Um de Nós Está Mentindo

Um de Nós Está Mentindo Karen M. McManus


Compartilhe


Resenhas - Um de Nós Está Mentindo


206 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


K.G | @entaoeuli_ segue lá bb 21/02/2018

Esse livro e tao bobo e sem graça que poderia fazer parte do elenco da Praça e nossa.
ENTAO EU LI UM DE NOS ESTA MENTINDO..... E PACEIRA MENTIRAM PRA MIM DIZENDO QUE ERA BOM.

Sabe quando voce vai comer no shopping, e vê aqueles cardapios com pratos LINDOS, DE DAR AGUA NA BOCA, aquela carne no ponto, alface verdinha, batata amarelinha, voce pede o prato, e chega pra voce Uma carne queimada, um alface murcha, e uma batata encharcada de oleo? esse livro foi tipo isso pra mim.
Nos temos 5 jovens que estao em detenção na escola, e um deles acaba morrendo, e todos ali, TEM MOTIVOS PRA QUERER AQUELA PESSOA MORTA, ou seja, todos sao suspeitos. E o livro é isso. DO COMEÇO AO FIM, isso mesmo.

A historia desse livro é EXTREMAMENTE SIMPLES E LINEAR, nao tem muitas reviravoltas, e as que tem sao fracas, A AUTORA PASSA O LIVRO INTEIRO MOSTRANDO QUE UM PODE TER MAIS MOTIVO QUE O OUTRO PRA MATAR. Ao ponto de dar vontade de gritar " EU JA ENTENDI QUE TODO MUNDO QUERIA FULANINHX MORTO! CONTINUA COM A HISTORIA!" so que ela continua na mesma.
É uma mistura de Pretty Litlle Lies e Gossip Girls MUITO DA VAGABUNDA. a autora nao incorpora nada de novo, e é um " MISTERIO" QUE NAO SE SUSTENTA DE FORMA INTERESSANTE AO LOGO DE 400 PAGINAS.
E falando na quantidade de paginas, PODERIA TER UMAS 70 A MENOS! a autora perde muito tempo NO OBVIO, no começo do livro, toda a parte 1 poderia ser resumida em 2 ou 3 capitulos.

A historia tem 4 NARRADORES, e no caso desse livro foram 4 TIROS NO PÉ, os personagens nao foram construidos de forma que voce identifica-se a personalidade de cada um deles durante a narração. SE VOCE NAO PRESTAR ATENÇÃO NO NOME DO NARRADOR, voce nao sabe quem esta contando a historia.
COMO ERAM 4 HISTORIAS QUE SE CRUZAM, pra mim, NAO CONSEGUIU DESENVOLVER BEM NENHUMA DELAS, A ponto de ser interessante, de ser envolvente, A PONTO DE ME FAZER TORCER, OU SIMPATIZAR COM ALGUM PERSONAGEM. isso porque ela teve quase 400 paginas, os personagens pra mim estavam apaticos, distantes, e eu tava 100% Nem ai pra eles.

POREM SEGUI FIRME.

Rumo a um final BEM DIGNO DE TANTA TOSQUEIRA. QUE FINAL MAS, MAS AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA um final mais sem noção que a Claudia Leite.
Aquela sensação " SERIO QUE VOCE SO CONSEGUIU PENSAR NISSO?" muito frustrante mesmo.
Achei preguiçoso, obvio, nao gostei.

de positivo posso dizer que e um livro MUITO FACIL DE SER LIDO, Rapidinho da pra ler.

Esse livro foi tao decepcionante que vou chamar ele de Vida amorosa.
Mais superestimado

Uma leitura Fraca
Pouco Original
mal escrita
sem graça.
Se vc como eu deixa de comprar brusinhas pra comprar livros, nao vale a pena o investimento.
1 estrela.
Paula.Soares 21/02/2018minha estante
Vou tirar da minha lista kkk


Karine 21/02/2018minha estante
Um final mais sem noção que a Cláudia Leite kkkkkkkkkkkkkkkk


Paula.Soares 21/02/2018minha estante
undefined


Paula.Soares 21/02/2018minha estante
Kkkkkkkkkkk


Ariane 21/02/2018minha estante
Hahahahhahahaha adoro suas resenhas. E tava interessada no livro, pena que é ruim... Mas sou masoquista e curiosa e agora quero ler!!!


Leandro Moura 22/02/2018minha estante
HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHHAHAHAHA! Tô morrendo de rir hauahauhaua


Josi - @viciodaleitura 26/02/2018minha estante
[Esse livro foi tao decepcionante que vou chamar ele de Vida amorosa.] HUAHUAHUAHUAHUHAUA cara você é foda demais.


Luyde | @cafunedabahia 26/02/2018minha estante
Eu estava pensando em colocar na lista, depois dessa...desisti. ?


Mariana 12/03/2018minha estante
Kkkkk calma, anjo.


15/03/2018minha estante
Um dos piores livros da vida. Coisa previsível chata entediante. aff.....


Lohane 17/06/2018minha estante
Eu desisti desse livro. Chato e sem noção. Muito draminha adolescente é eu achei um absurdo chamarem isso de thriller psicológico hajahsh


Lidiane 10/07/2018minha estante
Me fez desistir! kkk


Marcelo 16/07/2018minha estante
Alguém aqui é bem chato né? Acho foda esse povo que faz resenha, se acha dono da verdade e tira a possibilidade da pessoa ter o direito de achar bom ou não, porque as pessoas leem as resenhas e acabam desistindo, como alguns aí já disseram. Já vi isso acontecendo com livros, séries e filmes. Resenhistas e críticos que denigrem a imagem de algo porque não alcançou seu gosto pessoal.


Laura Lima 05/10/2018minha estante
Bem isso mesmo. Estou tentando terminar...mas ta dificil. Muito chato :/


Grace Ribeiro 13/10/2018minha estante
Levei três dias tentando ler. Do meio pro final pulei as páginas e só dei uma passada de olho. Pior leitura do ano. Odiei.




Crika | @PitacosLiterarios 11/01/2018

Quem está mentindo?
Escola de Bayview. Cinco alunos entram na sala de detenção, mas apenas quatro saem com vida. E todos eles suspeitos e com algo a esconder.

Simon, o jovem que morreu, era responsável por um aplicativo de fofocas e estava prestes a publicar os segredos dos outros jovens que estavam com ele.

Addy, a princesa do baile; Cooper, o astro do time de beisebol; Bronwyn, a gênia que quer estudar em Yale e Nate, o criminoso da escola, em condicional por tráfico de drogas. Todos eles têm algo cabuloso a esconder. Mas até que ponto seriam capazes de proteger seus segredos?

O que ninguém esperava é que os tais segredos vazassem mesmo após a morte de Simon, deixando a escola em polvorosa. A imprensa dá as caras e o caos tá formado. E a vida de todos eles muda de repente.

Uma das coisas que eu mais gostei é que o livro vai muito além do suspense em si. A autora aborda temas sérios e mostra como eles são problemas na vida real. E como é incrível que, às vezes, amizades tão improváveis são formadas em meio ao caos. E que, muitas vezes, as aparências enganam.

Eu adorei esse livro!! Não conseguia parar de ler enquanto não descobrisse o responsável por tudo. Eles dizem não saber o que aconteceu e desconfiam uns dos outros. Mas e agora, quem tá mentindo?

O livro é dividido em três partes e narrado pelos 4 suspeitos, o que torna a leitura muito mais interessante. A escrita é fluida e eu me senti na escola, em uma daquelas mesas de refeitório, sabe? Acompanhando tudo bem de pertinho.

E sabe da maior? Vai virar série de TV. Deve ser uma vibe meio Pretty Little Liars, né?! Adooooro!

site: https://www.instagram.com/p/BdvqBlFn4lr/?taken-by=pitacosliterarios
Aline Moura 11/01/2018minha estante
Já vai pra lista!!!


Crika | @PitacosLiterarios 11/01/2018minha estante
Aêeee, vc vai gostar! Quero ver se vc descobre hein.. ;)


Aline Moura 11/01/2018minha estante
Essa resenha despertou mais ainda a minha curiosidade!!! Já quero. :)


Paloma Bezerra 16/01/2018minha estante
já ta na minha listinha!! e virar série ? socorroooooo já quero!!!!


Crika | @PitacosLiterarios 16/01/2018minha estante
Aline, vc vai ficar doida pra descobrir o que aconteceu rsrs


Crika | @PitacosLiterarios 16/01/2018minha estante
Paloma, vai virar série sim!! Se prepara hein, rsrs. Já tá em pré-venda o livro. Boa leitura! ;)


sol 16/01/2018minha estante
Amei! Adoro livros assim, vai pra lista!




Lucas 26/03/2018

A divulgação mentiu
Em uma sala de detenção entram cinco alunos, apenas quatro saem vivos. Simon, dono de um aplicativo de fofocas, onde expos muitos dos alunos da escola de Bayview, está morto. O aplicativo deu a ele muitos inimigos, agora nos da muitos suspeitos.
Os quatro alunos que saíram vivos da detenção, Addy, a princesa do baile; Bronwyn, a nerd; Cooper, o atleta e Nate, o traficante em condicional, são os principais suspeitos. Esses personagens demostram ter mais segredos do que imaginamos.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Esse livro foi muito divulgado, gerando grande curiosidade e, como consequência, muitas expectativa, mas o livro foi uma grande frustração.
O final foi preguiçoso e óbvio, narrado em primeira pessoa pelos quatros suspeitos, a autora entregou o desfecho, basta o leitor ficar atento. Além de não ter feito isso muito bem, pois não é possível distinguir os personagens pela forma como narram, parece ser a mesma pessoa sempre.
Apesar do livro ser vendido como um livro de YA sobre um crime, ele foca muito nos dramas dos personagens do que no próprio suspense. Consigo pensar em poucos pontos positivos desse livro, 1) o casal que se formou ao longo do livro e 2), como estudante de jornalismo reparei muito nisso, a forma como a mídia contribui ou atrapalhou nas investigações e na visão dos telespectadores em relação aos suspeitos.
Infelizmente o livro não cumpre com o que prometeram em suas divulgações, o mistério intrigante. Apesar disso, a leitura é bem tranquila e rápida, ou seja, pode ser um livro para passar o tempo, mas com certeza não será o livro da sua vida.

Sobre a autora: Karen M. McManus é mestre em Jornalismo, sendo este seu livro de estreia que se destacou na lista do New York Times.

Sobre a edição: Da editora Galera Record, o livro tem o tamanho bem distribuído (pág x alt x largura), percebi poucos erros de digitação no interior do livro, além de ter uma capa linda.

site: https://www.instagram.com/desordemvirtual/
Pedro 26/03/2018minha estante
Eu consegui descobrir o final sem ler o livro. '-'


Lucas 26/03/2018minha estante
Muito previsível, não entendi o buss, logo nas primeiras páginas eu já tinha sacado




spoiler visualizar
Casa da mãe Joana 05/04/2018minha estante
Você definiu bem a cultura norte americana :"humilhar o diferente é um esporte nacional"!


Bianca 07/04/2018minha estante
Cara, o problema nem é a tradução, eu li três/quatro capítulos em inglês e desisti de tão entediante que achei... e olha que o livro tá super hypado, tava com as expectativas lá em cima. Assim que comecei a ler, me decepcionei e voltei na livraria pra trocar por outro. Não sei se vale a pena eu voltar só pra "dizer" que terminei de ler




Karine.Campos 11/05/2018

Quando o nosso Clube de Leitura selecionou UDNEM como livro do mês eu fiquei com um pé atrás, logo pensei mais um livro sobre adolescentes na escola, não quero rsrsrs. Mas, para minha grata surpresa, UDNEM é daqueles livros que prendem o leitor do início ao fim. Apesar dos personagens parecerem caricatos, num primeiro momento, eles evoluem durante a história de uma maneira surpreendente. A história, que no início parece clichê, tem reviravoltas que me deixaram sem fôlego. E o final? Apesar de ter descoberto 2 capítulos antes do fim foi muito bem elaborado e o melhor, convincente.
E, como não podia ser diferente, o romance entre alguns personagens me fez gostar ainda mais do livro.
Só uma dica: não confie em ninguém!

site: https://www.instagram.com/amigasdaliteratura
Iris 14/05/2018minha estante
Amei sua resenha, resumiu o que achei do livro.


Lívia @escritoraliviamessias 21/05/2018minha estante
Já quero ler!




Bruno 07/05/2018

Atenção, isso não é um thriller
É um bom young adult, mas não é um thriller. O livro tem uma pegada leve de suspense, mas que é mais lento e mostra como os personagens lidam com toda a situação. Não deixa de ser bom. É viciante e com um final que pode até ser previsível, mas eu não esperava por esse final, ainda mais que achei que tinha visto um spoiler, quando na verdade eu não tinha visto spoiler nenhum.

Foi uma leitura divertida e surpreendente.
comentários(0)comente



Beatriz 18/01/2018

Ala
Quando os cinco alunos vão para a detenção em um dia normal de aula, e apenas 4 voltam para casa. Tudo muda na vida dos sobreviventes do colégio Bayview, e eles são a caricatura exata de personagens de escola do ensino médio: Bronwyn, a gênia, comprometida a estudar em Yale, nunca quebra as regras. Addy, a bela, a perfeita definição da princesa do baile de primavera. Nate, o criminoso, já em liberdade condicional por tráfico de drogas. Cooper, o atleta, astro do time de beisebol.


Tudo vira de cabeça pra baixo quando a polícia descobre que sua morte não foi acidental e começa a investigar mais a fundo a vida dos sobreviventes e toda a situação. Isso pois Simon, a vítima, era o pária, criador do mais famoso app de fofocas da escola. App esse que destruiu a vida de muita gente na escola. Muitos mistérios, segredos e fofocas vão se ver revelados nessa história.

Comecei a leitura sem expectativas, não sabia muito sobre a sinopse ou sobre o desenrolar da escola. A leitura me surpreendeu em partes e foi super leve, um thriller Jovem Adulto que te mantem entretido até o final. 

A escrita é rápida e pontual, o livro é narrado em primeira pessoa na versão dos quatro alunos, intercalando entre eles. Tática que nos faz aprofundar cada vez mais na vida dos adolescentes, ver seu ponto de vista e evolução durante a trama. Assuntos  em alta também são tratados aqui de forma sutil, como relacionamentos abusivos, sexualidade, bullying, etc. 

A leitura foi extremamente rápida, com um desenrolar que se sustenta quase que completamente até o final, me lembrou muitos séries teen como Scream e Pretty little Liars (sem o glamour e os saltos). Confesso que eu tinha uma ideia sobre quem era o culpado de tudo, mas foi tudo interessantes mesmo assim. Sobre os pontos negativos, fiquei desconfiada com as escolhas e atitudes da polícia durante a investigação, além de algumas atitudes desproporcionais acerca de alguns segredos que se revelaram. Mas no demais achei um bom livro, não é um clássico do gênero investigação. Mas é um ótimo  que cumpre sua proposta, e um bom entretenimento para quem gosta desse estilo de livro. 


site: https://aquimerablog.wordpress.com/2018/01/18/um-de-nos-esta-mentindo-karen-m-mcmanus/
comentários(0)comente



Yuri Rebouças 04/03/2018

É um livro legalzinho...
Eu vi tanta gente adicionando esse livro aos desejados no mês passado que cedi ao hype e comecei a ler assim que foi lançado (ganhei de cortesia da editora), e a minha expectativa estava lá em cima. Talvez esse tenha sido o problema.

O livro tem uma premissa interessante e o mistério já nos prende no título: um dos quatro protagonistas, aparentemente, é o responsável pela morte do colega de escola. Eu sempre tenho dificuldade em me interessar por livros em primeira pessoa, mas com UM DE NÓS ESTÁ MENTINDO isso não foi um problema, eu comecei o livro com tanta ansiedade que devorei no mesmo dia as primeiras cem páginas. A escrita é super tranquila e fluída, tão fácil que nós nem percebemos os capítulos. A trama é narrada pelo ponto de vista alternado dos quatro alunos que são investigados como os principais suspeitos, e percebemos então que todos eles tem motivos para querer a morte de Simon. Conhecemos as vidas de cada um, os seus problemas e glórias, mas tudo de uma maneira rasa. Eu não consegui criar empatia por nenhum personagem.

O que mais me incomodou, contudo, é que o livro é recheado do começo ao fim de todos os clichês imagináveis (eu nunca vi tanto estereótipo junto em um só lugar, e o drama dos adolescentes acaba excluindo todo o mistério do assassinato). Não conseguiu prender a minha atenção, não aconteceram grandes reviravoltas no enredo e o final foi meio que decepcionante (eu juro como imaginei que aquilo aconteceria antes dos últimos capítulos).

Não foi uma das melhores leituras do ano, mas também não é um livro ruim, e a escrita fluida da autora merece parabéns. E você já leu? O que achou?

site: https://yurireboucas.wixsite.com/yurireboucas/blog/resenha-um-de-n%C3%B3s-est%C3%A1-mentindo
Leandro 04/03/2018minha estante
Gostei, mas não achei nada demais também. Pro final do livro já da pra sacar o que aconteceu e junto a decepção kkkkk


Yuri Rebouças 04/03/2018minha estante
Pois é, eu achei bem fraco mesmo, e eu tava super ansioso pra ler...


Leandro 05/03/2018minha estante
Confesso que eu estava muitoooo ansioso também, deve ter atrapalhado um pouco haha


Yuri Rebouças 05/03/2018minha estante
Pois é, essa empolgação excessiva sempre atrapalha hahaha mas logo o livro vira filme, né?




Aline 08/01/2019

Caí no bait e perdi 36h da minha vida, mas segue o baile 🤷
Quando meu grupo de leitura coletiva selecionou “Um de Nós Está Mentindo” como livro do mês através de uma votação bastante acirrada, mal passou pela minha cabeça o tamanho da decepção que eu enfrentaria ao ler esse livro.

Cinco estudantes do Colégio Bayview entram numa sala de detenção, apenas 4 saem vivos. A causa da morte? Não foi um acidente, definitivamente. Lendo isso você pode estar pensando “uow, olha essa premissa que interessante!”, e caramba, eu preciso concordar com você: é sim uma premissa interessante, junto com o título chamativo do livro tem tudo pra você torcer pro livro ser muito bom. Mas não é o que acontece. Infelizmente.

A história é extremamente simples, não tem uma grande reviravolta e, quando tem, meu/minha amigo/a, é de fazer revirar os olhos de puro desgosto. A autora passa o livro inteiro expondo quem poderia ter mais motivos para ter assassinado Simon, ao ponto de eu querer segurar na mão da Karen M. McManus e dizer “eu já entendi que meio mundo queria o Simon morto, agora vamos prosseguir com a história, minha flor?”.

Outro problema é que o mistério não se sustenta ao longo das quase 400 páginas, porque,acreditem, a resposta pro crime está bem ali, logo no primeiro capítulo, se você prestar muita atenção. Se o livro tivesse a metade do número de páginas, não faria diferença nenhuma, ou talvez fosse até mais interessante, já que não teria tantas páginas para autora se perder no óbvio!

Aqui temos 4 narradores, que na verdade poderiam ser considerados um só, porque não tem diferença nenhuma entre eles! Nate, Bronwyn, Addy e Cooper não tiveram construção nenhuma, tanto que é impossível identificar a personalidade deles durante a narração. Se você não prestar atenção no nome do narrador, você não sabe quem está contando a história e fica mais perdido que a Karen M. McManus tentando conduzir uma investigação policial nesse livro.

Você acha que a polícia do Brasil é terrivelmente ruim? Companheiro/a, é porque você não viu a polícia presente em “Um de Nós Está Mentindo”. Eu nunca vi um livro/série/filme de suspense e policial com tantas falhas durante a investigação. Os caras tem na mão um blog, UM BLOG INTEIRO, onde Simon escrevia as fofocas de todos os estudantes do colégio; onde fica bem evidente o tanto de inimigos que ele poderia ter. Mas o foco fica com quem mesmo? Apenas nos 4 que estavam na detenção. Até o professor que estava presente foi ignorado, sem ser considerado suspeito. Oi??? Espalhar a privacidade de um estudante, menor de idade, aos quatro ventos pra tentar chegar a um culpado? Oi???+1 É sério isso? Usar o 4chan e não ter a mínima ideia de como o site realmente funciona? Isso pra mim mostra que a autora simplesmente jogou ali e não se deu nem ao trabalho de pesquisar sobre o que ela estava escrevendo.

E chegamos ao final, que consegue te frustrar mais do que toda a perda de tempo que a autora fez você passar andando em círculos. Sem reviravoltas. Se você prestou bem atenção no primeiro capítulo, foi aquilo mesmo que aconteceu e acabou. Matou o livro inteirinho logo no primeiro capítulo, perdeu várias horas pra chegar no óbvio e constatar a preguiça da autora de dar um desfecho melhor pra história.

“E essa 1 estrela ai, Aline, é por piedade?” E olha que talvez seja mesmo ¯\_(ツ)_/¯
Essa estrelinha ai com certeza vai pros 2 únicos pontos altos do livro, que é ser uma leitura bem rápida e mostrar o quanto a escola pode ser cruel. Se Karen fez algo de bom, com certeza foi expor a podridão que é dentro de uma escola, com temas como bullying e homofobia. A exposição de um relacionamento abusivo na pele de uma adolescente foi super importante também, ajudando as meninas a reconhecerem e tomarem uma atitude.

No mais, “Um de Nós Está Mentindo” é um bait puro e simples. História fraca, mal conduzida, com falhas grotescas e não cumpre nem um pouco o que promete.
Aline 08/01/2019minha estante
Obrigada! Queria muito ler esse livro. Já não quero mais. Kkkkk


Filipe 08/01/2019minha estante
""eu já entendi que meio mundo queria o Simon morto, agora vamos prosseguir com a história, minha flor?""
"Se você não prestar atenção no nome do narrador, você não sabe quem está contando a história e fica mais perdido que a Karen M. McManus tentando conduzir uma investigação policial nesse livro."
KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK


Marcela 09/01/2019minha estante
Vish é tão ruim assim?


Marcela 09/01/2019minha estante
"Se você não prestar atenção no nome do narrador, você não sabe quem está contando a história e fica mais perdido que a Karen M. McManus tentando conduzir uma investigação policial nesse livro." #morta




spoiler visualizar
comentários(0)comente



Andy 26/07/2018

Uma boa história, me lembrou bastante a série Pretty Little Liars (uma das minhas favoritas inclusive). Mas no geral, achei o enredo fraco, faltou mais dinâmica nos personagens e mais mistério; algo que realmente levasse o leitor a ficar pensando e criando suas próprias teorias. O final também foi um tanto quanto "broxante". Confesso que fiquei esperando O assassino e me decepcionei pacas, até mesmo as motivações de toda a situação foram bem clichês. Por esses motivos, não se tornou um dos meus favoritos
comentários(0)comente



Danny 30/04/2018

Quem será que está mentindo?
Esse livro tinha tudo para dar errado, visto que muitos YA são cansativos, repetitivos e muito arrastados, no entanto esse é o diferencial do livro.
Muito embora algumas coisas possam parecer clichê (e é mesmo), ele surpreende ao fim de todo esse livro, essencialmente porque quem cometeu o "crime" é (um dos envolvidos de todo esse caso) alguém que muitos acabam deixando de lado, além é claro de possuir um cumplice que movido por vingança ajuda a dar seguimento no caso após o assassinato do Simon.
No mais esse é um livro que vale a pena ler pois desde o inicio dá narração (narrada pelos 4 jovens), ele te instiga a ler mais a fim de saber os segredos que os ligam com o caso, para poder enfim, descobrir quem o matou.
brunauemura 05/05/2018minha estante
Ainda não sei se vou ler esse livro, estou bem na dúvida... Mas é bem provável que não, mesmo que eu goste desse tipo de livro que nos prendem para saber quem é quem (isso por causa de "The Kiss of Deception"). É que a sinopse realmente não me chamou a atenção...


Danny 11/08/2018minha estante
Eu entendo, as vezes eu também não vejo nenhum atrativo na sinopse, mas esse livro aqui é muito bom, lembra a série Karas do Pedro Bandeira.




Gustavo Barberá 15/07/2018

Fraquinho, mas tem história.
O que leva um ser humano a cometer um ato irracional para se vingar por não ser o destaque, o aluno popular de uma escola e ser o centro das atenções? É o que acontece no livro "Um de nós está mentindo". Aqui um assassinato acontece durante a detenção de quatro jovens em uma escola americana e o mistério se instala naquela pequena cidade, onde conforme a trama é investigada, mais segredos são revelados e expostos, surpreendendo a todos. Confira a resenha completa no site do Leitura Enigmática. O link está logo abaixo:

http://www.leituraenigmatica.com
comentários(0)comente



Nina 03/04/2018

Quem tem um pouco mais de trinta anos deve ter visto muito O Clube dos Cinco na Sessão da Tarde. Eu assisti dezenas de vezes e nunca me canso de rever esse clássico que retrata tão bem a adolescência nos anos 80, principalmente porque ele mostra pessoas de tribos diferentes: a popular, o nerd, o atleta, a grunge e o “fora da lei”. Por outro lado, quem está na casa dos vinte anos deve ter amado Gossip Girl, uma série onde uma pessoa misteriosa intitulada “Garota do Blog” publicava os segredos da elite do colégio novo-iorquino. Ou então, se você for um pouco mais novo, deve ter acompanhado Pretty Little Lyars, série que retrata quatro amigas que se reúnem quando um chantagista ameaça contar seus segredos.

Agora imaginem um livro que reúne as características das três produções e teremos o enredo de Um de Nós Está Mentindo.

No livro, cinco adolescentes completamente diferentes ficam de detenção por portarem o celular em sala de aula, apesar dos cinco jurarem que não eram os donos dos aparelhos encontrados. Os estudantes são Bronwyn, a nerd que quer entrar em Yale; Addy, a popular rainha do baile; Cooper, o atleta; Nate, o traficante em liberdade condicional; e Simon, o criador de um aplicativo de fofocas que já vitimou a grande maioria dos alunos. Mas antes do fim da detenção, Simon morre por ingestão de uma alta dose de óleo de amendoim (ele era alérgico) e a polícia acredita que ele foi assassinado. E para piorar a situação, os policiais descobrem uma postagem programada para o dia seguinte à morte do garoto em que ele revelava segredos terríveis de seus colegas de detenção, fazendo com que os quatro se transformem nos maiores suspeitos do crime.

- Ela é uma princesa, e você, um atleta - responde ele, apontando o queixo para Bronwyn e depois para Nate. - Você é um crânio. E também um criminoso. Vocês todos são estereótipos ambulantes de filmes de adolescente.

O grande trunfo desse livro, além de ter no enredo três grandes referências da cultura adolescente, é a narrativa em primeira que se alterna entre os quatro jovens. Vamos acompanhando as investigações pela ótica dos suspeitos e isso nos faz sentir que nenhum deles é culpado porque conseguimos entendê-los. Além disso, o surgimento de um casal bem improvável faz com a gente queira que tudo dê muito certo para eles.

Os personagens são muito reais e, apesar da sinopse fazer parecer que cada um deles cabe em um determinado estereótipo, quando vemos mais de perto percebemos que não é tão simples. Toda nerd tem seu dia de loucura e toda patricinha é meio gata borralheira, nada é o que parece à primeira vista. Eu acho importante que o livro traga essa mensagem, de que ninguém precisa ser isto ou aquilo e que temos liberdade para sermos quem quisermos.

Mas, se você procura um livro de suspense ou um mistério difícil de desvendar, este livro livro não é para você, já que dá para perceber com muito facilidade quem é o verdadeiro culpado. Parece que a autora focou mais nos relacionamentos entre os quatro personagens e quis dar o final mais fácil para o assassinato de Simon. Isso me decepcionou um pouco, já que a publicidade sobre o livro me prometeu um grande mistério, mas não estragou a leitura, afinal eu amo um bom YA.


site: http://www.quemlesabeporque.com/2018/04/um-de-nos-esta-mentindo-karen-mcmanus.html
comentários(0)comente



Gi e Rah 23/02/2018

Muito drama!!!
Simon escreve em um aplicativo, o Falando Nisso, onde ele expõe segredos dos seus colegas de escola, o que faz ele ser odiado por muitas pessoas. Quando ele e mais quatro colegas vão para a detenção, o que eles não imaginavam é que Simon morre após uma reação alérgica.

As quatro pessoas se veem envolvidas na investigação da morte de Simon, e são consideradas suspeitas. E são eles Bronwyn a nerd, Addy a patricinha, Copper o atleta, e Nate o delinquente. Cada um deles tinham um segredo que seria postado no Falando Nisso no dia da sua morte. Colocando eles na mira da polícia e da mídia, fazendo a vida deles um inferno.

O gênero do livro devia ser drama, isso é o que não falta, diferente do suspense que até agora não achamos, o livro narra mais os dramas adolescentes do que mostrar o mistério. Parece que tentou colocar o clube dos cinco, Goossip Girl, as vantagens de ser invisível em um só livro, e provou ser uma tentativa falha. O livro é cheio de clichês, nada original, diferente daquilo que foi descrito na sinopse, e o final foi previsível. Esperamos muito mais pelo sucesso que o livro está tendo.

Mas essa é nossa opinião, e aí qual é sua.

site: http://www.livroseinsonia.com/2018/02/resenha-um-de-nos-esta-mentindo.html
comentários(0)comente



206 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |