Crescendo

Crescendo Becca Fitzpatrick




Resenhas - Crescendo


809 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


May 15/10/2010

Crescendo - Becca Fitzpatrick
Bom, quem me segue no twitter já sabe, estou completamente extasiada em vir aqui contar para vocês que recebi um ARC de Crescendo, continuação de Sussurro.

Eu li a história em 2 dias, mas no total de umas 6 horas, então foi quase um recorde, sendo que o livro está em inglês e tem 420 páginas.

Crescendo será lançado nos EUA em 19/11, mas já está sendo comentado pela blogosfera de lá há algum tempo. Atenção, alguns spoilers de SUSSURRO são inevitáveis!!

A história se passa após os acontecimentos de Sussurro, aproximadamente 2 meses depois, após Patch ter ganho suas asas e do relacionamento dos dois estar razoavelmente consolidado.

Logo nas primeiras páginas nós vemos o assassinato do pai de Nora, que ocorre antes de Sussurro começar. Logo depois, vemos Nora e Patch (ah Patch) e algo estranho acontece, ela diz que o ama e ele praticamente foge – claro, isso enlouqueceria qualquer mulher, mas como se não fosse o bastante, no dia seguinte ela descobre que ele foi direto parar na frente da casa de Marcie Millar, sabe, aquela riquinha, esnobe, meio oferecida que incomoda a Nora há anos? Isso SIM enlouquece qualquer mulher.

Nora e Patch brigam e ela acaba o namoro, mas por outros motivos que seeu explicar aqui acabo contando grande parte da história, só digamos que responde algumas das dúvidas levantadas em Sussurro.

O livro é dinâmico e emocionante, apenas me decepcionei um pouco com a trama. Talvez seja eu, mas achei razoavelmente previsível. O desenrolar dos acontecimentos lembra bastante Sussurro e eu, pelo menos, consegui adivinhar várias coisas até o fim. Por algum motivo, e dessa vez acho que foi instinto mesmo, desconfiei do vilão, mas no Sussurro eu também adivinhei grande parte da história, então acho que isso não deveria desestimular ninguém a lê-lo.

Patch é emocionante e irritante. Emocionante porque, né, vocês sabem, Patch. Bad boy perfeito. Mas irritante porque ele NÃO FALA. Nossa, se ele falasse algumas coisinhas ia poupar tanto sofrimento… Mas claro que se ele falasse não teria a história toda, então a gente releva =D

Como dá pra notar no começo, algumas coisas sobre a família da Nora são reveladas, algumas realidades que podem doer e até o porquê da Marcie implicar com ela há tantos anos. Claro que mais perguntas são levantadas do que respondidas, na minha opinião, e qualquer um que lesse esse livro saberia, com certeza, que há um 3° livro na série, mesmo que a Becca não tivesse anunciado ainda, pois nenhuma editora ia publicar esse livro sem já estar planejando um 3°.

Digo que ele não terminou com um gancho para um 3°… Para usar uma analogia, sabe nas novelas, especialmente a “das 8″, no capítulo de sábado, quando no finalzinho a mocinha entra em casa e vê o marido com a aman e daí acaba só para que todo mundo queira desesperadamente assistir na segunda-feira? Pois é, mais ou menos esse tipo de situação é o fim de Crescendo (mas sem nada a ver com maridos e amantes, só o volume do problema/expectativa, viu?).

Eu destaco que a história é previsível, com exceção de alguns detalhes que, realmente, não houve dica nenhuma, ninguém tem como suspeitar disso. A Vee não é mais tão irritante quanto em Sussurro, mas ela não gosta nada do Patch e não esconde isso de forma alguma. A Nora está muito mais interessante em Crescendo, apesar de às vezes dar uma de idiota e só falta enfiar os dedos nos ouvidos e gritar “lá lá lá não estou te ouvindo”, ao invés de ouvir o que têm a dizer e evitar, sabe, uma situação de quase morte e tudo.

Cenas emocionantes é o que não falta, algumas bem quentes e até umas brigas. Cat Fight!

Apesar da Nora dar uma de “Bella” às vezes e eu sentir uma certa semelhança com Lua Nova (as partes em que a Bella resolve se meter em perigo para ouvir a voz do Edward), Nora consegue manter a cabeça no lugar e sentir medo quando necessário, além de conseguir raciocinar durante o perigo, o que faz dela uma heroína nada indefesa – e eu gosto.

Enfim, se você gostou de Sussurro, vai amar Crescendo. Se você AMOU Sussurro, vai querer matar a autora por escrever um fim daqueles e se você odiou Sussurro por alguns fatores, talvez você possa gostar de Crescendo, eu sugiro que tente.

E agora, quem aguenta um ano inteiro antes de Tempest ser lançado nos EUA (ou ainda mais para sair aqui)? Ah, meu pobre coração…

Originalmente publicada em Sobre Livros (http://www.sobrelivros.com.br/resenha-crescendo-becca-fitzpatrick/)
A.Christie 07/07/2011minha estante
Primeiramente parabéns pela resenha e segundo amei,amei e amei,o livro,li em dois dias e estou contanto os dias para reencontrar Patch,ele é tudo de bom né,eu imagino que ele seja parecido com o modelo Joss Kloss do clipe teenage dream da Kate Perry.


Gaby G. 15/09/2011minha estante
Apesar da Nora dar uma de ?Bella? às vezes e eu sentir uma certa semelhança com Lua Nova (as partes em que a Bella resolve se meter em perigo para ouvir a voz do Edward), Nora consegue manter a cabeça no lugar e sentir medo quando necessário, além de conseguir raciocinar durante o perigo, o que faz dela uma heroína nada indefesa ? e eu gosto. [2]


Fca Alynne 14/01/2013minha estante
oi, terminei de ler o Crescendo agora, e ele acaba em uma pergunta que Hank Millar faz a Nora, e estou ficando louca aqui, e assim mesmo que o livro termina?


Isa 19/02/2015minha estante
Eu amei susurro e odiei crescendo. Sério, quase taquei o livro na parede mas respirei fundo e continuei. O que valeu no livro para mim foi o mistério porque o romance e as brigas deles me deixaram com mó ódio. Acho que é o livro que menos gostei da série ( p/ mim podia ter parado no 1), mas é uma série legal de se ler. Não sou muito chegada a romances, por isso que não simpatizo muito.


Bubu.Lima 05/12/2015minha estante
Olha, eu odiei a Nora nesse livro!
Ela só fazia besteira e ficava de mimimi.
Preferia ela em sussurro.
Uma coisa que eu gostei foi o Patch ter passado a maior parte do livro sendo o vilão.
Como a autora não dava explicação do que estava acontecendo (claro, por que é a Nora que conta), eu acabava achando que ele realmente tinha algo com a Marcie e estava sendo um cachorro. (mais isso não me impede de gostar dele! Me amarro nos vilões.)
Tudo se esclareceu no final, e estou anciosa para ler silêncio.




Mih 01/09/2020

Crescendo
_, Estar perto de você, da forma que for, é melhor que nada. Não vou perde-la.

Ah! Como eu amo essa série ??....
Mel 01/09/2020minha estante
Que frase ???????


Mih 01/09/2020minha estante
????




melelivros 21/03/2021

Plot twist MUITO bom!
Percebi que bastante pessoas estavam falando mal desse livro por conta do início ser meio parado e coisa do tipo, porem eu gostei.

Ok, me estressei bastante com a Nora e o Patch, e achei que demorou um pouco para coisas serem explicadas, mas entendi que era pra tudo fazer sentido no final.

Fiquei chocada com o final, e todos os acontecimentos do livro. Ansiosa pra ler o próximo.
comentários(0)comente



pibrbs 17/01/2021

nota: dó
já tinha achado o primeiro livro fraco mas pelo menos era engraçadinho e tranquilo de ler, ao contrário desse que é uma bomba e eu me questionei várias vezes o motivo de eu ter aprendido a ler afinal entrou pros piores da minha vida

eu deveria dar 0 mas acho sacanagem com a autora então 1,5 é como se fosse um 0 ok? a escrita é fraca, várias vezes a personagem principal chamando quem ela não gosta de anoréxica, nada faz sentido aqui

a nora é uma burra acho que foi a personagem mais burra que eu tive o desprazer de conhecer

enfim horrível perdi horas da minha vida lendo todo mundo fala tão bem a nota é alta aqui no skoob mas eu só quero apagar da minha memória tudo o que eu li aqui
Bru 25/01/2021minha estante
eu só consegui ler o primeiro completo, o segundo sem condições de terminar




rafa 20/03/2021

Plot twist ótimo
Achei que não seria tão bom quanto o primeiro, mas me prendeu bastante. Toda vez que eu achava que as coisas estavam tomando um rumo previsível, algo acontecia, me fazia ter vontade de ler mais. O final, pelo menos pra mim, foi totalmente surpreendente, algo que eu não imaginei. Espero que os outros livros tomem o mesmo rumo.
comentários(0)comente



Geeh 04/05/2020

FAVORITO DA VIDA!!
Estou relendo pela terceira vez essa série... Fiquei com medo de mudar meu ponto de vista sobre a mesma, pois li em diferentes épocas da minha vida. Porém... Venho dizer que mesmo sendo pela 3×... Continuo amando do mesmo jeito... Ainda me surpreendo o como é boa essa história!! Patch crush forever!!
Lucineide.Santos 04/05/2020minha estante
eu tenho esse mesmo receio, não sei se ao reler vai continuar sendo uma das minhas sagas favoritas :/


Geeh 04/05/2020minha estante
Meu receio acabou... kkk Só concretizei ainda mais minha paixão pela série!! E olha que fazia tempo que tinha lido!!




Hobbit na Toca 16/03/2021

Nora e sua inconsciente vontade de fazer burrada
Esse livro continua na mesma pegada do primeiro, um estilo bem adolescente da época que romances sobrenaturais estouraram por causa de crespuculo.

Se isso é uma crítica bom ou ruim só depende de como você vai interpretar.

Eu dei risada basicamente o livro todo. Nora fica se metendo em um monte de merda e tendo crises de ciúme tiradas da bunda dela.

É engraçado que o livro todo poderia ter sido resolvido se os protagonista tivessem parado para conversar

Eu dei quase 3 estrelas porque eu ri muito da Nora passando vergonha. Tenho certeza que vou rir no próximo também.
comentários(0)comente



Paula.Silva 14/07/2020

O livro mais chato da saga
Crescendo é o segundo livro da saga Sussurro que é composta por quatro livros no total.
Nesse livro Nora continua chata, mas melhora um pouquinho acho que ela cobra coisas bem justas de Pacht, ela se mostra um pouco mais madura, mas ainda sim continua inocente, chata e insegura.
Pacht se comporta como um canalha nesse livro, porém ele tem os motivos dele para esse comportamento, não sei como as autoras sempre nos fazem perdoar esses caras e a culpa de tudo ainda recai sobre a personagem feminina do livro.
Adorei a atuação de Vee nesse livro, a melhor amiga de Nora, ela aparece bastante nesse livro e se mostra uma amiga para o que der e vier, quem não gostaria de ter uma amiga assim, topa tudo, leal e que podemos contar com ela sempre, em tudo!
Crescendo é muito chato, porém ele é salvo por seu final, é surpreendente, vale a pena ser lido, acho que dos quatro livros ele é o segundo com o final mais surpreendente possível.
comentários(0)comente



Rebecca 06/07/2020

Uma continuação como deve ser!
Tal como o primeiro, este livro conquistou-me desde o início. História muito bem conseguida, organizada e escrita! Se é que é possível, só melhorou!
comentários(0)comente



Renata 11/11/2010

Surpreendente e maravilhoso!!!
"Mas a verdade nua e crua era que nada que eu dissesse ou fizesse poderia realinhar as estrelas." (Crescendo)


Crescendo, continuação de Sussuro de Becca Fitzpatrick é um livro emocionante, envolvente e por vezes, irritante. A história de Nora e Patch em meio ao mundo de anjos caídos e seres imortais, ganha um “fôlego” nesse novo volume.

Crescendo já começa cheio de mistério. O prólogo conta como se deu a morte do pai de Nora, relembrando seus últimos momentos com vida. O assassinato do pai de Nora ocorre antes da história de Sussurro ter início, ou seja, é um flashback explicativo.

De volta ao presente, vemos Nora e Patch mantendo um relacionamento o mais normal possível, quando você namora seu anjo da guarda nem um pouco angelical. Mas nem sempre o amor é um paraíso... Ao declarar seu amor por Patch, Nora se depara com o desconhecido: Patch esfria e foge sem explicações. E quando o mundo de Nora está prestes a desmoronar pelo pouco caso e desprezo de Patch, Nora perde o chão ao saber que Patch, ao fugir dela na noite anterior, foi parar na casa de Marcie Millar – sua rival e inimiga número um.

Abalada e com uma raiva incontrolável, Nora termina com Patch no auge de suas emoções, mas com motivos maiores (não posso entrar em detalhes!) para o bem de ambos.

Com um coração partido e muitas questões rondando sua cabeça, Nora precisa achar forças para ver seu grande amor junto de Marcie, arriscando-se junto ao misterioso Scott, que ressurge em sua vida após muitos anos. O passado negro de Scott é um atrativo para Nora, que se entrega as loucuras para ter um contato – digamos, forçado – com Patch.

Além das confusões amorosas, Nora encara a desconfiança de sua amiga Vee por Patch e pelas visões que a mesma anda tendo de seu pai. Como se não bastasse isso, Vee começa a se envolver com Rixon, amigo fiel de Patch, e junto dele passa grande parte de seus dias.

Em meio a muito mistério e obscuridade, a trama se desenvolve de forma previsível, mas com alguns desfechos inesperados. A lógica do enredo remete muito ao desenvolvimento de Sussurro, até o “vilão” da história apresenta a mesma deixa. Mesmo com toda a previsibilidade, a história te surpreende de várias formas, com algumas revelações “bombásticas” e inesperadas. Algumas questões em aberto de Sussurro são reveladas em Crescendo, em compensação, inúmeras outras são levantadas.

Para quem espera muitas doses de Patch em Crescendo pode se decepcionar: o sexy bad boy sai de cena, e aparece apenas em momentos oportunos e de reviravoltas, mas não tem a mesma “presença” que o volume anterior. Suas falas são limitadas, mas nem por isso deixam de ser marcantes. Ele continua sendo o misterioso e sedutor, porém mais emocionante e irritante, por “empacar” a história... em outras palavras, a sua aparição é determinante para o desenrolar da história. Se ele surgisse e falasse mais, o livro perderia grande parte do suspense.

Já a Nora está mais decidida e focada. Apesar das semelhanças e dos momentos a la Bella Swan, Nora mantém no eixo sua racionalidade, sentindo medo quando necessário e se arriscando para buscar a verdade sobre a morte de seu pai. Uma heroína “frágil”, mas nem um pouco fraca e dependente dos outros.

Marcie Millar passa a ter um papel determinante na história, saindo de uma mera coadjuvante para uma personagem significativa. Muitos mistérios em torno dela serão revelados, e suas encrencas com Nora, além de entrarem num foco maior em Crescendo, ganham lógica no desenrolar dos acontecimentos. Ou seja, de olho nela!

O livro apresenta muitas informações novas e de suma importância para o desfecho da saga. Becca conseguiu trabalhar com maestria fatos determinantes sobre o passado e futuro de Nora, criando um enlace perfeito em Crescendo. No livro serão relevados alguns pontos sobre:
- o passado de Nora
- a história de sua família e sua herança nephilim
- o passado de Patch e um pouco de sua história
- as razões das implicâncias de Marcie à Nora
- os mistérios de Marcie
- o verdadeiro nome de Patch
- a morada misteriosa de Patch

...E por aí vai! UFA! Muitas emoções!!

Mesclando ação e sensualidade, Crescendo traz cenas de adrenalina extrema, bem como de pura sedução. Acrescente a essa mistura um pouco de mistério, um lado obscuro, revelações bombásticas e um coração partido, e se tem o tempero perfeito do livro.

E para quem tinha dúvidas sobre um próximo livro da saga, o final de Crescendo é uma declaração em aberto de sua continuação. Quando se espera um típico “E viveram felizes para sempre!”, Becca surpreende com um final chocante, deixando a todos de queixo caído e coração na mão. E com uma ânsia imensa de mais... muito mais!

Os fãs da saga podem esperar muitas revelações porque Tempest (continuação de Crescendo) promete agitar a todos!!

Mesmo com inúmeras semelhanças a abordagem da saga Crepúsculo, como tendência a “experiências extremas” de Nora, rompimento amoroso, paixão proibida por um ser sobrenatural, as particularidades acabam aí, pois Crescendo tem algo que Crepúsculo não tem: PATCH! O segredo do sucesso da saga está nesse personagem, o protagonista bad boy e sedutor, que rouba a cena e faz sua passagem não ser esquecida. Ele marca presença e deixa sua marca da melhor forma: um mix de segurança, petulância, humor negro e um jeito sexy e perigoso de ser. Como diz meu amigo Gutemberg, Patch deveria dar aulas para Edward!

Particularmente, não achei Sussurro “o” livro. O início era muito enrolado e deixou a leitura muito chata pelos devaneios de Nora, mas mesmo assim, o livro foi bom. Com Crescendo, a leitura entrou num ritmo alucinante, o enredo teve melhor embasamento e as histórias foram melhores construídas. Enfim, Crescendo é excelente e vai te conquistar!



http://guriaquele.blogspot.com/
@remallmann
A.Christie 07/07/2011minha estante
Primeiramente parabéns pela resenha e segundo amei,amei e amei,o livro,li em dois dias e estou contanto os dias para reencontrar Patch,ele é tudo de bom né,eu imagino que ele seja parecido com o modelo Joss Kloss do clipe teenage dream da Kate Perry.


d.c. 10/09/2011minha estante
Você falou tudo o que eu sempre pensei sobre Hush, Hush: o melhor do livro é o Patch!! Adorei a resenha. Me decepcionei muito com Crepúsculo :/ Todas as minhas amigas falavam que era o melhor livro de todos e eu acreditei nelas. "Patch deveria dar aulas para Edward!" KKKKK amei




marcelly cavalcante 11/03/2021

Livro mto importante pra saga e esclarece muitas coisas, apesar de o início ser bem parado ao longo vai ficando muito empolgante...
comentários(0)comente



Fefa 08/06/2011

Pat[ch]ético!
Para falar sobre Crescendo não é preciso falar muito. Na verdade, o livro faz um caminho desproporcional ao título. É como se fosse um sache de chá, em vez de água, mergulhado numa big caneca de clichê. Se em Sussurro Becca Fitzpatrick deu um tom negligente ao tratar de ‘Anjos’, neste segundo volume o tema perdeu quase que completamente espaço e foco para crises de ciúme ridículas, devaneios irritantemente infantis, diálogos pobres e... infantis, etc etc etc.

A Becca deve ter mesmo muita preguiça de pensar ou é uma escritora claramente despreparada para a função. Ela cria um enredo embasado pela conveniência dos acontecimentos, dando margem ao óbvio e criando uma seqüência ininterrupta de situações forçadas e saídas fáceis. Suas personagens estão mais dispersas, mais imaturas e ao longo do texto você percebe como estão adaptadas a esses superficialismos, aparecendo e desaparecendo de cena quando bem assenta.

Pra não dizer que não teve nenhum fator positivo, gostei da reviravolta no final. Uma história levinha e simplória para ser lida apenas como um entretenimento vago.
A.Christie 29/06/2011minha estante
Primeiramente parabéns pela resenha e segundo amei,amei e amei,o livro,li em dois dias e estou contanto os dias para reencontrar Patch,ele é tudo de bom né,eu imagino que ele seja parecido com o modelo do clipe teenage dream da Kate Perry.
A.Christie




Regiane 05/04/2011

Desfecho surpreendente!

"É melhor que algumas verdades fiquem mortas e enterradas - do contrário, podem destruir tudo aquilo em que você acredita."

Hoje trago a resenha de um dos livros mais esperados por mim para esse ano. Assim como Sussurro, eu também comprei Crescendo em pré-venda. E foi uma alegria e tanto quando finalmente chegou em minhas mãos.

Para quem ainda não leu Sussurro, recomendo que não leia a resenha de Crescendo, pois como trata-se de uma série, contém spoilers do primeiro livro.

Depois de tantos problemas e de ter sofrido uma tentativa de assassinato, Nora Grey ainda terá que enfrentar muitas dificuldades e perigos, mas ao menos dessa vez, ela tem o namorado Patch como seu anjo da guarda. E como a vida está longe de ser perfeita, o rapaz - ou melhor, o seu anjo - começa a se distanciar dela e para piorar, dá a entender que Patch está interessado na grande rival de Nora - Marcie Millar.

É nesse momento que nossa protagonista dá a chance de conhecer melhor Scott Parnell, colega de infância que acaba de retornar a cidade. Um cara totalmente irritante, que sempre consegue tirar Nora do sério e que ao mesmo tempo faz ela se sentir atraída. Mas o motivo principal que leva ela manter-se próxima dele, é tentar provocar ciúmes em Patch, e é com essa aproximação que Nora começa a suspeitar que Scott tem um grande segredo.

E se já não fosse suficiente, a garota começa a sofrer com visões envolvendo seu pai que foi assassinado há algum tempo. Nora tentar juntar peças para descobrir o que realmente levou sua morte. Ela tem a consciência do quanto será arriscado, mas a vontade de saber a verdade, faz com que persista até o fim. Teria uma relação da morte de seu pai com o fato de pertencer a uma linhagem de nefilins? Nora conseguirá desvendar esse mistério?

Crescendo conseguiu superar minhas expectativas. Não sei dizer qual dos dois livros da série é o melhor, na verdade, acho que ambos são bem equilibrados, tanto no enredo, quanto na elaboração de seus personagens. Adoro a forma como a autora mantém o clima de mistério ser soar cansativo, ao contrário, faz a leitura ser muito agradável, do começo ao fim.

O título do livro tem tudo a ver com a fase que Nora está vivendo. Apesar de todos os problemas caindo sobre sua cabeça, a jovem se mostra muito madura. Mesmo sofrendo, ela segue em frente com seus objetivos, algo que achei muito interessante. Mesmo não tento seu anjo protetor o tempo todo ao seu lado, e nenhum momento ela se entrega as dificuldades.

Confesso que em certas situações, eu tive vontade de entrar no livro para bater em Patch e Marcie, por me colocar no lugar de Nora. Já Vee me agradou muito nesse segundo livro - coisa que não aconteceu em Sussurro - pois com ela, temos uma pitada de humor, o que faz quebrar um pouco a tensão da história.

Becca Fitzpatrick é incrível, não tenho palavras para elogiá-la, mas uma vez ela me surpreendeu com o desfecho dessa obra. Na verdade achei fantástico. Fiquei pasma, de boca aberta. Agora é aguentar a ansiedade e esperar o terceiro livro dessa maravilhosa série que encantou e conquistou muitos leitores, assim como eu.

Finalizando não podia deixar de dar minha opinião sobre a capa. É tão linda e perfeita quanto de Sussurro. A Intrínseca nunca deixa a desejar em questão de qualidade de seus livros lançados. Parabéns a editora.

Recomendo!!!
A.Christie 30/06/2011minha estante
Primeiramente parabéns pela resenha e segundo amei,amei e amei,o livro,li em dois dias e estou contanto os dias para reencontrar Patch,ele é tudo de bom né,eu imagino que ele seja parecido com o modelo Joss Kloss(digita no google) do clipe teenage dream da Kate Perry.
A.Christie




belligna 06/06/2020

Esse acho que foi meu favorito de toda a saga, apesar de detestar a personagem principal e quase todos os outros que aparecem no livro.
comentários(0)comente



809 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |