A Menina Mais Fria de Coldtown

A Menina Mais Fria de Coldtown Holly Black




Resenhas - A Menina Mais Fria de Coldtown


202 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Naclara 23/09/2020

Eu simplesmente amei, achei uma leitura bem leve e gostosinha. Recomendo que leiam, principalmente pessoas que gostam desse universo de vampiros, tenho certeza de que vão amar. Passei bastante raiva com alguns personagens, mas o livro é incrível!!
comentários(0)comente



Prazer, Ana 21/09/2020

Ai gente kk
Eu odeio resenhar mal livros que tem uma premissa interessante, mas esse livro foi MUITO chato em todos os sentidos da palavra. Todos os personagens são sem graça, o casal principal é não é shippavel de tão sem química que eles são, a protagonista é aquele tipo de personagem que ninguém entende o pq ela tá na posição de destaque, sendo que tem gente mais interessante na história.

O livro começa meio cringe e bem datado, já que ele foi publicado na época onde romances sobrenaturais eram o ?a nerd e o bad boy? do momento, então em vários momentos você se sentia em 2009/2010. Mas depois disso, ele só fica enjoativo e andando em circulos. Os flashbacks eram melhores que a história no presente. O meio do livro é extremamente parado, e quando ele anda de novo, você já tá de saco cheio (a menos que ame MUITO a temática e consiga passar por cima desse empecilho).

Foi a minha primeira experiência com a Holly Black, e eu fiquei bem chateada pq ela não foi positiva, já que a autora é elogiada e uma das trilogias do momento é a de Cruel Prince, escrita por ela. Talvez eu só tenha começado pelo livro errado, não sei. Mas vou dar uma segunda chance no futuro.
comentários(0)comente



ana 18/09/2020

PERFEITO!!!
Eu comecei a ler esse livro sem saber muita coisa da história, sem expectativas, mas PUTA MERDA que livro maravilhoso!! Foi o primeiro livro sobre vampiros que li, e juro que não foi nada do que eu imaginava; a história é muito original e me prendeu do início ao fim, é um daqueles livros que eu queria poder esquecer só pra ler tudo de novo. Sem dúvidas esse é um dos meus favoritos, recomendo demais, a leitura vale muito a pena!!
nycollebarbosa 18/09/2020minha estante
comecei esse livro e ainda estou nas primeiras páginas. Confesso que me animou muito ler o que você achou sobre ele e que foi uma leitura positiva.
Ele estava há uns 5 anos parado na minha estante e nunca sequer li a sinopse, me desanimei quando vi que era sobre vampiros (apesar de nunca ter lido nada sobre).
Espero achar tão bom quanto você achou, mesmo estando no começo, já estou me sentindo instigada. ?


ana 18/09/2020minha estante
aiii fico feliz q tenha te ajudado, espero que goste!! ?




Lu_FireHeart 01/09/2020

PERFEITO
Eu acho que não esperava tanto desse livro.
A autora já era minha queridinha por causa de principe cruel (sem mencionar a escrita fantástica). E apesar de as vezes se deter muito em descrições e pensamentos um pouco desnecessários, em momento nenhum e me entediei ou me cansei do livro.
Ela criou um contexto dos vampiros um tanto diferente, e eu gostei muito. A forma de transmissão, o fato dos humanos saberem da existência deles e como eles são muito impulsivos. Foi o melhor livro de vampiros que eu já li.

Amei a representatividade LGBTQ+, Aidan e Valentina são meus xuxuzinho.

A construção do Gavriel tmb é perfeita.

A protagonista é muito forte e com princípios muito bem definidos.

Romance espetacular.

Acredito que o livro poderia ter sido melhor, mas isso n tira o seu mérito, eu amei completamente (me tirou de uma ressaca).
Acho que também faltou um epílogo.
MAS ENFIM, LEIAM LEIAM LEIAM.
comentários(0)comente



Gabriela.Castro 28/08/2020

Vampiros sob uma nova perspectiva
Em uma sociedade onde a existência dos vampiros não é segredo, eles precisam ser controlados, e assim nascem as coldtowns. Através da internet é vendida a ideia de uma vida glamurosa, mas a realidade por dentro dessas cidades é bem diferente... Tana, é uma humana que bebe demais durante uma festa com amigos e acaba "desmaiando" no banheiro. Quando acorda todos estão mortos e ela se vê desesperada para sair dali antes que os vampiros responsáveis pela chacina a encontrem. Mas há um porém, ela encontra seu ex preso a uma cama, com um vampiro aprisionado no mesmo quarto.

Desde o começo esse livro me cativou e só não o li mais rápido, pois me controlei e tinha responsabilidades da vida kkkkkkk
A história se desenvolve sem enrolação, mas muuuito bem escrita, os personagens tem histórias de fundo bem construídas, o que eu amo. Com muitas reviravoltas e um final que me deixou com gostinho de quero mais, mas satisfeita por não deixar nada sem explicação, esse livro me conquistou e vou passar a indicá-lo sempre. A escritora soube trazer a ideia, já meio batida, dos vampiros sob uma nova perspectiva e eu amei ❤
comentários(0)comente



cris 16/08/2020

A menina mais fria de Coldtown
No geral um bom livro de vampiros,fazia mto tempo q não lia algum livro com esse tema e gostei da modernidade da história.
Claro q mta coisa me incomodou,como a escrita cheia de flashbacks e tb a Tana meio q ser a mulher maravilha,tendo que aguentar tudo,tendo qua manter a calma e não surtar em meio a todo aquele caos q se instalou na vida dela.O q me incomodou mto na leitura foi os constantes pensamentos da Tana,sempre pensando e pensando e isso sempre faz a história ficar se arrastando pq o personagem pensa demais,acha demais, supõe demais e age de menos.
Gavriel foi o responsável por eu ter me mantido firme até o fim, é impressionante como os vampiros mesmo sendo seres horripilantes conseguem nós conquistar não é mesmo?Se nesse livro tivéssemos só a Tana e o Aidan eu teria desistido lá no segundo capítulo.
Enfim, é um livro pra ler uma vez só pq tem mtas coisas q vão se arrastando e mesmo vc ficando curioso tem momentos q fiquei entediada,a coisa ficou boa mesmo só nos capítulos finais e mesmo assim passei um pouco de raiva com tanta enrolação em algumas partes.
Aquele livro q vc fica aliviado de ter terminado logo mas não feliz e satisfeito já diz mto não é mesmo?
comentários(0)comente



Mônica 09/08/2020

Bom, mas não me convenceu
Não é o tipo de leitura que tenho preferência.
Não é que o livro seja ruim, mas simplesmente não me convenceu, no meu ver podia ser muito melhor trabalhada a história e alguns personagens.
comentários(0)comente



Man 01/08/2020

Porque eu demorei tanto para ler esse livro, eu não sei...
Esse é meu primeiro livro dessa autora e eu adorei a escrita dela.
Eu amo estorias de vampiros, de todas as formas, romantizadas, de terros, suspense, adolescentes e essa não poderia ser diferente.
Tana é nossa protagonista e ela é foete, decidida, ela tem medo mas ainda sim faz, ela é leal e quando peomete algo para um amigo, nada a detem.
Gavriel é louco, completamente insano e são nesses momentos de insanidade que ele faz Tana ver com clareza, sei que é estranho o que acabei de escrever, mas você verá isso assim que ler o livro.
Estou completamente apaixonada por esse casal louco.
Quero mais Gavriel na minha vida, Holly Black, eu preciso ler mais sobre essa vampiro!!!!
comentários(0)comente



Izabela 25/07/2020

Resenha curta ??
Bom!! No começo Tana não fazia ideia de como sua vida mudaria tanto depois de ir a festa na fazenda de Lance, onde ela conhece um vampiro e seu amigo/ ex namorado se mete em uma encrenca. Ela acaba ajudando Aidan mesmo estando muito abalada com o que acabará de acontecer. O livro acaba se desenvolvendo mais, com novos personagens e com capítulos que fala um pouco deles e até mesmo do passado de Tana. Acabei gostando muito, o jeito que acaba e o que acontece com Tana. É bem legal principalmente se a gente já tiver lido algum livro que fala sobre vampiro porque a gente acaba tendo uma lembrança desses livros.
comentários(0)comente



Luana Rosa 12/07/2020

A Menina Mais Fria de Coldtown
Tana acordou dentro de uma banheira. O que esteve fazendo na noite passada? Sua cabeça dói. Já devia estar em casa. Vai em direção à sala. Há algo no chão. É um cadáver. Não. São vários. Nunca tinha visto Vampiros matando fora de Coldtowns. Até agora. O que eles estão procurando? Ela encontra primeiro.

Vampiros são misteriosos.
Imortais.
Adorados.
Temidos.
Sua beleza, sobrenatural,
Sua força, inimaginável.
Sua sede de sangue,
Insaciável.

As Coldtowns são igualmente perigosas. Vampiros são monitorados e divulgados para o mundo. Elas são amaldiçoadas, mas também são o paraíso. Os Resfriados devem ir para lá. Muitos anseiam pela morte, e não têm escolha a não ser enfrentá-la, seja para o bem - seja para o mal.

Esse é mais um livro fantástico da Holly Black! Com um narrador onisciente e, ao mesmo tempo, onipresente, a autora intercala capítulos nos quais ora a vida passada de Tana é descrita, ora acontecimentos mais recentes, ora episódios envolvendo outros personagens. Holly Black propõe espécies de "reflexões" sobre a (i)mortalidade, que estão quase sempre presentes nos pensamentos de Tana, retratada como uma garota corajosa, ambiciosa e, acima de tudo, humana.

"Aos vivos, devemos respeito, mas aos mortos, devemos somente a verdade."
comentários(0)comente



Shai | Leitora Lunática 06/07/2020

Não me conquistou
Vampiros são minhas criaturas favoritas do universo fantástico, então é difícil me decepcionar. Nesse caso não rolou a química, fui jogada num mundo onde os vampiros convivem com humanos, mas em lugares específicos. Pessoas querem viver com os vampiros, mas é perigoso. Ao mesmo tempo é televisionado. Achei a primeira metade arrastada demais, não me ganhou de forma nenhuma, não deu pra shippar casal apesar de ter gostado do Gavriel, enfim, duas estrelas porque consegui terminar, menos que isso eu abandonaria. E sim, a escrita é ótima, só a história não me ganhou, ainda pretendo ler mais da Holly Black.
comentários(0)comente



Eve 26/06/2020

Holly Black me deu uma conclusão.
Tive a chance de ler alguns livros dessa autora, logo após a conclusão de "A rainha do nada" último livro da trilogia muito famosa "O Príncipe Cruel", decidi que ia dar um tempo da Holly mas fui contra minha palavra e li A menina mais fria de Coldtown.

Não me arrependi e gostei muito da leitura, mas quando cheguei no final cheguei ao veredito que a autora têm problemas com conclusões.

Tirando o final o livro foi bem fácil de se ler, sentia falta de vampiros e a Holly não deixou a desejar nesse quesito.

E o mais importante de tudo pra mim: o livro não possui continuação. Estava cansada de livros que se prolongam e um dos principais motivos para eu ler "A menina mais fria de Coldtown" é porquê ele é um livro único.
comentários(0)comente



Mih 26/06/2020

A menina mais fria de Coldtown
Uma mistura de sentimentos..... Gostei mas acho que poderia ser melhor......
comentários(0)comente



Juliana | Coruja Leitora 26/06/2020

Leitura mediana.
O livro não é ruim mas não possui uma história surpreendente.
comentários(0)comente



Ceci 25/06/2020

Supreendente
Esse livro foi o que eu fui com as menores expectativas possíveis, e foi uma deliciosa surpresa.
Eu ganhei ele 5 anos atrás, e arrumando minha estante vi que tinha abandonado faltando umas 100 páginas, então resolvi reler ele inteiro.
Achei que não gostaria por ser um livro de fantasia, e não é um dos meus gêneros favoritos, mas esse foi um dos melhores livros que li esse ano, tem um ritmo eletrizante,
Eu realmente gostei mt dessa leitura
comentários(0)comente



202 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |