No Seu Pescoço

No Seu Pescoço Chimamanda Ngozi Adichie




Resenhas - No Seu Pescoço


222 encontrados | exibindo 76 a 91
6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12 |


Nícolas 11/07/2020

Chimamanda é muito conhecida pela palestra que deu no TED: O perigo de uma única história; e depois de ler seus contos fica ainda mais palpável a verdade que ela passou com suas palavras. Os contos me mostraram realidades comuns das quais eu não tinha conhecimento, me mostraram sutis e corriqueiras formas de repressão social e me mostraram que eu tinha uma única história sobre a Nigéria. Cada conto necessita de um tempo para absorvê-lo e em alguns eu quis uma continuação do final, mas todos são relevantes e constroem um mundo antes desconhecido para mim, mas que é repleto de significado e história.
comentários(0)comente



09/07/2020

No Seu Pescoço tem memória e tem dor: o que encontrei em Chimamanda Adichie
Eu já conhecia Chimamanda, mas não sabia que ela tinha ainda mais surpresas para transformações pessoais. Afinal, quem tem o mínimo de conhecimento sobre o feminismo ou já viu a incrível palestra dela no TEDTalks (que posteriormente virou livro) ou ouviu os dizeres dela na música Flawless*** da cantora Beyoncé. Em mais um momento de conhecer novos autores e novas literaturas, no mundo atual, ela é um desses caminhos certos.
Nigeriana, ela sempre deixou claro suas origens e são delas, que partem suas histórias e suas reflexões mundo à fora. "No Seu Pescoço" é uma sequência de 12 contos que revelam essa face contista da escritora, que sempre soube narrar histórias. É incrível como tudo parece ser na verdade real, pois é tão bem construído, que não lemos somente histórias, mas sim realidade de um mundo africano sempre desconhecido e negligenciado.
Quem vê apenas por cima, deve pensar que por narrar dores, realidades desconhecidas é o que faz do livro famoso e aclamado. Mas não! É pela genialidade da escritora que vai sendo revelada assim que a leitura avança. Nos três contos que considero os melhores, isso se torna ainda mais perceptível: em "Jumping Moneky Hill" ela usa a metaficção para cruzar as realidades femininas e patriarcais vivenciadas pelos personagens; no conto que dá título ao livro, ela explícita ainda mais sua qualidade artística ao narrar em segunda pessoa, como uma espécie de diálogo interior de alguém que já vivenciou duras transformações para o seu "eu" mais jovem; e, em "A Embaixada Americana" ela revela como o pensamento colonial de fazer o africano sonhar com a vida nos Estados Unidos, é muitas vezes uma farsa e custa vidas.
Quando terminamos o livro, ficamos em êxtase com o misto de emoções que experimentamos. "A Historiadora obstinada" é uma síntese temática de tudo que o livro percorreu, sendo o ponto alto de reflexão. É sobre a obsessão do "branco" em colonizar populações, por mais implícito que seja; é a diversidade que existe na África, mas pouco se conhece; é a vida difícil de mulheres que sofrem com o patriarcado; e é a história finalmente sendo contada por elas, sobre elas e para elas.
Chimamanda Ngozi Adichie é um dos maiores nomes literários no nosso mundo, e isso não é em vão. Sua narrativa sofre de uma tecitura branda e reveladora, não vai caber somente a nós não esquecermos, pois ela com certeza, continuará nos relembrando do racismo e do colonialismo, e as memórias do povo que sofre com isso, todos os dias, por gerações.
Vic 14/07/2020minha estante
Ameiiii! Já tá na minha lista ??




Julyane Polycarpo 09/07/2020

Leitura sensacional!
Este é um livro composto por 12 contos. Juntos retratam um pouco sobre questões religiosas, violência, e outros assuntos que envolvem os problemas e costumes da Nigéria.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



eduarda 03/07/2020

...
me apaixonei por todos os contos, pelos sentimentos e atitudes diversas de todas as personagens apresentadas! de fato, um livro maravilhoso!
comentários(0)comente



Fernanda 03/07/2020

Foi minha primeira experiência com a escrita de Chimamanda Ngozi Adichie e fiquei muito envolvida no decorrer das histórias. Cada conto aborda temas que nos faz refletir e nos deixa ansiando pelo próximo. Terminei todos com a sensação que preciso ler mais obras dessa escritora.
comentários(0)comente



Cecília 30/06/2020

Mágico
No seu pescoço é uma coletânea de contos de Chimamanda. A escrita da autora é belíssima e rica em detalhes, utilizando a escrita ela faz críticas muito pertinentes em seus contos, críticas em relação ao colonialismo, a supremacia estadunidense, a homofobia, ao machismo e ao sexismo. Simplesmente maravilhoso. Pretendo ler mais obras da autora. Chimamanda cativou-me completamente!
comentários(0)comente



@edicaodebolso 27/06/2020

No seu pescoço
Uma coletânea de contos dessa autora que a cada dia vem ganhando mais força não só na literatura como no âmbito social. Chimamanda é uma escritora nigeriana que através de sua arte entrega ao mundo a imagem real de seu país e a realidade dele.

Em meu Primero contato com ela, na leitura de Hibisco Roxo ficou muito claro que as vezes temos ideias divergentes do povo africano, isso também é exposto em sua palestra O perigo de uma história única, disponível no youtube, que a propósito deixo aqui minha indicação.

Em todos esses contos é possível ter uma mínima noção do cenário político, da cultura e idioma da Nigéria. Assuntos como imigração, também é muito abordado pela autora o que ao meu ver é uma realidade presente em seu pais de origem.

São contos curtos mas que irá te proporcionar uma boa visão cultural de países que raramente são palco na literatura.
comentários(0)comente



ultragicomedia 20/06/2020

chimamanda faz mágica com as palavras
"No seu pescoço" foi uma das experiências mais transfomadoras que eu vivi nessa quarentena até agora. A escrita de Chimamanda é perfeita, sempre que acabava um conto, sentia como se estivesse flutuando num sentimento de êxtase profundo que não conseguia descrever.

Meu coração está cheio de gratidão por Chimamanda existir e por ter me permitido viver essa experiência. Desejo ler mais livros dela e espero sentir o turbilhão de emoções que senti ao ler esse.

Meu top 5 de contos:

1. No seu pescoço
2. Jumping Monkey Hill
3. A historiadora obstinada
4. Amanhã é tarde demais
5. Na segunda-feira da semana passada
comentários(0)comente



Mamá 18/06/2020

Um grande tapa na cara
A cada conto Chimamanda consegue trazer conflitos e questões de suma importância e relevância, incluindo tabus que se perpetuam até hoje.

Uma leitura bem densa e engrandecedora, com personagens únicos e muito poderosos.

Uma experiência surreal e necessária.
comentários(0)comente



Laiza 16/06/2020

Chimamanda para vida!
"No seu pescoço" é um livro de contos da escritora nigeriana e feminista Chimamanda Adiche. De origem humilde, mas filha de pais muito preocupados com seus estudos, o contato da autora com universo dos livros começaram bem cedo.

Fica evidente a partir da leitura dos contos de Adiche a preocupação de transcrever um pouco da sua história, da cultura de seu país e do continente africano.

Os contos descrevem como o feminismo é necessário em qualquer ambiente, aborda questões complexas como o racismo e exemplifica formas de emancipação de situações de vulnerabilidade através do conhecimento.

Um livro instigante, causador de desconforto, por trazer uma aproximação muito grande com as questões vividas pelos personagens, essa leitura com certeza vai te trazer muitas alegrias e reflexões sobre a forma de ver a vida.
comentários(0)comente



Alice 14/06/2020

Não sou muito acostumada a ler contos então foi um pouco estranho, a história estava engatando e chegando num clímax mas sempre acabava então até eu me acostumar o livro não fluiu mas depois disso fui ficando cada vez mais encantada, então fico feliz desse ser meu primeiro livro da autora. A escrita é muito boa e apesar de várias coisas serem bastante cultural é de fácil empatia e querendo ou não é bastante universal. Não dei uma nota máxima porque todas me deram um gostinho de quero mais e isso meio que amargou o resultado final.
comentários(0)comente



Karina 14/06/2020

Chimamanda consegue levantar muitos pontos pesados com delicadeza e uma sutileza incrível. Em todos os contos ela aborda questões como racismo, machismo, imigração e cultura africana o que torna a leitura muito rica.
comentários(0)comente



Jaque 12/06/2020

Ótima leitura
O livro é um compilado de contos escritos de maneira descomplicada, uma leitura agradável que sutilmente também nos apresenta um pouco sobre a Nigéria. Gostei de todos os contos, achei que as histórias foram bem trabalhadas.
Não foi o primeiro livro que li da autora, e a escrita de Chimamanda me agrada muito, é o tipo de leitura que nos envolve e o tempo passa sem nos darmos conta.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



222 encontrados | exibindo 76 a 91
6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12 |