Enders

Enders Lissa Price




Resenhas - Enders


103 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7


Gabi 24/07/2019

Enders
O fim valeu por todo o resto. Esse livro se arrastou com passos lentos de uma tartaruga de três patas em minha vida, mas no final a lição, aos meus olhos, foi válida.

Callie só queria “ser normal” novamente, mas sabia que não podia. Entendia que apesar dos planos dela serem ótimos para muitos outros além dela, as circunstancias fizeram com que tivesse que aceitar novos planos.

Nossa vida, aliás, minha vida, é muito isso! Há planos que fazemos e são bons planos, mas a partir do momento que você não se pertence mais, que você pertence a Deus, Ele é quem sabe qual caminho é o melhor e Ele não erra!

Callie não se pertencia mais, o chip em sua cabeça a fazia ligada àquele lugar. Eu não me pertenço mais, o coração que bate (ou apanha? kkk) está ligado a Deus e não há mais como fugir.

É simples, vocês está ligado ao Paraíso, não importa teus planos, Deus tem melhores e esses sonhos de Deus para sua vida vão te levar para junto dEle.

site: https://umanaoescritora.wordpress.com/2019/02/22/02-enders-lissa-price/
comentários(0)comente



Kiara 17/06/2019

Adorei s2
Finalizei a leitura com uma imensa vontade de reler desde o primeiro livro! Algumas revelações que eu nem cheguei a imaginar me fez querer passar pela experiência de ler já sabendo de tudo, por uma nova perspectiva. Certamente o farei!
História bastante original, criativa e mirabolante. Uma leitura gostosa também, demorei a rotomar a leitura por falta de tempo, mas quando voltei, tetminei bem rápido. Principalmente porque não conseguia parar de ler pela sequência de eventos emocionantes.
Não dei 5 estrela apenas por alguns furos no enredo e confusões na narrativa (falhas de continuidade). Mas realmente me encantei com os personagens e história! Muito bom.
comentários(0)comente



Juliana Almeida 01/06/2019

Um livro que me agradou no começo e que tinha tudo para ser uma história incrível mas que com o andar da leitura me decepcionou um pouco pela forma como foram se solucionando as situações retratadas.
comentários(0)comente



Santos 25/03/2019

Li o primeiro da série com 12 anos, 3 anos depois peguei este para ler e me surpreendi. Os personagens fracos em personalidades e motivações e o enredo seria interessante se fosse escrito por alguém que não fosse a autora. Pati palmas quando terminei de ler por quê finalmente tinha acabado.
comentários(0)comente



Suka Milk 21/03/2019

Esperava mais
Acho que eu esperava mais... Não só desse livro, mas história no geral, o primeiro livro tbm não foi tudo que eu imaginei... Pelo enrredo acho q poderia ter sido melhor... Oi eu que estava com muitas expectativas, sei lá...
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Cons 10/02/2019

Mas q merda!
Esse é o tipico caso em q a sequência realmente decepciona, o primeiro livro foi bem, uma história legal e se desenrolou de forma agradável, esse segundo foi completamente decepcionante, tudo meio sem sentido, a história ficou meio escrita de qualquer forma, n foi bem desenvolvida nem elaborada, foi uma luta pra terminar o livro e mesmo chegando ao fim o desfecho foi bem sem emoção, acho q tinha potencial pra ser bem melhor mas desandou com força.
comentários(0)comente



Bela 05/02/2019

Não foi extamente o que eu estava esperando
Já faz bastante tempo que li Startes e eu amei o livro. Logo que finalizei a leitura, tentei ler Enders em inglês, porque ele não havia sido lançado no Brasil, mas na época eu ainda estava estudando a língua e acabei desistindo no início do livro. Um tempo depois, eu consegui o livro em uma troca no Skoob, mas acabei deixando-o na estante até que o encaixei no desafio Um livro que está encalhado na sua estante há mais de um ano de uma maratona literária que participei.

Callie conseguiu a demolição da Prime Destinations e ela e seu irmão foram adotados legalmente por Lauren, a amiga de Helena. Desde então, ela, Michael e Tyler têm vivido na mansão de Helena e tudo parece ter finalmente se ajeitado. Seus únicos incômodos são o fato de não ter conseguido tirar o micro-chip de sua cabeça e saber que o Velho ainda está livre, mas ela se sente privilegiada de ter um lugar para morar e aliviada também, já que esse era um grande problema dado a saúde frágil de seu irmão.

"Se há uma coisa que aprendi com toda essa bagunça que o banco de corpos causou, é que a aparência é mais valorizada do que deveria ser. Beleza não é estar no mesmo padrão de uma estrela dos holos. O importante é ser você mesma. A aparência vem e vai. E ninguém mais pode ser você."

Então, um dia enquanto andava pelo shopping, ela escuta a voz do Velho em sua cabeça e vê uma Metal ser explodida bem na sua frente. É quando Callie percebe que ainda não está livre e que precisa encontrar urgentemente uma forma de se livrar deste micro-chip. Ao mesmo tempo ela tem revivido algumas lembranças de Helena e sente que deve à ela a tarefa de encontrar a sua neta, Emma. Por fim, somos ainda apresentados à Hyden, um Starter que se apresenta como filho do Velho e diz estar disposto a juntar suas forças com as de Callie para derrubá-lo. Mas, será que Callie pode realmente confiar nele?

“Não confie em ninguém além de você mesma. E, em seguida, questione essa confiança”.

A identidade do Velho é revelada e eu confesso que fui pega de surpresa por esta revelação. Quanto a Callie, ela conquista nossa afeição facilmente mas deveria ser mais firme nas suas atitudes e palavras, senti falta de uma conversa entre ela e Michael para esclarecer os sentimentos que eles nutrem um pelo outro. Já Hyden é um personagem que convence mais do que Callie, ele é misterioso, um verdadeiro gênio dos computadores e sabe o que quer. Porém, achei cansativo o fato da autora ter insistido em mais um triângulo amoroso, já que ela já havia usado essa fórmula no primeiro livro com Michael e Blake. Michael está destinado à friend zone, tadinho. Já Blake está morto e enterrado, ele aparece em uma cena do livro mas Callie não está disposta a tentar mais nada com ele.

Assim, como em Starters, Enders tem um ritmo acelerado, Callie está envolvida com pessoas perigosas e poderosas e não será fácil sair dessa. Mas não pude evitar me sentir um pouco decepcionada com o livro, acredito que estava com muitas expectativas pela conclusão desta história, e, digamos que os acontecimentos tomaram um rumo bem diferente do que estava imaginando. Sinto que Starters foi uma leitura muito mais intensa e trabalhada do que Enders. Mas, talvez o fato de ter lido o segundo volume tanto tempo depois do primeiro também tenha influenciado neste sentimento, afinal essa duologia tem uma pegada teen e algumas coisas me pareceram muito mais bobas desta vez.

A linguagem do livro é simples e fácil e a autora trouxe mais uma vez a crítica à busca desenfreada pelos padrões de beleza impostos pela sociedade. E, eu gostei do fato de que ela não se esqueceu dos órfãos da Instituição 37. Se você leu Starters, eu recomendo a leitura de Enders, mas é melhor não ir com tantas expectativas. Você certamente irá se deparar com uma série de reviravoltas e prepare-se para encontrar o desfecho mais inusitado.

site: https://www.sigolendo.com.br/
comentários(0)comente



Nardy 12/12/2018

Esperava mais do livro
Starters deveria ter ficado em volume único, quando adquiri este livro achei que seria uma continuação bacana e que teria um final épico, starters pedia um grande final porém Enders fez a história ficar sem graça e desinteressante, acabou com a conexidade do primeiro livro. Esperava bem mais.
comentários(0)comente



Lu S. 25/06/2018

Bom, mas não perfeito, como eu esperava
O final ficou cheio de lacunas
comentários(0)comente



Gostosa Leitura 26/11/2017

https://youtu.be/HEm_v5Dpq4k
comentários(0)comente



Gih 10/09/2017

Duologia de Starters
Como no primeiro volume, esse livro irá te cativar ainda mais!! Ação e romance junto e misturado.. uma luta pela sobrevivência... Leitura rápida e fácil! Simplesmente adorei esse livro.
comentários(0)comente



Dandara Quadros 04/08/2017

Maravilhoso! Fazia tempo que uma leitura não me prendia tanto
Tanto Enders quanto Starters foi uma leitura maravilhosa, na capa diz que fãs de "Jogos Vorazes" irão amar... E como mega fã concordo! Desde J.V que uma distopia não me agradava tanto! A leitura me prendeu nos 2 livros , não cai na monotonia...mais que recomendado!
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Alan Martins 12/03/2017

ENDERS – LISSA PRICE
Título: Enders
Autora: Lissa Price
Editora: Novo Conceito
Ano: 2014
Páginas: 288
Veja o livro no site da editora: http://www.editoranovoconceito.com.br/livros/enders/

Esse livro é a continuação direta de “Starters”, primeiro livro da série. A leitura do primeiro livro é mais do que recomendada para total entendimento do enredo.

O conceito do livro é bem interessante, com uma mistura de distopia, ficção científica e suspense, com uma pegada mais teen. A história se passa na Califórnia, no futuro. É uma época de grande avanço tecnológico. Existem muito poucos adultos vivos, pois foram mortos em uma guerra biológica que devastou a região. A população predominante é formada por velhos (enders), e jovens e crianças (starters). Devido a esse avanço tecnológico, os idosos conseguem viver por mais tempo e com saúde. Agora eles dominam tudo e oprimem os starters, que são obrigados a viver nas ruas, em péssimas condições, ou em instituições, que funcionam como um tipo de prisão. O grande lance da história é uma nova tecnologia que surge no mercado: um chip que, se instalado na cabeça de um starter, permite que um ender possa controlar o corpo desse jovem, e dessa forma poder desfrutar da juventude novamente. Nossa burrinha protagonista resolve se voluntariar e receber um chip, já que uma boa grana é oferecida e ela deseja uma vida melhor para seu pequeno irmão.

A história começa a partir daí. Claro que é uma explicação superficial do enredo, mas não esperem muito desse enredo. Apesar do grande conceito, não é bem desenvolvido e se perde com situações menos empolgantes. A autora tinha tudo para escrever uma série incrível, porém pecou em não detalhar muito bem o mundo atual, dar pouca explicação sobre a guerra que ocorrera, por não dar maior valor emocional ao livro e aos personagens, e por contar a história de maneira apressada. Ah, e pela protagonista, que é bem idiota.

Não há personagens memoráveis, nenhum consegue capturar o sentimento do leitor. As decisões tomadas são meio sem sentido, assim como os diálogos em certas situações. Poderia haver mais detalhe. Detalhes demais cansam, mas fazem falta quando são escassos, porque a imersão no mundo criado pelo autor dá-se pelos detalhes. As cenas de ação são divertidas, mas um pouco forçadas, às vezes. Por se tratar de adolescentes lutando contra soldados armados, dá uma sensação de irrealismo.

A parte boa é a crítica sobre como damos mais valor para o exterior de uma pessoa, para a estética. É difícil aceitar a idade e as limitações que ela traz, por isso criamos maneiras que nos possibilitem ficar jovens por mais tempo, ninguém quer ser velho. E também até onde iriamos por dinheiro, quando a situação aperta. Há alguns pontos para se levar em conta e refletir, até mesmo a questão da evolução tecnologia.

Enfim, a autora tinha um grande conceito em mãos, mas não conseguiu criar alho marcante. É apenas um livro de leitura rápida e fácil, que não acrescenta em nada e que pode entreter. Talvez por ser uma autora iniciante, ela pode evoluir muito ainda, já que tem ideias fantásticas. Lissa Price é muito criativa.

A editora caprichou na composição do livro. A capa é metalizada, contribuindo com a questão futurista da história. As páginas são de papel de qualidade e a fonte utilizada é de ótimo tamanho. Geralmente a Novo Conceito sempre tem um grande cuidado com a questão estética do livro.

Minha nota (de 0 a 5): 2,5

Alan Martins

Visite meu blog.

site: https://anatomiadapalavra.wordpress.com/2016/03/21/minhas-leituras-5-enders-lissa-price/
comentários(0)comente



103 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7