilhante arte de Mazzuccheli que dá um ar de sujeira que Gotham merece, e a sutilidade de deixar todos ambientes muito bem retratados, sem dúvida que sem ele Ano um não seria Ano um.
Nota: Frank Miller sem dúvida é um gênio, o velho até pode estar gagá agora, mas ver oque ele fez com Demolidor e Batman, prova sem dúvidas sua genialidade como artista.
comentários(0)comente



Stefany 17/04/2021

"Eu me tornarei um morcego!" ?
Ótimo quadrinho de origem do Batman! Foi minha primeira HQ que li pra começar entrar nesse mundo maravilhoso de quadrinhos e curti bastante! Pra quem quer começar a ler indico essa HQ do morcego ??
jokel 17/04/2021minha estante
Indico Ano Dois e Xamã que são continuações já que tratam do Batman em início de carreira


Stefany 18/04/2021minha estante
Bom saber vou colocar na minha lista de leitura, obrigada.




Joao.Paulo 12/02/2021

Ano um
É uma das melhores histórias do personagem e mostra o primeiro ano de Batman, é um item essencial na coleção de qualquer fã do homem-morcego
comentários(0)comente



reyder 30/11/2020

Obra prima
Lembro que já na época de seu lançamento Batman: Ano Um, foi um clássico instantâneo. Mais do que uma releitura feita por Frank Miller, foi a recriação do personagem, mantendo os mesmos princípios de Bob Kane e Bill Finger, porém modernizando-o.

Reli pela enésima vez e recomendo a leitura para quem não é fã de quadrinhos. Quem é fã, com certeza já leu.
comentários(0)comente



Marcos 20/07/2020

O (RE)INÍCIO E O LEGADO CONSTRUÍDO NAS TREVAS⁣⁣
O (RE)INÍCIO E O LEGADO CONSTRUÍDO NAS TREVAS⁣⁣
⁣⁣
Quando se fala no homem morcego, automaticamente, somos remetidos a sua personalidade soturna e o seu ar tenebroso. De fato, antes mesmo de analisarmos sua extensa liturgia, a primeira imagem que se tem é sempre a de um homem profundamente atormentado por um crime que vitimou seus pais e que, como remédio, abraçou as trevas como forma de tentar seguir em frente.⁣⁣
⁣⁣
Mas nem sempre foi assim.⁣⁣
⁣⁣
O emblemático personagem criado em 1939 por Bill Finger e Bob Kane teve incontáveis facetas até o seu “último recomeço”. Somente no ano de 1986 o Batman, da forma que hoje o conhecemos nos filmes e até nos jogos, teve sua gênese definitiva. E os responsáveis por tamanha façanha foram Frank Miller e David Mazzucchelli.⁣⁣
⁣⁣
Assim surgia “Batman - Ano um”, a obra que ressignificou a mitologia do Morcegão, uniu a excelente história assinada por Miller e a incrível narrativa gráfica de Mazzucchelli. Particularmente não acho suficientemente justo afirmar que essa obra é apenas um dos maiores clássicos da DC ou que conta a história do primeiro ano de Bruce Wayne como Batman, Ano um revoluciona e reinterpreta a origem do Homem-Morcego e do próprio James Gordon.⁣⁣
⁣⁣
Não há, definitivamente, uma magia fabulosa ou heroísmo em demasia neste enredo, este Batman não foi pensado para ser um “cavaleiro da esperança” ou um representante da moral e dos bons costumes”. O seu estado de tristeza constante, a ira, a revolta e o desejo de vingança é o que representa a psique do protagonista. E o ponto mais controverso de tudo é que o vigilante encapuzado é que é a verdadeira faceta do personagem.⁣⁣
⁣⁣
Portanto, resta-nos concluir que Bruce Wayne é a fantasia escolhida para proteger a identidade do homem morcego que é o verdadeiro eu interior do personagem principal.⁣⁣
⁣⁣
Ano um é o que costumam chamar de “a origem definitiva” e confesso que fico mais fã do personagem a cada leitura que faço.
Lua 06/08/2020minha estante
Genial!!




Adam.Christiam 06/05/2021

Batman Begins
Outro clássico indispensável para todo fã de quadrinhos, aqui Frank Miller reinventa a origem do Batman de uma forma mais sombria (que ditou o tom do personagem nos anos seguintes) assim como em Cavaleiro das Trevas.
O filme do Nolan se basea diretamente nessa Graphic Novel, se você quiser dar uma olhada no material original, essa é a sua oportunidade (sem contar que é um ótimo quadrinho de entrada para o mundo dos comics)

"Senhoras e Senhores, vocês se serviram bem... Comeram a riqueza de Gotham, seu Espírito. O Banquete acabou." (Batman)
comentários(0)comente



jubebaz 17/09/2020

Muito boa mesmo!
Eu só não dei 5 estrelas completas porquê, sinceramente, esperava algum mistério ou algo muito maior. Ela é simples e bem sugestiva no nome. Muito bem escrita e desenhada, eu amei!!
comentários(0)comente



Fernando Lafaiete 09/11/2020

Batman Ano Um - Frank Miller | Quando a lenda renasceu!
Resenha postada em: https://www.mundodasresenhas.com.br/
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



106 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |