A Força Que Nos Atrai

A Força Que Nos Atrai Brittainy Cherry
Brittainy C. Cherry




Resenhas - A Força Que Nos Atrai


297 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Rose.Silva 25/09/2020

Preferidos
Encantadora simplesmente lindíssima trajetória de amor dos protagonista
comentários(0)comente



Isis Mendes 21/09/2020

Ok
O último livro da série elementos conta a história de Lucy e Graham. Ele é um escritor famoso atormentado pelo passado. Ela é uma "hippie esquisita" que tem um coração gigante e ajuda a todos. A história gira em torno de Lucy ajudando Graham a cuidar de sua filha que nasceu prematura. Gostei do desenvolvimento do relacionamento dos dois a longo prazo. Mas no fim, achei a história razoável. Amo os livros da Brittainy, mas esse não funcionou para mim.
comentários(0)comente



Raquel 19/09/2020

Lucy e um daqueles personagens que ver beleza, alegria em tudo, até nas piores situações. E uma personagem vivida, cheia de luz e alegria e é foi uma personagem que sem sombra de dúvida me ganhou.
Graham é fechado e ranzinza mas me conquistou.
comentários(0)comente



Tay 19/09/2020

Me surpreendeu
Não sabia o que esperar desse livro já que nunca tinha lido nada dessa autora e acabei me surpreendendo com a escrita e a história desse livro.
Amei a escrita da autora, é bem fluída e fica com um gostinho de quero mais em cada final de capítulo. Gostei também da trama e de como ela foi finalizada.
É o primeiro livro que eu leio dela e espero que seja o primeiro de muitos, pois agora quero ler todos (risos).
comentários(0)comente



Ju.Cassimiro 18/09/2020

Para chorar a cada página
Li esse livro em apenas um dia e sem conseguir parar. A escrita me devorou e a história me envolveu ao ponto de me deixar sem fôlego. Há tantos aspectos desse livro e vou tentar ser sucinta. Em A Força que Nos Atrai os personagens são machucados e marcados por diversos acontecimentos traumáticos em suas vidas.

Lucille é a menos machucada de todos os personagens. Ela é marcada pela morte da mãe mas leva isso de uma forma natural. É  uma personagem maravilhosa de ler. Muito pura, feliz e sempre altruísta.

Graham é um personagem difícil. No início você só quer encher a cara dele de socos por ele ser um completo babaca, mas ao longo do livro a gente se apaixona por ele assim como a Lucy.

Esse casal é interessantíssimo de acompanhar. Todo o desenvolvimento da relação deles e a construção dos sentimento se dá por coisas muito simples e cotidianas. É tudo muito leve e o romance toma seu tempo para se construir. Eu adorei! Não senti falta da carga sexual, acho que tudo foi extremamente adequado à situação que eles estavam vivendo e aos seus conflitos internos. O fato de eles não terem esse sex appel tão latente acredito que foi crucial para o amadurecimento do amor deles e ainda mais ver que mesmo depois de já terem confessado seus sentimentos, entenderem que ainda não é o momento.

Os personagens secundários são muito bem construídos. Todos com histórias bastante sólidas. Dá pra entender perfeitamente os motivos que levam cada um em seus caminhos e a autora planta uma sementinha da curiosidade sobre o que o futuro reserva para eles.

A escrita da autora é impecável, tocante e emocionante ao extremo. Senti vontade de chorar literalmente a cada página. As emoções dos personagens são totalmente palpáveis, a descrição dos momentos de brigas e de tristeza realmente transmitem aquela sensação para o leitor.

No todo o livro foi maravilhosamente construído. Toda carga emocional marca demais a leitura. Os personagens são incríveis e profundos e eu não pude deixar de me apaixonar por esse livro. Acho que poderiam ser exploradas ainda mais coisas dentro do universo do casal e eu leria tranquilamente. Tudo foi fechado com um epílogo fofíssimo e eu amei.
comentários(0)comente



Mad Lil'Duck 17/09/2020

Não é o melhor da autora. Mas livros que envolvem crianças sempre mexem comigo. É bom pra passar o tempo e refletir quantas vezes vc já fugiu de suas obrigações.
comentários(0)comente



Julinha 16/09/2020

Soft
Gostei do drama. Amei como eles foram se aproximando de pouquinho em pouquinho e deus sabe oq eu sofri quando a jabruaca decidiu voltar na cara de pau.
Meu apaixonei pela escrita da autora que flui super bem apesar de ser um livro "pesado" já tô lendo os outros dela e cada vez mais apaixonada
comentários(0)comente



Nete 15/09/2020

Que história!
Eu já tinha lido livros emocionante, mas esse que.livro, que história, que amor! Um homem triste recluso nos seus sentimentos, que sente muita magua pela forma como foi tratado pelo pai no passado, ela uma mulher que vê a bondade, o amor e felicidade nas pequenas coisas da vida e leva luz para as trevas da vida dele quando ele mais precisa. Eles vão enfrentar o preconceito e as incentezas que o amor traz. No final tudo fica ótimo. Como diz ele em uma de suas falas " em fim viveram felizes para sempre".
comentários(0)comente



Duda 12/09/2020

Assim como os outros livros dessa série, não vou negar que derramei algumas lágrimas durante a leitura.

A escrita da Brittainy é gostosa e as estórias que ela cria são emocionantes, mesmo que sempre tenha algum acontecimento que a gente pense "atá, isso nunca aconteceria na vida real", que nesse livro foi a rapidez que certos relacionamentos mudaram , como o da Lucy e da Mari (não quero nem comentar a raiva que senti com a última).Mas tudo bem, foi um livro que me deixou muito feliz e que eu li rapidamente, sem contar que a Lucy e o Graham são um casal muito fofo.

Esse livro foi melhor que o primeiro da série, na minha opinião, mas como não sei se acho ele bom igual ao segundo, coloquei o mesmo número de estrelas que "O Ar Que Ele Respira".

Outra coisa: POR QUE É QUE ELES INSISTEM EM COLOCAR HOMEM SEM CAMISA NAS CAPAS??Coloca uma camisa no modelo, não vai estragar o livro.Na verdade vai ser até melhor.

É um livro muito gostoso de ler, você se apega aos personagens principais, principalmente a Lucy, e temos uma construção boa de um relacionamento.Recomendo demais!
comentários(0)comente



Bárbara Borges 09/09/2020

Emocionante
Meu primeiro contato com a escrita da autora e eu me derreti em lagrimas durante e no final da leitura. Foi uma leitura super rápida pra mim, e muito intensa.
Aqui vemos dois personagens que são totalmente o oposto um do outro e que com o passar do tempo vão aprendendo a lidar com o outro.
O passado de ambos faz eles serem pessoas fortes e cheias de medos e inseguranças, e ver esses dois (e alguns personagens de fundo) lidando com as diversidades do momento, a questão do aprender e falar que errou me cativou muito.

Agora sou daquelas que quero ler tudo que essa autora escreve ♥
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Priscila.Carvalho 06/09/2020

Adorei como a autora trabalhou com os personagens, fiquei com medo de como ela iria desenvolver a história dos protagonistas e foi muito melhor do que esperava. São lindas histórias de amizade e companheiros, com alguns erros o que torna tudo mais real
comentários(0)comente



Danielle.Nunes 04/09/2020

O amor florece nos corações mais incertos
De todos da série, esse pode ser considerado o mais "leve" e mesmo assim roubou meu coração!

Que história incrível, profunda e com tantas reflexões. Tem muito amor em todas as suas formas, tem recomeço, tem amizade, tem saudade e muitas flores. Tem uma mocinha incrível que nos faz desejar ter um coração tão puro e lindo como o dela.

E tem um mocinho que é muito parecido com tantas pessoas... Graham, eu te entendo, nem sempre é fácil abrir seu coração e deixar o amor florecer. Mas quando está escrito, quando é para ser, tudo coopera para aquele momento feliz das histórias aconteça na vida real.
comentários(0)comente



Danielle 30/08/2020

Que livro mais intenso e gostoso, tanto que eu terminei a história em menos de 5 horas, era impossível não devora-ló.
A história é muito intrigante e faz com que você queira ler mais. Ele meche com o nosso emocional, por muitas vezes você quer tentar entender porque as pessoas são como elas são, porque elas tomam tais decisões.
Lucy e Grahan são os extremos opostos, talvez por isso a história se torne mais interessante. Lucy é um raio de Sol, sempre alegre e vendo as coisas boas da vida, ela se contenta com pouco, o importante para ela é a felicidade, enquanto Grahan é uma pessoa fria, bem na dele e a única coisa que importa na vida dele é o trabalho. Mas um bebê acaba unindo a vida desses dois.
Eu simplesmente não consigo entender a Lyric, ela não sabe direito o que ela quer da vida. Abandona o marido e a filha recém nascida, para fazer não sei o que, e depois quer voltar para sua família como se nada tivesse acontecido. Essa mulher precisava de um psiquiatra isso sim.
Eu confesso que em certos momentos senti muita raiva da Mari pelas decisões erradas que ela toma na vida dela e na forma que ela traiu a irmã dela. Ela foi completamente tola em acreditar que o marido dela queria voltar com ela, estava muito na cara que ele não prestava.
É um livro super tranquilho, com uma história maravilhosa, que nos transmite bastante emoções.
comentários(0)comente



Paulinha 26/08/2020

Um livro muito bonito que fala sobre perdas e abandonos
comentários(0)comente



297 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |