O Príncipe dos Canalhas

O Príncipe dos Canalhas Loretta Chase




Resenhas - Lord of Scoundrels (Título provisório)


313 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Jessica Vassiliades 10/09/2019

Cuidado com o Diabo, ele pode não ser tão mal assim...
A história tem uma trama interessante e aborda assuntos corriqueiros daquela época, tais como a posição da dama diante a sociedade, prostituição, abandono, casamento arranjado, bastardos e etc.
Ao longo da narrativa você aprende a adorar Jessica e se divertir com o príncipe dos canalhas, que talvez não passe de uma criança birrenta. Você se diverte e lê freneticamente a cada capítulo.
Algumas coisas, sinto que não foram bem elaboradas, mas ao todo, a obra não é ruim, muito pelo contrário, é divertida, interessante e memorável.
Recomendo
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Adriana 12/08/2019

Romance de época muito bom!
Motivos para amar:
O mocinho é um libertino.
A mocinha é inteligente. Considerada uma solteirona, fala o que pensa. Retorna à Londres para afastar o irmão idiota das garras do Belzebu.
Há romance cão e gato
Há casamento, babado e confusão.
comentários(0)comente



Jane 28/06/2019

Um canalha tocado pela força do amor!
O romance, O Príncipe dos Canalhas, de Loretta Chase narra a história Lorde, Dain (Belzebu) como é conhecido na alta roda no eixo Londres-Paris.Um homem que não se deve querer como amigo, muito menos como inimigo.
Relegado pelo pai, Sebastian Ballister, marquês de Dain, não nunca soube o que é inspirar carinho e amor nas pessoas. As mulheres tão pouco caiam de amores por aquele devasso conhecido por pagar muito bem as mulheres com as quais vivenciava verdadeiras orgias, mas isso acabou no dia em que pôs os olhos nela...

Jessica Trent, irmã do tonto Bertie Trent não era como as demais damas, sua língua afiada e sua perspicácia, sem mencionar é claro, sua coragem tornava-a uma oponente a altura de Lorde Dain. Jessica foi influenciada de forma bem peculiar em sua educação pela avó, Genevieve, uma senhora que conhecia muito do mundo e dos homens, logo Jessica era uma moça a frente do seu tempo e pouco presa as convenções sociais.
Um ícone russo
adquirido por uma pechinha por Jessica, fez com que Dain e ela se vissem em uma disputa feroz que os prendeu em uma série de ciladas culminando no casamento dos dois.

A atração entre Dain e Jessica era latente, intensa e pungente, mas não o suficiente para sustentar um casamento, Jessica sabia disso e sabia que seu marido escondia coisas dela na vã tentativa de proteger o coração. Dain fora desprezado toda uma vida e não estava disposto a entregar a chave do seu coração a ninguém. Mas Jessica não era como as demais damas e não descansaria até entrar no coração de Lorde Belzebu e nele fazer morada.
Leitura mais que prazerosa, me arrebatou com trechos românticos, dramáticos, sensuais e trechos também cheio de humor com a hilária disputa pelo o ícone russo Stroganov. Esse romance, com certeza se tornou uma das minhas leituras favoritas!

site: https://www.instagram.com/p/BzQjol9DVAi/?utm_source=ig_web_copy_link
comentários(0)comente



AnaRitaCunha 03/06/2019

Primeiro romance de época internacional!
Experiencia marcante e inesquecível.
Super recomento o Lorde Belzebu
comentários(0)comente



Natália | @tracandolivros 01/06/2019

O Príncipe dos Canalhas
Sebastian Ballister, o marquês de Dain, é um homem grande, impetuoso e cabeça dura; conhecido por Lorde Belzebu, um homem de quem as damas deveriam fugir. Dain foi rejeitado por seu pai desde o nascimento, mas tudo piorou quando aos seus 8 anos sua mãe fugiu com o amante; seu pai o colocou num internato, onde os outros meninos o humilhavam por sua aparência bizarra (olhos pretos, ombros largos e membros desproporcionais). Ele aprendeu a curtir a vida da forma que dava. Se ele queria algo ele pagava por isso, tudo valia nessa regra. Mas tudo muda quando ele conhece a irmã de seu amigo Bestie Trent. Jessica é uma mulher determinada, forte e independente, com 27 anos já deveria se considerar uma solteirona, mas as mulheres de sua família sempre se deram bem em termos de propostas, ela apenas não encontrara um homem que a interessasse.

Jessica está obstinada na missão de salvar seu irmão das festas e apostas de Paris e leva-lo de volta para Inglaterra, e ao tentar convencer Dain a ajuda-la ele resolve fazer justamente o contrário; começa a chamar Bestie para todas as festas e o mantém do seu lado o tempo todo. Contudo ao fazer isso ele desafiou a mulher errada, Jessica está pronta para qualquer coisa, e está disposta a tudo para provar que é uma mulher de palavra.
.
❝Gostaria de vê-lo tentar❞
.
Você conhece algum romance de época onde a protagonista é petulante, segura de si e que também sabe usar uma arma e encara quem a desafia? Pois se não conhecia está aqui a minha indicação! Isso mesmo, neste livro além de romance existe um tanto de aventura e bastante de humor. E como as personagens são extremamente orgulhosas elas ficam mandando indiretas o tempo todo, ao ponto de se meterem na maior das enrascadas.

E também há os problemas do passado de Dain mal resolvidos, que não são nada leves, o medo de nunca encontrar o amor, e ao encontrar não saber lidar com os sentimentos. E muitos segredos a se descobrir.

Um romance de época completamente inovador, super recomendando para amantes do gênero, e para aqueles que acharam os outros muito mel com açúcar.

site: https://www.instagram.com/p/BhWqDKhgYEg/
comentários(0)comente



Evy 28/05/2019

Vou explicar o por que das 3 estrelas , até gostei do livro porém o cara tratava ela super mal na minha opinião e ela sempre estava lá para satisfazer ele isso me incomodou um pouco na história , mas a autora escreve bem de uma forma que a gente consiga ler rápido de uma forma que nos prenda a história , porém eu esperava um plot twist na história . O final poderia ter um epílogo contando como foi a vida deles criando o bastardo e o filho deles mesmos
comentários(0)comente



Rebeca.Lopes 09/05/2019

Bom
A principio, o modo como a autora escreve não me agradou de imediato, pois achei desnecessário colocar palavras chulas nas conversações. Não que eu seja muito crítica com isso, e, considerando que o livro é, na minha opinião, para maiores de idade devido ao conteúdo 'picante', só achei desnecessário colocar esse tipo de palavra e um pouco agressivo. Mas, as duas histórias são boas e envolventes trazendo criticas ao comportamento machista da época de forma que valorizou as personalidades fortes das personagens femininas.

O primeiro livro (Príncipe dos Canalhas) no começo me lembrou bastante a história do patinho feio. O personagem principal, Sebastian Ballister, é realmente um homem inseguro devido ao tratamento que recebeu dos pais na infância. É interessante como a autora conseguiu trazer o balsamo para a vida dele através da última mulher no mundo que desejaria se sentir atraída por ele.

Infelizmente achei o personagem masculino muito obcecado em certos momentos e a personagem feminina um pouco inconsequente. Mas a trama em si é muito envolvente e a forma como a autora vai desenvolvendo o relacionamento dos dois é surpreendente e bem divertida também. Por vezes Jéssica Trent (nossa heroína) toma decisões que nos fazem sorrir e dizer "vai fundo garota".

Enfim, apesar da linguagem, eu gostei do primeiro livro e recomendo como uma boa leitura para dar uma espairecida.

Nota: 7

site: https://resenhasdaviciada.blogspot.com/2018/06/os-canalhas-loretta-chase.html
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Rayane @leituranasalturas 21/04/2019

Resenha O Príncipe dos Canalhas
Sebastian Ballister virou o herdeiro da herança de seu pai, Dominick Edward Ballister. Mas o pai já o rejejitara no momento em que pôs os olhos no menino: com olhos grandes e negros, braços e pernas desproporcionais e um nariz grosseiro e exagerado. Desde então o pai o rejeitava, mas não podia negar o garoto.
????
Sua mãe cuidava dele na maior parte do tempo, até que um dia ela foge com seu amante, deixando para trás tudo, inclusive seu filho, Sebastian. O menino descobre pelo seu pai, da pior forma possível, que sua mãe morreu.
????
Agora que o pai não se vê mais obrigado a cuidar do menino, ele o manda para uma escola, uma espécie de internato. Lá, ele é abusado e violentado por outros colegas e assim Sebastian cresce deprovido de uma família, um lar e de amor.
????
Passado alguns anos, Sebastian, que passa a ser conhecido como "Belzebu", não é o tipo de homem que uma mulher queira um compromisso devido a vida devassa e cheia de mordomias que ele leva. Mas ao conhecer Jessica, irmã de seu amigo, Bartie, ele passa a mudar seu conceito sobre as mulheres, e os dois logo descobrem sentimento jamais despertados por outra pessoas.
????
Esse livro me pareceu um reconto de "A Bela e a Fera" e um período histórico. Sebastian é bem durão, grosseiro e carrancudo e, Jessica, mesmo sendo linda e delicada é, ao mesmo tempo, forte, destemida e muito esperta.
????
Gostei de ver Sebastian aos poucos mostrar seu lado verdadeiro e também amei ver o seu lado sombrio e também sedutor. É incrível a química entre os dois e como duas pessoas tão diferentes, no fim, possam ter se dado tão bem. Super amei e favoritei!
comentários(0)comente



A louca dos romances 14/04/2019

Ameiiiiii
Um dos melhores do ano
comentários(0)comente



Vanessinha 23/03/2019

Grata surpresa
No início achei que me depararia com uma história comum de época com uma mocinha esperta que dobra um pseudo canalha. Mas era diferente disso. O Sebastian era mesmo um canalha e a construção da história do meio para o final foi bem surpreendente para mim. Gostei muito.
comentários(0)comente



Leticia Simoncelos 18/03/2019

Decepcionante no mínimo.
Após tantos elogios finalmente me rendi a curiosidade e iniciei a leitura de O Príncipe dos Canalhas.

Normalmente levo cerca de dois dias para ler um livro com essa média de páginas e estou com 12 dias de leitura.
Pode parecer absurdo mas aparentemente é possível formar uma opinião logo em tão poucas páginas.

Uma história extremamente arrastada, um casal que viu um ao outro em uma única ocasião e o leitor já ganha descrições de sentimentos bastante forçadas e com uma linguagem pouco comum nesse estilo de livros. E meus caros, não estou falando de amor a primeira vista.

Acredito que tenha faltado certo enredo antes de forçar o leitor a acreditar na afinidade que o casal obviamente não tem. Se a intenção da autora era mostrar que Jessica era diferente, conseguiu. Infelizmente nem com ela me simpatizei. Já Dain é um mocinho pouco cativante e com um apelido cansativo e desnecessário.

E por Deus para quê tantos sobrenomes de personagens? Me senti perdida.
Meu primeiro livro da autora. Vai ser difícil encarar outro dela tão cedo.
comentários(0)comente



Jeisiane.Bragantine 06/03/2019

Uma leitura maravilhoso quero mais livro lindo perfeito
comentários(0)comente



Elisandra 16/02/2019

Resenha: O Príncipe dos Canalhas
Lorde Dain é um homem muito rico, mas avesso as convenções da sociedade. Teve uma infância difícil, depois de sua mãe fugir com outro homem, seu pai o abandonou em um internato, onde foi humilhado por seus colegas por possuir uma aparência diferente dos demais, nunca teve sucesso com as mulheres. Sua personalidade que faz jus ao apelido de Belzebu foi sendo moldada por todas as turbulências que viveu em sua vida.

Jessica Trent é uma mulher a frente do seu tempo, possui personalidade forte e nunca se casou por escolha própria, pois não faltaram pretendentes. Planeja ter um negócio próprio vendendo obras de arte. Mas tem que viajar até Paris para salvar seu irmão Bertie da má influência do devasso Lorde Dain.

Logo no primeiro encontro do casal de protagonistas, Jessica e Dain se sentem fortemente atraídos um pelo outro. A missão de salvar seu irmão da companhia de Dain é apenas a premissa de uma história repleta de reviravoltas. Jessica será capaz de descongelar o coração de um verdadeiro devasso? O Príncipe dos Canalhas é um livro envolvente, que faz o leitor não querer parar de ler. Somos surpreendidos por situações cômicas, momentos sensuais e com o poder do amor na vida das pessoas.

Não poderia ter escolhido um livro melhor para conhecer o gênero romance de época, O Príncipe dos Canalhas foi uma ótima experiência e estou ansiosa para conhecer mais títulos como esse. O prêmio RITA de Melhor Romance Histórico foi super merecido.
comentários(0)comente



313 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |