O Oráculo Oculto

O Oráculo Oculto Rick Riordan




Resenhas - O oráculo oculto


83 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6


LOHS 14/06/2017

Um livro para se divertir! :D
Sou fã assumida de Rick Riordan. Meus personagens favoritos continuam sendo Percy Jackson e Annabeth Chase, mas considero todas as suas séries incrivelmente divertidas e altamente recomendadas! Como já li todas as histórias do tio Rick, estava muito ansiosa para começar As Provações de Apolo e reencontrar meus semideuses favoritos, além de acompanhar novas aventuras perigosas.

Publicado pela editora Intrínseca, O Oráculo Oculto é o primeiro livro da série As Provações de Apolo, que provavelmente será finalizada com cinco volumes. A história tem início meses após a batalha final na guerra contra a deusa Gaia em O Sangue do Olimpo (quinto e último livro da série Os Heróis do Olimpo), mas não é necessário ter lido as sagas anteriores para compreender e se divertir com Apolo, já que o tio Rick deixa o básico do que se passou muito bem explicado. Mas quem já leu Percy Jackson e os Olimpianos e Os Heróis do Olimpo poderá se divertir muito mais ao reencontrar tantos personagens queridos e algumas piadinhas internas.

"Depois de viver por tantos milênios, eu tinha dificuldade de me achar no tempo. Eu escutava uma música no Spotify e pensava: "Ah, essa é nova!" Aí, percebia que era o "Concerto para piano nº 20 em ré menor" de Mozart, de mais de duzentos anos atrás. Ou me perguntava por que Heródoto, o historiador, não estava nos meus contatos. Aí lembrava que Heródoto não tem smartphone porque morreu na Idade do Ferro.
É muito irritante a brevidade da vida de vocês, mortais."
Apolo, p. 35

O protagonista da vez é ninguém menos que o deus Apolo. Amaldiçoado mais uma vez por Zeus, Apolo perdeu sua imortalidade e seus poderes. Agora ele é um adolescente repleto de espinhas e sem barriga tanquinho, chamado de Lester Papadopoulos.
Como Apolo já irritou seu pai várias vezes no passado, ele já sabe como funciona a maldição de ser mortal: agora ele deverá enfrentar provações terríveis para mostrar seu valor e poder voltar ao Olimpo.
Obviamente, nada muito fácil.

Ao acordar em um beco sujo de Nova York, Apolo recebe ajuda da semideusa Meg McCaffrey, uma garota sem-teto e um tanto quanto peculiar, que parece ter alguns segredos sombrios.
Meg ajuda Apolo a encontrar nosso já querido Percy Jackson, quem ajuda ambos a chegar em segurança - ou o mais perto disso possível - no Acampamento Meio-Sangue, onde os semideuses gregos vivem em segurança.

A namorada de Percy, Annabeth Chase, não está presente porque foi até San Francisco ajudar seu primo, que é protagonista da saga Magnus Chase e os Deuses de Asgard. É sempre interessante perceber como todas as séries de Rick Riordan se cruzam e se complementam de certa forma.

"Mesmo assim, a visão do Acampamento Meio-Sangue era impressionante. Meu humor sempre melhorava quando eu deparava com aquele lugar, um pequeno lembrete dos bons e velhos tempos, quando os mortais sabiam construir templos e fazer sacrifícios adequados, com fogo e tal. Ah, tudo era melhor na Grécia Antiga! Quer dizer, exceto as pequenas melhorias que os humanos fizeram: a internet, o croissant de chocolate, a expectativa de vida maior."
Apolo, p. 68

Enfim, quando Apolo e Meg encontram abrigo no famoso Acampamento Meio-Sangue, o ex-deus da profecia descobre que muitos semideuses estão desaparecidos e a fonte de profecias dos gregos, o Oráculo de Delfos, não está “funcionando”. E sem novas profecias, não há futuro.

Apolo percebe então que deverá encontrar os outros oráculos perdidos e restaurá-los. Oráculos perdidos?! Pois é. Apolo nos explica nesse livro que a antiga Grécia tinha cinco oráculos proféticos. Só que quatro deles já estão sob o comando de um grupo maléfico que ainda não se tornou público por esperar o "momento certo" para comandar o mundo.

Agora Apolo precisa encontrar o Bosque de Dodona, o primeiro oráculo que nem o próprio ex-deus podia controlar quando ainda tinha todos os seus poderes. Caso o grupo não seja impedido, a humanidade e o Olimpo sofrerão as consequências - mais uma vez.

"Ao longo dos milênios, eu mal conseguia lembrar o nome dos meus filhos. Se eu mandava um cartão de aniversário ocasional ou uma flauta mágica, achava que já estava cumprindo meu papel de pai. Às vezes, eu só percebia que algum havia morrido décadas depois. Durante a Revolução Francesa, fiquei preocupado com meu filho Luís XIV, o Rei Sol, aí fui dar uma olhada nele e descobri que havia morrido setenta e cinco anos antes.
Mas agora eu tinha uma consciência mortal. Meu senso de culpa parecia ter se expandido conforme minha expectativa de vida diminuía. Eu não podia explicar isso para Meg. Ela jamais entenderia. Provavelmente, jogaria uma pedra em mim."
Apolo, p. 159

Viver como mortal mais uma vez será uma aventura imensa para Apolo. Enquanto deus, seus pensamentos eram mais fúteis e frios, mas a cada dia que percebe sua nova mortalidade, Apolo se torna mais apegado a seus filhos no acampamento e também seus companheiros semideuses que continuam ajudando-o.
Além de aprender a lidar com seu novo corpo frágil, seus poderes limitados e sua emoções aprofundadas, Apolo também terá que enfrentar uma aventura mortal para libertar os oráculos e salvar o mundo.

Mais uma vez Rick Riordan escreve uma história deliciosa e altamente divertida. Temos uma pequena participação de personagens queridos e já conhecidos - quero mais! - e alguns novos que prometem ganhar nosso coração também.
Os novos vilões conectam os livros às duas sagas anteriores (Percy Jackson e os Olimpianos e Os Heróis do Olimpo) de uma forma que tenho certeza que vai surpreender muitos fãs!!

Uma novidade bacana na história é a inserção de Paulo Montes, um semideus brasileiro que ainda não aprendeu a falar inglês, mas que está no Acampamento Meio-Sangue para se fortalecer e aprender a viver com seus poderes. O tio Rick presta uma grande homenagem ao nosso país, pois Atena, deusa da sabedoria, queria que todos os deuses do Olimpo aprendessem português porque poderia vir uma época na qual o Olimpo (a morada dos deuses) se mudasse para o Brasil. É muito legal, né?!

Além dessa divertida homenagem, O Oráculo Oculto - assim como seus livros anteriores - não trata apenas de uma fantasia mitológica, mas também fala de valores e relacionamentos humanos. Amor, amizade, traição e perda são algumas das questões sempre muito bem colocadas pelo autor. Mas, o que ele nos mostra de melhor, é a jornada entre a infância e a vida adulta, suas dificuldades e suas alegrias. É impossível não gostar! ;)

site: http://livrosontemhojeesempre.blogspot.com.br/2016/12/ii-mes-da-fantasia-o-oraculo-oculto-as.html
comentários(0)comente



Flá 10/06/2017

Incrível
O Oráculo Oculto é o primeiro livro da trilogia intituladas As Provações de Apolo. Ele conta sobre o castigo do deus - agora mortal- Apolo, aplicado por Zeus após uma guerra greco-romana orquestrada por Octavian, seu descendente, que quase destruiu a civilização humana.
Depois de cair na terra, encontra Meg (Margaret) McCaffrey, e, com a missão de chegar ao acampamento meio-sangue, entra em um carro (que infelizmente não é um Lamborghini) e começa uma aventura, que rendeu um ótimo livro, para salvar o oráculo de Delfos, assim como os outros oráculos. 302 páginas de pura diversão (e bacon).
Nunca esqueça: você é lindo e as pessoas te amam.
Obra de Rick Riordan que fez tremendo sucesso em apenas um ano de seu lançamento. Obrigada Riordan, por presentear a todos com ótimas histórias.
comentários(0)comente



Quel 03/06/2017

Mais um trabalho fantástico de Rick Riordan
Dizer que Rick Riordan é um dos meus autores favoritos de fantasia é simplesmente um eufemismo.
As Provações de Apolo se passam pouco depois do último volume de Os Heróis do Olimpo, no mesmo universo que as outras séries relacionadas à mitologia greco-romana já escritas pelo autor.
Apolo foi punido por Zeus a ficar na Terra por um tempo, mas será que ele conseguirá ter sucesso nas missões que lhe são dadas?
Confesso que fiquei receosa que por ter escrito tantos livros na visão de primeira pessoa de Percy, Rick não conseguisse diferenciar a personalidade de Apolo adolescente da de Percy através da escrita. E, caramba, eu não podia estar mais enganada.
Ainda é o mesmo Apolo que conhecemos? Sim. Com seus haicais ruins, piadas ruins e extremamente metido.
Porém agora ele tem um lado ainda mais humano, já que está sendo obrigado a viver as provações de ser um semideus em carne e osso.
Há uma grande evolução do personagem ao longo do livro, mostrando que sim, até mesmo um deus imortal pode vir a aprender com adolescentes de vez em quando (isso inclui uma lição de moral para grande parte dos adultos hoje em dia).
É um livro que com certeza recomendo e espero que todos gostem dele tanto quanto eu!
Para aqueles curiosos, Percy aparece sim, mas bem pouco. Afinal, a história, dessa vez, não é sobre ele.
comentários(0)comente



lari 21/05/2017

Apolo como adolescente é ainda mais hilário
Rick Riordan é um dos meus autores de fantasia favoritos e já li quase todos dos seus livros, e claro que eu tinha que ler esse.
Trazendo um dos deuses mais amados de suas histórias, Rick nos trouxe uma nova aventura, mas com a mesma receita dos seus livros anteriores.
Para sabe o que eu achei do livro, entre no link ai embaixo, para conferir a resenha completa no meu blog.
Beijos

site: http://livrometro.blogspot.com.br/2017/05/resenha-o-oraculo-oculto-as-provacoes.html
comentários(0)comente



ThaisDreveck 19/05/2017

#BosqueDeDodona
CAPA?
Mais linda impossível. É improvável encontrar capas de qualquer livro de Rick Riordan que não sejam lindas. Repleta de significados, uma pitada de aventura, cores maravilhosas. Impecável.
.
HISTÓRIA?
Não esperava menos da história.
.
Assim que a guerra terminou, Apolo acabou sendo culpado por grande parte, (Zeuza poderosa tinha de colocar a culpa em alguém) e o divino, maravilhoso, quente (referência sim) Apolo então é jogado ao mundo mortal como um adolescente chamado Lester Papadoulos (sem brincadeira, só esse sobrenome para piorar tudo).
.
Junto a uma amiga que fizera nos becos, imperadores romanos que se tornaram deuses, o velho e amado Acampamento Meio-Sangue, o mais antigo bosque das profecias (#BosqueDeDodona) e Percy Jackson, a trama não poderia deixar de ser mais envolvente.
.
Ouvi muitos comentários reclamando que não passa de um livro no qual o protagonista só se acha o maravilhoso, entretanto, para mim, é o egocentrismo dele que dá graça, se não fosse assim não seria Apolo, o deus que tem como frase motivacional: Você é lindo e todas as pessoas te amam. O comportamento expresso no livro faz tudo ficar mais divertido, afinal, o deus que era o máximo acabou em uma caçamba de lixo.
.
Sem deixar de comentar sobre os haicais (penso que são) em cada capítulo, maravilhosos e hilários. .
A trama envolvente com deuses, semideuses, batalhas, corridas em um labirinto, e Leo Valdez (Spoiler? Não sei.) Este livro só me fez provar porque tenho mais de 14 livros de Rick na minha estante. O meu escritor favorito desde meus doze anos, afinal foi ele quem me apresentou o mundo incrível de PJ. (Tio Rick obrigado por ser tão incrível).
Palavras Imaginárias 20/05/2017minha estante
Tem o Leo??? Já to apaixonada *-*




dressa 16/05/2017

Você é lindo, todos te amam
Amo a escrita do tio Ricky, sério sou fã e me considero uma semideusa filha de Dionísio hahahaha apolo é muito egocêntrico mas é engraçado e não tem como não amar...nesse livro da pra matar saudade dos meu heróis favoritos e não vejo a hora de rever jason piper Frank e hazel e will e nico meu otp reina nesse livro..leo meu bebê ...e tem Paulo guardem esse nome lindo PAULOOOO
comentários(0)comente



Luane.Reey 07/05/2017

O Oráculo Oculto - Rick Riordan
Simplesmente MARAVILHOSO!

site: http://maniasdeumagarotasingular.blogspot.com.br/p/livros.html
comentários(0)comente



MermaidTears 27/04/2017

As Provações de Apolo
É um livro muito engraçado, isso ninguém pode negar. Ao mesmo tempo que foi interessante ver pelo ponto de vista de um deus, mas faltou algo. O livro não me prendeu como outras obras do Tio Rick.
comentários(0)comente



Thunder Wave 22/04/2017

Gosto muito das obras de Rick Riordan, sua narrativa é muito agradável de ler, sempre com uma interação com o personagem. As Provações de Apolo, nova saga do autor, segue essa linha, é escrito como se Apolo falasse com você.

Nesse primeiro volume, O Oráculo Oculto, Apolo (agora com o nome de Lester
Papadopulos) é expulso do Olimpo e exilado para a Terra como um adolescente mortal de 16 anos (um pouco medroso, bem diferente do arrogante deus). Ele ainda é bonito, com olhos azuis, mas para desespero de Apolo, tem espinhas, coisa que nunca teve. Não é o esplendor de beleza que costumava ser. Sente falta de sua carruagem do Sol, seu arco e suas flechas.

Seu desespero aumenta quando ele descobre que vai ter que ficar sob o comando de Meg, uma menina maluquinha que ele encontra no lixão aonde ele caiu, que, segundo ele, está vestida de semáforo - tênis vermelho, meia-calça amarela e um vestido verde. Explicando melhor o por que de Apolo ter que servir Meg, é para cumprir sua penitência e tentar voltar ao Olimpo como um deus. Para isso, terá que obedecer às ordens de um semideus(a). Como já é sua terceira expulsão, ele sabe como funciona.

Quando a serpente Píton, que ele já derrotou no passado, toma o Oráculo de Delfos, Rachel Dare, a sacerdotisa, não consegue fazer mais previsões. As comunicações não funcionam, os pergaminhos voadores, as mensagens de Íris (deusa do arco-iris) e nem o Expresso Hermes. Assim como nos livros de Percy Jackson, eles não podem usar os celulares, pois atraem os monstros.

A ideia de mesclar tudo isso, esses meios de comunicações para os semideuses e os deuses usarem as redes sociais, é muito criativa e divertida. É hilário ver um deus usando o twitter e postando no snapchat.

Veja mais no link

site: https://www.thunderwave.com.br/resenha-o-oraculo-oculto-rick-riordan/
comentários(0)comente



Lari 21/04/2017

O ORÁCULO OCULTO - {AS PROVAÇÕES DE APOLO #1} - RICK RIORDAN
O Oráculo Oculto é o primeiro livro da nova série escrita pelo Rick Riordan, onde novamente entramos no mundo dos deuses gregos e temos uma pequena participação de Percy Jackson. Dividido em 39 capítulos, onde todos eles tem pequenas frases sarcásticas, na minha opinião, de acontecimentos que virão a acontecer, o que torna tudo mais angustiante, pois não parei até terminar de ler este livro e ficar louca pois o segundo ainda não foi lançado hahaha.

Zeus puniu o Deus Apolo e o tornou humano. Assim o ex-deus Apolo, agora se chama Lester Papadopoulos. Onde o tio Rick conseguiu este nome maravilhoso? Este é jogado, literalmente jogado do céu para a terra, e cai no lixo. Tudo poderia piorar e piora. Dois garotos valentões partem para cima dele e batem nele, mas param quando uma garota os joga longe com duas espadas que aparecem repentinamente na suas mãos. Oi?

"- Apolo quer dizer que não podemos fazer uma missão sem profecia, e não podemos ter profecia sem oráculo."

A referida garota se chama Meg McCaffrey, perdeu seu pai e atualmente vive com o padrasto. Mas, logo depois descobrimos que ela é uma semi-deusa e ajuda Apolo a entender o que está realmente acontecendo e quando descobre acho que ele preferiu ter ficado no lixo.

Todos os oráculos sumiram ou estão "quebrados", os semi-deuses estão sem profecias e assim o Acampamento Meio - Sangue estás as moscas e para melhorar a atual situação, os semi-deuses estão sumindo repentinamente, vão dormir em seus chalés e quando amanhecem não aparecem.

Posso dizer que Apolo terá muito trabalho em tentar descobrir quem esta levando os semi-deuses e o que querem com os oráculos. Posso dizer que foi uma leitura maravilhosa, sou fã da série Percy Jackson e os Olimpianos, criei expectativa pensando que ele iria participar ativamente da premissa, mas fui pega de surpresa e ele aparece apenas no início e no final para salvar o dia, é claro.

“Zeus não respondeu. Devia estar ocupado demais gravando minha humilhação para postar no Snapchat”

Apolo se mostrou um ex-deus humano muito forte, mas também muito dramático. Mas, com o tempo ele foi ganhando minha confiança. Conhece seus filhos no Acampamento e fica desesperado quando estes são raptados e se mostra um pai-adolescente muito confiante. Engraçado, faz piadas nos melhores e piores momentos.

Meg foi uma surpresa e tanto, ajuda Apolo mas faz com que ele a sirva até um certo momento, onde fiquei muito decepcionada com sua atitudes e seu amigo Apolo o também faz. Nico di Angelo aparece com seu novo namorado, finalmente ele superou sua paixão por Percy, e pelo jeito está muito feliz.

Mas, quem aparece bem no final e dei uns gritos quando ele aparece foooooi, Léo Valdez, que não leu a série Heróis do Olimpo vai ficar meio perdido nesta parte, mas que leu, vai entender totalmente a minha felicidade e agradecer muito ao tio Rick por ter trazido ele de volta.

"Apolo, meu neto querido, bela criança....Ser um deus alguma vez impediu alguém de ser burro?"

A capa é bem detalhada, com o Deus Apolo em sua forma original e em sua forma de adolescente com espinhas, descrição dele próprio, no lixão onde caiu na terra no começo do livro. Editora Intríseca sempre caprichando nas suas edições e continuando a publicar os livros do Rick Riordan.

Fãs da mitologia grega e do semi-deus Percy Jackson não deixem de ler este livro emocionante, não percam a chance de matar as saudades do personagens e se apaixonar por outros novos.
comentários(0)comente



Eu Pratico Livroterapia 19/04/2017

O Oráculo Oculto - Rick Riordan
Apolo é jogado em uma caçamba de lixo. Ele foi castigado por Zeus e se tornou humano, porém, diferente das outras vezes em que foi castigado, ele não tem nenhum poder. É completamente mortal. O deus agora é Lester Papadopoulos, um adolescente cheio de espinhas e barrigudo.

Ao sair da caçamba, ele encontra dois garotos, Cade e Mikey, que foram mandados para dar uma lição nele. Após apanhar bastante, ele foi salvo por uma garota com poderes. Seu nome era Meg e ela fez com que várias frutas podres fossem de encontro aos garotos, fazendo com que eles fujam. Ela era uma semideusa.

Apolo pediu ajuda a garota para encontrar Percy Jackson e ela convocou os serviços do deus, fazendo com que ele estivesse prezo a ela e tivesse que obedecer a todos os seus desejos.



Ao chegar à casa de Percy, vemos o quanto ele mudou. O garoto agora se dedica aos estudos e quer entrar na mesma universidade que a sua namorada, Annabeth e por conta disso, evita arrumar confusão. Porém, ele aceita levar o deus e a garota até o Acampamento Meio-Sangue.

O que eles não imaginavam era que estavam sendo seguidos por três bolas brilhantes. E eles eram nada mais, nada menos do que os Nosoi, espíritos das chagas e o pior, são imortais. O que eles não esperavam era que teriam a ajuda de um karpoi, um demônio que foi feito de frutas podres semelhante a um bebê usando fraudas, com asas nas costas, olhos verdes e dentes pontudos. Ele devorou todos os nosoi.

Percy teve que voltar para casa, enquanto Apolo e Meg foram em frente. Eles teriam apenas que atravessar a floresta e chegar ao acampamento. Porém a floresta estava diferente. Apolo começou a ouvir vozes e acabou desmaiando, sendo carregado pela garota até o acampamento.

Apolo não encontrou o que esperava. O acampamento estava quase vazio, por ser o período de férias dos semideuses e coisas esquisitas estavam acontecendo. Durante a guerra de Gaia, o Oráculo de Delfos parou de funcionar e mesmo após, ele não voltou. Os semideuses não tinham mais missões porque não tinha profecias. Além disso, alguns estavam desaparecendo e Quíron estava preocupado. A floresta também estava diferente. O acampamento não era mais seguro...

O que será que estava acontecendo? O que tinha na floresta? Porque o Oráculo não funcionava? Porque os semideuses estavam desaparecendo?

As Provações de Apolo é um livro incrível. A princípio não achei que o livro seria apenas sobre Apolo e sim que Percy, Annabeth e Grover voltariam. Porém, temos apenas algumas participações de Percy na história.

Apolo é um personagem que no início só pensava em si próprio. Não achei isso chato, pelo contrário. O personagem é extremamente divertido e um dos pontos mais positivos é que ele conversa com o leitor o tempo todo e conta alguns pontos importantes do seu passado. Durante a história, vemos o personagem amadurecendo aos poucos e achei isso incrível. Apolo se tornou um dos meus personagens favoritos.

Meg também é uma personagem que completa Apolo. Ele está sempre ali, para ajuda-lo e vemos como ela é importante para ele, principalmente na hora de tomar decisões. Eles acabam se tornando bons amigos, porém, fiquei um tanto triste com Meg ao fim do livro.

Um ponto muito positivo para mim, foi os vilões. Nunca imaginei que eles poderiam ser envolvidos nas histórias e eu amei. Em As Provações de Apolo, somos apresentados a apenas um, que não vou dizer quem é, apenas que Rick fez uma escolha surpreendendo e diferente de todos os outros vilões.

Alguns personagens que se destacaram na história foram os filhos de Apolo. Will, Austin e Kayla se tornaram meus queridinhos, por serem tão carinhosos com seu pai. Eles também foram responsáveis pela mudança de Apolo.

Rick Riordan me surpreendeu mais uma vez. A história de Apolo é muito diferente e novamente entrou para a lista dos meus livros favoritos. Já estou ansiosa para a continuação e mais aventuras envolvendo o deus Apolo.


site: http://www.eupraticolivroterapia.com.br/2016/10/resenha-as-provacoes-de-apolo-rick.html
comentários(0)comente



Super Ci 17/04/2017

Resenha do Elefante Voador
O Oráculo Oculto é o primeiro volume da série As Provações de Apolo, onde acompanhamos toda a jornada de Apolo (sim o Deus) ao tentar se redimir com Zeus e recuperar seu lugar no Olimpo. Nesta história, ele não passa de um rapaz de 16 anos, mortal e com a memória comprometida.

Os eventos desse livro estão diretamente ligados ao final da saga Os Heróis do Olimpo (que por sinal não li ainda, mas está na fila de leitura). Pelo que pude entender, é justamente por causa do que aconteceu nela que Apolo está sendo punido neste livro.

Logo no início, Apolo, agora Lester Papadopoulos, leva uma surra e é salvo por uma garotinha chamada Meg que é uma semideusa. Com ajuda de Meg (e de Percy Jackson), Apolo consegue chegar ao Acampamento Meio-sangue, onde Quíron lhe informa que alguns semideuses estão desaparecidos. Além desse mistério em torno desses desaparecimentos, Apolo também fica sabendo que o Oráculo de Delfos está fora de alcance.

O que isso significa? Sem profecias, sem missões. Por causa disso, os heróis do Acampamento Meio-sangue não podem ser enviados para resgatar os colegas desaparecidos e muito menos tentar descobrir o que aconteceu com o Oráculo. Cabe a Apolo solucionar esses enigmas e provar seu valor aos deuses.

A história é divertidíssima, como toda história de Rick Riordan é. Um mix de aventuras, perigos, humor, magia e surpresas. Apolo passa o tempo todo em um conflito interno por causa de sua nova condição humana, o que é hilário. É muito engraçado ver um deus precisando lidar com problemas do nosso dia a dia como acne, suor e insegurança.

Pouco a pouco, ele e Meg vão criando uma amizade que antes parecia improvável (já que a garota obrigou o ex-deus a servi-la). Juntos, os dois conseguem enfrentar perigos incessantes e chegar bem perto da verdade. Mas, será que a verdade é a verdade que Apolo gostaria de descobrir? Mesmo desprovido de seus poderes e preso a um corpo frágil e mortal, Apolo será capaz de enfrentar seus inimigos? Ele será capaz de vencer suas provações?

Os fãs de Percy Jackson vão adorar essa nova saga de Rick Riordan. O autor tem um jeito único de falar de mitologia e inseri-los no contexto da realidade que a gente vive. Por exemplo: Seria Apolo o responsável pela péssima apresentação de Britney Spears no VMA de 2007? Só lendo para descobrir.

Em paralelo a esta série, estou lendo Magnus Chase e os Deuses de Asgard e fico impressionada em como Rick Riordan arranja assunto para escrever explorando esse universo das mitologias. Ele é realmente incrível!

Fica a dica de um livro divertido, cheio de aventurar, com um final emocionante e com muitas surpresas ao longo da narrativa. Além, é claro, de poder matar um pouquinho a saudade de Percy Jackson, que nunca é demais.

Resenha completa no Elefante Voador :)

site: www.elefantevoador.com
comentários(0)comente



juliana.gimenez 15/03/2017

Impressionante !
Mais uma vez Rick Riodan nos presenteia e surpreende com seus livros , sempre muito bem escrito e nos fazendo sentir que somos parte da história , o primeiro livro de "As Provações de Apolo" nos conta uma nova aventura dos semideuses e nos trás de volta antigos personagens que amamos , e claro sempre nos deixando com o gostinho do quero mais , mal posso esperar pelo próximo livro da saga .
comentários(0)comente



Felipe Guilherm 06/03/2017

Rick Riordan retorna com Apolo!!!
Confesso que quando fiquei sabendo da série "As Provações de Apolo", fiquei muito empolgado, sou aquele tipo de leitor que adora uma continuação, amo séries longas, criamos um vínculo com a história, com os personagens, isso marca várias fases da nossa vida.
Leio Percy Jackson desde adolescente, pois sou um amante da mitologia grega, é extremamente rica e importante para o mundo ocidental, Rick conseguiu criar um grande universo paralelo e criar uma geração de leitores que se interessam por mitologia e história clássica, disciplinas tão importantes para uma formação integral.
Escrever uma nova série tendo como personagem principal o Deus Sol dos gregos, foi uma grande sacada do autor, pois é possível trabalhar inúmeras questões morais na história, sem que ela perca seu encanto natural. Apolo, o deus da beleza, quando se depara com sua nova realidade, um adolescente normal em um munto totalmente novo, tece uma série de comentários, muitas vezes preconceituosos sobre várias questões, que ao longo da história vão sendo desconstruídos.
A nova série nos apresenta uma nova personagem, Meg, a filha de Deméter, que possui poderes nunca desenvolvidos pelos outros filhos da deusa do trigo e da agricultura, uma personagem forte, que mostra um paralelo de abuso e opressão por um padrasto que irá se revelar um personagem muito importante.
Outro grande ponto forte da história é a apresentação dos oráculos, Rick Riordan, com sua pesquisa muito bem embasada sobre a mitologia grega, mostra os outros grandes oráculos sagrados para os gregos, oráculos esses fundamentais para o desenvolvimento do enredo do primeiro livro e, acredito eu, para a continuação da série.
Personagens das outras sagas vão aparecendo ao longo do livro, Percy Jackson tem uma participação muito bem aproveitada nesse primeiro volume, assim como outros semideuses que já conhecemos e nos familiarizamos.
Outro ponto muito importante da história, é a relação de Apolo com a sexualidade de seus filhos, o Deus que já se apaixonou por mulheres e homens antigos, mostra que o amor está além da sexualidade, fazendo desses diálogos grandes oportunidades para formar uma geração não preconceituosa, que aceite o próximo, um livro sintonizado com os grandes temas da nossa contemporaneidade!!!
O Oráculo Oculto é leitura obrigatória para os amantes de fantasia e mitologia grega!!! Indicadíssimo!!! Ansioso para o segundo livro!!!

site: http://relicariodehistoriasma.blogspot.com.br/
comentários(0)comente



Iara.Antunes 28/02/2017

- As coisas nem sempre precisam terminar da mesma maneira, Apolo. Essa é a parte boa de ser humano. Nós só temos uma vida, mas podemos escolher que tipo de história queremos ter. Isso me pareceu otimista demais. Eu havia passado séculos vendo os mesmos padrões de comportamento se repetindo sem parar em humanos que se acham terrivelmente inteligentes e que estavam fazendo uma coisa que nunca havia sido feita antes. Eles achavam estar criando as próprias histórias, mas só percorriam as mesma velhas narrativas, geração após geração. Ainda assim...talvez a persistência fosse a maior virtude dos mortais, no fim das contas. Eles nunca pareciam preder as esperanças. ( O Oráculo Perdido)
Para fã de Percy Jackson e Heróis do Olimpo ter uma terceira série que vai trazer os personagem que eu amo e mais histórias das mitologia grego-romana. É Perfeita *.*
comentários(0)comente



83 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6